História Sonic Riders - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sonic Boom, Sonic The Hedgehog, Sonic X
Tags Sonic
Exibições 98
Palavras 1.481
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Esporte, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


ta ai mais um cap gente, espero que gostem e boa leitura

Capítulo 17 - A carona


Depois de Sonic ter mostrado sua verdadeira velocidade, Jorge fica de boca caída, não acreditando no que viu.

Jorge: Caramba... você é muito rápido cara! É até mais rápido do que Jet!

Sonic: Valeu. Mas eu não sou tão rápido ainda no Rider, e quem é Jet?

Jorge: Ele é líder da equipe Babylon Rogues.

Sonic: Nunca ouvi falar.

Tails: Por acaso já ouviu falar de algum time?

Sonic: Só o do Lee. O resto nem sei, você me falou que tem um site só disso, não é?

Tails: Tem sim. E eu também te falei que quando quiser montar um time é só se inscrever lá no site.

Jorge: Você conhece Lee?

Sonic: Sim nos dois aqui o conhecemos, foi ele que nos ensinou a andar nisso daqui.

Jorge: Agora eu consigo entender o seu motivo de ser bom.

Sonic: Isso não tem nada a ver. Ele mesmo disse. “Eu apenas ensinei o básico agora o resto é com vocês. ”

Jorge: Eu sei mais.... Quase ninguém é treinado por ele.

Tails: É, aliás não foi só ele, foi o time todo que nos ensinou.

Jorge: Caramba! E ainda vocês querem treinar para a corrida.

Sonic: Até os corredores mais fodas do mundo tem que treinar, e por quê nós que somos nada comparados a eles não devem?

Jorge: É olhando para esse lado você tem razão.

Sonic: Eu sempre tenho razão cara.

Tails: Sei.

Sonic: Não enche Tails.

???: Hora, hora, hora. Pelo visto vocês andaram treinando mesmo.

Rouge mais Shadow, Silver e Knuckles apareceram batendo palmas e gritando de alegria para Tails.

Sonic: É! Por acaso você viu?

Rouge: Sim. Um pouco.

Silver: Mandou bem Tails! Sabia que podia melhorar.

Knuckles: É isso aí carinha! (Chega perto dele e começa a bagunçar seu cabelo.)

Shadow: É mandou bem.

Tails: Valeu gente! Mas sinto que posso melhorar ainda mais.

Rouge: Mas é claro que pode. Não como pode, mas você vai, ou melhor, todos iram melhorar.

Silver: Você disse que iria nos levar até o time DEAD WHELLS.

Rouge: E eu vou. Mas ainda não.

Shadow: Pelo menos falou com os caras?

Rouge: Mas é claro que sim, achou que eu iria esquecer?

Shadow: Na verdade sim.

Quando ele disse isso, Rouge então o pega e o joga no chão com toda força fazendo com que os meninos que estavam em volta pulassem, então Sonic chega perto de seu amigo caído.

Sonic: Isso dói não é?

Shadow: Cala... a.... boca....

Sonic: Hehe.

Rouge: Então vamos voltar para o treino e você aí.

Jorge: Eu?

Rouge: Claro! Quem mais poderia ser. Você vai nos ajudar a treinar!

Jorge: Cl....

Rouge: E eu não aceito um não como resposta ouviu mocinho?

Jorge: (Com medo.) Mas eu iria dizer que sim....

Rouge: Ótimo! Então vamos!

Assim todos voltam a treinar a corrida entre times. Por conta da pequena melhora de Tails ele conseguiu deixar a suas trocas em um tempo bem menor do que antes, todos estavam dando o seu melhor, eles treinaram até as 19h30min sem intervalo, eles estavam exaustos por conta disso.

Sonic: Cara eu adoro correr, mais, eu... EU NÃO SINTO AS MINHAS PERNAS!

Silver: NÃO É SO VOCÊ!

Knuckles: Cara onde estão as suas pernas?

Silver: QUE? ONDE ELAS.... Haha muito engraçado.

Shadow: Não acredito que caiu nessa.

Silver: Acontece, ainda mais que estou no estado de demência.

Shadow: Você sempre está.

Silver: Enfim! Vocês sabem aonde Blaze estar? Ela disse que viria.

Rouge: Eu não sei. Ela falou que talvez não poderia vir hoje.

Silver: Poxa.

Knuckles: Não chora não cara. Amanhã você vai ver a sua namorada.

Silver: ELA NÃO É MINHA NAMORADA!

Knuckles: Nossa, eu tava apenas brincando.

Silver: A então foi mal.

Amy: Mas não deixa de ser verdade.

Silver: Até você! Acho que não vai gostar quando eu dizer de quem você gosta!

Rouge: Opa! Essa eu quero ver.

Amy fica toda corada e todos olham para Silver com um olhar de mistério.

Amy: Mas.... Eu não gosto de ninguém.

Silver: Sei. Sabe eu consigo adivinhar quando alguém está apaixonado por outro.

Sonic: Então fala logo. Estou curioso.

Amy: (Corada.) Até você!

Sonic: Claro! Quero saber quem é o sortudo.

Amy: (Pensando.) Sortudo? Ele quer mesmo saber?

Silver: Amy gosta deeeeeeeeeee......

