História Sometimes what we need most is love - Capítulo 69


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Avril Lavigne, Demi Lovato, Justin Bieber, One Direction, Selena Gomez
Personagens Ariana Grande, Avril Lavigne, Demi Lovato, Harry Styles, Justin Bieber, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Selena Gomez, Zayn Malik
Tags Diall, Jelena, Romance, Zariana, Zavril
Exibições 129
Palavras 1.030
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura! 😊

Capítulo 69 - Capítulo 69


Fanfic / Fanfiction Sometimes what we need most is love - Capítulo 69 - Capítulo 69

Niall: Você ainda vai pagar bem caro com que fez! - Disse ele irritado. E eu sai correndo evitando toda aquela cena. Porque agora eu tinha certeza que ninguém gostava de mim verdadeiramente e Niall estava entre essas pessoas. Logo eu corri indo em direção ao banheiro, eu não queria voltar pra casa dos meus tios e muito menos para a minha casa.

(...)

Um semana depois...

Ariana: Agora somos nós duas sem namorado. - Ari disse em quanto eu estava deitada em seu colo.

Demi: Pelo menos o Zayn não te traiu com a sua pior inimiga. - Disse me levantando limpando algumas lágrimas que já começavam a descer.

Ariana: Aí que saudade que eu tô do meu Zayn - Ari disse meio cabisbaixa.

Demi: Aí Ari... Acho melhor a gente ir arrumar pra ir pra escola. - Me levantei e peguei o uniforme logo o vestindo.

Ariana: Ok. - Então ela foi em direção ao banheiro.

(...)

Logo que terminamos de nós arrumar, descemos as escadas indo em direção a cozinha para poder tomar o café da manhã, lógico avistei Katy que preparava alguma coisa no fogão.

Katy: Já acordou menina. - Disse ela dando um beijo em minha bochecha e em seguida na bochecha de Ari.

Ariana: Bom dia, Katy! - Então eu e Ari pegamos alguma fruta e começamos a comer.

Demi: Eu não estou com fome... Mais se você quiser comer, fica a vontade. - Disse a Ari que negou.

Ariana: Eu como lá na escola mesmo. Hoje não podemos chegar atrasada, porque vai ter aula de música.

Demi: Ah... É mesmo. - Então saímos apressada em direção aos motoristas que logo, logo chegamos na escola.

Sai apressada em direção a sala de aula e assim que eu cheguei me sentei em meu lugar. Avistei Niall, que estava com olhar meio triste para mim, e eu apenas fiz uma cara feia para ele.

Samantha: Olá irmãzinha - Ela disse me olhando de cima a baixo.

Demi: Eu não sou sua irmã, e o teste de DNA te deixou isso bem claro. - Disse irritada.

Samantha: Se você não disser que eu sou sua irmã, eu vou cuidar de espalhar para toda escola que você é uma corna! - Ela riu junto às amigas.

Demi: Então espalha... Só que quando eles descobrirem que Niall me traiu com uma sem classe como você... - Agora eu a olhei de cima a baixo. - Uma ridícula que só vive da desgraça das pessoas! Você é uma idiota, Samantha! E você pode até falar que eu sou corna, mas eu vou te mandar um processo tão grande em cima de você que pelo resto de sua vida vai pagar por isso, e vou tirar tudo o que você tem - Gargalhei. - Se é que tem alguma coisa, né! - Deixei Samantha perplexa com lágrimas nos olhos.

Bell: Você vai se arrepender de ter dito isso a minha amiga! - Então elas saíram em direção aos seus lugares.

Avril on:

(...)

Alex: O jogo de hoje não vai ser nada fácil! Vamos jogar carimbada. - Então todo mundo riu. - Não, gente é sério.

Eu não queria jogar porque meu corpo ainda estava dolorido e eu ainda não estava me sentindo bem. Agora eu já estava comendo, ainda bem...

Ariana: Hoje eu vou poder jogar, ainda bem - Ela me deu um olhar mortal.

Alex: Ótima notícia, Ariana. Podem ir trocar de roupas! - Então fomos em direção ao vestiário, e antes que eu chegasse lá um garotinho chorando.

XxX: Você s-sabe a onde tá minha mamãe? - Ele disse chorando muito.

Avril: Shhh... Se acalma meu amor - Passei a mão por seu rosto limpando suas lágrimas. - Como é seu nome?

XxX: Pedro, e-e o seu? - Ele disse já se acalmando.

Avril: Meu nome é Avril. - Sorri para ele.

XxX: Eu cai e fiz um machucado - Ele disse voltando a chorar me mostrando o joelho ralado.

Avril: Vamos achar sua mãe. - Então peguei ele em meu colo e sai de dentro da quadra sem ser percebida. E foi em direção a enfermaria para dar um jeito no machucado.

(...)

Ele já estava com um curativo no machucado, e bem mais calmo. Então peguei ele em meu colo o levando em direção a escola para tentar achar sua mãe até que avisto Ariana e Zayn que me olhavam com ódio.

Pedro: Minha irmã! - Ele apontou para Ariana e meu coração gelou.

Ariana: Larga o meu irmão agora sua assassina! - Ela disse irritada e eu coloquei Pedro no chão e ele caminhou até a irmã.

Avril: Desculpe, mais ele estava chorando e com o joelho machucado, eu só queria ajudar. - Então ela me virou um tapa em meu rosto.

Pedro: Porque fez isso Ariana? - Disse o garotinho irritado.

Avril: Eu só tentei ajudar... - Disse já chorando.

Demi: Gente o que houve? - Demi disse preocupada.

Ariana: Ela queria fazer alguma coisa com meu irmão, Demi. - Ariana disse me acusando.

Pedro: Não queria não... Ela estava me ajudando. - Disse ele já meio irritado o que eu achei engraçado.

Ariana: Cala boca Pedrinho! - Ela foi até ele, o pegando no colo e pondo o bico que estava na sua mão em sua boca. - Eu fiquei irritada e dei um tapa no rosto dela. Não quero que você chegue perto do meu irmão!

Demi: Olha Ari não precisava machucar a Avril, nada se resolve na violência.  - Demi disse irritada. - Vamos sair daqui. - Então eles sairão em direção contrária.

Zayn: Não acredito que você ia fazer alguma coisa com Pedrinho. - Ele veio até mim e eu tentei me afastar até que eu encontrei a parede.

Avril: Sai de perto de mim! - Disse irritada tentando empurrar Zayn, e só senti a lágrima descer.

Zayn: Não chora, Avril... Eu não estou fazendo nada com você. - Ele disse calmo passando a mão por meu rosto.

Avril: Ninguém gosta mais de mim... Eu não quero mais ficar nessa cidade.

Zayn: Você não vai sair daqui. - Ele me deu um selinho nos lábios. - Vamos pra casa!

Continua...





   


Notas Finais


Talvez eu continua ainda hoje... Por culpa do meu celular vocês não vão ter um capítulo maior pq tá achando a bateria


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...