História Silêncio - Camren - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, Lendas Urbanas
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camren, Norminah
Visualizações 19
Palavras 776
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção Científica, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Cap. 1


Lauren Jauregui:

27 de setembro de 2016

Me chamo Lauren Jauregui, tenho 19 anos.

Moro sozinha desde os 17 anos, não, não pense que foi uma opção,  eu amava meus pais, amava minha família,  viver com eles era ótimo. 

Meus pais morreram quando eu tinha 16 anos, acidente de carro, um louco bêbado invadiu a pista e meus pais não tiveram chances.

Meu Mundo desabou, mas tive que me reerguer, agora teria que cuidar da fortuna da minha família, e , da minha maior riqueza,  Taylor.

Minha irmãzinha, linda, 10 anos de idade, a coisa mais fofa do planeta.

Era um dia comum, eu estava no escritório tentando entender alguma coisa quando a babá da Taylor chegou desesperada.

Taylor não estava no colégio na hora da saída,  a diretora informou que ela já tinha saído com um cara em uma caminhonete azul.

Meu coração mal cabia no peito, a Polícia foi acionada, junto com meus agentes particulares. 

Eu já chorava quando o telefone tocou, "Sra. Jauregui, infelizmente nós encontramos o corpo já sem vida de sua irmã. "

Lá estava eu outra vez, derrotada, me sentindo um lixo,  ela era minha responsabilidade,  o amor da minha vida,  minha única família. 

Infelizmente não foi só isso, foi o maior caso de estupro naquela cidade.

Meu Mundo tinha acabado.

//

Hoje trabalho para o governo, e não é nada que você possa imaginar. 

São apenas 4 regras.

1° - assassino = mate com tiro na testa.

2° - terrorista = mate sem tortura e depois mande os pedaços às famílias das vítimas. 

3° - estuprador = corte em pedaços e deixe sangrar ( realizando torturas ) , até a morte.

4° - pedófilo = faça o que quiser.

Sim, sou assassina do governo,  entrei nessa vida um ano após o ocorrido.

Pra todos os esfeitos nosso departamento não existe,  fazemos o que deve ser feito, mas por conta dos "direitos humanos", muitas vezes deixa de ser feito.

Continuo com os negócios da família,  moro num apartamento da cobertura em um dos prédios que tenho. Possuo muitas propriedades,mas o vazio me lembra tudo que perdi.

Não pensei duas vezes quando me aceitaram esse emprego, meu maior desejo é vingar minha irmã. 

-Lauren? - Dinah me tirou de meus pensamentos - pensando nela de novo?  - sorriu triste e eu retribui. 

-Dois anos.. - falei num sussurro - dois anos desde que aquele filha da puta tirou ela de mim - lágrimas já desciam quando Dinah me abraçou. 

-Eu sei branquela - afagou meus cabelos e eu passei os braços por seu pescoço - eu sinto falta da baxinha também - sorri - quer ir ao túmulo hoje? - apenas concordei com a cabeça e me permiti chorar.

Dois anos..

//

-Eu prometo te vingar - sussurrei no túmulo de minha irmã onde Dinah colocara as flores.

-Eu prometo ajudar, baixinha - Dinah disse olhando o túmulo. 

Dinah me conhece desde sempre, somos melhores amigas desde o útero, ela sempre esteve comigo, depois de mim foi quem mais sofreu a perca da Tay.

Entrou comigo no programa do governo sem nem pensar, sei que um de seus maiores desejos é vingar ela.

//

Hoje é sábado, dia de trabalho. 

Dinah e eu nos dirigimos ate a mansão que se localiza nos arredores da Casa Branca.

-Aqui Dinah - Simon entregou uma pasta pra ela que sorriu pra mim antes de sair.

-Aqui Lauren - me entregou uma pasta e eu estava prestes a sair.. - não tão rápido - me virei pra ele que sorriu , gosto desse velho - quero te apresentar uma pessoa - fez um gesto com a mão e uma linda ( gostosa ) latina entrou na sala - essa é Camila - analisei a garota de cima a baixo, delícia - você vai trabalhar com ela hoje.

-QUÊ? - praticamente berrei encarando Simon - você ta louco? - falei séria encarando ele - você sabe que eu trabalho sozinha - percebi a garota abaixar os ombros e a cabeça - e olha pra ela - apontei Camila - toda encolhida.

-Lauren - Simon disse sério - , você sabe que é a melhor dessa merda, e com isso vem responsabilidades, você querendo ou não - bufei - ela esta fazendo o teste pro quarto estágio,  e você vai testá-la.

Bufei me rendendo.

-Vem garota - saí da sala e pude ouvir passos apressados atrás de mim - Anthony Vives - falei lendo os dados da ficha - , 35 anos, casado , pai e autor de 5 estupros contra a filha de 15 anos - fechei a pasta e encarei Camila.

-Qual o melhor modo para pegá-lo? - perguntei mesmo já sabendo a resposta.

-Bom - engoliu seco - acho que devemos começar sondando o cara.

Apenas concordei com a cabeça e segui para o carro sendo seguida por Camila. 






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...