História Sobrevivendo à Uzumaki Naruto - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Karin, Naruto Uzumaki, Sasuke Uchiha, Suigetsu Hozuki
Tags Ino, Inoita, Itachi, Itaino, Karinsui, Menma, Narusasu, Naruto, Sasuke, Sasunaru, Suika, Suikarin
Exibições 838
Palavras 2.455
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá pessoas... como prometido aqui estou novamente
Tenho dois comunicados a fazer, então leiam as notas finais *-*

Capítulo 11 - Sobrevivendo ao ciúme


Fanfic / Fanfiction Sobrevivendo à Uzumaki Naruto - Capítulo 11 - Sobrevivendo ao ciúme

-Devolva, Sasuke. -O loiro pediu, enquanto percorria a casa atrás do Uchiha. 
-Não. Só após eu apagar toda essa porcaria. -Explicou à Naruto, contornando o sofá.
-Devolva meu celular. -Naruto pediu novamente, quase pegando as costas do Uchiha. -Droga. Não vale se trancar. -O Uzumaki reclamou, enquanto batia na porta do quarto de  Sasuke. -Roubar o celular de alguém é crime. Você como futuro advogado devia saber isso.
-Exposição de imagem sem direitos autorais também. -Comentou clicando na galeria do aparelho, agradecendo por Naruto não usar senha em nada.
Apagaria toda aquela porcaria, depois estrangularia Ino por compartilhar fotos suas no grupo do WhatsAap.
-Eu mesmo apago. Não quero suas fotos. -Naruto comunicou. -Só devolva meu celular. Isso é particular.
Sasuke apenas o ignorava, enquanto continuava a apagar. 
Porra, quantas fotos suas Ino tinha? 
Nem ele se lembrava de ter tirado tudo aquilo durante sua vida. 
Apostaria qualquer coisa que o irmão também estava envolvido na brincadeira. 
Sorte que tirando o "casal maravilhosa" só ele e Naruto faziam parte daquele grupo.
-Pronto. -Falou satisfeito, notando que as próximas foto que seguiam já não eram suas. 
Curioso, continuou descendo a barra sorrindo, vendo as inúmeras fotos de Menma.
Sim, embora o celular fosse de Naruto, o loiro parecia ter mais fotos do irmão do que suas.
Também haviam fotos de plantas de construções, em desenhos perfeitos tridimensionais. 
Encantado, demorou um pouco para perceber que todas as fotos tinham a mesma assinatura, uma simples palavra que Sasuke jurava ser o primeiro nome de quem desenhara. Sai.

 


Talvez tivesse realmente exagerado ao roubar o celular do Uzumaki, mas simplesmente não poderia imaginar suas fotos rodando diversos celulares.
Não se desculpou pelo ato. Ino quem deveria por ter fazer, por realizar tal brincadeira. Ele apenas corrigia as consequências de suas ações.
-Vai mesmo me dá um gelo? -Sasuke perguntou curioso, vendo Naruto sentar no banco do passageiro sem dizer uma palavra.
O loiro não estava realmente bravo, apenas um pouco chateado, como uma criança emburrada após receber uma bronca dos pais.
-Que seja. -Sasuke deu de ombros assumindo o volante, sabendo que aquela revolta não iria durar muito.
Agradeceu aos céus por ter um carro aquele dia. A chuva fina castigava fora do veículo.
Por motivos de segurança andou em uma velocidade menor do que a geralmente utilizada. Prolongando o tempo de trajeto até a universidade.
Vez ou outra desviava o olhar para o lado, vendo Naruto sentado calado.
Sempre preferira o silêncio, embora odiasse admitir que esse vindo de Naruto as vezes o incomodasse um pouco.
Continuou o observado com o canto dos olhos, vendo Naruto começar a desenhar coisas abstratas no vidro da janela, embaçada devido ao frio.
Sim, abstrato era a única palavra que podia definir aquilo.
Antes que Sasuke usasse isso para provoca-lo e iniciar uma discussão "amigável" para quebrar o silêncio, viu Naruto parar o gesto por um pequeno instante. Sua mente parecia longe quando deixou que o dedo involuntariamente desenhasse em pequeno símbolo, parecido com um 5 ou um S.
Era um "S" o Uchiha concluiu por fim, vendo Naruto encarando por um grande período de tempo a consoante desenhada.
Como que acordando de um profundo sono, Naruto saiu de seu transe em um pulo, usando a mão para apagar de maneira desesperada a letra estampada. Desviou seu olhar para Sasuke, torcendo para que o Uchiha não tivesse reparado naquilo.
Sasuke poderia ganhar o Oscar de melhor ator do ano, por fingir que nada notara, se mantendo concentrado na estrada.
Era um "S", Sasuke teve mais certeza do que nunca e ver a coloração corada preencher as bochechas de Naruto só aumentavam a certeza que aquilo significava algo.


