História Singular - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Ally, Camila Cabello, Camren, Dinah, Fififth Harmony, Justin Bieber, Kendall, Kristen Stewart, Kylie, Lauren Jauregui, Norman, Robert Pattinson, Selena Gomez, Taylor Swift, Zayn
Exibições 93
Palavras 2.217
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eu escrevi essa cap escutando essa musica: Accidentally in love

Desculpe qualquer erro e boa leitura!!

Capítulo 10 - Talvez seja paixão?


Domingo 20:00

LAUREN POV: 

Eu estava em um bup que eu costumava vir nos finais de semana com Dinah e Mani, desa vez a Ally estava com a gente. Tinhamos marcado hoje de manhã por mensagem já que ontem ally saiu como a camila depois do incidente, você deve ta se perguntando o que aconteceu depois daquilo, bom, eu fiquei pensando naquela frase de camila o resto da noite, mesmo voltando para  quarto da dinah depois e as meninas assistirem mais dois filmes eu não consegui mais me concentrar, na verdade nem lembro dos filmes que elas escolheram para assistir, ficava só remoendo aquele momento com a camila e como ela saiu da casa. Eu ate pensei em mandar uma mensagem, ligar ou ir na casa dela para conversar sobre o que ocorreu mas eu não estava mais eu meu momento de coragem, na verdade eu estou me martirizando por aquele momento, se eu não tivesse feito aquilo estaria tudo bem entre a gente, nem sei o que passou por minha cabeça, agora vou ter que me virar depois pra conseguir fazer o resto da nossa parte do trabalho. Esse tempo todo estava em meus pensamentos enquanto estava com o canudo do meu copo na boca, eu estava tão distraída que nem escutei Mani falar comigo. 

-Lauren!!!!!!- mani falou estalando o dedo na minha cara. 

-O-oi -falei saindo dos meus pensamentos  e percebendo que todas me olhavam esperando uma resposta. 

-Que mundo você ta garota? a gente tava te perguntando se amanhã depois da aula do senhor Mads vamos na biblioteca perguntar se tem o livro base para nossa historia de literatura. -Dinah falou. 

-Me distrai com alguns pensamentos desculpem. -falei me endireitando na cadeira e botando uma mecha do cabelo atras da orelha. -Da sim, tomara que tenha, vou precisar muito dele pra conseguir suprir as ideias. -falei indiretamente sobre meu pensamento de camila não querer mais fazer a parte do trabalho comigo. 

As meninas continuaram sua conversa normalmente e dessa vez tentei prestar mais atenção mesmo cada vez que olhava as pessoas naquele pub imaginava como camila estava naquela hora, nossa preciso de terapia isso já já me deixa louca. Quando deu 21:00 Harry e Troye chegaram para sentar com a gente, parecia que o Harry tava pegando um menino, acho que o nome dele é Louis se não me engano. Sentaram com a gente e começamos uma conversa. 

-E ai como foi com o menino lá bee?- Mani perguntou animada para o Harry. 

-Ah legal, ele tem os mesmos papos que eu e beija bem também. -nossa nunca vi harry com vergonha e dessa vez ficou, devia ser bom mesmo esse carinha. 

-Tomara que não esqueça as amizades né. -troye falou bebendo um cole de seu coquetel. 

-Claro que não troye, fosse esquecer eu não tinha falado que tinha compromisso com vocês. -falou e mexeu na sua bebida com o canudo.- E para desse ciumes que você também ta de papo com aquele shawn lá, que alias muito gostoso. -falou com cara de safado para o troye que ficou muito vermelho e a gente acabou rindo da carinha dele. 

-Ah para, tomar no cu vocês. -falou olhando para qualquer ponto que não envolva nos olhar. 

-Ele é um gatinho mesmo, ate achei que tinha chance mas descobri que é gay. -ally falou rindo e acompanhamos. 

-Troye vai fazer a festa ein viado. -Dinah falou e todos rimos mais ainda, troye continuava ignorando a gente, mesmo rindo sinto a mesma coisa as vezes, amigos assim é o preço que se paga. 

A gente continuou tento esse papo sobre pegar pessoas, me perguntaram da kylie mas eu nem sabia responder, depois de sexta não deu mais noticia. Ai veio o assunto que eu não estava preparada. 

-E cadê a camila? não queria sair? -harry perguntou e bebeu um gole de sua bebida. 

-Ah, ela falou que tinha um compromisso marcado já, na verdade ontem a gente foi assistir filme na dinah ela falou que não tava bem e que queria ir para casa, estranho pois nenhuma passou mal com a comida, só ela -Ally falou. -Devia ser alguma intolerância, sei lá, mas ela falou com você não foi lauren?  

