História Sonho se tornando Realidade- 3 temporada - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jared Padalecki, Jensen Ackles, Supernatural
Exibições 48
Palavras 1.174
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


espero que gostem amores <3

Capítulo 11 - Apenas uma chance!


Fanfic / Fanfiction Sonho se tornando Realidade- 3 temporada - Capítulo 11 - Apenas uma chance!

ANTES:

POV ISA:

...só faltava apenas mais uma pessoa para nossa família ficar completa e feliz de novo: Jensen.

AGORA:

POV ISA:

Depois de um tempo, já era tarde da noite, dei banho nas crianças, terminei de colocar o pijama em Allie e ela disse me abraçando:

- Te amo mamãe.

A abraço de volta e falo:

- Te amo muito mais princesa, agora vamos dormir? – Falei tirando o cabelinho do rosto dela.

Subimos na cama e abracei Allie e Jacob os cobrindo e então Jacob falou:

- Mamãe conta uma história? – Apenas sorri.

- Conto sim amor.

Comecei a contar uma história e dentro de alguns segundos eles já estavam dormindo, quando percebo, dou um beijo no rosto de cada um e falo:

-Boa noite meus amores. –Disse me levantando da cama com cuidado.

 Fui até a cozinha tomar um copo da água e senti algo tocar meu pé, olho para baixo e vejo Max, assim que o olho ele abana o rabinho todo feliz, me abaixo pegando ele no colo e levanto, ele começa a lamber meu rosto e eu falo:

- E ai garotão? Você foi um anjinho para unir nossa família de novo não é?

Ele latiu e começou a me lamber de volta, apenas consigo rir e coloco ele no chão de volta, coloco sua ração em seu pote de comida e fico observando ele comer, enquanto isso apenas fico pensando em Jensen.

POV JENSEN:

Eu não estava conseguindo dormir de tanta ansiedade, Isa não espera o que está por vir, só tenho medo que ela não vá amanhã, só tenho medo que algo de errado, só tenho medo de que ela não me ame mais... eu estava tão distraído em meus pensamentos que só voltei a real quando uma menininha sobe no sofá e coloca uma mão em meu braço falando:

- O papai está bem? – Justice pergunta e eu a pego no colo falando:

- Oi amorzinho, o que está fazendo acordada a essa hora?

Perguntei a olhando e ela disse:

- Não estou conseguindo dormir.

Apenas sorri e a olhei falando:

- O papai está bem amor, só está um pouco ansioso para trabalho de amanhã, nada demais ok? – Eu disse e ela apenas sorri – O que acha do papai cantar para você dormir?

- Adoraria. – Ela disse animada.

Levei ela para a cama e depois de Justice ter dormido, fiquei acordado pensando em Isa.

POV ISA:

Fiquei acordada até o dia seguinte, e já eram umas nove horas da manhã, me arrumei, coloquei apenas uma regata preta e um shorts jeans, com uma rasteirinha branca, recebi uma notificação no celular “Jensen Ackles está ao vivo” fui direto no link e não parava de sorrir que nem boba, até que ele disse:

- Isa, eu posso estar parecendo o maior bobo apaixonado, mas se eu não te amasse como eu te amo, eu não estaria aqui no palco desta comic-con – ele vira a tela para os fãs como se fosse tirar uma selfie e continua -  te esperando, se você ainda me ama, saiba que tem uma coisa que quero te mostrar, mas para isso, precisa ser pessoalmente, te amo e te espero amor.

Ele desliga o vídeo e eu não consigo parar de chorar de emocionada.

- O que foi filha porque está chorando? – Minha mãe pergunta descendo a escada.

- Nada não mãe, a senhora pode cuidar das crianças fazendo um favorzinho? – Perguntei.

- Claro que posso, onde vai?

- Em um lugar especial.

Disse pegando Max no colo e fui até meu carro, demorei mas cheguei na comic-con, entrei no camarim, pois me liberaram, e pela cortina podia ver eles rindo e se divertindo, respirei fundo e subi ao palco, até que Jared e os fãs me viram, menos Jensen pois eu estava atrás dele.

- Jensen? – Jared pergunta.

- Sim. – Ele olha para Jared.

- Qual seria seu desejo nesse momento? –Jared pergunta.

-Que minha mulher estivesse aqui. – Ele responde.

Neste momento, Max late e Jensen olha para trás, ficando de pé e ficando de frente para mim.

- Pensei que não viria. – Ele disse emocionado e derramando uma lágrima.

- Depois daquela declaração ao vivo? . –Eu disse chorando e max latiu fazendo Jensen rir.

- Gostou? – Ele pergunta colocando uma mão em meu rosto secando minhas lágrimas e me agradando.

- Tem como não gostar amor?

Disse emocionada me aproximando de Jensen, ele sorriu e me beijou enquanto todo mundo aplaudia, Jensen cessou o beijo e falou se ajoelhando na minha frente:

- Isa, eu sei.. eu sei que nos últimos meses eu fiz coisas que a magoou, mas se você me der apenas uma chance, uma chance... eu juro.. que você vai entender o motivo e se puder... gostaria de pedir seu perdão, eu te amo demais e não consigo viver sem você.

Ele disse ajoelhado na minha frente e segurando minha mão, enquanto minhas lágrimas não me obedeciam, eu estava ainda processando tudo e só conseguia ouvir: “ aceita, aceita “ dos fãs e eu não consegui, sorri e falei:

- Você ganhou sua chance meu amor. – eu disse e ele sorriu.

Me aproximei dele me ajoelhando junto com ele e então o beijei chorando ficamos um tempo nos beijando e senti Jared tirar Max de minha mãe e pude finalmente abraçar Jensen, cessamos o beijo e Jensen falou em meu ouvido:

- Te amo meu amor.

- Te amo mais. – Respondi o beijando.

Depois do beijo, ficamos nos olhandoe nos levantamos, Jensen se virou para o público e disse:

- Dentro de 1 hora estou de volta.

Saímos do palco e Jensen pegou Max no colo o levantando para o camarim, chegando lá ele fecha a porta, coloca o Max no chão e me abraça me beijando em seguida falando:

- Não via a hora de ficar sozinho com você. – ele diz me beijando e eu apenas sorri triste – Você está bem amor?

- Amor, eu estou feliz, feliz mesmo... mas eu só vou ficar bem mesmo se ... – ele me interrompe.

- Se eu te explicar o que houve não é? – Ele diz tenso e ficando triste.

- Amor não me leve a mal... é que... – Ele me interrompe.

- Eu sei... vou começar te explicando desde o início ok?

Ele diz e apenas aceno com a cabeça, depois de uma meia hora me explicando eu fico de boca aberta, ele apenas respira fundo e diz:

- E é por isso que eu fiz isso Isa, a Natalie me obrigou a fazer isso e me entenda... eu só queria o nosso... – o interrompo com um beijo e ele fica surpreso.

- Eu te perdoo amor, quem tem que te pedir desculpas sou eu.

Ele apenas sorri tenso me olhando e ouvimos um barulho grande na porta, olhamos assustados e era uma mulher com uma arma dizendo:

- Vim atrás de um e acabei encontrando os dois, olha que maravilha.

Ela disse me olhando com revolta e apontando a arma para mim, eu estava completamente em choque.


Notas Finais


espero que tenham gostado amores <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...