História Siga Em Frente - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Origianl Gay
Visualizações 4
Palavras 2.575
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Bem , vocês tem que ouvir Never be alone para não só entrar no clima , mas tambem pelo fato de aparecer na historia

Capítulo 32 - Fim


     Me sinto destruído , passei o dia inteiro chorando no colo de LT enquanto a mesma ficava falando que Carl era um vagabundo sem moral , eu meio que não gostava de ouvir aquilo , mas não havia o que argumentar . Ontem eu vi eles aos beijos com a Carol , foi a cena mais devastadora da minha vida ... Foi como se algo dentro de mim tivesse pegado fogo , uma fúria imensa nascerá dentro de mim , minha vontade naquele momento era correr ate ele e bater naquela nojenta e depois esmurrar Carl por me fazer de trouxa , mas como ? Ver o jeito como ele a beijava ... Era como ele me beijava ... Possivelmente seu rosto deveria mostra uma expressão falsa de paixão , como ele fazia comigo , mas agora tudo faz sentido não é ? O fato de de repente ele começar a namorar ela não foi por ele ter sido enganado  por ela , sim por ela ter empinado aquela rabo e ele ter gostado , a mesma coisa no dia dos jogos , ele na verdade não estava evitando tumulto nos jogos , ele apenas queria que ela não descobrisse sobre "Nos" ... Ele apenas queria usar nos dois , não se sinto pena da Carol , porque de fato ela poderia ter sido enganada por ele ... Aposto que ele levou ela nos mesmos lugares onde ele me levou , aposto que tem uma arvore desenhada um coração com dois C no meio ... Hahaha ... Eu sou tão estupido por te acreditado naquele ... Naquele .... Vamos seu idiota pare de chorar , você chorou a noite toda já não esta na hora de parar ! Aquela cena não deixou minha cabeça por um minuto se quer ... Aquela imagem maldita fica reprisando na minha mente e um novo tipo de tortura ! Soco a parede frustrado , LT me impediu de automutilação , mas ela teve que ir ontem de noite ... Eu me senti livre , isso esta se tornando um hobby para mim ... Me deito na cama novamente , sinto minha barriga roncar , eu não comi nada desde ontem ,mas não ira adiantar  eu já tentei , toda vez que coloco qualquer coisa na boca , ate mesmo água , sinto uma súbita de vomitar e fica impossível de engolir . Vejo meu celular tocar , provavelmente uma mensagem de LT . Quando desbloqueio o celular , ele aparece onde havia deixado ... Conversa com a Carol :

Desconhecido

"Oi !!"

"Quem é você ?"

"Não é obvio ? "

"Não"

"Arrrrr é a Carol "

"Então irei bloquear o numero "

"Espera !!"

"O que ? "

"Olha desculpa ! Eu não sabia que vocês namoravam "

"Vocês quem ? "

"Você e o Carl "

"Idai ?" 

"Eu queria pedir desculpa ! E que sabe eu meio que sempre gostei do Carl ... Mas nunca tive iniciativa para ir falar com ele ..."

"Ta , mas idai ? "

"Deixa eu termina! "

"Fala de uma vez em uma mensagem só "

"Que não ! E muita coisa ! "

"Então resuma em 20 palavras ou menos "

"Você e muito chato , deixa eu explicar ! "

"Ah tá "

"Bem , quando eu vi que você e Carl viraram amigos eu vi que você poderia me ajudar , mas quando eu finalmente tive coragem de falar com você , você disse que ele estava em coma ... Isso me deixou triste ... "

"Hum"

"Ai ... Eu eu vi ele na escola , e pensei que você tinha falado com ele né? Só que quando eu falei com ele o mesmo disse que tinha perdido a memoria ! Ai eu vi como uma super oportunidade de conquista-lo !"

"Olha , eu não tó aqui pra ouvir como você levou um fora ou como você ta triste e me culpa por tudo ! Eu sinceramente não ligo , LT disse que você mentiu para ela dizendo que vocês estavam juntos ! Isso é errado ! Principalmente depois dele dizer que não te ama ! Já penso nisso ? Você não pode obrigar alguém a te amar , só por que tem determinação para fazer isso ! "

"Ei calma ... E que depois que ele disse isso , eu fui chorando para minha amigas e elas disseram que poderia ser uma brincadeira ! Eu estava triste aos berros chorando "

"Ta ... Você tava chorando ... Isso não é problema meu "

"Olha eu vou direto ao ponto "

"Ah a hora da historia já acabo? "

"Já "

"Finalmente , desse jeito poderia escrever um livro "

"Hrunn ! Bem eu conversei com Carl e nos decidimos colocar tudo em ordem entre a gente "

"Colocar em ordem o que ? Você que não entende , você não é nada para Carl , deveria deixar ele em paz "

"Você vem ou não ? "

"Vou claro , para botar ordem nessa sua palhaçada "

"Daqui dez minutos , na esquina da sua casa , onde tem um banco "

