História Sonhos e Planos ll - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Sonhos
Exibições 6
Palavras 678
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Acabou a fanfic bjus ♥

Capítulo 33 - ADEUS! ADEUS!


Fanfic / Fanfiction Sonhos e Planos ll - Capítulo 33 - ADEUS! ADEUS!

CONTINUAÇÃO

 

 Ele agarrou nela como se fosse o ultimo dia de nossas vidas se eu gostei? Claro que gostei. Depois de várias posições os dois gozaram e fomos dormir.

*DIA SEGUINTE*

 Acordei com a Hannah batendo na porta e ainda estávamos nus e Harry ainda estava dormindo, levantei-me e coloquei a primeira roupa que vi na minha frente.

- Fala minha linda. – Disse coçando os olhos.

- Mamãe tem alguém batendo na porta e o Martin está chorando. – Disse e eu corri para o quarto deles.

 Fui para o quarto deles e vi Martin chorando descontroladamente não entendi o pq, mas peguei o mesmo no colo e desci correndo. Harry ouviu e foi atrás de mim segurando a Hannah, mas pq que ele estava chorando tanto? Hannah ouviu alguém bater na porta, então fui até ela e não tinha ninguém lá fora como assim? Ela estava escutando alguém bater na porta e toda vez que abria a porta não tinha ninguém.

- Mica chama sua mãe que ela entende dessas coisas. – Disse Harry, assenti e fui.

 Fui até a casa da minha mãe do jeito que eu estava não queria nem saber o que estava vestida, sai gritando e minha mãe abriu a porta de roupão e eu tive que rir, mas me concentrei.

- Mãe pelo amor de Deus me ajuda. – Disse e a mesma só me olhou e foi.

 Sim minha mãe mora na mesma rua que eu só que ele mora no final da rua e eu quase no começo, então, a distância é bem pequena. Chegamos á casa e Hannah também estava chorando e Harry estava com Martin no colo.

- Harry põe Martin no sofá. – Disse minha mãe.

 Ela analisou o corpinho de Martin e eu fiquei com Hannah no colo e toda hora ela me perguntava se ele ia morrer e eu dizia que não.

 

XX Flashback XX

 

 Estava arrumando as coisas do Martin para finalmente sair do hospital, até que o médico entra no quarto e diz que eu não posso sair antes de fazer os famosos testes no baby... Pulei alguns testes pq já estava na hora de eu sair e eu já estava com fome e finalmente PARTIU CASA.

 

XX Flashback off XX

 

 Será que é isso? Será que ele vai ficar bem? Senhor por favor, não leve o meu bebezinho agora. Já estava a ponto de pegar ele da minha mãe e levar-lo para bem longe e cuidar dele, mas me segurei muito e Harry estava me ajudando a pelo menos esquecer o que estava acontecendo e sempre tentando colocar-me para cima, mas não estava adiantando eu só pensava em parar tudo e pegar o meu filho.

- Mamãe o que vai acontecer com meu irmão? – Perguntava Hannah chorando.

- Nada meu amor ele vai ficar bem. – Disse e a mesma me abraçava.

- Harry ele vai ficar bem né? – Perguntei a Harry chorando.

- Sim. – Disse Harry.

 Essas foram as ultimas palavras do meu filho “mamãe te amo” sim ele morreu naquela noite, ele teve um ataque cardíaco e morreu fiz de tudo para melhorar, mas não dava certo. Harry chorava e os meninos também, minha pequena também e eu? Nem precisa perguntar claro que chorei até demais. Tentava não pensar no pior, mas era impossível nunca mais vou ter meu pequeno Martin em meus braços, nunca mais vou sorrir com as risadas dele, nunca mais vou o ver cair e pedir colo.

- Pq logo comigo?... Pq ele? ...Pq não eu? ...Senhor pq hoje?... Como vou ficar sem o meu filhinho lindo em meu colo?... – Tentava dizer, mas o choro cada vez aumentava.

 

 No dia do enterro eu sentia que o meu bebe ia ficar melhor e que isso tudo um dia ia passar, mas que ainda não podia perder as forças por conta da Hannah e por todos que estavam lá. Pela ultima vez me despedi do meu pequeno. Choro e mais choro e agora somos só eu, Harry e Hannah...

OBG POR LEREM A MINHA FIC BJUS PARA TODOS ATÉ A PROXIMA FIC ♥



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...