História Sinais de uma Extrema Felicidade - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 6
Palavras 659
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Aventura, Mistério, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 9 - Força de Vontade


Fanfic / Fanfiction Sinais de uma Extrema Felicidade - Capítulo 9 - Força de Vontade

FORÇA DE VONTADE , 16 de Setembro de 2017

 

No lugar em que eu estava, parecia não ter tempo, e parecer nem ter data, pelo menos eu nunca vi. 

Após enviar minhas palavras a Joshua e Allika , fiquei pensando no que eu soube dos dois. Confesso que na hora senti uma pequena solidão.

Eu nunca me imaginei na vida deles, mas me lembro que pedi para o homem que estava comigo, para que eu tivesse a oportunidade de conhecer os dois pessoalmente.

- Tudo serás como tudo que fostes escrito. - o homem respondeu.

E pouco tempo eu acordo. Estou no hospital.

- Alguém? Eu preciso de ajuda! - gritei para ver se viria alguém.

Dê repente chegou um homem, estava de roupa normal, não parecia ser alguém do hospital, que de fato eu nem sabia aonde e qual era o nome do hospital, e nem sabia porque estava ali.

- Moço, calma! Você sofreu um acidente, achamos que você tivesse morrido, pois já faz 3 dias que você está aqui, e só agora acordou, graças a Deus! - disse o homem.

- 3 dias? Mas não foi hoje mesmo que eu me acidentei? Tem certeza do que está falando? - perguntei a ele.

- Não moço, você está aqui a quase 4 dias, não estava dando sinais de vida, e já estava quase indo para o IML. - respondeu ele.

Na quela hora me assustei. Já imaginou se eu tivesse acordado dentro do caixão? Seria horrível.

- Mas eu não estava machucado lá no lugar onde eu estava. - falei a ele.

- Lugar? que lugar? Você ficou o tempo todo aqui. - respondeu ele.

- Eu morri? perguntei a ele.

- Não, seu coração estava batendo fraco demais, você estava morrendo, mas não morreu. - respondeu ele.

- Mas eu juro que eu falei com um homem, ele me mostrou uma árvore linda, me mostrou um pouco da minha vida e me apresentou duas pessoas ainda. - falei a ele.

- Você deve ter sonhado com isso. - respondeu ele com um olhar estranho.

 

 

2 MESES DEPOIS...

 

São 21h da noite e eu estou em uma lanchonete aqui na cidade, quando de repente, aparece a Vanda do nada.

Obrigada por mentir. - disse ela e saiu com raiva.

Na hora eu pensei em ir atrás dela e falar com ela, mas depois de tudo, ignorei e deixei que ela fosse.

Terminei meu lanche, e fui dar uma volta pela cidade, não havia muito movimento, mas o silêncio já me acalmava, e eu gostava as vezes de ficar sozinho. Eu sabia que para um lado não era bom, mas eu gostava.

Depois, fui para casa, assisti um pouco de TV e fui para a cama. 

No dia seguinte, acordei era umas 8h25 da manhã, era um sábado e eu não precisava trabalhar. Nem havia levantado da cama, quando comecei a pensar em meus pais, em como eles poderiam ser, comecei a pensar na Allika, em como foi e será difícil para ela, pensei em meus pais de novo, mas deixei queto, pois sabia que hoje tinha um evento para ir a noite. 

Já era umas 18h24 da noite, e o evento era as 19h30h, era sobre um lançamento de produto novo da empresa, e eu precisava comparecer, já que fui eu mesmo que ajudei a desenvolver o produto justamente para nossos consumidores. 

Começou o lançamento, e eu precisei ir lá na frente e apresentar o produto justamente com minha equipe. Tudo ocorreu com sucesso!

Foi logo depois de finalizar o evento que meu chefe de setor me fala que eu precisarei ir realizar uma viagem a trabalho para San Francisco, nos Estados Unidos. Eu nem pensei muito e concordei.

Eu estava com viagem marcada para a próxima semana já, então já comecei a comprar malas e roupas.

 

 

Acompanhe nossas redes sociais e siga-nos aqui no Spirit Fanfics para receber atualizações desta história que garante grandes emoções.

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...