História Simplesmente Amor ❤ - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, D.O, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, JR, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags Bangtan Boys, Exo, Got7
Exibições 50
Palavras 1.049
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Harem, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiiiiiiiiiiii, postei já! Não precisam mais me matar. Foi uma indireta? Nun sei néh. kkkkkkkk Brincadeira. Eu estou aqui com mais um capitulo.

Boa Leitura~

Capítulo 19 - Nun to crendo nisso!


Fanfic / Fanfiction Simplesmente Amor ❤ - Capítulo 19 - Nun to crendo nisso!

Eu: Ér... Me desculpe, me deixei levar pelo momento. – Falei corada.

Suga: Tudo bem. Amigo se pegam também. – Ele disse sorrindo e corando também.

Eu: claro. Amigos coloridos? – Falei estendendo a mão.

Suga: Amigos coloridos! – Ele disse pegando a mesma.

Eu tomei meu café bonitinho e o Suga ficou lá me torrando as paciência que já não são muitas. Ficamos conversando um bom tempo até que resolvemos descer. Quando chegamos lá em baixo tava todo mundo dormindo. No sofá, no chão... Como esse povo consegue?

Eu: Depois somos nós que dormimos de mais.

Suga: Né?! – Ele disse se sentando ao lado da Lia. E eu fui e me sentei no colo do Matheus já que não tinha outro lugar para eu sentar.

Eu: Não quis te acordar. Fofo. – Falei dando-lhe um beijinho na bochecha e ligando a Tv.

Matheus: Eu pensei que tivesse jogado esse vestido fora.

Eu: Eu pensei em tacar fogo nele. Mais quando eu tava com o isqueiro na mão e prestes a tacar fogo nele, você me liga pedindo desculpas e eu desisti. Até porque é um dos mais lindos que eu tenho. Tem falado com o Edu?

Matheus:  De nada tá?!Tenho. Ele tá pensando em se mudar pra Orlando com o Aruan e o Patrik.

Eu: Que legal. Bom, vamos fazer alguma coisa antes da festa? Cubinho de açúcar, acorda a Lia e vamos lá pra fora. Só nós quatro. – Falei desligando a Tv.

Peguei na mão do Matheus e sai da sala indo para o quintal. Me sentei em uma das cadeiras que ficam perto da piscina e o Matheus se sentou em outra. Logo vemos a Lia e o Suga vindo. Suga se senta do meu outro lado e a Lia junto comigo.

Eu: Lia?

Lia: Oi, tá tudo bem?

Eu: Tá é que se tá com uma carinha... Tá doente?

Lia: Não. Eu acho. Eu tava dormindo esqueceu? E to toda dolorida por dormir sentada.

Eu: Vira aqui, eu faço massagem. – Ela ficou de costas pra mim e eu comecei a fazer massagem nela.

Matheus: Sou só eu ou você também tá achando isso estranho Suga? – Matheus o olha com um sorriso malicioso.

Suga: É.. To achando também.

Lia: Pode com isso Manu?! Calem a boca!

Eu: Tá falando de mais Suga! Se está achando estranho vem fazer massagem nela então. – Ele se levantou.

Suga: Licença então. – Eu o olhei e depois me levantei e ele se sentou em meu lugar e começou a fazer massagem nela.

Matheus: Faz massagem em mim Manu?

Eu: Não, passo bem sem. – Fale me sentando com ele na cadeira. – A gente bem que podia sei lá... começar a shippar os dois juntos? Eles são tão fofos. E a Lia também é Rapper de apoio e talz. – Falei sussurrando no ouvido dele.

Matheus: Gostei da ideia.

Lia: Oque estão cochichando ai ein?!

Eu: Quer mesmo saber dos nossos pensamentos eróticos?

Lia: Quer saber? Passo bem sem. – Rimos.

Eu: Por que a gente não se troca e faz uma pequena festa aqui?! Só que sem bebidas. Só música e piscina?!

