História Shelter ~NamJin~ - Capítulo 6


Escrita por: ~ e ~Heamin_Phonic

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Desenhos, Design, Drama, Ficção, Jikook, Namjin, Projetos, Radioactive, Romance, Seoul, Shelter, South Korea, Vhope, Virus, Yaoi, Yoonmin
Visualizações 51
Palavras 1.135
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Científica, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi... aaaaaa *^^*
Eu vou me segurar muito pra não pirar, então gnt linda que acompanha essa fanfic maravilhosa, tudo bom?? *^*
AAAAAAAAAAAAAAAAAAA seis n sabe minha felicidade por estar como co-autora KKKKKKKKKKKKKKKKKK
Boa leitura~♡

Capítulo 6 - A New Place to call Home


Fanfic / Fanfiction Shelter ~NamJin~ - Capítulo 6 - A New Place to call Home


...


Acordei lentamente, meus olhos ainda pesavam e sentia uma dor fraca em minhas costas. Os braços de Kim ainda abraçavam minha cintura, fazendo com que eu não consiga se mecher sem o acordar.


- Kim... Kim, acorde! - Segurei seus ombros e o movimentei devagar, fazendo-o, após alguns minutos, finalmente acordar. 


- Ahww... Jinnie? - Chamou por mim com uma voz sonolenta ainda de olhos fechados, tirou seu braços de minha cintura e sem muita dificuldade, diferente do dia anterior, conseguiu se por sentado no banco. 


O encarei por alguns minutos enquanto o mesmo abria e fechava os olhos várias vezes com a cabeça baixa, para conseguir "espantar" o sono, sem sucesso, levantou a cabeça e me encarou. 


- Jin, estou cansado... 


- Ow... Pode dormir mais um pouco, sem problemas. Irei começar os rascunhos para nosso abrigo enquanto isso, ok? - Ele bocejou de forma fofa e concordou com a cabeça. Me aproximei e beijei sua testa, fazendo com que ele abrisse um pouco mais os olhos. 


Corei e Ri baixo, logo me afastei, indo em direção a minha mochila que estava jogada do lado do banco, peguei-a do chão e procurei por dentro dela qualquer pedaço de papel e caneta. 


Vi Kim deitar no banco e ficar encolhido, o observei por um tempo enquanto ele voltava a dormir. Aquele sentimento, um aperto gostoso no coração novamente encurralou meu corpo, então para me distrair, tirei os olhos dele e voltei aos papéis. 


Enquanto rabiscava a base da grande mansão que construiria, pensava ao mesmo tempo aonde seria um bom local para colocá-la. Foquei no lápis que estava em minha mão, como eu adorava isso, adorava ver o resultado e mudança que causava na criação com cada risco.


Depois de pouco tempo, fiquei feliz com o resultado em minhas mãos. Levantei-me do chão, o mesmo em que estava ajoelhado usando o banco como apoio ao papel, e olhei para os lados. O canto em que antes tinha crescido aquela falsa Sakura era espaçoso e aberto. Peguei meu equipamento e me aproximei do local, sentando-me no chão e deixando meu tablet por cima de meu colo. Enquanto com uma das mãos segurava o papel com o desenho, na outra, desenhava no aparelho, e sem pressa, nem ao menos vi o tempo passar.


Coloquei cada detalhe que a mansão tinha na parte de fora, deixando grandes e belas janelas abertas. A porta de entrada era grande, e dava entrada a uma sala. Enquanto me distraia com os detalhes, nem ao menos percebi que estava tomando vida a minha frente. 


- Wow... - Ouvi um sussurro baixo perto de meu ombro esquerdo, me assustei, deixando sem querer o Tablet cair de meu colo. - Ei, calma... - Reconheci a voz de Kim e logo o vi se sentando ao meu lado. - Perdão...


- K-kim??... ah... - Olhei para ele e depois para o aparelho no chão. - Não me assuste assim...


- Me perdoe... Não quis fazer isso... Apenas me impressionei na hora errada... - Ri baixo e olhei para a base da construção, senti meus olhos brilharem pelo resultado, mas ainda achei que algo poderia melhor.


