História Something big-young - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ansel Elgort, Cameron Dallas, Dylan O'Brien, Ian Somerhalder, Nash Grier, Shawn Mendes
Exibições 63
Palavras 1.277
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ficção, Magia
Avisos: Álcool, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


MAIS UM CAPÍTULO UHUUUUUUUUL

Capítulo 13 - Movie


Fanfic / Fanfiction Something big-young - Capítulo 13 - Movie

Shawn P.O.V

Me digam, por que as mulheres tem que demorar tanto para colocarem uma roupa?
Quando finalmente ela chegou, percebi que valeu à pena, ela estava completamente linda, usava um vestido preto colado e uma jaqueta vermelha com um tênis adidas. Ela é a única garota que consegue ficar tão bonita com coisas tão simples, percebi que fiquei olhando pra ela por muito tempo, os meninos estavam rindo da minha cara....
- Ah cala a boca vocês - disse os empurrando.
- A baba tá escorrendo - disse o Dylan rindo
- Ha Ha Ha - ri sarcasticamente

Kate P.O.V

Por que merda ele tem esse poder sobre mim?Normalmente nenhum garoto consegue me deixar corada, mas é diferente com ele.
Senti seus olhos me olharem de cima à baixo, e o maravilhoso Dylan ficava rindo igual uma foca, o Shawn bem ligou apenas continuava me fitando, acho que ele percebeu que estava me deixando envergonhada, então me deu um daqueles sorrisos encantadores e chegou mais perto.
E mais perto
E mais perto
Até que não existia mais espaço entre nós, eu apenas congelei, os meninos olhavam rindo e viraram quando perceberam que eu estava encarando-os. Ele apenas encostou sua boca em meu ouvido, com sua respiração me fazendo arrepiar e disse:
"Você está perfeita"
Sorri e logo corei.
Ele estendeu o braço em minha direção e fomos até a porta.
-Tchau pessoas!
-Toma conta dela, idiota - disse o Taylor
-Eu estou aqui!
-Foda-se, só se cuida!
Pelo o que eu percebi o Shawn virou amigo do Taylor e do Dylan, o que é maravilhoso!
Entramos no carro dele e colocamos uma música, um silêncio confortável reinou o carro.Eu o adorava por causa disso, era como se ele não precisasse dizer nada para conversar comigo, seus lábios falavam em quanto sua voz não saía e isso era uma das coisas mais interessantes nele. Falamos sobre coisas aleatórias, que acaba se tornando um assunto, que acaba se tornando em outro, não falta assunto, isso não acontece com a gente.

