História Sonho ou Destino? - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bruno Mars
Tags Drama, Romance, Sonhos
Exibições 107
Palavras 1.584
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura.

Capítulo 13 - EP


Fanfic / Fanfiction Sonho ou Destino? - Capítulo 13 - EP

9 de setembro 

 Preciso falar o quanto a minha vida está corrida? Bom, a exatamente um mês atrás tive a tal conversa com o Wil, ele definitivamente adorou a minha apresentação no show do Bruno. Desde então, assinei um contrato de 2 anos com a Atlantic Records, estou começando a trabalhar no meu primeiro EP, e adivinha quem está me ajudando? Sim o Bruno, na verdade é ele e sua tropa, o Wil disse que seria só por enquanto, pois já já o Bruno irá lançar seu novo álbum e não terá mais tempo pra nada. E eu estou realmente muito orgulhosa dele, antes de qualquer coisa sou uma Hooligan e não posso deixar de estar feliz por ele e pelo os caras. São todos merecedores. Voltando ao lance do meu EP, com o Bruno voltando pra estrada quem vai me auxiliar? Não sei, me disseram que vai vim um pessoal de NYC que também é da AR. Estou ansiosa para conhecê-los.


- Malu, você gostou dessa melodia? ~ perguntou Phil enquanto tocava o piano.
- Sim, gostei. Eu escrevi algo, acho que pode ficar legal.
- Você escreve? ~ perguntou surpreso.
- Às vezes, mas não é nada demais. ~ digo escondendo meu caderno.
- Me deixa vê ~ disse esticando a mão.
- Ok, mas não ri.
- Relaxa maluzinha. - observo ele lendo a primeira folha do meu caderno. Ele não demonstrou nenhuma reação, eu sabia que não escrevi nada demais. ~ Malu, você é uma compositora incrível, só precisa melhorar algumas coisas, mas você realmente é boa. ~ disse me encarando.
- Sério mesmo Phil? 
- Sério Malu.
- Eai pessoal ~ disse Bruno entrando no estúdio. ~ Está tudo bem na composição?
- Estamos indo bem, acha que eu consigo 4 canções até dezembro? ~ eu realmente estou preocupada com o prazo que o gravadora me deu para entrar o EP.
- Sim Malu, nós vamos te ajudar. Não se preocupe. ~ disse me olhando.
- E também terá uma equipe de NYC aqui a partir do mês que vem, eles vão te ajudar. ~ Phil disse indo em direção à cabine de som.
- Que equipe? ~ Eita, o senhor Mars não está sabendo...
- Não sei muito bem cara, mas sei que são de lá. 
- Tomara que não seja a equipe do Maicon. ~ Aaaaa, o Maicon.
- Ele não é bom? ~ quero saber o motivo da negação.
- Como profissional? Sim. Mas como pessoa é um babaca. 
- À Brow, só porque ele roubou sua garota? ~ disse Phil saindo da cabine e voltando para o piano. Espera, que garota?
- Que garota o Bruno Gostosão Mars perdeu? ~ estou curiosa.
- Rita Ora ~ disse Phil tirando sarro do Bruno.
- Ela não era minha garota, estávamos ficando, ficando sério, aí ele apareceu e ela se interessou por ele. Pensa em um cara chato, ficava fazendo piadinha com isso, como se eles tivessem durado algo. ~ o passado ainda incomoda.
- Relaxa Brow. Ele está de férias lembra? 
- É verdade, não iria suportar esse cara novamente aqui.
- Bom, vamos começar? ~ pergunto apontando pra cabine ~ Já posso entrar lá?
- Deve ~ Phil me respondeu.
- Manda ver Malu. ~ Bruno disse me disse ligando os botões e soltando a batida.


 Minha tarde foi exaustiva, ser músico é muito bom, mas dá um trabalho. Ainda mais quando se tem um cara perfeccionista te produzindo, sim, o Bruno é irritante, não estou reclamando, longe de mim isso, mas o cara não me deixava respirar. Eu saia daquela cabine e voltava umas mil vezes, se não tivesse bom, a gente recomeça tudo. Mas eu estava gostando, viver esse processo de produção te faz crescer muito e te faz ver do que você é capaz. Eram 19:30 da noite e estávamos finalizando minha primeira música.


