História Simplesmente Aconteceu [KookMin] - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, EXO
Personagens G-Dragon, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Lu Han, Rap Monster, Sehun, Suga, V
Exibições 403
Palavras 3.591
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


AAAAH COMO ASSIM 145 FAVORITOS??? AÍ MEU DEUS! SÓ NÃO SAIO PULANDO POR AI PQ TO COM MEDO DESSA PALHAÇADA DOS PALHAÇOS NA RUA :v 😂❤❤❤❤

A foto desse capítulo ta MUITO sem noção, mas é que eu tirei essa foto e gostei :v hdksjxjs Então apenas ignorem.

Boa leitura e desculpe os erros 📄💜💦

Capítulo 18 - Chapter Fifteen - JungKook vai casar com ele?


Fanfic / Fanfiction Simplesmente Aconteceu [KookMin] - Capítulo 18 - Chapter Fifteen - JungKook vai casar com ele?

Park Jimin On

   Respirei fundo pela... Vigésima... Não... Ah eu não lembro mais.

   Eu estava com medo da reação da minha Omma quando eu falasse que ia para a casa do Yoongi.

   Bati levemente na porta de seu quarto e escutei ela gritar "Entre".

   Abri a porta lentamente e logo pude ver minha Omma, sentada na cama enquanto olhava um dorama que passava na TV.

— Olá meu querido. - ela olhou para mim e sorriu largo.

— Oi Omma. - sorri indo até sua cama.

— O que aconteceu? - ela perguntou preocupada.

— Nada... Mas eu preciso lhe contar algo... - olhei para minhas mãos engolindo em seco.

— Você está grávido? De novo? - ela arregalou os olhos fazendo eu levantar a cabeça e negar rapidamente.

— Não. Não tem nada a ver com isso. - ri. — É que... E-Eu... Os gêmeos... Nam... Hope... É... - falei me atrapalhando nas palavras e logo olhei para minhas mãos, nervoso.

— Se acalme Jimin. - ela riu baixo.

— Eu vou morar com o Yoongi! - falei rápido enquanto olhava para minhas mãos. Tudo ficou em silêncio, logo levantei minha cabeça e vi minha Omma sorrindo fraco.

— Oh querido... Eu sabia que algum dia isso ia acontecer. - ela riu baixo. Sabia que estava segurando o choro, dava pra perceber. — Tudo bem. Pode ir. Mas prometa que vai vir me visitar junto com os gêmeos e se cuidar muito bem. - passou as mãos sobre meus cabelos e logo pelo meu rosto. Sorri largo fechando meus olhos ao sentir sua carícia sobre meu rosto.

— Okay Omma... - sussurrei rindo. — Muito obrigado. Muito obrigado mesmo. - segurei sua mão e beijei a mesma.

— Já arrumou suas coisas? - perguntou curiosa. Apenas assenti. — Quando você vai se mudar?

— Hoje mesmo... Yoongi já arrumou tudo. - sussurrei e ela arregalou os olhos, mas logo sorriu fraco.

— Tudo bem! Vá se arrumar e se cuidem muito bem! - ela selou minha testa. Sorri e levantei de sua cama indo até a porta.

   Sai do quarto e escutei seu choro baixinho. Meu sorriso sumiu e eu senti meu peito apertar.

   Suspirei indo até o quarto de Hoseok. Adentrei o mesmo e vi ele fechando a mala.

— Já está pronto? - perguntei e ele olhou para mim.

— Sim! - sorriu.

— Daqui a pouco ele chega aí. Leve suas coisas lá pra baixo e eu vou ver se Namjoon precisa de ajuda. - sorri me retirando de seu quarto, andei até o de Namjoon e logo abri a porta do mesmo.

— Jimminie! Me ajuda! - Namjoon disse tentando fechar a mala. Ri adentrando o quarto e tentei o ajudar.

— Calma aí.. - abri a mala vendo um bichinho de pelúcia um pouco grande. — Awwnttt que bonitinho. - sorri largo. — Deve ser isso que está ocupando muito espaço, leva na mão. - ri.

— Mas vão pensar que eu sou um criança. - ele disse fazendo bico.