*************

 

"S"... "S"... "S"...
Aquela maldita letra não saia da cabeça de Sasuke.
Seria "S" de Sakura?
Ino uma vez falara alguma coisa sobre o loiro já ter gostado de alguém com tal nome. 
Se amaldiçoou por estar bêbado no dia da conversa e apenas se lembrar vagamente daquilo.
Mas aquilo era impossível, não era? Naruto era Gay, não se interessava por mulheres agora, ou havia alguma exceção? 
Aquela hipótese não podia ser simplesmente descartada.
Seu instinto Uchiha dizia que não deveria simplesmente abandonar aquilo sem descobrir o que significava.
Terminou de servir sua comida, procurando a mesa onde os amigos deveriam estar. 
-Me espera, Sasuke. -Ouviu a voz de Naruto atrás de si.
Sasuke desviou o olhar para o loiro, cerrando-o em seguida.
"De novo esse cara". Sasuke pensou irritado. Vendo o amigo de Naruto que há algumas semanas ele expulsara de sua casa.
-Lembra do Shikamaru, né? -Naruto perguntou enquanto servia sua comida.
-Como esquecer? -Sasuke disse sarcástico, vendo o Nara o encarar desinteressado. -Espera, Shikamaru? Escrito com "S"? -Perguntou tentando não parecer tão desesperado.
-Sim. -O moreno de rabo de cavalo respondeu, sem entender aquele interesse.
Sasuke apenas fechou ainda mais a cara. 
Se não gostava do mesmo quando o encontrou em sua casa, agora realmente o odiava.
-Vai almoçar com a Temari? -Naruto perguntou, sem perceber o clima que formara.
-Sim. Acho melhor até ir. -Shikamaru levou a mão a cabeça enquanto bocejava. -Sabe como ela fica quando me atraso. Problemático. -Concluiu já se afastando com as mãos no bolso. 
-Temari? -Sasuke perguntou, quando Naruto começou a segui-lo em direção a mesa.
-É a namorada dele. Lembra que comentei isso? -Naruto perguntou, fazendo o moreno acenar.
Odiava Shikamaru um pouco menos agora.
-E aí gente? -Naruto cumprimentou os amigos de forma animada, antes de se sentar ao lado de Suigetsu.
"Suigetsu". O nome explodiu na cabeça de Sasuke, enquanto ele se sentava do outro lado da mesa, ao lado de Karin.
Droga, se tivesse pensado antes ofereceria a Naruto um lugar ao lado da ruiva.
-Merda. Esqueci a sobremesa. -Karin bateu na própria testa se levantando, deixando os meninos sozinhos na mesa.
-E aí, já se declarou? -Naruto perguntou animado, se virando para Suigetsu.
-Não sei do que você está falando? -O albino começou a comer se fazendo de desentendido.
-Qual é, todo mundo já percebeu que você gosta dela, não é mesmo Sasuke? -Naruto perguntou, fazendo o moreno os olhar confuso e visivelmente curioso. -Também, olha pra quem eu fui perguntar. -Naruto revirou o olhar. -Ele gosta da Karin. -Explicou, fazendo tanto Sasuke como Suigetsu arregalarem o olhar.
-Fecha a boca. -Suigetsu pediu corado, tampando a boca de Naruto com a própria mão, enquanto Karin retornava.
-O que estão fazendo? -A ruiva perguntou confusa com a situação.
-Nada. -Suigetsu informou dando de ombros, enquanto ela sentava a sua frente. -Não devia comer isso. Ninguém vai te querer quando estiver gorda. -Provocou, antes de gritar de dor com o chute que Karin dera em seu tornozelo por baixo da mesa.
Sasuke apenas observou a cena, até dar um meio sorriso.
Convivia com os dois a tanto tempo, como por Deus não percebeu aquilo.