"Claro "

            Tão idiota ! Eu dizia coisas que nem eu sabia , eu via Carol como palhaça que não sabe fazer nada , mas não ... Ela descobriu de algum jeito que Carl estava tendo encontros comigo , e tramou um jeito de se vingar .... Mostrando que eu estava sendo usado , eu meio que tenho que agradecer ela ? Não ... Sim ... Talvez ? Saio da conversa e vejo uma mensagem da LT :

"Ignora o babaca " 

     Hoje 

"Max ... Vai pra varanda "

         Não entendo o que ela quer dizer ,  mas faço o que ela esta mandando . Passo pela porta de vidro e ... A varias pessoas na rua com camisetas brancas do lado esquerdo e do direito com blusas pretas , no centro de todas tem uma mini caminhonete com o simbolo do ying e yang mo meio , em lugares espalhados tem caixas de sons ... O que esta acontecendo ? Vejo no meio da multidão LT e Lucy ,  Lucy percebe que eu estou a observando e faz um coração com as mãos . Estava preste a sair da varanda quando vejo Carl subir encima do carro com um violão eletroacústico , seu rosto esboça um sorriso envergonhado enquanto ele olha em minha direção , a também um microfone de cabeça ... Ele não vai ... Ele não vai ... Ele vai :

-Bem isso pode ser extremamente constrangedor e ao mesmo tendo eu sinto meu coração preste a explodir - Algumas pessoas da multidão dão risadas baixas - Mas eu acabei me apaixonado por uma pessoa que gosta de clichês e meio que fiz bastante basteiras no meio tempo que estive com ele , e isso por isso a machuquei muito e tiveram alguns contratempos que fizeram cada vez mais difícil ... Mas , quem disse que amar e fácil - Eu não consigo parar de sorrir - Olha pra mim ! Eu provavelmente vou ter que passar o resto da minha vida ouvindo provocações sobre esse momento ! Mas ... - Ele fitou um chão por um momento , mas logo se levantou e começou a fitar meus olhos me deixando envergonhado e um pouco corado ... Não e como se eu não estivesse dês que tudo aquilo começou - Por você vale Max qualquer coisa , qualquer mico , qualquer machucado , qualquer loucura ... Por que Max  ? Por que eu sou louco por você Max ! - Nesse momento senti minhas pernas fraquejarem por um momento junto com um calor espontâneo no meu coração . As pessoas deram risadas , enquanto eu sinto vontade de chorar - Bem - Ele disse pegando uma palheta do bolso - Essa e para você - Ele disse sorrindo 

   (E nesse momento que vocês colocam a musica )

            As pessoas de ambos os lados começaram a assobiar , eu não sei como reagir a tudo aquilo: 

-   I promise that one day - Eu prometo que um dia -I'll be around - Eu estarei do seu lado -I'll keep you safe - Te protegerei -I'll keep you sound - Te manterei viva - Right now it's pretty crazy -Agora esta um pouco louco -And I don't know how to stop - E eu não sei como parar -Or slow it down - Ou ir mais devagar .

         Ele ... Ele realmente esta fazendo isso ? Eu não estou estou louco ? Isso não é um sonho , por que se fosse eu já teria acordado ... Por que isso ? Ele não ... Eu não ... Carol não ? Quem são essas pessoas ? A família dele ? Por que as lagrimas saem de forma descontrolada dos meus olhos ? Eu sinto meu peito preste a explodir !

-Hey - Ei - I know there are some things - Eu sei que há algumas coisas -We need to talk about - Que nos precisamos conversar -And I can't stay - E eu não posso ficar -So let me hold you for a little longer now - Então deixe me abraça-lo mais um pouco agora .

     Temos que conversa , eu preciso entender o que esta acontecendo ! Eu simplesmente não sei como agir se te bato por me fazer sentir isso , ou se te beijo por estar fazendo isso comigo ... Nesse momento Carl eu só tenho dois sentimentos por você , ódio por me fazer sofrer e amor por estar fazendo essas coisas e tentando conserta o que você quebrou 

 -Take a piece of my heart - Pegue um pedaço do meu coração -And make it all your own- E faça dele todo seu -So when we are apart- Dessa forma quando estivermos separados -You'll never be alone -Você nunca esta só - Never be alone - nunca estará só .

     Isso é loucura ! As pessoas que estão fora do grupo de "Pessoinhas ajudantes do Carl " eles estão nos olhando como fossemos dois loucos ... Parece uma frase que eu ouvi a muito tempo "A sua loucura combina com a minha loucura" ... 

-You'll never be alone - Você nunca esta só -When you miss me close your eyes - Quando você sentir minha falta , feche os seus olhos -I may be far but never gone - Posso estar longe , mas nunca fui embora -When you fall asleep tonight -Quando você cair no sono a noite -Just remember that we lay under the same stars - Apenas lembre que nos deitamos sob as mesmas estrelas 

         Coloco umas das minhas mãos na boca , as lagrimas são de pura alegria , mesmo que no fundo eu me sinta meio confuso com tudo ! 