Todos ficam o encarando mais ainda com o olhar de curiosidade, Amy estava com medo daquilo. Ela tinha certeza de que tinha uma queda por Sonic, mas queria poder falar para ele na hora que achasse melhor, ela não tinha vontade de que alguém contasse.

???: Oi gente.

Silver: BLAAAZZEE!

Silver corre e abraça a amiga na qual fica toda vermelha.

Blaze: (Corada.) O..Oi Silver.... Pode me soltar agora….

Silver: Foi mal.

Cream: Que bom que veio amiga.

Blaze: Sim. Foi mal por não ter aparecido, eu estava em uma reunião de família.

Rouge: Contando que não esqueça dos seus amigos pobres aqui eu te perdoo.

Blaze: Para, claro que eu não vou abandona-los.

Sonic: Ótimo, mas voltando para o que estava interessante, Silver fala logo de quem a Amy gosta. Eu estou curioso demais.

Blaze: Opa, cheguei na hora certa.

Silver: Bem isso................ Eu não faço a menor ideia, só falei isso para deixa-la preocupada, coisa que deu certo.

Sonic: QUE!? QUER DIZER QUE EU FIQUEI CURIOSO ATOA!

Silver: Sim.... Foi mal.

Knuckles: EU PERDI SEGUNDOS DE MINHA VIDA POR NADA?

Silver: Já pedi desculpas.

Amy suspira.

Knuckles: E esse suspiro aí rosada?

Amy: (Assustada.) Sus-suspiro que suspiro?

Knuckles: “Que suspiro? ” Você ainda pergunta?

Amy: A isso.... I-Isso não é.....

Sonic: Deixa para lá Knucks, isso não é da nossa conta. Mais cedo ou mais tarde vamos descobrir mesmo.

Knuckles: É. Então Blaze, o que você manda? Se veio é porque quer falar algo com nos.

Blaze: Bem eu queria saber se gostariam de comer algo. E para a sua informação Knuckles eu viria de qualquer jeito para oferecer carona.

Sonic/Silver/Cream: ACEITAMOS!

Todos olham para Cream.

Cream: Que foi? Eu to com fome.

Blaze: Então venham logo.

Knuckles: Bem de qualquer forma você queria falar algo.

Blaze: Claro que sim.

Jorge: Bem podem ir sem mim. Eu tenho que ir.

Tails: Serio mesmo Jorge?

Jorge: É. Mas quando forem treinar me liguem.

Tails: Pode deixar.

Sonic: Falo cara!

Jorge: Falo gente!

Então todos saem e vão para a entrada do parque, Sonic por não conhecer o lado de rico de Blaze, fica boque a aberto, pois na frente deles estava uma limusine.

Blaze: Nunca entrou em uma antes?

Sonic: Não.

Blaze: Então pode ser o primeiro a entrar.

Sonic: Serio?

Blaze: Mas é cl....

Ela nem termino de falar direito e Sonic entra na limusine com tudo, todos ficaram rindo do ato dele, assim que ele entrou viu como era lá dentro.

Sonic: Blaze. Posso dormir aqui?

Blaze: Claro que não!

Assim que todos entram, Blaze ordena com educação para que o motorista fosse, lá tinha, Tv, rádio, frigobar, etc., ela ofereceu comida e bebida a eles.

Sonic: Sem querer pedir demais, mas tem vodka?

Blaze: Cara, tem, mas eu não vou deixar você beber.

Sonic: Estou brincando. Essa seria a pergunta de minha irmã casso ela estivesse aqui.

Blaze: É, mas mesmo assim meus pais a deixam guardada a onde eu não posso pegar.

Motorista: E nem deve. Não enquanto eu estiver aqui.

Blaze: Sem contar que Christopher não vai permitir de jeito nenhum.

Christopher: Era um robô feito pela família de Blaze. É praticamente um guarda costas.

Sonic: Uau. Por essa eu não esperava.

Tails: É o certo os pais não deixarem ela beber.

Sonic: Isso aí vem da cada um. Só que eu não to falando disso e sim do robô ali.

Tails: Não é maneiro!

Então todos vão conversando e falando assuntos aleatórios, Sonic e Silver praticamente ficam competindo entre si de quem comia mais, os outros estavam torcendo. A limusine de Blaze estava parando na casa de cada um, até que no final apenas sobrou ela, Amy e Sonic. Ele estava fazendo elas rirem bastante até que seu celular começa a tocar.

Sonic: Licença.

Blaze: (Cochichando.) Olha eu te conheço já faz tempo, e deu para notar que você fica bastante diferente quando está perto dele.

Amy: (Cochichando.) Até você vai começar com isso.

Blaze: (Cochichando.) Então não fui a primeira.

Sonic: Bem, onde eu estava mesmo, ata lembrei....

Depois de alguns minutos eles chegam na casa de Amy, assim que ela sai Blaze olha para ela e pisca, ela lhe da língua pois entendeu o motivo da piscada, Blaze apenas rir, então o carro começa a se movimentar.

Sonic: Ela é bem legal

Blaze: É, ela é sim. Cuide bem dela.

Sonic: Como assim?

Blaze: (Pensando.) É burro mesmo!

Sonic: Que?

Blaze: Nada. Nada não.

Eles vão conversando sobre outras coisas até chegar na casa de Sonic, assim que chegam ele sai e se despede dela.

Blaze: (Pensando.) É Amy, você soube escolher.

Continua....


Notas Finais


obrigado por terem lido e ate a proxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...