História Siempre hay una luz...Que te guíe - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~PrincessMoonn

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Amanda, Ámbar Benson, Cato, Gaston, Jazmin, Luna Valente, Matteo, Nina, Rey, Sharon, Simón, Tino
Visualizações 37
Palavras 1.559
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


PESSOAL SE PREPARA QUE SIMBAR VÊM COM TUDO!! ♥♥♥♥♥
E Rugge e Lua também por tanto preparem seu corações lindos

Capítulo 3 - Ligados Para Sempre


Matteo Balsano

- Luna...O que está fazendo aqui? - um sorriso surgiu nos meus lábios mas o dela sumiu

Ela não parecia estar muito feliz por me ver mas também não iria culpar a Luna afinal eu sou o ex-namorado dela, que a deixou para seguir os sonhos do seu pai

- Vim resolver uns problemas do Jam And Roller já que sou a nova proprietária do Jam and Roller..E já agora bom tarde para ti também Matteo - ela deu um sorriso sarcástico e eu devolvi um sorriso convencido

Velhos tempos em que tínhamos uma relação ódio amor...Sinto saudades desses tempos, agora nem nos falamos

- Nunca pensei ver a menina mais desastrada do universo a frente de negócios 

- E eu nunca pensei ver o que se achava o Rei Da Pista como diplomata mas aqui estamos nós - o celular dela tocou e ela atendeu

Luna Valente

Nunca pensei encontrar de novo Matteo mas talvez essa seja a altura de Sol conhecer o pai não?

Eu só não sei se estou preparada para lidar com isso

Por sorte o celular tocou e eu tive uma escapatória daquele momento constrangedor

- Novos Alunos?  Isso é fantástico! Eu estou indo mas Sol não sabes tratar disso? 

- Nunca me deixas fazer isso como eu vou saber?

- Verdade, eu estou indo

Eu ia me embora mas claro que aquele mauricinho traidor tinha que dizer alguma coisa

- Quem é a Sol? - arregalei os olhos e percorri meu cérebro inteiro à procura de uma desculpa que não fosse é a nossa filha

- É...Uma Aluna! Sim uma Aluna do Jam and Roller! Mas espera o que tens a ver...

- Desculpa tenho de ir, minha filha está me ligando - arregalei os olhos

- Aham...Filha? - perguntei constrangida

- Ham...Pois...É melhor eu ir andando...- ele se virou para ir embora e eu fiquei ali olhando para o nada

Estava tentando raciocinar o que tinha acontecido ali mas...Nada simplesmente não saía nada

- Precisa de ajuda senhorita? - um homem disse

- Ham..Não nada só...Nada esqueça tenho de ir...- saí deixando o homem com cara de quem não tinha percebido o que aconteceu ali

Mas eu também não tinha percebido

Lua Balsano

A minha sorte para vir parar a sítios com mauricinhos chatos é grande

- Quem diria hein? A Menina Desastrada aqui...- disse se exibindo

- Sim, não acha que está muito convencido? Assim um bocadinho só

- Mas vá diz me o que a menina desastrada faz aqui?

- É, eu vim desde muito longe para chocar contigo e te perseguir até ao fim da sua vida

- Acho que não me importava...- ele se aproximou e eu me afastei e e ele riu convencido me fazendo rir também

- Eu amo patinar, acho que me vou inscrever nesse sítio...- disse olhando fascinada para todo o lado

- Hum, para além de Menina Desastrada é uma menina sonhadora, gostei 

- Não se cansa de exibir o seu "charme"? 

 - Não, é um trabalho a tempo completo, mas sabe o que me fascina mais em você? É que é a única menina que resiste a mim

- Hum, acho que você é um pegador muito convencido, por isso se pensa que algum dia me vou apaixonar por você está muito enganado

- Logo veremos...

- Você é daqueles Mauricinhos típicos que só sabem jogar com os sentimentos das pessoas

- Hey, finalmente encontrei alguém que acha o mesmo que eu! - uma menina muito parecida a mim se intrometeu

Uau, é possível pessoas serem tão parecidas umas com as outras

- Vocês as duas não sabem apreciar um garoto tão lindo quanto eu

- Olha porque não vai dar para cima de outras meninas?  Não foi você que disse que há muitas meninas caidinhas por você? - disse

- Porque talvez seja a única que me fascina - ele piscou e saiu patinando

- Sério acredita em mim ele se acha demais!

- Eu percebi...- disse baixando o olhar sorrindo

- Sou a Sol, e você é...

- A Lua, muito prazer, olha eu não sei se é só de mim mas acho que te conheço faz tempo...

- Tenho essa mesma sensação  mas eu não sei de onde

- Meninas, meninas meninas! Cheguei! Onde estão os alunos novos? 

- Ali mãe, a Lua também é uma aluna nova daqui

Eu olhei ela ela me olhou a mim e eu senti uma conexão única 

- Sou a Luna, a proprietária desse lugar! - ela se apresentou simpática mas parecia me confusa - Gosta de Patinar?

