História Siento - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Karol Sevilla, Larissa Manoela, Ruggero Pasquarelli, Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Delfina, Gaston, Jazmin, Jim, Larissa Manoela, Luna Valente, Matteo, Miguel, Monica, Nico, Nina, Pedro, Personagens Originais, Ramiro, Simón, Yam
Tags Karol Sevilla, Luna Valente, Lutteo, Matteo Balsano, Ruggero Pasquarelli, Sou Luna, Soy Luna
Exibições 53
Palavras 1.430
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Crossover, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá! Gente, vou falar o que disse no outro capitulo

A PARTIR DE AGORA OS CAPÍTULOS SERÃO MOVIDOS A COMENTÁRIOS! TERÁ JOGO! SIM, JOGO, COMO ASSIM?
IREI EXPLICAR: QUEM ACERTAR OU CHEGAR PERTO DO QUE PODE ACONTECER NO PRÓXIMO CAPITULO , IRÃO FAZER UMA PARTICIPAÇÃO ESPECIAL, QUANDO ESSE JOGO ESTIVER EM ATIVA, FALAREI NAS NOTAS (Finais). ENTÃO É DE SUMA IMPORTÂNCIA QUE, SE ESTIVER ALGUMA COISA ESCRITO NAS NOTAS, LEREM, CERTO? CERTO!

Boa leitura :)

Capítulo 6 - Conhecendo


Fanfic / Fanfiction Siento - Capítulo 6 - Conhecendo

                                                           LEIAM AS NOTAS INICIAIS

 

POV Nico Navarro

Estan distraidos

Quien sabe con quien

 

- Droga, mil vezes droga- Falei, não estou conseguindo sair dessa estrofe, estou tentando compor mas nada sai, nada- Droga

- Nossa, está elogiando quem?- Olhei para o engraçadinho e vi meu amigo, Pedro.

- Você meu caro amigo- Falei com ironia

- Assim me sinto lisonjeado- Ele disse, revirei os olhos e voltei minha atenção para o caderno- É serio, cara, o que aconteceu?- Pedro sentou ao meu lado

- Não estou conseguindo compor- Falei e suspirei

- Você está se esquecendo do essencial- O olhei sem entender- Não temos uma banda formada, Nico, as musicas, no momento, são os de menos, temos que encontrar um guitarrista.

- Achei que isso já tivesse resolvido

- Não, não está, iremos fazer audições, mais guitarristas bons não caem do céu.

- Infelizmente não- Falei e me recostei na cadeira

- Meninos, ao trabalho- Olhamos e vimos Tamara

- Já vamos chefe- Pedro sempre sendo muito engraçado

- Vão logo- Ela disse rindo e saiu. Trabalho em uma pista de patinação chamada Jam & Roller, fico na cantina, mas também fico como assistente de pista, ou seja, ajudando todos os patinadores iniciantes, colocamos um cartaz dizendo que precisamos de assistente de pista, pois eu não dou contar de tudo, na cantina, na pista, e em procurar um guitarrista, acho que vocês já entenderam, então estou indo trabalhar, tchau.

POV Âmbar Smith

Olá, sou Âmbar Smith, a mais fabulosa, e que tem o namorado mais fabuloso desse mondo, Matteo Balsano, o Rei da pista, ou seja do Jan & Roller, as pessoas querem sempre me copiar, mas elas não entendem que, ou você nasce linda como eu, ou não, é uma pena, mas essa é a realidade, ninguém pode ser com Âmbar Smith.

- Âmbar, o que acha?- Olho para a dona da voz e me deparo com as minhas amigas, Delfina e Jazmín

- O que Jazmin?- Pergunto sem paciência

- Esse vídeo para o Fab and Chic. O que acha?- Olho e vejo um vídeo da diva aqui, eu, cantando.

- Pode postar- Falei sorrindo de lado- O que é bonito é para ser mostrado, certo meninas?

- Certo- Jazmin e Delf falaram

- Como vai o namoro, Ambar?- Delf perguntou

- As mil maravilhas- Falei conferindo o meu celular

- É por isso que está tão ansiosa?- Jazmin perguntou

- Não estou ansiosa

- Então porque não para de olhar para o celular?

- Ai, Jazmin, isso não é da sua conta- Sair de perto das meninas, fui em direção aos armários, peguei os meus patins e foi para a pista, elas podem até ser minhas amigas, mas tem o dom de me irritar, e só uma coisa me acalma, além de está com Matteo, é patinar, e é isso que irei fazer.

POV Yam Sánchez 

- Um, dois, três. Um dois, três...- Minha melhor amiga, Jimena, ou como ela prefere ser chamada Jim e eu, estávamos ensaiando uns passos para o Open Music, é um evento que acontece no Jam & Roller, e que nós duas sempre nos escrevemos- Um... E dois... E três... - Ela  parou e eu a imitei- Com musica?

- Com musica- Falei, ela pegou o celular e colocou na musica, nos posicionamos e começamos.

- Três, dois, um...  

 

Se me hacia tarde

Ya me iba, oh yeah

Siempre se hace tarde

En la ciudad

 

Cuando me di cuenta

Estaba vivo, ooh

Vivo para siempre

De verdad

 

Nessa parte a musica parou de tocar, olhamos e vimos o pior ser desse mundo, o ser, mais chato, o mais irritantemente irritante.

- Ramiro- Falamos- Porque fez isso?