— Nada vê. - ri e escutei o barulho de buzina. — Deve ser ele! Vamos! - sorri animado.

   Namjoon pegou o ursinho na mão e fechou a mala, saímos de seu quarto e antes de descer fui para o quarto da minha Omma. A porta estava trancada, suspirei e desci as escadas correndo.

   Wooshin estava vestindo com uma bermuda preta; uma camisa branca com o desenho de um dinossauro; All star branco nos pés.

   Sophia estava com o cabelo preto  atado em um rabo de cavalo; vestido rosinha claro e uma sapatilha tão fofa nos pés. Parecia uma princesa.

   Sorri largo indo até os gêmeos e segurei a mão dos dois, saímos da casa e Yoongi esperava a gente escorado no carro.

— Aleluia! - ele bufou abrindo o porta malas, Hoseok colocou nossas malas ali e logo entramos no carro.

   Yoongi dirigindo. Eu no banco do passageiro. Hoseok, Wooshin, Sophia e Namjoon no banco de trás.

— O que sua Omma disse? - Yoongi perguntou enquanto começava a dirigir.

— Que esse dia ia chegar... - respondi olhando para fora.

— Ainda bem que a senhora Park sabe. - riu. — Mas então, eu estava ansioso pra te mostrar o meu namorado. - ele sorriu.

— Namorado? Jurava que você era hetero. - olhei perplexo pro Yoongi que apenas gargalhou alto.

— Sério que você nunca percebeu? Até o Nam já percebeu isso. - Yoongi respondeu rindo e Namjoon concordou, rindo.

— Quando você conheceu ele? - perguntei cruzando os braços.

— No colégio. - ele respondeu. 

— Se você não lembra, você foi expulso de quatro escola. - falei revirando os olhos.

— Quatro escolas? - Hoseok perguntou arregalando os olhos.

— Pois é, eu aprontava muito com os professores. - Yoongi respondeu sorrindo sapeca. — Na quarta vez que fui expulso, foi por que eu disse que ia arrastar a alma daquele professor desgraçado para o inferno. - deu de ombros e logo Hoseok, Namjoon e eu caímos na gargalhada.

— Meu Deus! Você era um terror Suga! - Namjoon falava rindo.

— Saudades daquela época. - ele riu. — Chegamos. - ele sorriu parando o carro em frente a casa.

   Desci do carro e logo Namjoon saiu do carro, atrás dele desceu Wooshin; Sophia e Hoseok.

   Peguei minha mala e Suga pegou a mala dos gêmeos. Olhei para os lados e aquela vizinhança parecia ser calma.

   Sorri e andemos até a porta principal, Yoongi abriu a mesma e logo os gêmeos adentraram a casa.

— Finalimente vocês chegaram. - uma voz desconhecida disse, logo vi um homem de cabelos alaranjados; com algumas tatuagens pelo corpo; e um sorriso fofo nos lábios vir até nós.

— Eu te conheço? - perguntei confuso.

— Ah... Me desculpe! Sou Kwon Ji-yong, prazer. - ele sorriu fazendo um reverência.

— Park Jimin. - fiz outra reverência e sorri.

— Então você é o famoso ChimChim? - ele sorriu ainda mais. — Seja bem vindo! E essas crianças fofas? Olá. - ele se abaixou ficando na altura dos gêmeos e sorriu fofo para os mesmos.

— Oi. - Sophia sorriu tímida corando.

— Oi. - Wooshin sorriu e acenou para o Ji-yong.

— Eu levo as malas lá pra cima. - Ji-yong falou pegando as malas das mãos de Yoongi. 

— Eu te ajudo! - respondi e peguei a mala de J-Hope e do Namjoon.

   Andei até o corredor dos quartos com uma certa dificuldade pois as malas pesavam muito.

— Ali fica os quartos de vocês. - ele apontou para três portas. — Essa porta colorida é o quarto dos gêmeos, idéia do TaeTae. - ele riu entrando no quarto.

   Ri alto entrando nos quartos e deixando cada mala em um. Sai do quarto dando de cara com Ji-yong.

— Obrigado Ji-yong. - sorri.