 


Naruto e Sasuke andavam juntos em direção ao prédio onde teriam a próxima aula.
-Tá tudo bem? -Naruto perguntou preocupado, vendo a cara pensativa do Uchiha. -Você está estranho. Mais que o normal. -Informou.
-Estou ótimo. -Sasuke respondeu sério.
-Então tá. -Naruto decidiu não insistir. -Acho melhor subir logo. -Começou a ir em direção a escada. -Se eu demorar Sasori vai me matar. -Comentou, fazendo Sasuke parar de caminhar.
-O que você disse? -Sasuke perguntou sério, seguindo Naruto até a escada, embora sua aula fosse no primeiro andar.
-Eu disse que estou atrasado. -Naruto respondeu confuso. -Sasori sensei me mata se eu chegar atrasado de novo na aula.
-Sasori sensei. -Sasuke repetiu incrédulo.
Não, não era possível. Naruto não estaria interessado em seu professor, estaria?
Se apaixonar pelo professor seria a coisa mais clichê do mundo.
-Esse cara, é do tipo que fica com alunos? -Sasuke perguntou de forma rápida, se amaldiçoando em seguida por não ter controlado sua língua.
Ele não tinha nada a ver com isso.
-Não fala alto. -Naruto advertiu sério, arrastando Sasuke para baixo da escada consigo. -Então você também soube? -Perguntou baixo olhando para ambos os lado com medo de ser ouvido.
-Soube? -Sasuke perguntou confuso.
-Que o professor Sasori ficou com Deidara? -O Uzumaki perguntou curioso para saber se o boato era real.
-Prof... Espera. Seu professor tá ficando com o irmão da Ino? -Sasuke perguntou boquiaberto se interessando no fofoca.
Sua cunhada nunca tinha lhe contado aquilo.
-É o que dizem os boatos, mas não sei se são reais. -Naruto admitiu suspirando alto.
-Senhor Uzumaki. -Naruto ouviu uma voz chamando por si, fazendo todo seu corpo gelar, enquanto o coração parecia parar.
-S-Sensei. -O Uzumaki respondeu com o sorriso mais amarelo que podia dar.
"Por favor não tenha ouvido. Por favor não tenha ouvido".
-Não se importa mesmo em reprovar por falta em minha matéria?  -O ruivo perguntou, mostrando o relógio de pulso.
-Eu já estava subindo, não é mesmo Sasuke? -Perguntou desesperado, enquanto o Uchiha apenas os encarava.
Aquele era Sasori? O professor de Naruto?
Sasuke não acreditava. O cara era jovem demais. Parecia ter sua idade.
-Hai. -Respondeu automaticamente, vendo Sasori fazer um sinal, convidando Naruto a subir ao seu lado.
Tão animado como alguém caminhando em direção à forca, Naruto apenas lançou ao Uchiha um olhar suplicante, antes de desaparecer de vista.

 

 

Direito criminal. O que era isso? Sasuke não lembrava.
Tudo que sabia era que estava louco para cometer um crime. Dois na verdade. Tortura e homicídio.
Mal esperou o professor os liberar para correr em direção ao corredor em busca do loiro.
Acabou por fim parando em uma parte coberta, na entrada da universidade, protegendo-o da chuva que ainda caia. 
Naruto obrigatoriamente teria que passar por ali.
"Prefiro ruivos" 
A maldita frase dita por Menma gritava em sua mente, deixando-o de alguma forma aflito.
Será que Naruto tinha o mesmo gosto do irmão?
"Droga, por que me preocupo com isso?" Perguntou a si mesmo, chegando a conclusão de ser apenas uma curiosidade.
Naruto morava consigo. Tinha que saber ao menos um mínimo sobre ele.
-Ei, Ino. -Chamou a cunhada assim que a mesma atravessou o portão. 
Ino e Naruto se conheciam a muito tempo, ela com certeza conseguiria responder aquilo.
-Você me chamando? -A loira estranhou. -Isso é novidade.
-Tsc. -Sasuke resmungou não acreditando que pediria ajuda dela. -Você conhece Menma e Naruto a muito tempo, não é?
-Sabe que sim. -A loira respondeu confusa.
-Estava confuso com uma coisa. -Falou se sentindo um idiota com aquilo. -Menma uma vez fez um comentário... algo sobre ter preferência por ruivos... -Coçou a bochecha constrangido com aquilo.
-Sim. -Ino concordou. -Ele tem um fetiche com ruivos. Sério. Uma vez tentou dar em cima da Karin, acredita?
Sasuke nem precisou responder. Vindo de Menma ele não duvidava de nada.
-E você sabe se o Naruto também pensa assim? -Sasuke perguntou com vontade de dar um tapa na própria cara por perguntar aquilo. -Sabe se ele...
-Gosta de ruivos? -Ino completou sorrindo. Ver a curiosidade de Sasuke era realmente interessante. -Naruto não tem isso. Ele não fica com alguém por causa do seu cabelo, embora seu último interesse tenha um certo padrão.
-Último interesse? -Sasuke arqueou um sobrancelha ao  ouvir.
-Moreno de olhos escuros. -Informou se segurando para não gargalhar.
-Sabe de alguma coisa que não sei. -Sasuke afirmou, vendo Ino soltar um sorriso.
-Nada que deva contar. -Ino respondeu, abrindo seu guarda chuva, pronta para ir embora. -Afinal, era só uma curiosidade, certo Sasuke?

