História Sonhos Agridoces - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO, Girls' Generation, Super Junior
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, Cho Kyuhyun, Choi Siwon, D.O, Henry Lau, Kai, Kangin, Kim Heechul, Kim Ryeowook, Kris Wu, Lay, Lee Donghae, Lee Hyukjae "Eunhyuk", Lee Sungmin, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Shindong, Suho, Sunny, Taeyeon, Tao, Tiffany, Xiumin, Yesung, Yoona, Yuri, Zhou Mi
Tags Drama, Exo, Girls' Generation, Romance, Super Junior
Visualizações 10
Palavras 1.131
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Aqui está, mais um capítulo. Espero que gostem 😊❤ Desculpem-me qualquer erro 👍🍃

Capítulo 4 - A Chance de SunHee (Parte 1)


Fanfic / Fanfiction Sonhos Agridoces - Capítulo 4 - A Chance de SunHee (Parte 1)

POV - SunHee 

- Oi?! - exclamou Yeonghan como se tivesse visto um fantasma - Ajudar você nessa loucura?! Você tá doida SunHee? - ele perguntou arregalando os olhos dele.

- Não! Eu estou falando sério! - respondo - É uma grande chance Yeonghan, eu não posso perdê-la. - tento convencê-lo de uma maneira sutil.

- E você quer ficar cada vez mais queimada com seu pai? - ele perguntou.

- Se eu for aceita, eu simplesmente vou e ele não vai poder impedir. - respondo. - Afinal, se ele tivesse me apoiado, talvez eu teria feito isso com o consenso dele.

- Você é maluca mesmo. Desde aquela vez que você correu atrás de um caminhão de lixo porque tinha jogado fora, sem querer, seu ingresso do show do SNSD eu não espero mais nada de você. - ele disse tentando por a mão grande dele em um pote de biscoitos.

- Como você sabe disso?! Você já estava em Seoul... Ahhhh esquece! Vai me ajudar ou não? - pergunto, mas dessa vez mais séria, para vê se ele se intimida.

- Hmmm... Só vou ajudar porque você é muito minha amiga. - ele responde e eu vejo uma porta se abrir bem na minha frente, uma porta que diz "Parabéns, você vai virar uma Idol!" ou "Bem vinda à SMTOWN". Pulo do sofá e corro para dar um abraço nele.

- Obrigada! Obrigada! - agradeço dando um abraço bem apertado nele e um monte de beijos na sua bochecha.

- Para com todo esse aegyo. Mas e aí? - ele pergunta e eu fico confusa.

- Mas e aí o quê? - pergunto confusa.

- O que você vai preparar em duas semanas? - ele pergunta e de repente me dá um branco na mente.

- Eu não pensei nisso. O que eu faço? - pergunto à ele e o mesmo me olha mais confuso ainda.

- Como EU vou saber?! - ele me pergunta e eu apenas abaixo minha cabeça olhando para os meus sapatos rosas.

- E agora? Não sei se eu mando vídeo dançando ou cantando. Eu amo dançar, mas amo cantar também... E agora Yeonghan oppa?! Me ajuda! - digo e ele mais confuso ainda.

Ficamos sentados e pensando no que poderíamos fazer, até que enfim uma lâmpada se acendeu na mente de Yeonghan e ele teve uma idéia.

- Já sei! - exclamou ele se levantando da cadeira e pulando no sofá.

- O quê?! O quê?! No quê você pensou? - pergunto animada.

- Podemos fazer uma espécie de MV, você inicia cantando uma música, toda calma tocando um violão, como se não fosse nada, daí... BAAM... - ele grita e me assusta - ... Você se levanta, o ritmo da música muda e você começa a dançar.

Eu fiquei parada olhando ele e eu não sei o que deu em mim, porque eu comecei a gritar do nada, assustando o pobre do Yeonghan.

- Ahhhhh - grito e pulo do sofá - Perfeito! Yeonghan você é um gênio... Mas... que música eu canto? - pergunto.