— Não precisa agradecer. - ele sorriu. — Me chame de G-Dragon. Ji-yong é muito formal. - ele fez uma careta.

— Okay. Pode deixar. - ri. — Em que você trabalha?

— Sou dono de uma empresa de moda, Yoongi é fotógrafo lá. - ele sorriu largo e pude perceber que seus olhos brilharam ao falar no nome do baixinho de cabelos verde.

— Ah... Entendi... - sorri. — Ele disse que vocês se conheceram na escola, certo?

— Sim. Nós começamos a conversar por mensagens e depois de dois anos de amizade pedi ele em namoro. Estamos até hoje. - ele sorriu largo.

— Já casaram? - perguntei curioso.

— Não. Ele disse que não gostaria de se casar. - o alaranjado suspirou.

— Ah... Me desculpe. - falei sem jeito.

— Tudo bem. Vamos descer, adorei seus filhos. - ele sorriu enquanto andávamos até a sala.

— Obrigado, eles são minhas vidas. - sorri largo. — Espero não incomodar vocês.

— Que nada! Adora a casa movimentada. - ele bateu palmas alegre.

   Ele realmente era piradinho. Chegamos na sala e eles estavam deitados sobre os colchões.

— Oi Tae, oi Kookie. - sorri olhando para os dois jogados no sofá.

— Oi. - eles responderam em uníssono.

— Que filme é? - perguntei indo até o colchão onde Wooshin e Sophia estavam deitados.

— A Culpa é das estrelas. - Taehyung sorriu largo.

— Não acredito que vou olhar esse filme. - Yoongi revirou os olhos. Ji-yong riu abraçando o namorado enquanto beijava o pescoço do mesmo.

— Para de ser chato! - Taehyung bufou.

— Jimminie vem cá. - JungKook abriu os olhos e logo senti alguém abraçar minha cintura.

— Sai pra lá carrapato! Jimminie vai assistir comigo. - Hoseok falou olhando para JungKook.

— Chato. - JungKook mostrou a língua e logo olhou para Namjoon. — Nam... - falou manhoso.

— Iiih sai pra lá! Eu já tenho companhia! - abraçou o bichinho de pelúcia e riu.

— Nam... - JungKook voltou a falar manhoso. Namjoon bufou e abriu os braços, JungKook sorriu largo e pulou nos braços do mais velho.

— Quanta 'gayzisse. - Yoongi revirou os olhos.

— Cala boca! Tu é o mais gay aqui. - falei.

— Taehyung me ganha nessa. - ele disse, fazendo todos rirem menos Taehyung.

— Idiota! - cruzou os braços fazendo um biquinho fofo nos lábios.

— Eu concordo com você, Suga. - Hoseok falou rindo.

— Cala a boca bicha rodada! - Taehyung falou irritado.

— Cala boca tu bicha passiva. - Hoseok respondeu revirando os olhos.

— Vocês se esqueceram que existe crianças aqui? Seus idiotas! - falei bravo e logo abracei Sophia. Wooshin quase dormia deitado ali.

   O filme começou e logo todo mundo ficou quieto. No meio do filme Yoongi; Namjoon; JungKook; Hoseok; Wooshin; Sophia; Taehyung; Ji-yong dormiam.

  Resumindo: EU ERA O ÚNICO ACORDAVA NAQUELA BAGAÇA.

   Ri olhando para todos e fechei meus olhos, adormecendo logo depois.

   Acordei com alguém cutucando minha bochecha. Abri meus olhos lentamente vendo JungKook.

— Você sabe que eu odeio, quando me acordam assim! - murmurei irritado.

— Calma mozão. Eu só vim te chamar pra jantar. - ele respondeu rindo.

— Ta bom. Obrigado. - sorri levantando. — Me leva. - pulei em suas costas.

— Com muito prazer. - ele sorriu malicioso apertando minhas coxas.

   Aí você se pergunta se eu aceitei ser amante dele, não. Eu ainda não sei. Estou confuso e com medo de me machucar ainda mais.

   Eu aceito produção? Helpe me.

   Fomos para a cozinha e quando adentramos a mesma. Hoseok nos olhou e se olhar matasse, JungKook já estaria morto.

