História So Close But So Far Away - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer, Harry Potter, Justin Bieber, One Direction, Zayn Malik
Personagens Alvo Potter, Ashton Irwin, Harry Styles, Justin Bieber, Liam Payne, Louis Tomlinson, Luke Hemmings, Niall Horan, Scorpius Malfoy, Zayn Malik
Tags 5 Seconds Of Summer, Harry Potter, Hogwarts, Justin Bieber, One Direction, Zayn Malik
Exibições 18
Palavras 1.353
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Ficção, Magia, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, meu povo bonito, essa fic é aquela q eu reescrevi, e cm vcs devem ter notado, mudou pakas e agr eh td em Hogwarts. Espero q gostem, favoritem ai pleaseee ❤️💙💛💚

Capítulo 1 - The Beginning


Victoria's POV

– Victoria Malfoy...

"Grifinória, Grifinória, Grifinória..."

Cruzei os dedos.

– Sonserina!

Merda. 

Sim, eu sou uma Malfoy, mas sempre quis ir pra Grifinória, diferente do lindo "legado" da minha família. 

Lembro até hoje dos aplausos loucos da mesa da Sonserina até eu me sentar com a maior cara de bunda existente na Terra. 

Ainda hoje, indo pro meu 5º ano em Hogwarts, não me conformo em ficar na Sonserina, apesar de ser uma casa boa pakas. 

– Vamos, Victoria, vai se atrasar!

– Espera, pai!

– Tô levando sua mala e sua coruja lá pra baixo.

– Só falta pegar o carregador e a varinha.

Peguei os malditos e desci as escadas correndo. Me despedi da minha mãe e fui pro carro.
[...]

– Chegamos.

– Vai encontrar o Alvo?

– Sei lá, se ele estiver lá, provavelmente sim.

Saímos do carro e depois de descarregar tudo fomos pra plataforma. 

– Pronta?

– Pronta.

Corremos juntos e chegamos à plataforma 9 3/4. Logo na entrada já vi a Alexia (óbvio q tava pra ver ela, com a poha do cabelo colorido herdado da avó e do pai).

– LEXIIII!

– VIIIIII!

Saímos correndo uma pra outra igual umas unicórnias estupidas e nos abraçamos.

– Vamo entrar logo.

– Pois é, vai entrando e guardando uma cabine pra gente.

– Tá. 

Ela entrou e eu fiquei com meu pai, que estava procurando o Alvo. Finalmente achou.

– Scorpius!

– Alvo!

Eles começaram a conversar e eu fui falar com o Luke, filho dele (neto de Harry Potter, *cof*cof*, e meu melhor amigo desde bebês, basicamente)

– Lukeee!

– Oi!

Demos um abraço e ele continuou falando:

– Como foi seu verão? Pegou mui...

Tapei a boca dele e sussurrei:

– O retardado, não tá vendo que meu pai tá ali não?

– Na verdade não.

– Aí seu idiota, vamos entrar logo.

– Pai, eu e a Victoria vamos entrar, okay?

– Tá, filho, divirta-se e mande notícias. Não esquece a mala!

– Filha, mande coruja quando chegar e PELO AMOR DE DEUS SE COMPORTE!

– Vou tentar...

Dei um beijo na bochecha do meu pai, peguei a mala e a coruja e fomos para o trem.
[...]

Quando FINALMENTE achamos a cabine da Lexi, a Helo já tava lá.

– Oiiii Helo!

– Oi Vi.

– Tá na bad, é? Quem foi dessa vez?

– Não, idiota, tô com sono. Por que você malicia tudo?

– Sei lá, influência do LUKE.

– Ei ei, não me mete nisso. Desculpa, meninas, mas vou encontrar a cabine dos meus amigos.

– ME TROCOU, NÉ?! OO ESTUPIDO, VOLTA AQUI!

– Cala a boca Vic. LUKE, MANDA UM BEIJO PRO MEU IRMÃO!

– Pode deixar Helo.

Passou uns 5 minutos e a Lanna chegou junto com a Helena e a Skyler.

– Oi meninaaaas.

– Oi Lã, Lena e Sky.
[...] 

– Gente, vou no banheiro.

Sai da cabine e fui passando de vagão em vagão até que trombei com o Luke lá no meio.

– Onde você pensa que vai?

– Te interessa?

– GROSSA.

– Tchau, bestão.

O Luke era da turma dos "populares", mas ainda assim era meu amigo. Na verdade, ele é amigo de basicamente todo mundo. Tem gente que até me acha "popularzinha", mas eu não me acho isso não. 

Luke's POV

Voltei pra minha cabine, já que estávamos chegando em Hogwarts. 

– Potter, vem brincar de verdade ou desafio.

– Tá.

Sentei no chão com eles e giraram uma garrafa de suco de abóbora.

– Weasley pergunta pra Potter.

– E aí, Luke, verdade ou desafio?

– Vou de desafio mesmo...

Um sorriso malicioso apareceu na cara do Louis.

– Já tenho um prontinho pra você. Desafio você a ir pra cabine das meninas e jogar uma bombinha fedorenta.

– Puta que pariu Louis! A Vi vai me matar!

– Quem é Vi? Não tô ligando, pode ir lá. Desafio é desafio.

Ele me entregou uma bombinha e meu celular.

– Filma tudo.
[...]

Cheguei na frente da cabine na mesma hora que a Vi chegou por trás e perguntou:

– Que tu tá fazendo aqui?

