História Sorry,is that I Love You - (Camren) - Capítulo 63


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Avril Lavigne, Camila Cabello, Camren, Lauren Jauregui, Miley Cyrus, Nick Jonas
Exibições 966
Palavras 2.707
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Festa, Orange, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey amores ❤

Capítulo contém hot, se não gostar, não leiam 😊🌚

Bom ... Capítulo dedicado ao pessoal do melhor grupo de whatts que existe, amo vcs, e divirtam-se 🌚

Indico vocês escutarem Big bad Wolf quando eu pedir, pra dar o clima.

Erros arrumo depois


Boa leitura ❤

Capítulo 63 - Big Bad Wolf!


Lauren :

-Finalmente !! Aja fôlego viu. -Dinah fala ao ver eu e Camila descendo a escada.

Digamos que demoramos muito no quarto, e claro que Jane não ia deixar de fazer piadinhas.

-Fica na sua Jane. -Ela me mostra a língua. -Quer comer alguma coisa ? -Pergunto entrelaçando meus dedos com o da Camz.

-Comer mais ? Não acham que já comeram o suficiente ? -Vero fala fazendo Dinah gargalhar.

-Vou nem te responder Iglesias ! -Bufo e sigo para a cozinha, onde Ally e Troy faziam sanduíches.

-Vão querer ? -O grandão pergunta.

-Eu quero. -Camz fala sorrindo.

-Eu também. -Eles sorriem e continuam fazendo os lanches.

-Vamos na varanda?  -Camila falou manhosa.

-Vamos. -Seguimos até a varanda de mãos dadas.

-Eu tenho ótimas lembranças daqui ... -Ela disse olhando encostada na grade da varanda, a abracei por trás deixando um beijo em sua nuca.

-Eu também ... Várias emoções, sensações. -Ela da um riso fraco.

-E que sensações, né Jauregui ?! -A viro deixando ela de frente pra mim.

-Não vem me falar que não gostou ?!

-Não falei isso ... Adorei tanto, que hoje vamos ver se você vai gostar de novas sensações. -Fala arrastado bem próxima ao meu ouvido, chupa o lóbulo da minha orelha e saí, deixando meu corpo quente.

-Camila ... -Falo num suspiro, ouço sua risada me viro e ela sorri com a língua entre os dentes.

-Lauren ... Vou pra piscina, o pessoal já está lá. -Me lança uma piscada e saí.

Essa Latina ainda me mata.

Todos já se encontravam na piscina, e juro que estava tentando manter minha sanidade, mas Camila parecia estar me provocando naquele biquine.

Ela fazia questão de passar rebolando perto de mim, e sempre que notava o meu olhar em seu corpo, sorria maliciosa e piscava, fora as palavras nada descentes que ela falava perto do meu ouvido.

Eu estava prestes a explodir.

-Fecha a boca, assim não entra mosca. -Dinah fala se sentando na espreguiçadeira ao meu lado.

Acho que fazia uma meia hora que eu estava olhando para Camila enquanto ela é Vero tentavam ensinar a Ally a nadar. A Maldita Latina começou a fazer gestos obscenos olhando pra mim, estava quente como uma brasa.

-Me deixa em paz, Hansen. -Falei revirando os olhos. -Cadê sua mulher ?

-No quarto, tá de Tpm, melhor eu nem chegar perto. -Fala rindo. -E você parece que vai explodir de tão vermelha, e olha que nem ta sol.

-Pois é ... -Suspiro. Olho pra Camila que me encara, leva um dedo até a boca chupando com maestria, sinto uma pontada no meu ventre, ela tira o dedo da boca e me lança uma piscada. -E-eu vou dar um mergulho. -Falei me levantando, tirei rapidamente meu shorts e mergulhei com tudo na piscina.

A água que era pra estar gelada, sentia ferver. Afundei umas três vezes, quando subi, Camila me olhava com um sorriso sapeca no rosto.

-Tá com calor amor ? -Ela fala se fingindo de inoscente, me aproximo dela, que estava encostada na borda da piscina.

-Um pouco. -Falo ofegante, ela sorri com a língua entre os dentes.

-Então dá mais um mergulho, a água está ótima ... E ... -Ela põe a mão por dentro do meu biquine, tocando meu clitóris e descendo até minha entrada, a olho assustada. -Molhada ... Muito molhada. -Tira a mão levando os dedos até a boca.

Simplesmente me hipinotizei com a cena, ela terminou fazendo um barulho estalado com a boca e sorriu indo para o outro lado e piscina onde os outros estavam.

Mergulhei mais uma vez, e nadei debaixo d'água até me aproximar deles, agarrei as coxas da Camila, levantando ela em meus ombros, ouvi seu grito de susto me fazendo rir.

