História Sonho se tornando Realidade- 3 temporada - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jared Padalecki, Jensen Ackles, Supernatural
Exibições 45
Palavras 705
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Se preparem amores <3

Capítulo 12 - Simplesmente não posso.


Fanfic / Fanfiction Sonho se tornando Realidade- 3 temporada - Capítulo 12 - Simplesmente não posso.

ANTES:

POV ISA:

... - Eu te perdoo amor, quem tem que te pedir desculpas sou eu.

Ele apenas sorri tenso me olhando e ouvimos um barulho grande na porta, olhamos assustados e era uma mulher com uma arma dizendo:

- Vim atrás de um e acabei encontrando os dois, olha que maravilha.

Ela disse me olhando com revolta e apontando a arma para mim, eu estava completamente em choque.

AGORA:

POV JENSEN:

Ia me aproximar de Isa, mas Natalie apontou a arma para mim falando:

- Nem pense em fazer isso. – ela diz e movimenta a arma dizendo para eu sair de perto de Isa. – Que fofinho o casalzinho junto não é? – Ela diz olhando para mim.

- Qual é Natalie, não precisa fazer isso. – Disse tenso e ela apenas aponta a arma para Isa e continua olhando para mim: - Não? Ela acabou com a sua vida Jensen e eu não vou aceitar isso. – Ela diz tensa e olha para Isa com raiva.

- Isa corre. – Disse para Isa mas olhando para Natalie.

- O que? – Isa diz tensa me olhando.

Olho para ela e digo:

- Apenas corre e não olhe para trás. – Disse tenso.

- Jensen eu... – eu a interrompo.

- CORRE AGORA. – Gritei tenso.

Ela ia começar a correr, mas Natalie se aproximou dela e colocou a arma em seu peito.

- Nem mais um passo ou... – eu a interrompo –

- Ou o que? – Ela olha para mim – Você simplesmente quer acabar com sua vida? – Disse e fiz sinal para Isa correr com os olhos. – Você está atrás de mim e não dela, deixa ela em paz.

Isa não correu e estava chorando, Natalie a olhou sínica, me olha de volta e abaixa a cabeça  para ver algo no bolso, quando tira... tira seu celular e mostra a tela para mim e eu fico em choque.

- Você vai ter que escolher papai. – Ela diz dando de ombro. – Ela... – Olha para Isa e logo para mim. – Ou eles.

Fico em um beco sem saída, eu não sabia o que fazer, cai na real quando vi Max correndo para fora do camarim, olho para Isa e derramo uma lágrima, fechando os olhos tentando me acalmar.

- Por favor... deixa ela ir embora. – Disse sem forças a olhando.

- O tempo está passando e minha paciência também. – Natalie diz séria.

POV JARED:

Já tinha passado uma hora e nada do Jensen, eu estava respondendo há uma pergunta quando começo a ouvir latidos se aproximando, olho para trás e vejo o cachorrinho que Jensen tinha dado a Isa de presente, ele veio em minha direção e começou a puxar minha calça, pego ele no colo e falo:

- Ei amigão, o que houve?

Ele começa a latir e então coloco ele no chão de volta e ele entra para a parte de trás do palco.

- Desculpe pessoal, vamos ter que dar um intervalo e já voltamos, sigo o cachorrinho e esbarro em alguém, quando olho para trás, vejo Isa chorando.

- Isa? – Disse a abraçando. – Isa o que houve?

Disse tentando fazer ela se acalmar, ela não conseguia parar de chorar, levei ela para meu camarim e ofereci um copo de água.

- Isa o que está acontecendo? – Perguntei mais uma vez me ajoelhando em sua frente.

O cachorrinho sobe em seu colo e começa a fazer carinho em Isa, que me olha e tentava dizer, mas não conseguia.

- É o Jensen? O que ele fez?

Ela não conseguia me responder, ela estava em pânico, queria poder ver o que estava acontecendo, mas não posso deixar Isa sozinha desta maneira.

POV JENSEN:

Depois que Isa saiu, enquanto eu distraía Natalie eu disse:

- Abaixa essa arma Natalie. Podemos conversar e tudo vai ficar bem, ninguém aqui quer ferrar com a vida de ninguém.

Ela me olha e levanta a arma mirando na minha testa me mostrando o celular com meus filhos.

- Não senhor, eu te fiz uma escolha e ainda não recebi minha resposta, vai ser a Isa ou seus preciosos filhos? – Ela disse.

Não consegui a responder, eu literalmente não estava conseguindo pensar, eu preferia entregar minha vida do que escolher entre Isa e meus filhos, simplesmente não posso.


Notas Finais


Hj o cap vai ser curtinho amores <3 e agora? Jensen está em um beco sem saída... o que ele vai fazer?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...