-And hey -e ei -I know there are some things - Eu sei que há algumas coisas -We need to talk about- Que nos precisamos conversa -And I can't stay - E eu não posso ficar -So let me hold you for a little longer now - Então me deixe abraça-lo um pouco mais agora.

      As pessoas estão pegando cartazes , as pessoas de blusa brancas tem cartazes pretos com coisas escritas em branco , essa mesma troca e feita no lado preto ... Não .... Ele não escreveu isso ... Ele não fez isso ... As pessoas de cada lado juntaram os cartazes fazendo uma grande mensagem .... No lado branco esta escrito "Quer namorar " E do outro "Comigo Max ? " ... Sinto vontade enorme de descer lá e abraça-lo .

 -And take a piece of my heart - E pegue um pedaço do meu coração -And make it all your own - E faça dele todo seu - So when we are apart - Dessa forma quando estivermos separados -You'll never be alone - Você nunca estará só - Never be alone - Nunca estará só - You'll never be alone - Você nunca estará só 

          Alguns homem aparecem e pegam uma escada , ele começam a elevar a escada ate parar na minha varanda ... Não ... Faça ... Isso .... Faça isso !

-You'll never be alone - Você nunca estará sozinho

       Ele para de tocar junto ao som de fundo . Carl coloca o violão em qualquer lugar e começa a subir a escada ... Sinto meu coração disparar , eu quero que ele pare do mesmo jeito que eu quero que ele não pare ... Eu sei sou bipolar  ! Olho para Lucy e LT em busca de ajuda , ambas me lançam um olha de "Vai nessa " , ir no que querida . Seco as lagrimas , ele esta parado na minha frente com um sorriso envergonhado , desfaço o sorriso e fico o encarando :

-Max quer namorar co--

              O interrompo dando um tapa em seu rosto deixando marca , ouso as pessoas suspirarem de forma surpresa , ele me olha incrédulo :

-Isso e por me machucar - Digo serio me aproximando dele -E o que vou fazer agora e por todo o resto ! - Ele me olha triste 

        Me aproximo dele e em um gesto rápido , lanço meus braços em volta de seu pescoço e o beijo , percebo que o peguei totalmente desprevenido , me fazendo rir baixo . Enquanto o beijo ouso alguns gritos de alegria das pessoas debaixo , e por isso me afasto dele corado :

-Max desculpa 

-Eu meio que já te perdoei 

-Mas você vai namorar comigo ?

-Não é obvio ? Sim Carl , eu vou namorar com você 

-Ele aceitou ! - Ele se virar gritando 

       Quando percebo as pessoas tiram as blusas , mostrando a de baixo que era uma camisa colorida com o arco iris .... Eu não deveria estar rindo disso :

-No três

-O que ?

-Um 

-Carl ?

-Dois 

-Carl ?!

-Três 

     A multidão se junta e grita :

-I'M GAY, I'M NORMAL AND NOT REALLY NOT CARE !! - Todos gritam felizes 

-Você é louco 

-E quem disse que eu quero ser normal 

       Dou um risada baixa , mas de repente ele pula para dentro e cai em cima de mim :

-Carl ?! 

-Hummmmmm -Ouso as pessoas maliciosas 

        Ele olha para mim sorrindo , ele fica encarando por alguns segundos ... Muito perto ... Ele segura minha mão e logo entrelaça com a sua enquanto a outra ele coloca na minha nuca , ele começa a se aproximar de mim , sinto sua respiração no meu rosto ... :

-A gente já pode ir embora ? -Carl bufa um pouco frustrado e eu dou uma risada baixa 

-Sim podem ir - Ele diz depois de se levantar 

-Boa sorte garotão !

        As pessoas vão saindo , sobrando somente Lucy e LT que logo entram .  

       Eu sei que as coisas vão ser diferentes agora ... Coisas vão acontecer , boas e ruins (Sai seus maliciosos ) , e que nem sempre vai ser o mar de rosas ... Mas enquanto Carl estiver comigo , eu vou continuar levantando ...

-Ei Max 

-O que Carl -Digo me virando para ele saindo dos meus pensamentos 

-Eu te amo - Ele diz me beijando 

-Digam love ! -Ouso Lucy falar ao meu lado 

       Bem vai ser assim daqui pra frente ... Eu poço me acostumar com isso 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


<3 Bem esse é o fim espero que tenham gostado .... Bem agora e hora do bônus não é ? Bem podem mandar ! Loca: ## Acontecimentos : ## especificação : ## .... Bem obrigado por tudo , eu adorei escrever essa historia e saber que vocês leram e ver seus comentarios , bem isso é uma sensação unica ! E eu simplesmente adoro ! Mas toda historia tem um final e essa não é diferente ... AH eu não quero ter que colocar como terminada ! Bem mas agora vai ser só os seus bônus ... Bye obrigado por tudo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...