-PUTA QUE PARIU MICHELLE, QUER ME MATAR DO CORAÇÃO ? -Fala dando um tapa na minha testa. Todos começam a rir.

-Desculpa amor, não resisti.

-Me coloca de volta. -Fala cruzando os braços.

-Põe não, que tal briga de galo ?! -Veronica propõe animada.

-Isso ! -Falei apertando as coxas da Camz, se ela queria me provocar, ótimo, eu também sei.

Depois de discutir um pouco, Dinah pulou na piscina e colocou a Vero em seus ombros, Ally subiu nos de Troy e tiramos 2 ou 1 pra ver quem começava.

Ally com Troy iriam primeiro contra a Dinah e Vero, eu e Camz nos sentamos a beira da piscina, esperando a nossa vez.

-Valendo !!! -Camila grita e eles começam a se empurrar. Deve dizer que Ally é bem ágil pro seu tamanho.

Camila incentivava eles, me aproximei mais dela, passando meu braço em sua cintura. Ela me olha e nada faço, ela volta a gritar e eu começo a massagenar a parte interna da sua coxa.

-Se você não parar agora, vai se arrepender mais tarde. -Fala com a voz sexy bem próxima ao meu ouvido.

-Acho que estou disposta a pagar. -Falo abusando da minha rouquidão.

-Acredite ... Vai se arrepender. -Beija meu pescoço e volta a atenção a piscina.

Depois de um tempo, e sem eu entender como a física permitiu isso, Dinah e Vero vencem jogando na cara do casal hétero a Vitória.

-Vixe, Troy tá fraquinho, não tá comendo direito Ally ? -Dinah fala sugestiva fazendo todos rirem, menos os dois que coraram.

-Okay, agora vamos derrotar o casal "tensão sexual" -Vero falou com cara de tédio, lhe mostrei a língua e pulei na piscina.

Me encostei na borda e Camila subiu em meus ombros, caminhei até a frete das duas loucas, e Troy grita pra gente começar, e assim fizemos.

-Vocês estão ferradas ! -Dinah exclama.

-Posso dizer o mesmo. -Falo no mesmo tom.

Camila e Vero mediam forças, eu fazia de tudo pra ajudar, Jane não fazia diferente, eu sabia o quanto a loira era competitiva, e por que não brincar um pouco ?!

-Dinah, a Mani tá te olhando muito puta! -Falei olhando por cima dos ombros dela, como se a Normani estivesse ali.

A loira se distraiu por alguns segundos, virando um pouco com Vero, e foi o bastante para minha Latina dar o golpe, derrubando elas na água.

-Losers ! -Camila fala fazer um "L" com a mão.

-Que Merda Branquela, isso não vale !

-Admite que perderam ! -Falei debochada.

-Você me enganou !! -Exclamou Jane se aproximando.

-Ninguém mandou você ter medo da Mani. -Falei colocando Camz na borda da piscina, me afastei e ela mergulhou em seguida.

-Como se você não tivesse medo da bunduda.

-Eu n ... -Camila me lança um olhar mortal do outro lado da piscina. -Isso não vem ao caso, vocês perderam, aceitem.

-Vai se fuder Lauren. -Vero falou jogando água no meu rosto.

E começou a guerra de água. Ally e Troy se juntaram a gente.

Depois de mais um tempo, todos já estavam de banho tomado a roupas secas. Lanchamos muita besteira, e depois fomos para a piscina novamente, mas agora só ficamos sentados em volta.

Era final do dia, a lua começava a aparecer. Eu estava sentada no chão, com meus pés na piscina e Camila deitada em minha pernas. Ally e Troy estavam da mesma maneira, assim como Norminah, e a Vero ... Bem, ela tava com um violão em mãos, dedilhando algumas notas.

-Lembra daquela noite ? -Camz falou, a encarei e ela tinha um leve sorriso no rosto.

-Como eu poderia esquecer ? Foi uma das melhores noites da minha vida ! -Falei sorrindo. Ela se levantou, e a sentou de lado no meu colo, colocando sua cabeça na curvatura do meu pescoço, com uma das minhas mãos, comecei a fazer leves carinhos em sua cintura.

-O que aconteceu nessa tal noite ? -Mani falou, e só então reparei que todos nos olhavam.

-A gente falou pela primeira vez que nos amávamos. -Falei sorrindo, Camz deixou um beijo no meu pescoço.

-Que fofas, nem parecem duas coelhas. -Dinah fala fazendo todas rirem. Reviro os olhos.

