História Sonhando acordada - Capítulo 34


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Aluna, Colégio, Literatura, Professor, Romance
Exibições 75
Palavras 626
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Para minhas leitoras...
Uma boa música para ler esse capitulo é
Love Is Not Over Bts
Então , abra uma aba, e coloque para tocar...

Capítulo 34 - Tae


Fanfic / Fanfiction Sonhando acordada - Capítulo 34 - Tae

O Tae foi um amor de pessoa, mas eu não dei muita atenção. Dado aos últimos acontecimentos eu não estava afim de fazer nada.
Cheguei em casa e a minha mãe fogo veio perguntando:
-o que aconteceu para você está toda ensopada.
-nada mãe.
-mas você vai gripar assim.
-mãe , eu tô bem ... só preciso tomar um banho.
Fui direto para o banheiro , larguei tudo o que precisava. Tomei um banho(segundo minha vó o banho lava a alma) eu chorei, eu não entendia o por que.
Voltei para o quarto, e deitei na cama. Não entendia o que estava acontecendo, nós estávamos tão bem.
-----------------------------------

O que aconteceu Namjoon? Por que você está fazendo isso? É uma brincadeira?
Anna.

-----------------------------------

Sua mensagem não foi enviada. 
Veja se o número está correto.

-----------------------------------
Tentei mais uma vez e a mensagem continuou aparecer.
Ele tinha me bloqueado m.
Definitivamente eu estava só .
Não sai do quarto o resto do dia todo, e nem fui para a escola no dia seguinte. Não queria ver ele, não queria nada, queria fugir, me esconder.
-----------------------------------

Anna você está bem?
Mei.

-----------------------------------
Respondi logo a Mei.
-----------------------------------

Não , não estou, ele terminou comigo.
A.

-----------------------------------

Que filho da mãe,
Ele tá tão bem aqui, nem parece que aconteceu algo, só perguntei por que você nunca falta.

-----------------------------------
Fiquei na cama o dia todo.
Na terça feira meu despertador tocou, mais uma vez eu não iria para a escola, mas recebi a seguinte mensagem.
-----------------------------------

Espero que você esteja vestida até as 7:40... 
nada de enrolação.
Estarei te esperando no portão da sua casa
Tae.

-----------------------------------
Eu não queria ir, mas 7:40 o Tae já estava tocando o interfone da minha casa, e eu fui obrigada a ir para a escola.
-vai... melhora essa cara.
-não quero Tae.
-vai... sou eu quem está te levando para a escola.
O Tae me acompanhou até a sala, não queria aquilo, mas ele acompanhou .
-te busco na hora do almoço ok? Você trouxe o seu obento? 
-não, não tive tempo de fazer.
-tudo bem, compramos na lanchonete, tem um pão de curry que você tem que provar.
Nos despedimos , e quando o Tae tava indo embora apareceu o Namjoon, logo quando os nossos olhos se encontraram eu desviei , e voltei para a minha carteira.
Ele começou a aula normalmente, não tinha nada... ele estava impecável como sempre , nem parecia que a gente teve algo.
-Anna, você pode responder essa questão de matemática?
-não fiz... -olhei para baixo.
-Mei?
-da 37.
-muito bem. 
Ele continuou assim até o final do dia. Mas na hora da saída ele me chamou.
-Anna? Posso falar com você? 
-sim-eu disse olhando para baixo, estava tentando evitar aqueles olhos, aqueles olhos que já me viram de tantas formas.
-você precisa prestar mais atenção nas aulas ok? Você já faltou muito e do jeito que está agora você não vai conseguir acompanhar a turma- ele pegou na minha mão, eu tirei o mais rápido o possível.
-você acha que eu estou assim por que? 
-Anna, términos de namoro acontecem, você tem sobreviver a isso.
Nessa hora o Tae chegou.
-não acha que está sendo um pouco duro professor Namjoon?se a Anna te contou que terminaram e por que confia no senhor.
-mas...
-você não sabe como ela estava no domingo, na chuva, ensopada. Se eu soubesse quem era esse cara , eu daria um murro na cara dele, quem é babaca a esse ponto? 
Namjoon não falou nada. Estava claro que ele não sentia nada.
Durante a semana o Tae foi me levando e me trazendo ele estava preocupado comigo, mas eu nunca conseguiria ser o que ele queira, eu não podia ser ...

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...