-Q-que!? - perguntei um pouco nervosa e todo mundo me olhou. 

-Eu vi vocês se falarem antes que eu fosse deixar ela em casa. -ally completou e relaxei.

-Ah, foi, fui pedir para ela me falar quando ficasse bem para a gente conversar sobre o trabalho. -menti na cara dura, mas to nem ai, ninguém precisa saber daquilo. 

Todos assentiram menos  dinah, ela me olhou uns segundos, me analisou e voltou beber sua bebida e começar outra conversa. Tenho medo dessa mulher, mas desencanei e voltei conversar com eles. Quando deu 22:30  a gente decidiu voltar para casa, amanhã tinha aula então precisava descansar, como eu estava no carro da mamãe ia dar carona para a ally,  dinah levava a mani já que eram vizinhas e troye ia no do harry. Dividimos a conta, nem bebemos muito já que amanhã tinha aula, ninguém merece ressaca em aula né. Nos despedimos e cada um foi para seus carros, quando entrei no meu destravei as portas e ally entrou, parti para sua casa. Quando a gente parou em um sinal de transito acabei lembrando que camila morava 4 casas depois da casa da ally, me veio o pensamento de ir falar com ela mas olhei o relógio e era melhor não já ta muito tarde para ter essa conversa. Minutos depois eu estava na frente da casa da Ally. 

-Obrigada lauren, desculpa você ter que e deixas mas papai não me libero o carro hoje, você sabe como são os pais..-falou suspirando.

-Nada não baixinha, qualquer coisa é só me chamar que faço qualquer favor. -falei sorrindo para tirar o peso da consciência dela e deu certo pois ela abriu um sorriso. 

-Ta bem, até mais lou. -falou me puxando para um abraço. 

-Ate mais baixinha. -falei quando o abraço acabou e ela saiu do carro. - esperei ela entrar dentro de casa e liguei o carro novamente. 

E quando passei pelas 4 casas que separava a casa da ally da camila vi um carro que eu conhecia muito bem chegar e parar na porta da casa da camila, andei um pouco com o carro ainda e parei um pouco na esquina, vi camila descer dele e o motorista que eu já desconfiava ser descer também, o que eu menos queria ver naquela noite eu vi, zayn deixar camila na porta de casa essa hora e ainda descer e dar um abraço mais que apertado nela, a pior parte inda não chegou, antes de camila entrar dentro de casa ele segurou ela pelo braço e puxou para dar um selinho mais que demorado, camila parecia surpresa mas ele não soltava, uns segundos depois ele deu tchau e entrou dentro do carro saindo com o mesmo. Vi camila ficar parada um pouco e arrumar o cabelo, balançou a cabela levemente e entrou dentro de casa. Quando vi aquela cena parecia que minha cabeça ia explodir de raiva, senti o sangue subir minha cabeça e soquei o volante com toda força que encontrei. 

-PORRA! - dei um grito pela dor que deu quando soquei o volante e segurei meu pulso com a outra mão massageando. -Puta que pariu que volante duro!. -ainda gemia um com um pouco de dor. 

Quando a dor passou um pouco, espantei aquela imagem da minha cabeça sem muito sucesso mas precisava ir para casa e pensar um pouco, não sei o que é essa coisa que estou sentindo, na verdade acho que não quero nem saber o que é isso, só preciso esquecer. Arranquei com o carro para minha casa,  se minha mãe saber velocidade que estou ela nunca mais me empresta o carro dela e nem me deixa tirar carteira. Quando já tinha chegado em casa e guardado o carro de minha mãe na garagem  subi para meu quarto e fui tirando minha roupa e jogando em qualquer lugar, arrumei o chuveiro em uma temperatura boa e entrei de baixo dele sentindo um alivio muito grande nos meus músculos que estavam rígidos do pequeno estressa, quando eu estava passando o sabonete em meu corpo fui pensando em algumas coisas, mais especifico camila, a primeira vez que vi ela, a menina chocolate como eu chamava antes de saber seu nome, como ela é tímida, como vive pedindo desculpas sem nem precisar, como aqueles olhos dela me sugam para outro mundo e tenho que me controlar para não fazer nenhuma bobagem, bobagem, essa é a palavra que mais explica o que fiz na casa da Dinah, parecia que uma força maior me puxou para tentar algo e não consegui resistir, não que eu não tenha gostado, claro que amei mas eu amaria mais se ela não tivesse sido tão ríspida com aquela reação, mesmo eu entendendo ela, quando ela me falou que tinha gostado e por isso ia embora, me senti muito ruim, ela devia ta uma confusão agora, eu que não queria no tempo de meu descobrimento alguém tentar algo comigo, eu não gostaria mesmo. Mas aquela imagem do Zayn dando um ''beijo'' nela me deixou atordoada, eu não tinha reação vendo aquilo, fiquei fraca e não gosto de me sentir assim, incapacitada, sem saber o que estou fazendo ou sentindo, odeio muito isso. Terminei de tomar um banho depois de passar longos minutos pensando naquilo, me enxuguei, sequei meu cabelo com o secador e fui botar meu conjunto de moletom ara dormir.  Olhei para o meu celular e vi que já era 00:00, me joguei na cama e me enrolei com o edredom, não tem lugar melhor que minha cama, me aconcheguei e peguei meu celular de novo para ver se tinha mensagem. 