*********

Chegando no shopping mandamos uma mensagem para os meninos, Cat e o Cam vinham de mãos dadas e os meninos vinham atrás com suas namoradas. Quando Cam me abraçou, olhou pro Mendes e mandou um sinal positivo com a mão, o olhei com raiva e ele parou instantaneamente de rir. E então o Nash estragou, *MERDA*.
-O OTP finalmente se declarou - lancei um olhar mortal pra ele, e ele logo parou.Sim eu tenho esse efeito nas pessoas.
-Menos Grier, por favor - falei revirando os olhos - Somos apenas bons amigos, ainda não entendeu?
-Me recuso a aceitar isso - o Hayes falou rindo, o que me fez querer matá-lo.
-Não quero sua aceitação Grier 2 - fui bem grossa, mas em geral, eu sou assim.
-Okay, me rendo - ele falou levantando as mãos.E então o abracei.
-É isso aí, vamos pessoal! - o Cam falou.
Todos estavam acompanhados, quer dizer, mais do que apenas amigos, 2 casais e o resto eram ficantes fixos. E então sobrou eu e o Shawn, eu não sabia classificar o que nós tinhamos, nos beijamos, mas não é nada demais, mas somos amigos, mas em geral amigos não se beijam, ficantes? Não, somos mais que isso, mas não namoramos.
Ficamos zuando na Praça de Alimentação e estava vendo a jora de chegar um guarda e falar para sairmos, por sorte escapamos, mas éramos loucos, na verdade, somos.
Quando entramos no cinema, eu finalmente me perguntei o por quê de irmos ao cinema, gastar para que os "casais" se peguem em vez de assistirem.
Entramos para assistir "O lar das Crianças Peculiares", e vários spoiler rolaram dos dois últimos livros que não li.
Eu quase não vi o filme, não serei santa.
Quando estávamos no meio do filme, eu já havia me apaixonado pelo garoto que fazia o filme "Asa Butterfield", e então o Mendes pegou minha mão, o que me assustou.
-Aí, viado! - o que o fez rir.
-Você se assusta muito fácil Altinha! - e me olhou, mesmo no escuro eu sabia que ele estava com seus lindos dentes àmostra. -Eu gosto disso - ele continuou.
-Só você, é mais irritante do que parece - e ficamos nos encarando por longas horas, que foram na verdade segundos.
E então finalmente ele me beijou, o que foi um alívio, ter seus lábios em contato com os meus, me faziam passar por uma carga elétrica, eu não quero mais soltá-lo.Suas mãos agarraram minha cintura e eu subi o encosto do banco, nos juntando ainda mais, eu com certeza vou estar com a boca toda borrada, mas foi por uma boa causa, por causa dele. Minhas mãos foram parar em seu cabelo, o bagunçando ainda mais. Mas infelizmente precisávamos de ar, então nos separamos ofegantes, e o encarei sorrindo, assim como ele.
-Ei, você me fez perder boa parte do filme!O que será que aconteceu com meu marido? - falei sussurrando.
-Seu marido? - me olhou com deboche.
-Esse lindo menino dos olhos azuis, melhores do que o Nash - o encarei mais ainda e percebi que deus olhos rolaram entre meus olhos e minha boca. - Shawn, meu ma......
Ele me calou me beijando.Suas mãos passeavam sobre minhas pernas e eu apenas me aproximava mais e mais dele, se é que aquilo era possivel.
-rido - Falei quando ele parou de me beijar pelo merda da falta de ar, ele ainda estava com os olhos fechados e sorrindo, o que me fez sorrir ainda mais.
-Acho que nossos amigos estão um pouco ocupados - ele apontou para as cadeiras perto de nós, todos estavam se pegando, quase se comendo, na verdade.Ri com aquilo.
-Você acha? - o encarei.
Me sentir direito e me apoiei em seu ombro, e ele alisando meu cabelo.
Olhei para os meninos, e os mais pertos de mim eram o meu casal favorito: Cam e Cat.
Olhei para o Mendes com um sorriso traveso e pelos deuses, ele entendeu.
Cheguei bem perto e então joguei pipoca e o Shawn gritou.
- SEUS FILHOS DA PUTA, EU VOU MATAR VOCÊS, SE PREPAREM - Falou a Cat, bem meiga como vocês podem ver.
-Não podiam só ficarem se comendo e deixar a gente em paz? - o Cam me perguntou irritado
-Quem disse que a gente tava se comendo? - falei o encarando, me fazendo de desentendida.
-Vocês que estavam praticamente transando na cadeira - disse o Mendes ainda rindo igual como uma gazela.
-Vocês estavam a comando sim, o seu batom te denuncia amiga - me falou a Cat ainda irritada.
Peguei meu celular, e havia uma marca enorme na minha boca, se bem que o Mendes estava pior, sua boca estava linda, mordi meu lábio.
-Obrigado por me avisar Mendes - falei num tom irônico.
Ele se aproximou, ignorando os olhares do casal do nosso lado, e me deu um selinho demorado e em seguida aprofundando, talvez demais, e em seguida ele limpou com cuidado minha boca com seus dedos, ele parecia muito concentrado limpando minha boca, encarando-a.
-Perfeita novamente - ele olhou nos meus olhos e eu agradeci mentalmente que estávamos no escuro, porque eu realmente estava corada e me deu um selinho rápido.
-TI FOFOOOOOOS - o casal disse em coral.O que me faz revirar os olhos.
-Calem a boca, vocês dois - falei meio rindo, me virei pro Shawn e vi que ele estava me encarando. - Onde paramos?
-Eu acho - ele me deu um selinho rápido - que foi exatamente aqui - ele falou me puxando mais para si, quebrando todo o espaço entre nós e segurando minha cintura.
********



   


Notas Finais


TCHAU PESSOAS
Admirem meu sexy marido na capa.Não babem, é vergonhoso! 😂
-K.L~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...