História Só existe asas - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Karol Sevilla, Lionel Ferro, Ruggero Pasquarelli
Personagens Personagens Originais
Tags Gastina, Jico, Lutteo, Pelfi, Simbar, Sou Luna, Soy Luna, Yamiro
Exibições 96
Palavras 1.308
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi, desculpa a demora, mas a semana foi corrida. Espero que gostem.

Capítulo 2 - Confusões "amorosas"


Pov Luna
Estava no colégio procurando a Nina, concerteza ela estava na sala de aula. Quando estava a caminho da mesma, sou um parada por uma pessoa, que pela voz julgo ser Ámbar.

Ámbar:Luninha, o que vc tem com o meu namorado ?

Luna:nada.

Ámbar:então, o que foi aquilo o na sala de aula, ontem ?

Luna:Ámbar, foi só um mal entendido, não aconteceu nada demais, me desculpa eu nao queria causar problemas.

Ámbar:pois causou, então se ponha no seu lugar, pós todos nós temos um, e o seu justamente, não é o protagonico. -disse e foi embora

Percebi alguém caminhando até mim, era Nina, fiquei mais aliviada.

Nina:o que aconteceu Luna ?

Luna:É que, ontem eu tropecei e quase cai e o Matteo me segurou, e nós ficamos bem próximos, e a Ámbar pensa que íamos nós beijar.

Nina:e não iam ?

Luna:não Nina, claro que não,  por que pensa isso ?

Nina:por que vcs tem química juntos.

Luna:só que não Nina, ele nunca gostaria de uma garota como eu e aliás ele tem namorada, e a ama.

Nina:más nunca se sabe, o amor é um jogo, que temos que saber jogar.

Luna:eu já escutei isso antes -pensei um pouco até que lembrei- foi no Fab and Chic, uma tal de Felicity For Now.

Nina:claro, q...quem não viu -disse nervosa e gaguejando.

Luna:por que tá nervosa ?

Nina:por nada. -Nessa hora o sinal bate.

Luna:salva pelo gongo senhorita Nina, vamos ?

Nina:vamos.

Vamos juntas para a sala, e quando chegamos, nos sentamos em nossos devidos lugares, e depois de um pouco de tempo (muuuuito tempo) a professora chega.

Professora :Olá alunos, bom dia. Hoje nós vamos fazer um trabalho em dupla, o Tema é: A vida humana e a Natureza.

Professora:Bom as duplas vão ser:Jim e Nico, Yam e Ramiro, Delfi e Pedro, Nina e Gastón e Luna e Matteo.

Luna:o que eu fiz pra merecer isso ?

Matteo:feliz ? Aliás irá fazer dupla com o melhor.

Luna:serio,  eu não acredito, aah -dei um gritinho esterico e nós dois rimos.

Matteo:ok, vamos começar.

Depois de alguns minutos, ou seja metade da aula, nós terminamos, e passando- se alguns minutos deu o intervalo.
No final das aulas, Nina me chamou para ir a um lugar chamado Jam e Roller, e eu aceitei, passei em casa, avisei meus pais, troquei de roupa e fui com Nina até esse tal lugar.
Quando chegamos lá,  ela me descreveu o lugar detalhadamente, e era maravilhoso, ela me levou em cada canto, descrevendo-o sempre.

Luna:você patina ?

Nina:eu ? Magina, eu tenho medo, nem de bicicleta eu ando, e vc ?

Luna:eu patinava, antes de ficar cega.

Nina:me desculpe.

Luna:não foi nada.

Estávamos andando quando alguém me chama, e eu sabia perfeitamente quem era.

Matteo:menina delivery vc por aqui ?

Luna:Mauricinho.

Matteo:Está me seguindo ?

Luna:eu ? E por que eu faria isto ?

Matteo:por que todas querem estar comigo.

Luna:mas vc tem namorada, e eu não gosto de vc.

Matteo:ok vou fingir que acredito. O que acha de patinarmos um pouco ?

Luna:Não eu sou cega e aliás eu estou com a Nina.

Matteo:Nina ? Ela já se foi. -revirei os olhos, ótimo ele não vai parar de me encher.- Então, sim ou não ?

Luna:Matteo, eu sou cega Hello.

Matteo:eu te guio vem.

disso e sentamos em um banco, colocamos patins e ele me guiou até a pista, e lá começamos a patinar, fizemos passos incríveis, estávamos entre risadas e sorrisos, até escutarmos um pigarreio.

Ámbar:que bonito hein, vcs não se cansam. E vc Luna o que faz na minha pista ?

Luna:ela é pública, não sua.

Ámbar:claro, foi só uma maneira de dizer, já que eu sou a Rainha da Pista.

Luna:ha.

Ámbar:meu amor, vamos treinar ?

Matteo:eu vou descansar.

Ámbar:ok.

Ele me leva até a saída da pista.

Luna:é melhor a gente parar de se falar, Ámbar já me odeia o suficiente.

Matteo:agora liga pro que os outros dizem ?