- Nossa, estão mesmo sintonizadas- Ele riu. Revirei os olhos- Está péssimo, aprendam com o melhor- ai ele começou, como sempre, a se exibi.

- Sei que sou o melhor, não se culpe de ser a pior, nada, nada disso é culpa sua, irei me escrever no Open primeiro e serei o primogênito, podem ir minhas fãs, podem ir e batam palmas, pôs estou muito na calma- Idiota, revirei os olhos.

- Já acabou, babaca?- Jim falou

- Sei que me ama Jimena- Vi Jim revirar os olhos- Tchau minhas fãs- Ele disse e devolveu o celular para Jim, me lançou um sorriso e foi embora.

- Odeio ele- Jim e eu falamos.    

POV Nina Simonetti

Faz algumas horas que cheguei em casa depois do que me aconteceu hoje, agradeço muito a Luna por ter chamado a policia e tudo mais. Não falei nada para os meus pais, é claro que eles perguntaram o motivo da minha blusa está rasgada e de eu está toda molhada, falei que acabei perdendo a noção do tempo, e que a blusa rasgou quando passei perto de uma arvore, não gosto de mentir, odeio mentir, mas não queria deixa-los preocupados.

A Luna ficou mais um tempo aqui e depois foi embora. Falei para os meus pais, que por sinal, não entendi o que meu pai fazia na casa de minha mãe, eles não estão mais juntos, falei que iria para o meu quarto e foi o que fiz.

Subir em direção do meu quarto, tomei um banho bem quente. Assim que terminei, peguei meu Tablet e abrir na “minha” conta, e me pôs a escrever.

“Nunca desista do que você realmente quer, não importa o que falam, o importante é o que o seu coração deseja # Sempre a sonhar”. 

Li e reli o que escrevi e apertei no botão enviar

Suspirei e sorrir.

- Eu sou a Felicity For Now- Murmurei. Dei uma conferida na minha conta , quero dizer, na conta da Felicity e vi que eu, quero dizer, que ela tem uma mensagem, sorrir ao ler de quem era- Roller Track- Sorrir. Abrir a mensagem, nela falava o seguinte.

“Oi, Felicity, como está? Adorei o seu ultimo poste, adorei não, amei, você tem o dom de fala o que realmente estou sentindo, quero muito te conhecer, quando podemos nos ver, quero saber quem é a dona dos meus pensamentos e sonhos”.

Sorrir, o Roller Track é um menino que converso pela internet, ele é um fofo, mesmo não o conhecendo pessoalmente, sei que é um menino encantador. Me pôs a escrever para ele

“Oi, Rolle Track, não sei quando podemos nos ver, tenho medo de não ser a garota que você espera, e esse medo me domina por inteiro”.

Apertei no botão enviar, logo ele respondeu.

“Duvido que não seja a garota que imagino, não deveria ter medo, não sou um bicho de sete cabeças, Felicity”.

“Kkkkkkkkkkkk, será? Roller Track, também quero te conhecer, mas como disse antes, tenho medo”.

Enviei e sair da conta, fechei o tablet e suspirei

- Definitivamente não sou a menina que você espera, Roller Track

 

Si me dejas, si te atreves

Si me aceptas, si me crees

Te amare toda la vida

Viviré creyendo en ti

 

 

 

 

POV Gastón Perida

Li o ultimo post da Felicity e sorrir, ela tem o dom de falar o que sinto.

Mandei uma mensagem para ela dizendo o seguinte

“Oi, Felicity, como está? Adorei o seu ultimo poste, adorei não, amei, você tem o dom de fala o que realmente estou sentindo, quero muito te conhecer, quando podemos nos ver? Quero saber quem é a dona dos meus pensamentos e sonhos”.

Esperei a resposta, que veio em seguida.

 “Oi, Rolle Track, não sei quando podemos nos ver, tenho medo de não ser a garota que você espera, e esse medo me domina por inteiro”.

Suspirei, ela tem medo que eu a rejeite?

“Duvido que não seja a garota que imagino, não deveria ter medo, não sou um bicho de sete cabeças, Felicity”.

Rir com o que escrevi, mas o que falei foi verdade, ela não precisa ter medo de mim, eu quero conhece-la, toca-la, quero sentir seu perfume, quero saber como ela é. A resposta veio logo.

“Kkkkkkkkkkkk, será? Roller Track, também quero te conhecer, mas como disse antes, tenho medo”.

Ia mandar outra mensagem, mas quando olhei novamente ela não estava mais online.

Suspirei.

Irei conhecer a Felicity, ou eu não me chamo Gastón Perida

 

 No te alejes, no te enfades

No te caigas, no te apiades asi

Todo gira todo cambia

Que tu luz se enciende en mi

Se enciende en mi

PROXIMO CAPITULO

- Onde a senhorita estava?

- Longa historia

- Comece a se explicar, Luna

- O que você quer?

- Olá, para você também marrentinha

- Não

- Não?

- Que convencido

 

- Recomendo para você tirar essa roupa molhada

 


Notas Finais


Oi, comentem o que acham que irão acontecer no capitulo seguinte

QUE O JOGO COMECE... O QUE VOCÊS ACHAM QUE IRÃO ACONTECER NO PRÓXIMO CAPITULO? TENTEM ENTENDER CADA FRASE, E VER QUEM ESTÁ FALANDO
Beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...