História Simples... - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Poesia
Visualizações 10
Palavras 451
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Poesias

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Essa história é apenas uma maneira de me expressar, eu apenas a escrevo pra compartilhar ideias, se há algo que o incomode, eu não mudarei nada, essa história foi feita para me fazer refletir sobre as coisas simples da vida... Espero que ler essa história te faça tão feliz quanto eu me sinto em escrevê-la

Capítulo 1 - Pétalas


Fanfic / Fanfiction Simples... - Capítulo 1 - Pétalas

        Pétalas

 Essa história me lembra da época em que eu era jovem, eu havia acabado de me mudar... Era uma tarde quente, naquele dia, eu havia trazido um casaco me preparando por chuva... Ao ver o sol quente cobrindo o céu, eu o peguei, entrei em casa e o joguei no sofá, eu não prescisaria dele agora, olhei a minha direita e vi minha bicicleta, eu coloquei minhas mãos no guidão da bicicleta e percebi que minhas mãos estavam transpirando, eu ia conhecer a vizinhança naquele dia. Eu pensei "Não seja bobo! Você está indo conhecer o çugar onde mora! Nenhum problema!" e finalmente subi na bicicleta, eu andei calmamente pelas ruas, eu gostaria de me lembrar por onde passei, e alguns lugares que poderia ir.

Eu segui estrada abaixo, em certo ponto, eu desci da bicicleta, eu havia encontrado uma cafeteria! Mesmo sendo uma tarde de 30 graus, sem qualquer sinal de chuva, eu prescisava de cafeína, a viagem durou 7 horas, sem contar os incansáveis momentos empacotando e desempacotando coisas, enfim, de qualquer forma, eu prescisava de café, eu corri até a entrada da cafeteria, em cima da porta estava escrito " Tears in cups " no início eu achei aquele nome bem estranho... Mas logo abaixo havia escrito em uma letra minúscula " Cofee shop " eu peguei o menor tamanho, e comprei um chiclete, a dona do café até me cumprimentou, e disse que seu nome era Sandy, ela parecia amigável, eu ja havia descoberto um lugar confiável. Após me despedir, puxei de meu bolso a pequena substância rosada, eu não tinha ideia do porque aquilo tinha um gosto tão bom! Enfim, eu levei a goma açucarada até minha boca, e foi nesse momento que eu percebi que estava parado à 5 minutos refletindo sobre os prazeres da vida, maldita mente tagarela! Eu odiava quando minha cabeça me fazia de troxa, enquanto os outros riam... Mas ao mesmo tempo não havia porque reclamar, escrever, imaginar e ser criativo foi o que havia me levado aquela cidade, aquela casa, eu fazia uma troca... E novamente, eu havia passado dez minutos refletindo, nesse exato momento, eu subi na minha bicicleta e disparei pela rua. Eu ja havia contado o quão satisfatório era sentir o vento balançando meus cabelos ao ar? Se não, agora você já sabe! Após uma jornada de 20 minutos saindo de casa, tomando café e refletindo, eu finalmente havia chegado no parque, era um BELO parque, um lugar onde crianças brincavam sob a sombra das árvores e escritores sentavam em busca de inspiração, eu não fui lá por motivo algum, eu apenas queria sentir as graças das cerejeiras caindo sobre mim, eu queria... Eu queria slgo simples..


Notas Finais


Espero que gostem!! Essa história foi gratificante para mim, e eu espero que seja para vocês também!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...