História Siempre es mucho tiempo - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Camren, Demally, Norminah
Exibições 319
Palavras 934
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Romance e Novela, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Intersexualidade (G!P)
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - Pânico


*POV.Normani*

Segunda-feira chegou e junto com ela vai chegar meu infernal astral, meus irmãos vão chegar e alem disso vou ter que olhar na cara de Dinah, Demi e Lauren depois de ter fugido aquele dia. Tentem me intender, você é uma garota confusa, com milhões de coisas passando por sua mente, eu sou a porra de um adolescente, uma leiga, e ainda por cima tenho a pressão de ser a filha perfeita assim como meus irmãos, eu mal sei oque fazer se meus pais descobrirem meu leve abismo por garotas, ou minha vontade de ser modelo. Então quando eu escutei aquilo vindo das três irmãs meu cérebro achou que seria uma boa hora para entrar em pânico, sim, eu tive uma crise de pânico, cheguei em casa sem ar e minha mãe teve que me levar ao hospital onde eu tive que tomar remédios

Eu pretendo hoje pedir desculpa as meninas e me explicar, mas não sei se vou poder ficar com elas, ainda tenho medo, medo do que vão pensar, sei lá

- Vamos Normani- Meu pai estalou os dedos a minha frente- Lembra-se? Tem que buscar seus irmãos no aeroporto logo após o colégio- Assenti- Agora vá, antes que se atrase

Me levantei com a mochila em mãos e fui direto a meu carro, dirigi calmamente até o colégio, estacionei ele e meus pés sem eu nem perceber andava no automático até o patio para o lugar onde sempre sentávamos, mas antes Taylor, minha colega de torcida me parou

- Hey Mani, hoje vamos fazer uma pegadinha com uns nerds, quer vir?- Neguei pois na verdade não intende um "a" do que ela falou- Tudo bem, mas ensaio atarde em Kordei- Assenti e segui meu caminho

Eu andava olhando para meus pés, minha mente estava se preparando para a chegada de meus irmãos, que mesmo sem saberem faziam de minha vida um completo inferno, quer dizer Dre tinha plena consciência de que era um idiota, já Thalia não sabia que era um problema para mim

- Moni?- Escutei alguém me chamar e levantei a cabeça piscando algumas vezes- Você está bem?- Perguntou Camila e eu neguei- Oque houve?- Eu abri a boca para falar, mais quando vi Lauren e Demi ao seu lado nada saiu, o ar faltou nos meus e nada saia de minha boca

- O meu Deus Normani você está bem?- Ally perguntou se aproximando e eu tentava demonstra que estava novamente tendo um ataque de pânico

Minha cabeça começou a doer pela falta de ar e a força que eu fazia, eu sentia toda a minha carne tremer, meus pulmões doíam, meus olhos estavam ardendo por não conseguir sequer piscar os olhos. Tudo oque fui capaz de sentir foi meu joelhos baterem contra o chão e logo em seguida todo o meu corpo fazer o mesmo, o chão estava gelado e eu sentia minha pele se chocar com ele diversas vezes pelos meus tremores

Vamos levar ela a enfermaria- Escutei a voz de Lauren como se fosse no fim de um túnel, logo em seguida meu corpo ser levantado por duas pessoas

- Oque aconteceu?- Alguém que não soube distinguir quem perguntou

Não sei- Respondeu Demi- Mas vamos levar ela a enfermaria

- Vocês são idiotas?- 
Perguntou me tomando em seu braços- Ela está tendo um crise de pânico, até uma ambulância chegar ela vai morrer por falta de ar e queda de pressão- A pessoa me arrastou até algum lugar e escutei várias coisas serem derrubas, logo meu corpo sendo deitado

Eu não era capaz de enxerga nada, minha visão estava embaçada e minha mente não era capaz de focar em algo, mil e uma coisa passava por meu cérebro confuso e desoxigenado

- Normani eu preciso que apenas se concentre na minha voz- A pessoa falou- Feche os olhos e se concentra na minha voz- Voltou a repetir, eu com muita dificuldade fechei meus olhos- Ótimo morena, agora continue a se concentrar na minha voz- Senti a pessoa pressionar as mãos em meu peito- Eu vou fazer uma massagem cardio respiratória e quero que tente respirar enquanto isso- As mãos começaram a se mexer de forma firme e precisas, eu me esforçava para respirar, mas eu já estava perdendo a consciência, quando a pessoa pressionou com força e pelo susto puxei um lufada de ar- Ótimo, agora não deixe o ciclo quebra, continue, inspire uma vez pelo nariz e duas pela boca- Ela começou a falar várias vezes a sequencia- Está indo bem morena, agora levante a mão e não abra os olhos- Eu levantei a mão e apertei seu pulso fracamente- Isso agora sem se desconcentrar de mim, nós vamos sentar e você vai abrir os olhos- A pessoa me segurou e ajudou a me sentar, logo abri os olhos que continuavam borrados- Agora vamos fazer uma sequencia fácil de movimentos- Falou e colocou minhas mãos em cada pulso seu- Aperte o direito- Apertei- Esquerdo- Assim foi indo e aos poucos minha visão voltava ao normal e vi Dinah a minha frente

- Di-Dina-ah - Minha voz saiu extremamente baixa e parada

- Shiii, não fale nada, apenas assinta as perguntas que farei- Assenti- Está se alimentando bem?- Abaixei a cabeça e neguei- Vem dormido bem?- Neguei novamente- Anda nervosa?- Assenti- Tudo bem, vou te levar ao hospital- Falou e me puxou em um solavanco para seu colo

- Onde vai leva-la?- Escutei a voz de Justin

- Mesmo que agora respire e não trema é mais seguro leva-la ao médico, além de ela poder descansar- Dinah falou e começou a andar 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...