- Canta uma música do seu grupo ultimate... Super Junior não é?! - ele responde.

- Ótima idéia... Vou fazer uma megamix. - digo e ele fica confuso.

- Como assim? - ele pergunta.

- Vou começar tocando "Daydream" do Super Junior no violão, depois levanto e começo a cantar e dançar a música "MAMA" do EXO. Que tal? - pergunto.

- Gostei! E cantar uma música de um grupo da SM, também é uma espécie de apelo. - disse Yeonghan, pegando lutando contra o pote de biscoitos.

Já era tarde e eu tinha que ir pra casa, então  Yeonghan me acompanhou até lá. Nós nos despedimos e ele foi pra casa.
Quando eu cheguei, fiz todo o esforço do mundo para não ser percebida, porém...

- Onde você estava mocinha? - perguntou meu pai acendendo a luz bem na hora em que eu entrei em casa.

- Que susto pai! - disse pra tentar mudar de assunto.

- Não tente mudar de assunto mocinha! - Mas não deu certo - Onde estava? - ele pergunta.

- Eu estava na casa do Yeonghan, satisfeito! - respondo com arrogância.

- Até essa hora? - ele pergunta.

- Mas é claro! Queria chegar em casa em um horário em que eu não precisasse olhar para o senhor. - respondi mas uma vez com arrogância, só que dessa vez saí correndo e subi para o meu quarto.

Eu estava muito chateada para ter uma conversa com ele naquela noite.
No dia seguinte, me acordei bem tarde, quase na hora do almoço. Desci e fui ver se tinha algo para comer. 

Quando desci, minha mãe já estava fazendo o almoço e eu nem sequer tinha tomado café da manhã.

- Bom dia mãe. - disse pegando uma maçã de cima da mesa.

- Boa tarde SunHee. Acordou tarde hoje mocinha. - ela disse pondo um pedaço de bolo de amêndoas na minha frente, o meu favorito.

- Bolo de amêndoas? - perguntei com a cara mais alegre do mundo.

- Sim. Eu guardei pra você, então por favor coma tudo. - ela respondeu e me dando um beijo na cabeça.

Peguei o garfo e fui dar uma garfada no bolo que estava com uma cara muito boa. Eu estava lá comendo, quando minha mãe me fez uma pergunta meio, assustadoramente estranha.

- Você vai começar a ensaiar hoje para as audições? - ele perguntou e eu engasguei de tanta surpresa.

- Hug... Hug... Q-que... Que audição? - perguntei fingindo que não sabia de nada.

- Kim SunHee! Eu vi o comercial ontem, eu tenho certeza que você não vai deixar essa passar. - ele disse acariciando o meu espantado rosto.

- Mas mãe... A senhora não vai... Ficar chateada? - perguntei e ela levemente sorriu.

- Eu vou ficar chateada se minha filha não correr atrás dos sonhos dela. - ela respondeu e uma pequena lágrima caiu do meu olho. - Eu sei que tudo o que você mais quer é ganhar a vida com o seu talento. - disse ela.

- Sim... Mas e o papai...? - perguntei relutantemente.

- Ele não precisa saber por enquanto. - respondeu minha mãe.

- E se eu for aceita? - perguntei mais relutante ainda.

- Se isso acontecer, e vai acontecer, eu tenho certeza, eu me resolvo com ele. - respondeu ela - Agora vai lá, ensaia, grava essa vídeo e corra atrás do seu sonho.

Neste momento, muitas lágrimas caíam dos meus olhos. Eu levantei e dei um abraço na minha mãe.

- Obrigada mãe. Eu amo a senhora. - disse eu molhando a blusa da minha mãe de lágrimas.

- Eu também te amo SunHee... Muito! - disse ela.

🍃 Continua 🍃


Notas Finais


Confesso que chorei enquanto escrevia essa última parte 😂😂😂 Mas fazer o quê?! Espero que tenham gostado do capítulo 😊 É até ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...