História Sobrevivência - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias The Walking Dead
Personagens Andrea, Beth Greene, Carl Grimes, Carol Peletier, Dale Horvath, Daryl Dixon, Glenn Rhee, Hershel Greene, Lori Grimes, Maggie Greene, Merle Dixon, Personagens Originais, Rick Grimes
Tags The Walking Dead
Exibições 34
Palavras 2.561
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Famí­lia, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


mais um capitulo gente... boa leitura

Capítulo 27 - Tentando uma nova chance


                                                                    Daryl

Gravida? era a pergunta que soava minha cabeça o tempo todo não sei se estou preparado para ser pai, não agora! e não faço ideia do que fazer ou falar para ela.

- Vamos deixar eles sozinhos (Maggie fala se levantando)

- Não precisa Maggie não tenho nada pra falar ele (fala Jhanny com frieza) 

- Mais eu tenho. (Eu falo Hashel e Maggie me olha, acenam a cabeça e concorda comigo, Jhanny me olha mas não fala nada)

Maggie sai olhando para Jhanny vejo que ela acena com a cabeça, não sei o que isso significa mais parece que Jhanny concorda, me sento de frente para ela, sei que devo uma explicação mais não sei por onde começar Jhanny ,me condena com os olhos.

nunca me sentir tão culpado como estou agora, não sei mesmo o que falar para ela, so quero que as coisas entre a gente se resolva pois voltei por ela.

- Você não precisa está aqui (Jhanny fala) 

- Mais do que está falando? (eu pergunto)

- Sei que está aqui agora tentando falar comigo porque Hashel falou que eu esteja grávida (Jhanny etá enganada queria está aqui a muito tempo)

- Não estou aqui por causa disso Jhanny, estou aqui por você 

- Achei que você tinha falado pra mim que não sentia mais nada. (Jhanny fala parece tão fria me despreza não sei se posso recuperar ela)

- É! Mais na verdade é que eu sentia muito, muito para assumir e muito demais para te dizer, eu não sei expressar isso Jhanny, posso não saber o certo oque sentia mais posso garantir como doeu aquilo que falei, por isso estou aqui, estou aqui porque sei como doeu e sei que doeria eu ficar longe de você. (ela me olha parecia séria, não sei de onde surgiu essas palavras mais é mas pura verdade não me vejo mais sem ela)

- Você foi embora Daryl, a gente precisou de você aqui e você foi embora com Merle. 

- Ele é meu irmão, é minha família, não podia deixar ele sozinho (ela me olha parece não aceitar)

- Mais enquanto a mim Daryl? você pensou? 

- É eu pensei sim, pensei tanto que também não chamaria você pra você pra ir comigo, você e eu sabemos que la fora não é lugar pra ninguém e também sei que não deixaria sua irmã pra ir comigo ( ela fica calada me olha mais não diz nada) 

- Sabe! todas as minhas dúvidas meus medos, minha vontade de não querer me aproximar, a incerteza de que algum dia eu iria me apaixonar por alguém isso você tirou de mim, mas naquele exato momento que você me deu as costas, quando disse que nunca tinha existido nós dois, você trouxe isso de volta, você estava certo Daryl eu estava mesmo criando idéias na minha cabeça. (Jhanny me olha está chorando me sinto um lixo por ter acabado com tudo isso por ter deixado ela, por ter ficado longe quando ela mais precisava de mim, mais acho que que eu me enganei talvez eu precise dela mais do que ela a mim ) 

- Jhanny! ( falo me aproximando)

- Não Daryl estou cansada quero ficar sozinha um minuto... Há e como tinha falado antes, não é duvidando da sabedoria do Harshel mas não estou grávida.

- Já falei pra você que não estou aqui apenas por causa disso Jhanny, eu vim aqui.

- Daryl... ( diz Beth me chamando) meu pai disse pra mim vim aqui te chamar pra resolver umas coisas.

- Vai lá! a gente já acabou. ( Jhanny fala e vira as costas para mim e sai) 

Saio da cela mais não foi uma conversa produtiva a nossa, preciso manter minha cabeça equilibrada ´ra pensar ainda estamos sobre ameça e o Rick já está fora de si. não posso ficar também.

- Avisa ele que ja estou indo. ( falo para Beth)

                                                                        Jhanny

Daryl atrás de mim mais não consigo esquecer das suas palavras, e se eu estiver grávida mesmo? será que ele veio atrás de mim por causa disso? não quero que ele fique comigo por obrigação.

Rick Glenn e Hashel estavam conversando sobre Merle, não será nada fácil Glenn aceitar Merle lá.

- O campo está cheio de zumbis, não vir nenhum atirador lá fora mais deixei a Maggie como vigia por precaução. (fala Rick)

- Posso subir na torre acabar com metade dos zumbis vão ter chance arrumar as cercas. (Fala Daryl)

- Ou usar carros pra colocar ônibus no lugar.(Michonne fala, está interagindo to começando a confiar nela)

- Pra chegar ao campo vamos gastar muita munição.

- Então estamos presos aqui? (pergunta Glenn) a gente mal tem comida e munição.