Grupo do bem. 

Mamãe urso: Genteeeeeeeeeeeeeeeee soube que teve uma festa hoje na casa da taylor, disse que teve varias pessoas santinhas da escola bêbadas kkkkkkk queria muito ver. 

Mani: Mentiraaa, nossa nem chamaram a gente, tudo bem eu nem gosto das festas que eles dão, sempre da briga, odeio. Tava melhor nosso pub. 

Harry bee: Nossa soube que aquela Bella thorn se não me engano do nome dela deu pt e saiu vomitando em tudo kkkkk ela sempre se faz de perfeitinha, me da agonia zzzz

Troye bee: Serioo????? kkkkkkkkkkkkkkkkk nossa ela é chatinha mesmo, queria ter visto kkkkkk mas prefiro nosso pub também, não quero passar uma noite vendo a cara daquele grupinho nojento

Mamãe urso: Nossa verdade, imagina passar uma noite vendo a cara daquela gigi? deus me livre, eu que vomitava no lugar da bella kkkkkkkkk 

Mani: seus cobras kkkkkkkkkkkkkkk amo vcs

  Harry bee : Cobra a gente? nnnnaaaaahhhhhhhhh somos mesmo kkkkkkk 

Troye bee: kkkkkkkkkkkkkkkkkk adorooo

Mamãe urso: kkkkkkkkkkkkkkkkk sou mesmo, to nem ai.

Quando li quelas mensagens liguei ao fato do zayn ter ido deixar a camila em casa, nossa ela foi para a festa deles, que merda. Decidi compartilhar aquela informação para as meninas. 

Eu: Gente quando fui deixar a ally em casa vi o zayn  deixar a camila na casa dela......

Mani: Nossa, serio? que bosta

Harry bee: Desmarcou com a gente para ir para festinha de falso, ela ta é cega viu. 

Mamãe urso: .......................................................... logo o zayn, que nojooooo ela merece coisa melhor, ta cega mesmo harry, você viu mais alguma coisa lou?

Eu: Ele puxou ela para um selinho mas pareceu que ela não queria muito, depois disso ele foi embora e ela entrou dentro de acasa, então não sei muita coisa. 

Falei aquilo e parecia que a raiva queria voltar, mas respirei fundo e me acalmei. 

Troye bee: Eco, aquele zayn quer só comer a coitada, alguém manda ajuda para ela. 

Eu: No dia que ela veio estudar aqui me falou que só andava com eles na escola, deve ser a primeira vez que saem, sei lá. 

Harry bee: Devia parar de andar até na escola, como aguenta? deve ter espirito de buda essa ai. 

Eu: kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk bee vc não presta kkkkk 

Troye bee: kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk grito

Mamãe urso: kkkkkkkkkkk urrei kkkkkkkkk

Mani: kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk scrrrr kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

A gente deu tchau e bloqueei o celular para tentar dormir, decidi pegar meu fone de ouvido e escutar algumas musicas para dormir, peguei o fone na minha gaveta de criado mudo e botei no celular indo para o aplicativo de musica, botei no aleatório e comecei escutar e barriga para cima, fechei os olhos e começou uma musica que gosto muito (Accidentally in love - Counting Crows https://youtu.be/22bK0C2obFc ) ela começou tocar e fui prestando atenção nela: 

So she said what's the problem baby (Então ela disse qual é o problema baby )

What's the problem I don't know (Qual é o problema eu não sei)

Well maybe I'm in love (love) (Bem, talvez eu esteja apaixonado) 

 Think about it every time (Penso nisso o tempo todo )

I think about it   (Eu penso nisso )

Can't stop thinking 'bout it  (Não consigo parar de pensar nisso )

Quando a musca foi tocando e eu prestando atenção nela abri os olhos e cada parte dela fui pensando sobre camila, como eu olhava par ela, como eu queri aquele beijo naquele dia, como eu estava apaixonada? Me levantei e sentei na cama. 

-Porra, eu to apaixonada? 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...