-A gente já vai entrar, os mosquitos estão me atacando. -Ally fala levantando sendo acompanhada por Troy.

-Só geme baixo. -Vero falou, todas riram, Ally só faltou correr de vergonha.

-Deixa eles ... Liga não. -Falei olhando o casal. Eles sorriram e entraram.

-Bom ... Não quero ficar mais de vela do que eu já fiquei. -Vero fala se levantando.

-Da próxima vez chama a Lucy. -Falei sugestiva.

-Se ela me responder, quem sabe ... Enfim, se rolar suruba, me chamem. -Pisca e segue para casa.

-Então ... Suruba ou vamos entrar ? -Dinah fala recebendo um tapa da Mani. -Aí amor ... Eu to brincando.

-Bom mesmo. Vamos entrar, divirtam-se. -Normani fala se levantando.

Elas voltaram para casa e Camila se arrumou mais no meu colo, colocando uma perna de cada lado da minha cintura.

Camz tinha um sorriso nada inocente nos lábios, coloquei minhas mãos em sua cintura e nos beijamos.

O beijo foi esquentando cada vez mais, ela dava reboladas lentas, e eu chupava sua língua, fazendo ela suspirar baixinho.

-Quarto ... Agora. -Ela fala ofegante. A levanta e eu vou logo atrás. Seco meus pés e quando me dei conta, Camila já estava dentro da casa, pela enorme janela e vidro, vejo ela me chamar com o dedo e subir rebolando a escada.

Maldita Latina.

Corro como um foguete, quase tropeçando nos meus próprios pés. Chegando no quarto, giro a massanta mas estava trancada.

-Camz ... -Bato na porta. -Camila ... -Ouço algo ser arrastado. ~O que ela tá aprontando ?~

-Espera, já já eu abro a porta. -Fala arrastado. Suspiro e estava exitada e anciosa pra ver o que ela iria aprontar.

Pelo visto essa casa de praia abre portas a novos lugares.

Depois de longos 5 minutos, ouço a porta ser destrancada, giro a massaneta, e entro no quarto, que estava com a iluminação baixa.

-Deixa a luz no médio. -A voz dela soa pelo quarto, me causando um arrepio. Giro o interruptor ao meu lado, mudando a iluminação, olho pra frente, e sinto minhas pernas fraquejarem.

Camila estava apenas com uma lingerie vermelha rendada e uma gravata preta. Estava sentada em uma cadeira do lado ao contrário, deixando suas pernas, e seu sexo visíveis pra mim, salivei com a visão.

Ela deu um sorriso malicioso, e levantou e caminhou lentamente até mim, quando estava bem próxima, soltou o cabelo que estava preso em um coque, deixando uma cascata negra perfeita.

-Vamos brincar ... Hoje você esquece de todo o seu jeito carinhoso, e se for dificil, te fodo até esquecer. Ok ? -Fala arrastado passando o polegar na minha clavícula por cima da minha regata.

-Tudo bem. -Falo ainda meia aérea.

-Outra coisa ... Nessa primeira parte do jogo, você só assiste, ok ? Se tentar me tocar, vai ser pior pra você. -Beija minha bochecha e gira nos calcanhares.

Olho seu corpo de cima a baixo, e reparo o quanto ela é gostosa, vou me aproximando aos poucos.

-Tranca a porta e senta na cadeira, sem falar nada. -Diz ainda de costas. Tremo, sua voz está mais sexy que o normal. Tranco rapidamente a porta e me sento na cadeira.

A cadeira estava no centro do quarto, bem de frente pra cama. Camila começou a girar em volta da cadeira, passando as pontas dos dedos em minha nuca, me fazendo arrepiar.

-Tira a blusa. -Ordenou, sorri, e fiz como ela pediu. -Boa menina. -Beija minha bochecha. Ela se afasta, pega a gravata que estava em seu pescoço e fica a olhando.

Anda até atrás de mim, e só sinto um puxão forte em minha mão, ela as amarra e prende na cadeira.

-Ta muito apertado. -Falei tentando me mover.

-Tá ? -Pergunta manhosa, concordo com a cabeça. -Que pena ... Essa não vai ser a pior dor da noite. -Sorri cínica. -Aprecie o show, Michelle. -Fala passando a mão em meu rosto.

Ela pega outra cadeira, e posiciona na minha frente, com uma certa distância. Pega o celular e conecta na caixinha de som do quarto. Aperta o play e caminha até a frente da cadeira.

Coloquem a música (Coreografia original da música)

Assim que a música começa, Camila acompanha o ritmo, rebola lentamente a tirar os olhos de mim. Se senta na cadeira, e abre as pernas, e quase faleço.

