História She will be loved - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chaz Somers, Justin Bieber, Ryan Butler
Personagens Chaz Somers, Justin Bieber, Pattie Mallette, Personagens Originais, Ryan Butler
Tags Amizade, Amor, Família, Medo, Medo Bobo, Romance
Exibições 44
Palavras 1.180
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 18 - Apresentando aos pais


"Justin Bieber está namorando?" "Justin Bieber é visto saindo de um restaurante e logo depois Giovana Cardoso, tá rolando?" Era isso que estampava todos os jornais, sites de fofocas e revistas, a suposta nova namorada do Justin Bieber.
Ouvi meu celular tocar e quase cai da cama com o susto que levei. Olhei o visor e piscava o nome do Justin.
- Oi meu amor, já viu as reportagens? - ele perguntou assim que atendi
- Falando sobre a suposta nova namorada de Justin Bieber? - perguntei irônica rindo - To vendo aqui
- Acha que devemos assumir logo pra eles pararem de pegar no nosso pé?
- Acho que sim! - respondi
- Então vamos assumir quando? - perguntou e pude sentir a animação na sua voz
- Bom, vou te apresentar aos meus pais! Que tal?
- Sério? - perguntou e pude ver o nervosismo na sua voz me fazendo rir
- Eles não não te matar, e a Gabi já te adora - falei rindo dele
- Tudo bem então - concordou ainda nervoso
- Vou marcar um dia e te aviso ok? - perguntei, ele concordou e logo finalizamos a ligação

*Cinco dias depois // Sexta*
A semana passou tão rápido que eu nem senti. Meu namoro com Justin ainda é sigilo entre eu, ele, Ryan e a Manu. Primeiro quero apresentar ele aos meus pais pra depois assumir pra todos publicamente. As meninas sempre que podem me perguntam mas eu tento desconversar e mudo de assunto. 
Marquei um jantar aqui em casa hoje pra apresentar o Justin aos meus pais. Eles sempre foram bem amigáveis comigo, então sei que eles não vão achar ruim meu namoro. Eles só querem me ver feliz. 
- Corre Gabi - falei correndo atrás dela assim que ouvimos a campainha tocar
- Abre Gigio - ela pediu parando do lado da porta, ela estava tão fofa com aquele laço na cabeça
- Já vou abrir apressadinha - falei parando do lado dela e abri a porta
- TIO JUSTIN - ela gritou no mesmo que abriu um sorriso pegando ela no colo - Tava com saudade - ela falou dando um abraço nele que sorria e retribuía
- Também estava - respondeu - Oi meu amor, trouxe pra você - ele falou me entregando um buquê de rosas vermelhas e me deu um selinho
- Não precisava meu amor - falei observando as rosas que eram lindas enquanto ele entrava ainda com a Gabi no colo que abraçava ele 
Fechei a porta e falei pro Justin ficar a vontade, na sala estava passando um filme de princesa que a Gabi diz que estava assistindo, mas na verdade estava correndo pela casa e fui até a cozinha colocando as rosas em um caso com água.
- Ele chegou? - meu pai perguntou me fazendo rir da sua empolgação
- Já - falei concordando e rindo dele
O jantar logo foi servido. Minha mãe tinha feito aquele maravilhoso estrogonofe de frango que é de lamber os dedos, comemos e pude perceber que Justin estava bem nervoso. Terminamos de comer e ficamos sentados na mesa enquanto a Gabi já pulou da cadeira pro chão voltando a correr pela casa.
- Então - meu pai se pronunciou - Quer dizer que você pediu minha filha em namoro? - ele perguntou pro Justin se fazendo de rude
- Sim - ele respondeu com receio fazendo eu e minha mãe colocarmos a mão na boca pra esconder a risada
- Quais são as suas intenções com a minha filha?
- As melhores possíveis - respondeu sorrindo
- Hmm - meu pai murmurou - Soube que você é cantor
- Sim - Justin concordou - Na verdade fui descoberto faz menos de um ano - explicou
- Mas está gostando dessa vida dos holofotes? - minha mãe perguntou entrando na conversa
- Às vezes me irrito um pouco com o tanto de paparazzis que ficam atrás de mim querendo uma foto é uma fofoca pra contar. Mas fora isso, está tudo muito bem e eu gosto
- Daqui a pouco eles param de ficar atrás de você - meu pai respondeu
- Eles querem saber o que a nova estrela vai estar aprontando no início da fama, depois eles somem. É sempre assim - minha mãe explicou
- A não ser que você faça alguma coisa muito bombástica ou comece a se envolver em problemas, eles não vão mais procurar por você depois - me pai completou
- Espero que eles parem logo de ficar atrás de mim - Justin falou juntando as mãos como se estivesse rezando 
- Lembro quando o Bryan começou sua carreira, todo mundo ficava em cima dele pra ver com quem ele saia, se estava se envolvendo com pessoas de má índole. Dai depois que ele assumiu o relacionamento com a Amy, diminuiu bastante o número de paparazzis atrás dele - expliquei
- A Amy que não gosta muito - meu pai falou rindo
- Sério? - Justin perguntou sem acreditar
- Sim, às vezes ela quer saber onde ele está e com quem ele está e não sai nada nos sites sobre ele - minha mãe explicou rindo
Ficamos conversando mais um pouco e pude perceber o Justin mais aliviado.
- Papai - Gabi chamava puxando a mão dele
- Oi meu amor - ele respondeu pegando a pequena no colo - Você está crescendo ein bonequinha? - ele falou e ela riu
- Vamos assistir às princesas comigo? - ela pediu
- De novo as princesas? - ele perguntou incrédulo - Assistimos as princesas a tarde toda - ele argumentou fazendo eu, minha mãe e Justin rirmos
- É papai - ela concordou
- Vamos assistir o filme do peixinho? - perguntou
- Tá bom - ela assentiu se dando por vencida e meu pai levantou com ela 
Fomos todos pra sala e ficamos assistindo um pouco, Justin se despediu de todos e falou pra Gabi que voltaria pra brincar com ela.
- To aqui fora ok? - falei pros meus pais e eles assentiram
Sai pela porta e segui até o carro de Justin que estava estacionado ali na frente. 
- Não foi tão difícil - falei abraçando ele aí estava escoltado na porta do carro
- É, até que não foi - concordou me abraçando e me dando um selinho - Eles são legais 
Ficamos mais um pouco ali fora namorando e quando vimos já era tarde da noite. Nos despedimos e ele entrou no carro seguindo pra sua casa.
Entrei em casa e meus pais já não estavam mais na sala e estava tudo apagado.
Tranquei a porta da garagem e da sala e subi as escadas vendo apenas as luzes do abajur da Gabi ligados no quarto dela. Fui até a porta e ela já dormia em sua cama como um anjinho. 
Segui pro meu quarto e fechei a porta. Fui até o banheiro me despindo e tomei um banho quente. Coloquei um pijama e me joguei na cama, única coisa que preciso agora é dormir. 


Notas Finais


Mano, desculpem pela demora!! Sei que te em alguns lugares já sai quase duas da manhã, mas estava em uma festa e cheguei agora


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...