 

"Moreno de olhos escuros"
Ótimo, agora a imaginação de Sasuke tinha mais um motivo para viajar.
Continuou ali parado por alguns minutos, imerso nas palavras de Ino.
-Sasuke. -Naruto o chamou confuso. -Ainda por aqui?
-Como assim ainda por aqui? -Sasuke perguntou sério. -Sou eu que te dou carona, Usuratonkachi. 
-Ah é. -Naruto concordou, coçando a cabeça sem graça.
Droga, tinha esquecido de avisar Sasuke.
-Escuta... -Disse suspirando alto, torcendo para que o Uchiha o perdoasse por ter lhe esperando.
-Está tremendo. -Sasuke percebeu.
-Pois é, esqueci o casaco. -Naruto respondeu, criando forças para contar ao Moreno. -Sasuke... eu...
-Adeus Naruto. -Um voz gritou ao longe, o cortando de novo.
-Até mais Shino. -Gritou de volta acenando para o amigo.
"Ah... para." A mente de Sasuke não acreditava. 
Quantas nomes começando com "S" existiam? 
Espera, Shino... moreno... 
Teve vontade de correr atrás do jovem e lhe arrancar a força aquele óculos escuros só para ver a cor de seus olhos.
Porém o pensamento não durou muito. Antes que tivesse tempo de gerar outros planos, viu duas mãos brancas e pálidas chegarem a cabeça de Naruto, colocando-lhe uma touca de forma desajeitada.
-Para seu cabelo não molhar. -O jovem explicou sorrindo, fazendo Sasuke entreabrir os lábios surpreso com o que via. -Demorei muito, Naruto-kun?
"Naruto-kun?" Desde quando alguém o chamava assim?
O que estava acontecendo ali?
-Não, acabei de chegar, Sai. -Naruto respondeu, fazendo Sasuke dar um passo hesitante para trás.
Sai... moreno... olhos escuros... o desenhista dos projetos no celular de Naruto.
-Está ficando tarde. -O Uchiha avisou com a mente ainda bagunçada. -Vamos indo Naruto. -Disse em um tom autoritário.
-É isso que estava tentando dizer. -Naruto suspirou cansado. -Não precisa me dar carona hoje. Desculpa não ter avisado. Eu vou pra casa do Sai.
Sasuke ouviu a tudo boquiaberto, sequer podia imaginar sua expressão naquele momento.
-Estamos montando um seminário. -Naruto explicou. -E esse cara aqui é o melhor desenhista do mundo. -Falou confiante, com um sorriso largo.
-Também faz engenharia? -Sasuke perguntou a única coisa que podia pensar.
-Arquitetura. -Sai o corrigiu.
-É sério, ele é muito bom. -Naruto não parava de elogiar. -Até pensamos em trabalhar juntos quando nos formar, já imaginou como isso seria incrível? Sai desenharia os projetos e eu executaria.
Um engenheiro e um arquiteto. Por Kami, até seus cursos combinavam.
Sasuke apenas se mantinha incrédulo aquilo que assistia.
-Naruto é melhor a gente ir. -Sai informou. -Foi bom te conhecer Uchiha. -Apresentou o sorriso mais falso que alguém poderia lhe dar.
-Desculpa mesmo não ter avisado. -Naruto pediu, enquanto seguia Sai em baixo da chuva.
Sasuke permaneceu parado em baixo da cobertura por um mísero segundo, só enquanto assimilava a ideia.
-NARUTO. -Gritou sério correndo atrás do loiro, sem se importar com a chuva. 
-O que...
O Uzumaki sequer teve tempo de terminar a pergunta, vendo Sasuke retirar o próprio casaco e o colocar de maneira possessiva em cima de si.
-Não ouse chegar tarde em casa. -Advertiu sério, quase como um sussurro próximo a orelha do loiro. -Ou lhe deixo dormir na rua.
Naruto apenas entreabriu os lábios confuso, sentindo o peito apertar em busca de ar.
-H-Hai. -Respondeu a única palavra que conseguiu pronunciar, com o rosto incrivelmente corado.
-Naruto. -Sai o chamou, fazendo-o voltar a realidade. 

-Até mais. -Se despediu de Sasuke, vendo-o ainda parado na chuva, com semblante solitário como um cão abandonado.


Notas Finais


Então pessoas, espero que tenham gostado
Então sobre os dois comunicados... notícias boas e ruins
Toda sexta feira eu tenho estágio, ou seja, não devo ter Tempo de postar amanhã, só no sábado :(
A outra notícia pode alegrar... os momentos SasuNaru estão prestes a começar kkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...