História Sobrenaturais - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Justin Bieber
Tags Justin Bieber, Kat Graham, Lily Colins Shawn Mendes
Exibições 28
Palavras 2.178
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Festa, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiiiie minhas fulor e meus fulor de mandacaru😂, tudo bem ai? Aqui está mais um capitulo da Nossa fanfic espero que gostem.

NOTAS FINAIS

ÓTIMA LEITURA

Capítulo 18 - Híbrido


Fanfic / Fanfiction Sobrenaturais - Capítulo 18 - Híbrido

- tudo bem – ele falou e eu dei um sorriso – pode tirá esse sorriso da cara, isso não significa que vou deixa você ser minha mãe – ele falou e saio.

Voltei pró quarto, ate que o Lorenzo chegou.

- vamos toma café querida – falou me dando a mãe.

- vê se fica longe de mim – falei e sair, desci para a sala me sentei na mesa fiquei olhando eles comerem, não toquei na comida.

- não está com fome minha querida?

- não estou com fome de comida humana – falei e ele chamou uma empregada – pode se servi a vontade – ele falou e eu morde o pescoço dela tirei cada gota do seu sangue depois arranquei o coração dela e o espremi em seu prato- vai pro inferno.

Voltei pro quarto fique sentada na cama pensando como iria fugir de lá ,não consegui acha nem um modo de sair de lá, passei o dia inteiro no quarto já estava de noite.

- se arruma termos visita – falou o Enzo.

- não tenho roupa se esqueceu que ele me sequestrou.

- ele comprou algumas roupas pra você, ta lá no quarto dele.

- tudo bem.

- outra coisa que fique bem claro não vou fugir com você, ele pode ser louco mais eu me criou não vou deixa ele.

- mais ele vai me mata.

- o azar e seu.

Ele falou e saio, fui ate o quarto do Lorenzo me assustei quando entrei o quarto tinha varias fotos minhas de 1868 era assustador, entre no closet do quarto e peguei uma roupa e um sapato. Eu desci.

- olá irmã.

- seu desgraçado – falei caminhando ate ele ficamos cara a cara – você sabia de tudo sabia que ele tava com meu filho.

- eu queria ver você sofre -ele me pegou pelo pescoço e apertou com muita força – queria vê você sofre, queria saber que você estava mais morta do que nunca, sabe por que? Por que eu tinha tirado a única coisa que te lembrava do John.

- foi oque você sentiu?

- como assim? – ele apertou ainda mais o meu pescoço estava ficando sem ar.

- quando eu matei a sua amada e te dei a cabeça dela de presente, e logo depois matei a vadia da sua mamãe e o merda do seu pai, foi o mesmo que você sentiu? – ele me levantou do chão rir da cara que ele fez, tirei a sua mão do meu pescoço, peguei em seu pescoço e o joguei no chão – nos nunca vamos pode ama ninguém, sabe por que? Por que eu sempre vou destruir a sua vida e você sempre vai destruir a minha, então não a dor que você me cause que eu não possa causa maior – me virei e subi pro quarto fiquei . Depois de um bom tempo bateram na minha porta, era o Lorenzo.

- olá querida.

- você ta bêbado?

- só um pouquinho – ele falou cambaleando pra cima de mim.

- sair de perto de mim – o empurrei.

- por que minha queria, vamos brinca um pouco – gritei pelo Enzo, o Lorenzo veio pra cima de mim ficou tentado me beija tentando tira minha roupa, continuei gritando pelo Enzo, ele me jogou na cama e abriu minha pernas, rasgou o meu vestido me deixando só de calcinha, gritei muito pelo Enzo, vi mãos quebrando o pescoço do Lorenzo.

- Enzo?

- vamos embora mãe.

- acredita em mim agora?

- sim.

- cadê o nossos anéis?

- estão aqui eu peguei enquanto ele tava aqui com você – ele falou e me entregou o meu anel.

Nos saímos e ficamos andando pela estrada esperando algum carro passar, um carro, tava mais pra uma camionete parou pra nos era uma mulher nos arrancamos ela do carro e a matamos. Já fazia um bom tempo que nos estávamos na estrada.

- como era a vida com o Lorenzo?

- tinha a parte boa e a parte ruim, a parte boa era que eu tinha tudo que eu queria tudo que você possa imaginar eu tinha, as melhores roupas, os melhores carro as garotas.

- e a parte ruim?

- ele só falava de você.

- ele já chegou e te machucar?

- muitas vezes.