- Malu, acho que já temos sua música ~ disse Phil tirando o fone depois de ter ouvido o que tínhamos finalizado.
- Acho que até semana que vem já teremos a segunda. ~ Bruno está se dedicando muito a mim. Obrigada papi. ~ Provavelmente terá tempo de ... ~ Bruno foi interrompido pela sua namorada que estava entrando no estúdio feito um furacão.
- Oi amor, vim te convidar pra jantar comigo ~ disse o abraçando. ~ Vamos, diz que sim! Hey Phil.
- Eai Jess. 
- Vamos, nós já terminamos por hoje. ~ disse Bruno pegando seu celular que estava em cima do piano.
- Ah, Olá Malu, como vai? ~ sorrio falso...
- Vou bem Jessica e você? ~ eu sou mais falsa ainda.
- Muito bem. Tchau Phil, vamos amor? ~ disse pegando em seu braço.
- Vamos, falo Phil. Tchau Malu.
- Falo Brow.
- Tchau Bruno. ~ espero eles saírem ~ Ela sempre vem aqui?
- Não, na verdade, esse mês ela veio muitas vezes, até estranhei.
- Huum. ~ será que ela sabe de alguma coisa?
- Ei Malu? ~ disse Phil chamando minha atenção.
- Oi Phil, desculpa, estava pensando longe. ~ digo pegando minha bolsa ~ Vamos?
- Vamos! Quer que eu te deixe em casa? ~ fofo
- Não precisa Phil, vou esperar a Isa, ela está no estúdio de baixo.
- Aé, ela está finalizando umas coisas.~  saímos e pegamos o elevador. Meu andar já era o próximo.
- Tchau Phil, até mais.
- Até Malu.


 Saio do elevador e vou em direção ao estúdio onde Isa estava, bati na porta e ouvi um " pode entrar " .


- Vamos produtora Isa ~ digo entrando.
- Que horas são? ~ trabalha tanto que nem vê a hora passar.
- São 19:30, vamos? Estou com fome.
- Novidade ~ disse nos fazendo rir. ~ Deixa eu só desligar tudo aqui. ~ observo ela desligando os equipamentos e apagando as luzes do estúdio . Pega sua bolsa e vem em minha direção. ~ Borá! ~ bom era sexta-feira à noite, estávamos cansadas, essa semana foi bem agitada, faculdade, estúdio, tava tudo uma correria. Decidimos ir pra casa, pedir uma pizza e assistir alguma série ou filme.

- Maluzinha, pede a pizza enquanto eu tomo meu banho?~ disse assim que entramos em casa.
- Maluzinha? ~ pergunto rindo.
- É, eu sei que não sou de te chamar assim, mas é  impossível não pegar com os caras te chamando assim o tempo todo no estúdio. ~ disse indo até o banheiro. Ok né?! Ligo para a pizzaria, faço o pedido, o moço disse que iria demorar uns 30 minutos. Ótimo, assim daria tempo de tomar meu banho antes da pizza chegar. Depois de um tempinho, Isa sai do banheiro.
- Isa, o dinheiro está em cima da mesa, vou tomar meu banho.
- Tá bom, vai lá. 


       ~~ Tempinho Depois ~~

 Estamos assistindo netflix enquanto comíamos uma pizza deliciosa de frango com catupiry, escolhemos um filme brasileiro, Muita Calma Nessa Hora, contava a história de 4 amigas, cada uma teve um tipo de decepção ao mesmo tempo, então se juntaram e foram pra Búzios no RJ. Lá elas vivem várias emoções e divertidas situação. Teve uma parte do filme em que rolou uma cena de sexo, Isa olhou pra minha cara e começou a rir.


- Que foi palhaça? ~ pergunto já sabendo o porque.
- Nada, só fiquei imaginando você e o Bruno com essa cena do filme. Ele é bom de cama Malu?
- Isa, eu tenho que esquecer isso muié ~ ela fez uma cara de " Huuuum, tá bom " ~ Mas sim, ele é maravilhoso.
- Quem diria, você regravando o clipe  Gorilla ~ disse me fazendo engasgar com o refrigerante.
- Essa foi boa. ~ digo me levantando, indo deixar os pratos na cozinha e a louca me acompanha.
- Mas falando sério agora, como está o clima no estúdio? 
- Tá normal, ele fazendo a parte dele e eu a minha. Às vezes pego ele me olhando meio diferente, mas finjo que não me importo. O que aconteceu em San Francisco ficou lá.
- Ele não tentou mais nada? 
- Não, e nem vai. Ele está focado em somente me ajudar.
- Eu sinto que ainda não acabou, você e ele estão no destino um do outro. ~ falou enquanto passava os dedos no queixo, como se estivesse pensando em algo.
- Não seja louca Isa, ele tem namorada. ~ voltamos pra sala.
- Você chama aquilo de namorada? Olha, eu até gostava dela antes de conhecê-la, agora vejo que é um poço de chatice. Eles brigam sempre.
- Pode ser, mas tudo que eu menos quero é ser o motivo dessas brigas, então vou ficar na minha.
- Já pegou ele mesmo né? Safadinha. ~ disse nos fazendo rir.

 Ficamos até não sei que horas assistindo vários filmes, conversamos com a nossa família, acordamos todos na madrugada que já era no Brasil, todos estavam orgulhosos de nós. Depois assistimos nossas séries e ficamos conversando, até que o sono veio e cada uma foi para o seu quarto. Antes de dormir fiquei pensando no que a Isa disse sobre eu e o Bruno estarmos no destino um do outro, será? Eu via tudo isso apenas como um grande e impossível sonho, tudo bem que rolou umas coisas entre nós, mas não acho que terá uma continuação. Ele já já vai cair na estrada e eu vou divulgar meu trabalho, vamos deixar de nos ver e tudo não passará de lembranças. Boas lembranças.


Notas Finais


Sonho ou Destino?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...