- A gente já passou por isso antes, a gente sai dessa. (Fala Daryl tentando acalmar)

- Mais antes era só a gente, antes de ter um espião entre nós. (Glenn de novo toca nesse assunto Daryl se aproxima com certeza vai defender o irmão)  

- A gente vai discutir isso de novo? O Merle vai ficar aqui ta com a gente agora, é melhor ir se acostumando.

- Hey! (fala Rick tentando se aproximar)

- Todos vocês. ( ele fala sai sobe as escadas e vai pra cela dele.) 

- É sério Rick eu não se o Merle morar aqui com a gente vai ser uma boa. (continua Glenn)

- Eu não posso expulsar ele (Rick fala)

- Eu não ia te pedir pra morar com Shane depois dele ter tentado matar você. ( Glenn fala Rick fica calado, mas se expulsar o Merle Daryl também vai embora  e isso não quero mais.)

- O Merle tem experiencia militar, ele pode ser um perdido! mais não subestime a lealdade que ele tem com irmão. ( eu falo Michonne me olha)

- E se resolvermos os dois problemas de uma vez? entregamos o Merle para o governador, vamos negociar! entregamos o traidor dele talvez ele de uma trégua. (Glenn fala percebo que está disposto a qualquer coisa pra tirar o Merle de lá)

- E o que você acha que o governador vai fazer com o Merle caso a gente devolva ele? Vai passar a mão na cabeça dele perdoar o que ele fez? o Merle traiu eles pra ficar do lado irmão você acha que ele vai fazer um banquete e desejar boas vindas? (eu falo todos me olham )

- Eu não me importo com que ele vai fazer com ele, estamos com esse problema por causa dele. ( ele fala)

- Ainda estamos falando de uma vida Glenn. (eu falo)

- Você só está falando isso porque gosta o Daryl e sabe que ele apoia. 

- Não! eu falo isso porque eu também tenho uma irmã e eu entendo oque ele sente, ou será que você não está nem ai para isso também.? (olho para eles e saio vou para a cozinha tentar esfriar a cabeça)

                                                                       Daryl 

Glenn já está me irritando com esse papo de não aceitar meu irmão aqui, ele pode ter os problemas dele mais continua sendo meu irmã! e eu sei que se fosse comigo o Merle faria o mesmo! já estou cheio dessas coisas na minha cabeça são muitos problemas pra uma pessoa só resolver, a vontade é de sumir da as costas pra tudo e pra todos e seguir em frente com meu irmão.

Era esse  nosso plano quando tudo isso começou mais não teria coragem de fazer isso, eu sei que essas pessoas precisam de mim e querendo ou não eu também preciso delas, jogo minhas coisas em cima da minha cama, começo pego flecha e começo a limpa-las isso passou a ser um passa tempo. 

Carol se aproxima! é o que eu menos quero é que ela apareça com aqueles assuntos chato para meu lado.

- Eu não tive tempo de falar, mais fiquei feliz que tenha voltado.(ela fala dou um sorrisinho discreto, como eu queria que essas palavras fossem de outra pessoa)

- E pra que? pra isso? (eu falo apontando pra cela) 

- É o nosso lar (ela fala)

- É uma tumba. (eu falo ela me olha para um pouco e fica calada)

- Era o que o T-Dog falava. (ela diz, estava com ele quando ele morreu) achava que ele estava certo, até você me encontrar. (ela fica me olhando parece está querendo dizer algo, baixo a cabeça desvio o olhar não quero que ela pense que estou respondendo algum sinal dela) Merle é seu irmão, mais ele não é bom pra você não deixa ele te estragar, olha onde você (olho para os lados ela começa a rir entro no jogo)

Jhanny passa por minha cela e ver Carol e eu sorrindo, mas ela passa direto nem olha! Logo em seguida a, menininha que vive atrás dela passa também! Ouço as duas conversando sobre cachorro e vejo ouço Jhanny sorrindo a aquele sorriso dela.

Já não sei oque Jhanny me causa eu não sei o que me prende, espero que ela não tenha entendido errado sobre está na mesma cela que eu, isso não mudaria minha vontade de está perto dela. 

- Vai lá onde ela (Carol fala, fico parado olhando pra ela confesso que não entendo, ela nunca gostou da Jhanny e agora ta pedindo pra mim ir atrás dela) 

- Como é? 

- Não vou ter a miníma chance mesmo... É melhor eu deixar vocês dois em paz (dou um sorriso ela levanta e sai da cela, mais não sei se Jhanny quer falar comigo ela está muito magoada)

Me levanto para ir até a cela mais Merle chega bem na hora.

