História Sonho Se Tornando Realidade - 2 Temporada! - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jared Padalecki, Jensen Ackles, Misha Collins, Supernatural
Personagens Jared Padalecki, Jensen Ackles, Misha Collins
Exibições 79
Palavras 1.072
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Escolar, Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Voltei amores <3

Capítulo 4 - Tudo está tão bom!


Fanfic / Fanfiction Sonho Se Tornando Realidade - 2 Temporada! - Capítulo 4 - Tudo está tão bom!

ANTES:

POV ISA:

...eu sentia que ele estava feliz, adoro vê-lo assim e então ele começou a cantar e fingir que o volante era uma bateria, simplesmente sorri, como era bom ver ele feliz...

AGORA:

POV JENSEN:

Eu e Isa estávamos em casa e eu acabei de colocar ás crianças para dormir, fui para o quarto Isa não estava lá, desci ás escadas, passei pela cozinha e fui até a varanda ela estava sentada na rede, peguei um banquinho e sentei atrás dela e quando ela empurrou a rede para trás a abracei e dei um beijo em seu pescoço, ela colocou seu braço em cima do meu me agradando mas senti que ela estava tensa.

- Está tudo bem amor? (Perguntei a olhando ainda abraçado)

Vi que ela suspirou fechando os olhos e acenou a cabeça como um ‘não’ e falou:

- Não Jen, não está. (Ela disse triste)

- O que está acontecendo com minha princesa em? (Perguntei dando um beijo em seu ombro)

- É que tudo é tão novo pra mim... (Ela falou e fez uma pausa)

Franzi o cenho a olhando confuso e falei:

- Não estou entendendo amor.

- Ser casada, ser mãe, estar com o homem que sempre amei. (Ela falou sorrindo e me beijou) É que, tudo está tão bom, que tenho medo que um dia, tudo isso se acabe e...

- Ei... (Falei calmo, colocando uma mão em seu queixo o erguendo e fazendo ela olhar para mim) Se depender de mim, nosso casamento vai durar até o último dia de nossas vidas. (Falei e dei um beijo em sua boca)

- Eu sei amor, mas é que...

- É eu sei, você vai ter que acostumar com essas mudanças meu amor e sei que está sendo difícil até pelo fato de você ter saído do seu país, começar a falar outra língua sempre, ter que se acostumar com outros costumes, mas entenda uma coisa... (Disse olhando e pegando a mão dela e a olhando em seguida) eu sempre vou estar ao seu lado, para tudo que você precisar, sempre.

Falei sério a olhando e ela apenas me beijou colocando sua mão em meu rosto e eu sorri durante o beijo, quando ela cessou a olhei em seu olhos segurando sua mão e ela disse depois de dar um sorriso de leve:

- Você é o melhor companheiro, amigo, namorado, noivo... e principalmente o melhor marido que eu podia ter.

Me beijou de novo e eu sorri de leve secando suas lágrimas e então fui até a rede a sentei ao seu lado, trouxe ela até meu colo e a deitei em cima de mim, ficamos deitados na rede e ela me abraçou forte falando:

- Te amo mais que tudo Jen.

Dei um beijo na sua testa e a agradei falando:

- Também te amo minha princesa.

Eu estava a agradando e olhando a lua quando o meu celular toca, quando fui ver uma mensagem de Jared:

“Vamos ter que viajar esse final de semana para a Comic-Con e adivinha onde? Brasil”

“ A Isa vai adorar essa notícia” (digitei)

“Vai levar ela mesmo e as criança?” (Jared disse)

“Podem ficar com a mãe dela.”

“Tudo bem, você quem sabe, até amanhã de noite no aeroporto.”

“Até.”

 

Desliguei o celular e Isa perguntou:

- Quem era amor?

- Pensei que estivesse dormindo. (Falei a olhando)

- Acabei de acordar. ( Isa disse me olhando) 

- Mas relaxa, era o Jared falando que vamos ter que viajar amanhã a noite porque sábado e domingo temos convenção. (Falei a olhando )

- Onde? (Ela perguntou)

- No Brasil. (Eu disse e ela sorriu me beijando) Isso quer dizer que você vai ir junto não é e vai me mostrar aquela país que estou doidinho para conhecer. (Disse a beijando)

- É claro que vou amor. (Ela disse animada me beijando)

Eu estava a olhando quando cai na real ouvindo uma menininha me chamar.

- Papai, não estou conseguindo dormir. (Justice diz esfregando os olhos e bocejando)

A olhei sorrindo e logo olhei Isa que entendeu o recado sorrindo, fomos até Justice correndo e a peguei no colo a enchendo de beijos e ela não conseguia parar de rir, Isa fazia o mesmo que eu, levamos Justice para nosso quarto e deitamos os três na cama, Justice no nosso meio e ela olhou Isa falando:

- Gosto muito de você mamãe Isa.

Justice abraçou Isa que me olhou sorrindo, sorri de leve e falei:

- Acho que está na hora de alguém dormir não é?

Justice apenas se soltou de Isa e me olhou me dando um beijo na bochecha falando:

- Te amo papai.

- Também te amo meu amor.

- Só acho que antes de qualquer um de nós dormimos, devíamos tirar uma foto.

Isa disse pegando o celular e me olhando sorrindo, apenas bufei cansado mas sorri de lado, Isa, Justice e eu nós aproximamos e tiramos a foto.

- Amor posso postar? (Ela me pergunta)

- Porque? (Respondi com outra pergunta)

- Por favor. (Ela fez beicinho)

- Tudo bem pode sim.

Disse dando um beijo em Isa e abracei Justice fechando os olhos e nos cobrindo, eu estava morrendo de sono.

POV ISA:

Depois de postar a foto, me deito de lado e de frente para Justice e Jensen, dei um beijo na testa de Justice e fiz um agrado no braço de Jensen que sorriu de olhos fechando colocando sua mão em minha barriga e me agradando.

- Boa noite amor. (Falei baixinho)

- Boa noite.

Ele falou baixinho e sorriu depois, me deitei de barriga para baixo e fechei os olhos pensando que eu não seria nada sem meu Jensen e meus filhos.

POV DANNEEL:

Eu estava no restaurante com a pessoal e falei a olhando sério:

- Você sabe o que tem que fazer, quero saber se vai continuar com o acordo.

- Tudo bem eu continuo, mas até quando tempo isso vai levar? (A pessoa me pergunta)

- Até quando ás crianças deles estiverem com três anos, por enquanto você vai observar os passos deles, quando eu der a ordem, você a faz.

Disse colocando algum dinheiro na mesa e saí do restaurante, respirei fundo pensando que eu estava fazendo isso para meu bem e do Jensen e da nossa família que tínhamos construído, eu ainda preciso dele e vou ter ele de volta para mim.


Notas Finais


Espero que tenham gostado amores <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...