Luna:não, mas não quero ter uma inimiga, mal entrei no colégio.

Matteo:relaxa isso passa, ciúmes temporário.

Luna:tomará que sim.

Tirei os patins e fui procurar Nina, quando a encontrei ela me levou até em casa.
O Matteo é tão fofo, e hoje quando fomos patinar... Que isso Luna, ele tem namorada e a ama, vc não pode ter esses pensamentos com ele.

Pov Matteo
Quando voltei pra pista, e vei uma bronca.

Matteo:Ámbar só estávamos patinando não tem nada demais.

Ámbar:claro que tem, meu namorado só patina comigo.

Matteo:Ámbar vc não é minha dona é minha namorada.
,
Ámbar:por isso mesmo, não quero meu namorado com outra. -Disse e saiu, e eu revirei os olhos.

Por que ela é tão controladora ? Por que eu namoro ela mesmo ? Ela era uma pessoa doce, vencedora, merecedora e popular, hoje em dia eu só vejo uma garota controladora e popular. Ela não é a mesma Ámbar de antes, não é a mesma por quem eu me apaixonei. Já a Luna é carinhosa, meiga, linda, humilde... Que isso Matteo tira esses pensamentos da sua cabeça.

(De manhã)

Pov Luna
Me arrumei, tomei café da manhã e fui a escola.

Nina:Oi Luna, eu não te perguntei, mas, como foi patinar com o Matteo ontem ?

Luna:Oi Nina, olha nem vem com essas perguntas,  já disse não gosto dele.

Nina:Serio ?

Luna:uhum.

Nina:pois, não é o que o seu sorriso diz quando ele se aproxima de você. 

Luna:não Nina, vc tá viajando.

Nina:e vc também, na Matteolandia. -disse, é logo depois caiu na gargalhada.

Luna:hahaha que engraçado, estou morrendo de rir.

Nina:vai confesa foi engraçado.

Luna:e vc na Gastónlandia. -Nina parou de dar risada na mesma hora e eu comecei a gargalhar.

Nina:muito engraçada senhorita Valente.

Luna:ok, ok eu paro -disse ficando um pouco mais séria.- assim tá melhor ?

Nina:sim, vamos.

Luna:sim general -digo e bato continência, e nós duas rimos e vamos para a nossas salas de aula.

A aula se passa tranquila, e chega mais uma, depois disso vem o recreio. Eu e Nina estávamos conversando quando chegam mais duas pessoas.

Matteo:ora, ora, olha quem está aqui a menina delivery e sua melhor amiga.

Luna:eu estudo aqui.

Gastón:desculpa atrapalha o casalsinho más, eu não gosto de segura vela.

Nina:lógico, vc não é suporte.

Matteo:como estam irônicas hoje.

Gastón:tão na TPM por acaso ?

Nina:perdeu a noção do perigo ?

Luna:tá querendo morrer ?

Gastón:calma, foi brincadeira meninas, calma.

Matteo:vcs estão muito estressadinhas hoje, que tal depois do Blake irmos ao Roller ? Talvez vcs relaxem um pouco.

Luna:não estamos estressadas, vcs são o problema.

Matteo:vai aceitem, vcs vão estar com os melhores do Blake e do Roller, como não aceitar ?

Luna:sua namorada não gostaria de saber disso.

Matteo:minha namorada não manda em mim.

Gastón:é aí aceitam ?

Luna/Nina:Não, sim. -dissemos ao mesmo tempo -quer dizer sim, não.

Matteo:se decidam.

Luna:sim.

Gastón:nos encontramos no Roller, xau.

Matteo:xau.

Luna/Nina:xau. -Nina da um suspiro.

Luna:vc gosta do Gastón. -digo surpresa.

Nina:não,  nada a v...ve...ver. -disse gaguejando.

Luna:sei, vou fingir que acredito. -o sinal bate. -vamos ?

Nina:sim.

O resto as aulas seguiu normalmente, depois que as aulas terminaram, fui para casa, almocei, tomei banho e me troquei, fiz minha make e com cuidado desci as escadas. Quando cheguei ao Roller, ouvi Nina me chamar e fui até ela, e nos sentamos juntas e começamos a conversar. Algum tempo depois, os meninos chegam.

Luna:finalmente, estava quase dormindo aqui.

Matteo:não exagera, só nos atrasamos um pouco.

Nina:para ser mais exata, 5 minutos e 21 segundos

Gastón:22 segundos -disse corrigindo-a.

Matteo:o casal nerd, já deu né.

Nina:não som...mos um ca...casa...casal Ma..Matteo.

Matteo:uhum sei.

Luna:vou atuar e fingir que estou acreditando em tudo isso que acabaram de dizer.

Escuto passos largos até nossa mesa, e depois uma voz fina e autoritária de Ámbar.

Ámbar:o que está acontecendo aqui ? -gelei ao escutar sua voz, deu ruim.


Notas Finais


Espero que tenham gostado, Beijos e ate o próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...