– Não tô indo pra sua cabine, to... tentando achar o carrinho de doces.

– Tenho certeza que isso não vai acontecer enquanto você estiver parado na frente da minha cabine.

– Estressadinha.

Ela sorriu e entrou e eu sai andando pra despistar. Esperei um minuto, liguei o celular e comecei a filmar.

Me abaixei e abri um vão minúsculo na porta, torcendo pra ninguém perceber, e coloquei um pedacinho da câmera pelo vidro pra ver a cara delas. Joguei lá dentro e em meio segundo:

– Que cheiro é esse?

– Puta merda, quem peidou?

– É uma bombinha fedorenta, conheço esse cheiro.

– Quem tá com bombinha aqui?!

– PUTA MERDA QUE CHEIRO RUIM! ALI A BOMBINHA, ALGUÉM ALI FORA JOGOU!

Ouvi a voz da Vic:

– Luke.

Sai correndo como se não houvesse amanhã e ainda deu pra ouvir a porta abrindo.
[...]

– ABRE, ABRE, ABRE!

O Niall abriu a porta e eu entrei correndo, já fechei a janela de dentro e tranquei de novo a porta.

– Como foi?

– Sabem que fui eu.

– Não me diga que você jogou e saiu gritando "LUKE ATACA DE NOVO".

– Não, mas eu disse que a Vic ia saber.

Logo depois ouvimos uma batida e o Harry foi atender.

– QUEM É?!

– Chama o Potter.

Ele tava segurando a risada e olhou pra mim com cara de "tá fudido cara".

– MAS QUEM É?!

– Abre logo essa merda.

– Harry, não abre.

– SE PROTEGE LUKEE!

Ele abriu e pá, entrou um mar de garotas na nossa cabine.

Antes de todas elas começarem a me bater, o trem parou.

– Salvo pelo gongo, idiota.

Elas saíram (provavelmente pra pegar as coisas delas) e todos eles começaram a rir incontrolavelmente.

Victoria's POV

– Aquele filho da puta, vou matar ele.

– Se controla, Sky.

– Pelomenos já pegamos nossas coisas.

– MAS A GENTE TÁ FEDENDO.

– Perai.
[...]

Não sei como a Lanna sabia, mas ela fez um feitiço pro fedor sair das nossas coisas. Tem que ser uma Granger pra fazer isso, mesmo.

– Melhor?

– Muito melhor.

Depois disso a Helo ainda deu um jeito de pegar um perfume da mala dela e passar em todo mundo.
[...]

– SENTEM-SE, POR FAVOR.

Todo mundo sentou no mesmo instante. Eu e Lexi na Sonserina, Stela e Luke na Grifinória, Helo e Sky na Lufa-Lufa e Lanna na Corvinal (ISOLAAADA)

– Obrigada. Bom, como sabem...

Bla, bla, bla, discurso inspiracional. Agora só lembrei da parte que interessa:

– Como devem saber, aparelhos eletrônicos só poderão ser usados nos dormitórios e salas comunais, e cada sala terá sua própria WiFi, com senha disponibilizada pelos monitores. As pesquisas só poderão ser feitas por livros na biblioteca, obviamente pois não há sites com conteúdos de nosso mundo.

Bla, bla, bla, resto e tal. Quando ela acabou o discurso, todos aplaudiram e obviamente era hora da comida, porque a fome tava foda.
[...]

Eu tava na sala comunal com a Alexia, e começamos a falar sobre as matérias:

– Que matérias não obrigatórias você escolheu?

– Adivinhação e Trato das Criaturas Mágicas, e você Lexi?

– As mesmas! São as melhores, mesmo.

– Pois é, quero ter aula com o Hagrid, o avô do Luke falou que ele é engraçado pakas.

– MANO, ESQUECI!

– Do que?

– TENHO QUE MANDAR MENSAGEM PRO MEU PAI, ELE VAI ME MATAR!

– O meu também, fudeu.

Fui pro meu quarto e na hora de dormir resolvi entrar no Twitter. Fui ver minhas mensagens e lembrei de um amigo de lá meu, que não falava por semanas, e resolvi mandar um oi, que ele respondeu até rápido.
"Oie"
"Oi"
"Qto tempo a gente não se fala neh"
"Pois e, minhas aulas começaram hj, e tava me preparando"
"As minhas tb"
"Mas e aí, cm tá sua vida ��"
"Msm bosta �� e a sua"
"Tô na escola nesse momento, o que você acha"
"Eu tb tô"
"Pensei q so minha escola estranha tinha dormitórios"
"Pensou errado pelo visto"
"Tem assunto?"
"Ñ hahah"
"Pq vc ñ tem ft de perfil?"
"Sla, n quero, e vc"
"Sou feio p cacete"
"Hahah"

– Desliga essa merda Vi.

– Tá, já vou.
"Ent, minha amiga tá falando p eu desligar"
"Ela ñ t obriga a nd"
"Ela vai m espancar c eu ñ desligar"
"Ent tchau"
"Boa noitee ����"
"Boa noite ��"

E assim acabou minha noite, com eu pensando em como seria o menino da internet e se ele seria feio mesmo.

 

 


Notas Finais


Espero q tenham gostado, se gostarem, favoritem pleaaaseee💜 Comentem❤️ E créditos para MARIANNA GAUNA pela capa 💙 T amo Hemmings hahah


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...