- Hm... O resultado ficou bom... Mas não era de se esperar nem se "impressionar". Está simples... - O aparelho no chão soltou um barulho fraco, como se tivesse se desligado, o que estava construído a minha frente se apagou como a Sakura, provavelmente por não ter seus dados salvos.Senti seus olhos fitarem meu rosto e o encarei, parecia irritado.


- "Está simples"?! Kim SeokJin, isso está perfeito! - O encarava com um olhar de surpresa enquanto ele vinha de aproximando devagar. - Você tem muito talento, mas parece que não o reconhece. Tudo o que vi você desenhar até agora ficou perfeito, Jinnie! 


- F-ficou?? - Senti minhas bochechas queimarem enquanto ele se aproximou mais ainda, deixando seu rosto perto até demais do meu. 


- Ficou, e posso dizer com toda a certeza, mesmo te conhecendo a 'beeeeem pouco tempo, que seu talento é incrível... - Tocou a ponta do meu nariz com o dedo indicador e sorriu. - Você é perfeito.


- ... - Me senti um vulcão fervendo ao ouvir sua ultima frase, desviei os olhos até os aparelhos no chão, e de forma envergonhada os apanhei enquanto Kim se afastava. Ficamos quietos, até eu ligar novamente o Tablet e perceber que havia realmente perdido o que tinha sido construido, como se tivesse "excluido" e desfeito a obra e seus dados. Anotar, nunca se esqueça de salvar seus trabalhos.


Recomecei, e assumo que com ele ali do meu lado, foi mais fácil e divertido. Ajudei-o a desenhar uma parte do abrigo que ele pediu para fazer, e quanto concedi seu pedido, ele parecia uma criança animada. 


Tinha talento em seus riscos, fazia aquilo com facilidade e calma, como um profissional, era incrível cada detalhe que colocava, mesmo que me assustasse quando, sem querer, empurrava demais a ponta da caneta contra a tela do aparelho. 


E sem perceber, acabei o encarando até demais, concluindo que da mesma forma que me chamará de "perfeito", ele também é, e muito. Os detalhes de seu rosto chamavam muito a atenção, ainda mais as covinhas que davam destaque as bochechas toda vez que ele sorria animado. E que sorriso lindo.... 


- Jin?? 'Jiiin?? - Sem perceber que ele me chamava a alguns minutos, continuei encarando seu rosto, provavelmente demonstrando uma expressão admirada. 


- Ah?? O que? Já acabou?? - Perguntei depois de voltar em si, ele riu baixo. 


- Já faz uns seis minutos que te chamo... - Sorriu de canto, me entregando o Tablet e a caneta. - O que tanto encarava?


- N-nada... - Senti a vergonha abraçar meu corpo, encolhi as pernas e revirei os olhos pra base acabada da construção. - Apenas... me distraí...


- Oh... Deve estar cansado, devia ir se deitar. - Senti sua mão por cima da minha, a mesma que estava apoiada no chão. - Podemos acabar isso depois...


- E-eu... eu estou bem, prefiro acabar agora, pra podermos ter um bom abrigo e nos protegermos. - Ele concordou com a cabeça e não comentou mais nada, ficou apenas encarando enquanto eu preparava os rascunhos do lado de dentro. Ao acabar, levantei-me. - Você vem comigo?? Irei terminar a parte de dentro.


Nem consegui terminar de falar direito e ele já estava em pé ao meu lado, parecia bem melhor e descansado do que o dia anterior, o que era muito bom. 


- Hm... - De forma envergonhada, levei minha mão ate seu pulso e o segurei. - V-vem... - Quando me movi para entrar pelas portas, senti sua mão agarrar a minha, entrelaçando ambos os dedos de forma rápida, fiquei olhando frente, o evitando, enquanto minhas bochechas queimavam novamente. Maldita vergonha.


...



Notas Finais


Espero que tenham gostado do cap, desculpem se ficou curto! *^*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...