- Eu amo! - disse mas espera...Luna? Nome da ex-namorada do meu pai? Isso tá ficando estranho

- Então está no sítio certo, se quiser alguém te apresenta o lugar

- Se quiser mãe posso ser eu - Sol disse

- Ou eu também...- o Mauricinho chato apareceu

Ela nos olhou aos dois e sorriu, parecia que se tinha lembrado de algo

- Hum, Sol disse que não se importa que seja você Rugge por isso, porque não?

- Uhum, porque não? - Sol disse com má cara e eu revirei os olhos

Aquele mauricinho vai fazer de tudo também para me ter aos pés dele?

Sério isso nunca vai acontecer

Nunca digas nunca

Está calado cérebro e me deixa acreditar que nunca vai acontecer

.........................................................

Luna Valente

Lua e Ruggero faziam me lembrar eu e Matteo e não pode deixar de sorrir com esse pensamento

Sol ia reclamar porque ela e Ruggero dão se muito mal mas eu primeiro dei lhe um pontapé antes que ela resolvesse abrir a boca grande que tem, ela não nega o Balsano dentro dela e quando ela choca com alguém choca mesmo

- Sério porque fez isso? Ele vai brincar com os sentimentos dela com faz com as outras meninas!

- Não, com ela eu tenho a certeza que ele não vai ser capaz

- Como pode ter a certeza disso?

- Porque algo me diz que por ela, ele vai mudar

- Mauricinhos como ele nunca mudam! 

- Acredita, eles mudam...- eu sorri e dirigi me à pista

Fiquei pensando que estranha aquela sensação quando Lua apareceu

Parece que algo que eu não tinha à tanto tempo finalmente voltou para mim

E que eu tenho esperança que nunca mais se vá

Acho que estou iludida

Ámbar Smith

Recordações do Passado me assombram todos os dias e quase  ninguém sabe disso

Flashback On

- Me Desculpa, mas você não sabe o quanto aquela senhora é perigosa

- Eu não sei quem é tu mas ela me prendeu para me proteger, era isso que ela dizia, ela queria me proteger da minha mamãe que me abandonou no meu nascimento

- Mas agora você vai ficar segura, essa pessoa que eu tô te levando vai te proteger sim? 

- Você tem a certeza, eu tenho medo...

- Não tenha Lua, Matteo vai te proteger ele vai cuidar de ti sim? Eu não o posso fazer...Mas se lembra eu te adoro muito 

- Eu também sejas lá quem fores - dei lhe um beijo na testa e toquei à porta para de seguida fugir

Matteo cuidaria bem dela, afinal mesmo ele não sabendo Lua é filha dele

Flashback Off

Lágrimas escorriam do meu rosto, essas recordações me atormetavam

Nunca pensei que minha madrinha ou melhor minha mãe fosse capaz de fazer o que fez

Eu nunca pensei que ela fosse tão cruel ao ponto de separar uma família

Ela queria matar Lua para se vingar de Luna ou Sol Benson por causa da sua fortuna

Eu entreguei a criança ao Matteo porque era o certo a se fazer mas em troca disso minha...mãe, morreu

Eu não queria te-la atraicionado mas era errado...E ela morreu

Apesar não ter sido a melhor mãe, foi quem me criou mas acho que não mudava nada daquilo que fiz

Mas também não irei contar a verdade porque eu não quero atraiçoa-la mais

- Amor...- Simón se chegou perto de mim e me abraçou

- Eu não sei o que fazer! - disse chorando enquanto ele me abraçava

- Você já sabe a minha opinião quanto a esse assunto, mas você é que tem que decidir...Mas já lhe digo, provavelmente não ficará bem até tudo estar resolvido...Não seria melhor tirar esse peso de cima dos ombros e contar a verdade de uma vez?

- Simón...Eu...Só sei que ainda não estou preparada

- Mas saiba que quando estiver eu te apoiarei em tudo, porque te amo..

- Também te amo - beijei seus lábios enquanto ele limpava as minhas últimas lágrimas - E por isso tenho que te contar uma coisa - meus olhos ganharam um brilho especial e um sorriso se abriu no meu rosto, eu vejo que no dele também porque no fundo ele sabe o que eu vou dizer - Parabéns Papai! - Eu disse e ele me abraçou

- A sério amor, obrigada por tudo isso - ele me beijou

- Eu que lhe tenho que agradecer, eu não sei onde estaria se não fosse você...- falei e enquanto ele acariciava minha barriga, mais um fruto de nosso amor a caminho

Eu não sei o que seria sem ele

.................................................

Matteo Balsano

Estava passeando pelas ruas de Buenos Aires e me deparo com uma menina quase caindo com a cara no chão então corro e a apanho antes que algo aconteça

- Esta bem? - perguntei

- Estou...- ela disse

- Como se chama? Está perdida?

- Na verdade sim, acho que ser desastrada e distraída veio da minha mãe...Chamo me Sol

Isso é estranho, eu tenho a certeza que conheço essa menina

- Chamo Matteo Balsano...

A olhei e ela também me olhou, eu tenho a certeza que conheço ela

- PAI! - Ouvi uma voz gritando e vi Lua me abraçando

- Vejo que conheceu minha amiga, Sol esse o meu pai Matteo

E aí foi quando as coisas ficaram mais constrangedoras

E o pior? Eu não sei porquê


 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...