- por que ?

- a maioria das vezes era por que eu perguntava de você. Teve uma vez que eu tinha perguntado por você, ele me deixou no sótão da casa um dia inteiro sem comida, outra vez foi quando eu disse que iria atrás de você que eu não suportava mais ele, ele apagou vários cigarros na minha pele, mas a pior foi quando eu  perguntei do meu pai com essa ele me matou me transformou um vampiro, ai ele começou a encher a minha cabeça dizendo que você me abandonou.

- ele te transformou em vampiro.

- não foi bem eu que pede a ele isso, acho que ele fez isso por que ele queria que eu te matasse, ele não tem coragem de te mata, ele pode fazer isso tudo mais nunca te mataria ele é muito louco por você pra fazer isso.

- pode ser mas não vamos arrisca que ele me ache de novo.

- você não acha melhor liga pra suas amigas.

- acho sim, nos paramos em um telefone de rua, liguei avisando que se nos não chegássemos em menos de um hora elas podiam vim atrás de nos. Voltamos para a estrada.

- oque aquilo – tinha um carro parado no meio da estrada.

- não faço ideia – um luz branca apareceu e eu apaguei me acordei em um quarto bem sujo, eu estava acorrentada em uma cadeira, o Enzo também, ele estava do meu lado.

- oque aconteceu Jenny?

- não faço a menor Ideia – falei e um cara entrou ele tinha olhos verdes era bem bonito que pena que vou mata ele.

- você deve ser o Enzo Lucca Bieber, estou certo?

- sim agora fala quem é você.

- eu sou só um cara.

- só um cara? Fala então oque você quer?

- só quero a sua familia completa.

- como assim? – perguntei.

- você deve ser a linda senhora Bieber – ele falou passando a mão no meu rosto e alisando o meu cabelo.

- tira a mão dela, ou eu vou arranca-las do seu braço.

- olha só que o moleque é corajoso.

- fala logo oque você quer.

- primeiro vou ativa o seu lado lobo, depois vou drena o seu sangue, vou trazer o seu pai de volta vou acorda ele de um sono de 150 anos, e depois vou trazer uma pessoa de volta do outro lado usando o seu sangue o sangue dele e o da sua mamãe talvez o do seu primo também.

- eu não posso ser híbrido.

- a pode sim, é bem simples eu só preciso de bruxo bem forte da pedra da lua e também de uma lua cheia, mas a próxima lua cheia só vai ser daqui a três dias então teremos tempo.

Ele falou e saio

- você tem um plano? – perguntou o Enzo.

- não faço a menor ideia de como sair daqui.

- que ótimo eu vou ser transformado em híbrido e depois eu servi de bolsa de sangue humana.

- calma deixa eu pensar um pouco.

- tudo bem.

- vamos lá ele precisa de um bruxo e de sangue de lobo e de uma tal pedra da lua, mas ele ainda não tem o sangue de lobo, ele também vai precisar da lua cheia que só acontece daqui a três dias, nos temos três dias pra sair daqui.

- ok, mas como vamos sair daqui.

- não vamos.

- oque?

- você se esqueci que eu tenho três homens loucos por mim um eu não sei onde esta mas com certeza o Lorenzo e o Shawn vão vim atrás de mim.

- nossa meus parabéns, e se eles não virem?

- ai você vai ser transformado em hibrido e eu vou ser sei lá oque vai acontecer comigo.

-obriga por se preocupar – assim que ele terminou de falar escutamos um barulho como se fosse uma explosão, a porta foi derrubada.

- vamos sair daqui.

- Shawn?

- vem vamos embora.

- não tem como as correntes estão enfeitiçadas – ele olhou e falou algumas coisas de bruxos e as correntes se soltaram.

Nos saímos do cativeiro e entramos dentro de uma corro, a Jazzy e a Ray estavam lá, fui no banco da frente junto com o Shawn o Enzo estava no meio das meninas do banco de trás.

- sabe que parando pra olha pro seu filho ele é bem gato viu – falou a Jazzy.

- isso é verdade eu gostei dos olhos dele- falou a Ray.

- olha só esse queixo – ele falou passando a mão no queixo o Enzo – deixa eu vê se você tem um tanquinho – a Jazzy falou e levantou a camisa do Enzo ele abaixou a camisa, elas ficaram alisando ele.

- será que da pra para de alisar ele – falei.

- obrigada Jenny.

- é que ele é tão gato, tenho que aproveita que ele é seu filho.