Lia: Se for só nós quatro, eu aceito. Mais se... Eles que estão dormindo estiverem aqui... Eu não vou aceitar.

Matheus: Deixamos eles trancados lá dentro.

Suga: Boa ideia.

Eu: Suga e Lia, tentem manter eles dormindo... Eu e o Matheus cuidamos das roupas e da música! – Eles assentiram e voltaram pra dentro. – Vem, é a nossa vez. Você pega uma roupa pra você e o Suga e eu pra mim e pra Lia. Meu celular tem bastante música. – Ele assentiu e corremos pra dentro.

Depois que pegamos as coisas e nós quatro saímos para o quintal eu peguei a chave da porta de vidro que é a única entrada pra o quintal e tranquei a porta.

Eu: Agora é festa! – Falei entregando o biquíni da Lia pra ela. Fomos até o banheiro que tem no quintal e nos trocamos. Depois os meninos fizeram o mesmo.

Coloquei a música e ficamos zuando lá até o Matheus me jogar na piscina. Ficamos zuando mais um pouco lá. Até eu ver um beijo da Lia com o Suga.

Eu: Eu não vi isso.... – Falei rindo e afundando a cabeça do Pimpão na água.

Pimpão: Eu não vi, você tava me apertando mais do que num sei oque!

Eu: Sorry.

Lia: Você... Não vai contar pra ninguém néh?

Eu: Nunca faria isso com vocês. Por mim podem até se comer ai que eu não vou me importar menos. Só vou shippar pra caralho!

Suga: Nossa. Que grossa.

Eu: Obrigada querido.

Lia: Onde a gente parou mesmo Suga?

Suga: Acho que aqui. – Ele diz beijando ela de novo.

Pimpão: Nossa vez. – Ele me colocou sentada na borda da piscina e a gente começou a se beijar ali. Até ouvirmos gritos histéricos da Anne batendo na porta.

Eu: SE QUEBRAR VAI TER QUE PAGAR EIN! OQUE? NÃO ESTOU TE OUVINDO... – Falei rindo e entrando na piscina. Olhei as horas e... hora de sairmos... a festa da Neide é em 4 horas... – Vamos sair... Festa da Neide bobona é em 4 horas. Se quiserem se pegar no meu quarto... Posso dar uma desculpa que a Lia está em ajudando a me maquiar e o Suga enchendo o nosso saco. – Eles sorriram. – Eu QUASE  esqueci. A Neide não quer nada com você tá?! Matheus Pimpão é só meu. Minha propriedade. – Falei saindo e me secando.

Pimpão: Desde quando?

Eu: Desde quando eu dei dinheiro pra sua mãe. – ele me olhou indignado.

Pimpão: Nossa! A minha mãe me vendeu pra você?! Nun to crendo. – Eu andei de fininho na sala e ninguém me viu. Percebi que estavam jogando verdade ou consequência.

Fiquei vendo um pouco e vi a Luê e o Namjoon aos beijos assim como a Sayu e o J-hope, a Anne e o V, Lara e Jin, Mon e jungkook. O único que estava de vela ali era o Jimin e o Pedro.

Eu: NUN TO CRENDO NU QUI TO VENDO! É ISSO MESMO PRODUÇÃO?! CORRE AQUI LIA! OLHA A SURUBA QUE ESSES MOLEQUES ESTÃO FAZENDO! Menos o sempai e o Pedro.

Lia: AINT QUE FOFIS! A GENTE SE DESCUIDA POR UM MOMENTO E ELES COMEÇAM A SE PEGAR!

Suga: Nem eu to crendo no que eu to vendo.

Pimpão: Imagina eu então.

 


Notas Finais


QUE QUE ISSO? Olha a suruba gente! Enfim, eu espero que tenham gostado, de coraçaun. Um beijo pra quem quiser e até mais! ^^

Obs: Comente suas criticas e opiniões. Desculpe qualquer erro. ^^
Aviso: Essa fanfic é de minha autoria. Só pra deixar claro mesmo. ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...