   Ri baixinho descendo das costas de JungKook.

— Chim? - alguém falou atrás de mim, me virei rapidamente vendo minha princesa ali.

   Meus olhos marejaram. Depois de tanto tempo finalmente encontrei ele.

   Ele está ali. Parado na porta da cozinha. Com um sorriso lindo no rosto. Cabelos rosas jogados para o lado; bermuda moletom cinza; uma camisa rosa clara que vai até seus joelhos. 

— Seok! - sorri largo correndo em sua direção e logo o abracei forte. Não demorou muito para o abraço ser retribuído.

— Que saudades de você anão! - Jin sorriu largo enquanto me abraçava, sorri ainda mais ao sentir o seu cheiro de morango.

— Digo o mesmo! Nossa Jin, juro que se tiver solteiro, eu te pego agora mesmo. - falei rindo enquanto me afastava dele. Olhei para seu corpo novamente e mordi o lábio.

— Me jogue na parede e me chame de lagartixa. - ele disse sorrindo.

   Segundos depois a cozinha foi preenchida pelas gargalhadas altas de todos.

   Olhei para Namjoon que secava o corpo de Jin apenas com o olhar. Me aproximei do mesmo sentando ao seu lado.

— Você não era hetero? - perguntei rindo.

— Não sou mais. - ele respondeu. Me fazendo rir ainda mais alto.  — Para! Vai chamar a atenção dele pra cá. - Namjoon disse colocando um pedaço de bolo dentro da minha boca. Que me engasgando.

— Eu quase engasguei! - falei de boca cheia enquanto mastigava o bolo. Logo engoli o mesmo e tomei um gole de suco.  — Cadê os gêmeos? - perguntei confuso.

— Eles já estão dormindo. Comeram e dormiram. - Namjoon respondeu sorrindo.

— Entendi. - sorri pegando outro pedaço de bolo e comi o mesmo.

— E aí Jimin, como tá tudo? - Jin perguntou sorrindo, enquanto sentava ao meu lado.  — Oi Nam. - acenou para o platinado ao meu lado que apenas sorriu.

— Tudo bem, graças a Deus, e contigo? - perguntei levando outro pedaço de bolo até minha boca. Sério, esse bolo tá muito gostoso.

— É... Tudo legal. - ele sorriu fraco. — Gostou do bolo? Eu quer fiz.

— Sério? Ele está muito delicioso! Que saudades eu tinha do seu bolo. - falei de boca cheira enquanto ria.

— Não fale de boca cheia! - ele disse me dando um tapinha no braço.  — To feliz em saber que gostou. - sorriu.

   Sorri largo e passei meus olhos por todos ali, vi Hoseok me encarar com os olhos cerrados. Ri baixinho mandando um beijo no ar pra ele, que logo fez um bico fofo nos lábios e virou o rosto.

    Jung com ciúmes é tão fofo, levantei indo até ele e beijei sua bochecha.

— Para de ser ciumento, Hyung. - sussurrei rindo enquanto sentava ao seu lado.

— Você não fala mais comigo, só com os outros. - ele falou do mesmo jeito que estava.

— Não é verdade. Eu olhei filme abraçado em você. - sorri virando o rosto dele pro meu lado. — Não precisa ficar com ciúmes. - falei sorrindo.

   Ele apenas fez outro biquinho fofo nos lábios, peguei um pedaço de bolo e coloquei em sua boca.

— Prova, ta tão bom. - ri olhando para ele, enquanto o mesmo mastigava o bolo.

— Quem fez essa maravilha? - ele perguntou dando um gole do suco.

— Aquele divo ali. - apontei pro Jin que conversava alegremente com Namjoon.

— Nome? - Hoseok perguntou.

— SeokJin. - respondi pegando outro pedaço de bolo e logo comecei a comer o mesmo.

— JIN! SER MARAVILHOSO ENVIADO PELOS ANJOS! - Hoseok gritou, fazendo o mais velho o olhar confuso. — EU PRECISO DE MAIS BOLO! É TÃO BOM! - continuou gritando enquanto sorria.

— Obrigado. - ele corou, começamos a rir. — Parem de rir! Fico feliz que tenha gostado, J-Hope. - ele sorriu.