Começa a rebolar com as pernas abertas, e já sentia meu nervo pulsar. Suas mãos passeavam por cada centímetro e seu corpo, todo os lugares que eu mais queria tocar.

Sem perder o ritmo, ela fica de quatro no chão, de lado pra mim, me olha mordendo o lábio, junto minhas pernas na tentativa de amenizar o calor presente entre elas.

Ela se levanta e volta a rebolar, joga o cabelo para um lado só e sorri. Vira e costas e abre o fecho do sutiã, sem parar de mexer o quadril.

Ela joga a peça pra longe, vira pra mim novamente e sorri sacana. A música finaliza e não sei se agradeço ou se reclamo.

-Nossa Lauren ... Está tão vermelha ... Prendendo tanto as pernas ... Eu te deixei excitada ? -Diz se aproximando até sentar no meu colo.

-S-sim. -Falei com a voz carregada de tesão.

-Isso é bom ... Mas ainda não acabou ... Quero me divertir mais. -Fala beijando meu pescoço.

-Deixa eu te ajudar a se divertir.

-Ainda não ... Agora você só assiste. -Chupou o lóbulo da minha orelha e se levantou.

Ela tirou a cadeira que estava na minha frente, se aproximou e puxou a minha mais pra perto. ~Mais forte do que eu pensei~

Fiquei bem de frente pra cama, onde ela subiu, se aproximou da ponta da cama, ficando bem de frente pro meu rosto, me deu um selinho, e se afastou um pouco.

-O que vai fazer ?

-Brincar um pouco. -Fala tirando a calcinha, e mostrando seu sexo molhado, minha boca encheu d'água.

-Você vai ... -Nem termino e falar e ela geme.

-Ahhh ... Lauren ... -Paraliso com a cena.

Ela estava deitada com as pernas totalmente abertas. Uma de suas mãos estimulava seu clitóris e a outra apertava seu seio.

-Porra ... Camila ... -Senti minha excitação escorrer na minha coxa.

-Ohhh ... Isso Lauren ... Você mete tão gostoso ... -Disse enfiando dois dedos em sua entrada e rebolando.

-Puta Merda ... Quando eu me soltar daqui você tá fudida ! -Falei tentando me livrar da gravata.

-Não vejo a hora. -Diz se levantando, caminha até mim e coloca os dois dedos que a penetravam, próximos a minha boca. -Chupa ... Bem gostoso. -Fala e respondo muito bem.

Os chupo lentamente, sem tirar os olhos do dela. Ela solta um gemido baixo quando eu passo a língua lentamente na ponta de cada um.

-Bom trabalho ... E por ter sido uma boa menina, vai ganhar o que quiser. -Diz me desamarrando.

-O que eu quiser ? -Falei me levantando.

-Sim. -Joga a gravata pra longe.

-Cama, deita com a bunda bem empinada. -Falo sorrindo, ela arranha minha nuca e sobe na cama, tiro minha roupa, e quando vejo, ela está de quatro me olhando por cima dos ombros, subo na cama.

-Empina. -Falo com a voz rouca, e assim ela faz. Dou um tapa estalado em sua bunda.

-Lauren ... Ahhh -Geme manhosa.

-Gosta disso ? -Deixo outro tapa. -Responde !

-Gosto.

-Ótimo, agora, quero te chupar bem gostoso.

-Chupa. -Fala e passo a língua em seu sexo. -Ahhh ... Porra ... -Ela fica e quatro rebolando na minha língua.

-Você tem um gosto tão bom ... Poderia te chupar minha vida inteira.

-Então me chupa ... Bem forte, vai ... Ahh

Chupo forte seu clitóris e penetro minha língua em sua entrada.

-Ahhh ... Isso ... Mete ... Caralho Lauren ... Eu vou gozar. -Paro o que eu estava fazendo. Ela ia reclamar.

-69 ?

-69 ! -Ela senta no meu rosto e logo já está me chupando.

Gemo alto quando ela me penetra com um dedo. Chupo rapidamente seu sexo, em uma sincronia perfeita, chegamos ao orgasmo juntas.

Ela se levantou e voltou a se sentar em minha cintura, gememos baixinho quando nossos sexos ainda sensíveis se encontraram.

-Porra ... Isso foi ...

-Calma amor, ainda não acabou. -Falou me beijando.

Essa noite vai ser longa.


Notas Finais


🌚🌚🌚🌚

Dedicatória que me pediram

Recadinho pro meu casal favorito CLAREN, a pedido da Susu 🌚❤

SUELLEN É ATIVA, E CLARA É PASSIVINHA ❤😂 #CLARAPASSIVA

Amo vocês 😅😂

Obrigada por lerem ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...