- Pra onde você vai irmãozinho? (ele pergunta)

- Não ia a lugar nenhum... (eu falo e o Merle da um sorriso)

- E ai irmãozinho quando é que vai me apresentar a garota bonita pela qual você deixou chorando? (ele esta falando de Jhanny ja vai começar com as piadas chata)

- Não está aqui pra ser apresentado pra ninguém, e você? quando é que vai falar o que ouve com Glenn e a Maggie? (eu pergunto)

- Olha cara eu não tive nada haver com oque o governador fez a garota, eu iria soltar ela na cela do japonês como eu iria adivinhar que ele ia fazer alguma coisa? ele pediu pra conversar com ela, manda quem pode não é mesmo? (ele fala vejo sinceridade nas palavras também não teria necessidade ele não contar pra mim)

- Tá bom.(eu falo e tento sair da cela)

- Ai cara ( ele fala colocando a mão na minha frente) vamos cair fora daqui, você  e eu hã? sempre foi assim o que houve agora?( ele pergunta

- O problema é que as coisas não são como antes Merle, não posso simplesmente sair assim e cair fora, você não vai entender seus amigos talvez nunca se arriscaram por você. ( Merle me olha mais não muda seu jeito irônico de sorrir)

- Eu gostava mais quando você usava calças maninho. ( viro a cabeça esse não tem conversa mesmo não) 

- Pai ( Carl chega gritando Jhanny e a garotinha sai pra fora da cela) 

- Oque foi Carl? (Jhanny pergunta)

- A Andréa está la fora. 

Jhanny pega a arma olho para ela Rick chega nos chama a gente desce, todos armados e preparados, Rick vai na frente! depois Merle e eu tomamos linha de frente pra ver se estava tudo ok.

Jhanny entra no mais Merle coloca a mão impedindo com que ela passe, ele fala que vai na frente, a gente olha pra ele Rick principalmente, e seguimos o comando dele.

Andréa se aproxima achamos que tinha mais alguém mais era apenas ela mesma, começa a gritar para abrir os portões, os zumbis já estavam cercando ela, mais toda preocupação era pouca! devia ser uma armadilha Governador. 

Rick grita perguntando se estava sozinha ou não, Andréa pede pra abrir o portão mais uma vez.

- Rick ( Jhanny o chama faz sinal pra ele abrir o portão, Rick me olha e me joga chave) 

Abrimos o portão pra ela, Rick a puxa pede pra ficar de joelhos começa a revistar ela, Andréa fica surpresa sem saber a reação de Rick, me aproximo depois de tanto tempo vejo Andréa novamente, ela nem faz ideia do que aconteceu. 

Rick pede para que ela fica de joelhos e pergunta mais uma vez se está sozinha ela e Michonne se olham Rick segura em seu braço, bem vinda de volta é o que ele fala.

entramos para dentro tento uma pequena aproximação perto de Jhanny, ela me olha mais continua andando parece meio surpresa com essa vinda da Andréa aqui na prisão.

entramos para dentro Andréa começa olhar o local que estamos ela e Carol se abraçam.

- Depois que você me salvou achamos que tinha morrido ( ela fala, olha para todos os lados fica surpresa em ver cada um de nós)

- Cadê o Shane? ( ela pergunta olhando para o Rick, mais ele baixa a cabeça e fica calado) e a Lori? ( ela continua) 

- Ela teve uma menina, a Lori não sobreviveu ( Jhanny fala)

- E o T-Dog também não. ( diz Maggie)

Ela diz que se lamenta tenta uma reaproximação mais está sendo quase em vão, esse não é o nosso plano sabemos que temos que ir direto ao ponto, saber o orque que ela veio e se vai ficar ou não.

- Vivem todos aqui? (ela pergunta)

- Aqui e no bloco de celas. ( responde Glenn)

Ela tenta ir mais Rick não deixa, fala que tinhamos um pátio até o Governador entrar e acabar com tudo.

- Ele disse que vocês atiram primeiro.( ela fala)

- Ele mentiu. ( diz Rick)

Falamos sobre a morte do Excel que ele era uma boa pessoa e que o governador o matou, e ela fala que não sabia de nada! Andréa me viu lá não sei oque ela ainda faz com esse pessoal.

- Eu nem sabia que vocês estavam em Woodbery até depois do tiroteio. ( ela fala)

- Isso foi a dias (Glenn fala)

- Eu vim assim que pude (ela fala)

Olhamos para Andréa eu sei acredito ou se desconfio isso ta muito confuso, ela devia ter avisado alguma coisa, se é nossa amiga mesmo devia ta do nosso lado e não do lado deles.

- Oque você falou pra eles? (ela pergunta a Michonne)

- Nada ( ela fala)

- Eu não entendo, a gente saiu de Atlanta juntos e agora eu sou uma estranha? (pergunta Andréa)

- Ele quase matou a Michonne e teria matado a gente ( Glenn fala)

- Com o dedo dele no gatilho? ( ela fala apontando para o Merle) não foi ele quem raptou vocês que bateu em vocês? Olha não posso desculpar ou explicar o que o Philipe fez, mais estou aqui tentando unir os dois grupos. ( Andréa fala, sabe que isso não vai ser tão fácil assim) a gente tem que da um jeito

- Não tem nada pra dar certo ( Rick se altera) Ele quer que a gente luta, e a gente vai lutar, eu não como nem quando mais a gente vai, e Andréa quando a gente a pegar ele. ele vai se arrepender de ter mexido com a gente.

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


obrigada


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...