— Você já conhece ele? - Namjoon perguntou em meio ao riso.

— A hora que eu cheguei ele tava no banho, mas JungKook me disse quem ele era. - Jin respondeu sorrindo.

— Ah. - falamos em uníssono. Menos JungKook.

   E falando nele, cadê? Olhei em volta e JungKook não estava mais ali. Arqueei uma sobrancelha.

— Ele recebeu uma ligação e teve que sair. - Hoseok disse, e recém percebi que ele me olhava.

— Entendi. - sorri de lado, talvez seja a noiva dele. Olhei para Hoseok e comecei a rir alto, ele estava todo lambuzado de chocolate.

— Que foi? - ele perguntou quando todos olharam pra ele. Logo começaram a rir.

— O seu rosto ta no chocolate?! - Ji-yong falou rindo.

— Aish! - Hoseok riu e limpou o rosto.

— Por que a gente não sai? Vai ser legal, uh? - Yoongi perguntou sorrindo.

— Mas e os gêmeos? - perguntei.

— Levamos eles junto. Tem um parquinho aqui perto. - Ji-yong respondeu sorrindo animado.

   Sério. Ele deve fumar alguma coisa.

— Vou ver se eles estão acordados. - sorri levantando da cadeira e corri para o quarto dos gêmeos.

   Esqueci de dizer mas a casa do Yoongi é apenas um andar. Adentrei o quarto dos gêmeos vendo Sophia bater na cara de Wooshin com o seu bichinho de pelúcia.

— Sophia! - falei rindo enquanto ia até ela.

— Esse peguiçoso. - ela bufou. — Acorda. - bateu novamente no rosto de Wooshin fazendo ele acordar chorando.

— Para! - tirei o bichinho de sua mão e joguei em cima da cama. — Calma. - sussurrei pegando Wooshin no colo.

— Desculpa - ela disse fazendo um biquinho nos lábios.

— Você poderia ter machucado o seu irmão! - falei balançando levemente Wooshin, fazendo ele parar de chorar aos poucos. — Já que os dois acordaram, vamos sair. - sorri colocando Wooshin sentado na cama.

— Aonde? Aonde? - Sophia perguntou animada.

— Logo logo vocês vão saber. - abri a mala dos gêmeos e procurei uma roupa leve pois estava calor.

   Vesti uma bermuda jeans azul clara, uma regata preta e o All star em Wooshin.

   Uma blusinha branca com várias flores espalhadas pela mesma, um short jeans rosa e uma sandália.

— Sophia. Vem cá. - falei enquanto ela corria pelo quarto rindo. Logo veio até mim e arrumei seus cabelos em uma duas colinhas. — Agora vão lá pra sala. - falei levantando da cama e logo saímos do quarto. Os gêmeos correram pra sala e eu adentrei o quarto que agora seria meu.

   Andei até minha mala pegando a primeira roupa que vi, fui para o banheiro e tomei uma banho relaxante.

   Sai do mesmo já vestido e recém fui perceber que roupa avia pegado. Era a blusa do Namjoon, tinha um homem com a metade do rosto zumbi e com a outra parte normal, bermuda jeans escura.

   Coloquei meus vans cinza, peguei minha carteira e sai do quarto, meus cabelos estavam úmidos e bagunçados. Estava com preguiça de arrumar. 

   Logo vejo Yoongi sair do seu quarto com uma regata vermelha, bermuda jeans preta e All star vermelho.

— Nossa gato. - falei olhando para ele que logo riu.

— Eu sei que sou gostoso! - ele disse jogando os cabelos verde para trás.

— Quem é o iludido mesmo? - perguntei arqueando uma sobrancelha.

— Você. Park Jimin. - ele respondeu e eu revirei os olhos.

— Idiota! - bufei me virando e fui para a sala. Cheguei na mesma vendo os gêmeos brincando com G-Dragon.

   Ele estava com uma calça jeans preta com vários rasgos; all star preto de cano alto; uma camiseta branca de botão, e a maioria não estava fechado, os cabelos jogados para o lado o deixavam sexy.