- como assim?

- tipo assim por que os garotos mais gatos escolhe você.

- ta bom então, como vocês nos acharam?

- o Shawn fez um feitiço de localização e depois ele saio destruindo tudo e pegou vocês.

- obrigado Shawn.

- tudo bem, mais o que ele queria com vocês?

- ele tava falando uma coisa sobre os Bieber me transforma em hibrido e também falou que meu pai tava vivo.

- ele que fazer um feitiço com o sangue dos Biebes, mas pra que ele que isso?

- não faço a menor ideia.

- cadê a Kay e a Heily? – perguntei.

- a Heily sumiu e a Kay ela esta nos esperando na casa do Justin – falou a Ray.

- então cadê o Justin?

- ele sumiu na mesma noite que a Heily.

- tipo assim vai demora muito pra chegar?

- não.

- ainda bem.

- por que?

- tipo assim sera que da pra você para de me encarar? – ele perguntou olhando pra Jazzy.

- você e tão parecido com seu pai.

- chegamos – falou o Shawn.

Nos saímos e entramos dentro da casa a Kay estava sentada no sofá da sala.

- oi Kay – falei.

- oi Jenny, como você ta?

- vou sobreviver, você conseguiu sua magia de volta?

- sim mais não foi fácil.

- Kay esse é o meu filho o Enzo Lucca.

- mais pode me chama de Enzo.

- seu filho?

- longa história agora eu só quero dormi, vem Enzo vou te mostra o seu quarto.

Depois que mostrei o quarto do Enzo tomei um banho e me deitei dormi pensando no Justin.

On Enzo

Tomei banho, quando estava saindo do banho bateram na porta, o quarto ele era bem luxuoso estava me sentindo em casa.

- eu peguei essas roupas do Justin pra você – era a doidinha da Jazzy ela já chegou entrando no quarto.

- obrigada, agora você pode ir.

- mais já tava querendo fica – ela falou se aproximando de mim ela passava a mão por todo o meu corpo.

- não faz isso garota – ela pegou em meu pênis.

- e por que não?

- você não sabe do que eu sou capaz – ela tava beijando o meu pescoço.

- então me mostra – peguei ela pela cintura e a joguei na cama, comecei a tira sua roupa deixei ela somente de langeri, sair depositando chupões em seu corpo, ele ficou por cima de mim e foi dando mordidas em minha barriga ate chega em meu pênis ela começou a chupar me fazendo gemer, ela subiu ate o meu pescoço e me deu uma mordida pude sentir ele suga o meu sangue, retribuir a mordida, deixei ele totalmente sem roupa, introduzir o meu pênis em sua vagina e fiz movimentos de vagar depois comecei a fazer movimentos mais fortes ela gemia de prazer, ate que nos dois gozamos, logo depois nos dormimos.

On Jenny

Me acordei tomei um banho e logo depois desci, só vi a Kay e o Shawn tomando café.

- cadê a Ray?

- ela saio disse que tinha que compra alguma coisa – falou a Kay.

- e a Jazzy e o Enzo?

- ainda não desceram.

Fui ate o quarto da Jazzy, a cama dela estava vazia e arrumada, isso não e coisa da Jazzy. Foi ate o quarto do Enzo e bate n porta.

- oi.

- oque você ta fazendo no quarto do Enzo só de toalha?

- eu tava no banho.

- e você não tem mais banheiro não? – falei e o Enzo saio do banheiro só de toalha – tudo bem eu já to de saída – falei e sair escutei a Jazzy fala( vamos recomeçar) – eu quero os dois lá em baixo agora.

- já estou indo mamãe.

- você é tão irônico – isso ele saio como eu.

 Eles dois desceram, eu reunir todos na sala.


Notas Finais


Roupa da Jenny


http://www.polyvore.com/m/set?.embedder=20918392&.svc=copypaste-and&id=211522899

Roupa do dia seguinte

http://www.polyvore.com/m/set?.embedder=20918392&.svc=copypaste-and&id=211935924


Iai, oque acharam desse novo capitulo?
Falem ai oque vocês acharam desse capitulo, se gostaram deixem aquele incentivo, se não deixem a sua opinião.

Gente a Jazzy e o Enzo juntos, a Jazzy não perde tempo mesmo, mas sera que ela esqueceu do Joseph tomara que sim, e a Jenny e o Justin como sera que vão fica? AiAi tem muita coisa pra ainda, Então não Percam o próximo capítulo da nossa fanfic.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...