   O que? Eu não tenho culpa dele ser um Deus grego. Yoongi foi até o mesmo e selou seus lábios.

— Já podemos ir? - Namjoon perguntou saindo da cozinha junto com Jin. O olhei malicioso e ele apenas negou com a cabeça tímido.

   Namjoon estava com uma blusa de mangas compridas roxa escura, bermuda jeans branca e vans preto nos pés.

   Jin estava com uma camiseta xadrez branca com preta, bermuda jeans preta e all star de cano alto.

— Cadê o casal briga-briga? - Jin perguntou rindo.

— Não existe casal briga-briga! - Taehyung falou revirando os olhos enquanto andava até a gente, logo atrás vinha Hoseok.

   Olhei para ele e o mesmo estava com uma camisa cinza, bermuda jeans da mesma cor, vans também na mesma cor.

   Hoseok estava com uma blusa rosa, bermuda jeans branca e all star azul.

— Vamos. - Ji-yong segurou a mão de Sophia que estava com as bochechas coradas. Eu posso com isso? Muito lindo Park Sophia!

   Segurei a mão de Wooshin e saímos da casa indo até o parquinho. Yoongi ia ao meu lado enquanto conversava sobre alguma coisa com Taehyung.

   Namjoon, Ji-yong e Hoseok iam na frente falando sobre algo que eu também não estava prestando a atenção. Sophia ia no colo de Ji-yong.

   Chegamos no parquinho e os gêmeos correram para os brinquedos, sorri largo e fui atrás deles.

   Coloquei Wooshin e Sophia nos balanços para crianças e empurrei levemente os mesmos. Arregalei meus olhos ao ver o casal briga-briga vir correndo e sentar nos outros balanços.

— Vocês não são mais crianças! - Yoongi revirou os olhos.

— Vai se comer com o Kwon. - Taehyung disse e olhou pra mim. — Me balança? - perguntou sorrindo.

— Okay! - ri indo até os dois e os empurrei com toda a minha força.

— Eu vou arrancar as tuas bolas quando tu descer daí! - Yoongi disse antes de sair de lá.

— Se fodeu. - Hoseok falava rindo.

   Gargalhei voltando a empurrar levemente os gêmeos. Logo Sophia pediu pra descer e assim eu fiz, ela saiu correndo pro escorregador.

— DEIXA COMIGO! - Jin gritou indo até Sophia e logo começou a cuidar pra ela não se machucar.

   Empurrei o casal briga-briga mais forte e Wooshin com delicadeza. Taehyung gritava feito uma gazela enquanto Wooshin ria alto junto com Hoseok.

   Olhei para o lado e vi JungKook conversando com um garoto baixinho. Arqueei uma sobrancelha voltando meu olhar para aquelas três crianças que estavam na minha frente.

— Jimin? Queria te apresentar uma pessoa! - alguém disse me assustando. Olhei na direção da pessoa vendo JungKook e o garoto baixinho de antes.

   O garoto sorriu para mim, seu rosto era tão delicado quase igual a de uma mulher. Seu sorriso era tão fofo, os dentes perfeitamente alinhados.

— Oi, prazer em te conhecer. Me chamo Lu Han, mas pode me chamar de Luhan. - ele disse sorrindo ainda mais.

— Oi, o prazer é meu, Luhan. Meu nome é Park Jimin. - retribui o sorriso.

— Finalmente eu conheci o famoso Jimin. - ele riu passando as mãos sobre seus cabelos.

   Com esse movimento, pude ver uma aliança em seu dedo. Tudo faz sentido agora.

   Como o garoto quase parece uma mulher, JungKook se refere como "Ela".

    Então é ele? JungKook vai casar com ele?


Notas Finais


Gente me desculpem ;-; Acabou a Fanfic ;-;


G-DRAGON E SUGA? SIM EU SHIPPO! Não me julguem 😂👐💦

Isso mesmo cambada, Jin só é delicado com os garotos :v djalxhajz

O BISCOITO VAI CASAR COM O LUHAN? AI MEU FORNINHO 🙆💜

Saiu pequeno? Saiu médio? Saiu grande?

Espero que tenham gostado meus pandas 🐼💛💦


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...