História Soul Surfer - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Justin Bieber
Tags Aloha, Hawaii, Justin Bieber, Surf
Exibições 11
Palavras 1.142
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Nothing serious,right?



O carro estava mergulhado em um silêncio inquebrável e desconfortante até que meu pai decidiu falar alguma coisa
-Você está se sentindo bem estrelinha?-Estrelinha,ele me chamava assim desde sempre,ou pelo menos,desde onde a minha memória consegue se lembrar
-Eu tô bem pai-respondi dando um sorriso amarelo depois-O que aconteceu?-realmente não lembrava do que tinha acontecido antes de acordar
-Você ficou,digamos que,em choque,com a notícia,e acabou desmaiando,então te levamos para o hospital-mamãe respondeu
Ah,a "noticia",agora tudo fez sentido.


(Flashback on)
 
Acordei com meu celular vibrando em baixo do meu travesseiro,peguei o mesmo e logo vi Bethany no visor
-O que você quer capeta?-falei com a voz rouca por ter acabado de acordar e irritada por ser tão cedo
-Bom dia pra você também meu amor-ela respondeu irônica-Só estou ligando para lembrar que hoje eu,você e o Tyler vamos até Makapu'u para começar com estilo nossa última semana de férias 
-Que horas vocês vão passar aqui?
-A qualquer momento,eu te ligo- e dizendo isso ela desligou.Ótimo.
Bethany e seu comportamento imprevisível...Eu e ela somos melhores amigas a 13 anos,sim,muito tempo, e com ela vem Tyler,seu irmão dois anos mais velho,fazemos tudo juntos.Nos conhecemos quando eu e minha família nos mudamos para Honolulu,eles moram duas casas de distância.
Temos esse ritual de na última semana de férias irmos parar alguma praia surfar,cada ano escolhemos uma diferente.
Me levantei e fui me arrastando até o banheiro,tomei um banho e fui trocar de roupa,coloquei um biquíni,um short jeans e uma regata branca por cima e comecei a arrumar as coisas que iria levar,afinal,eles poderiam passar aqui a qualquer momento.
Após terminar de organizar tudo desci para tomar café
-Bom dia família-disse gritando ao entrar na cozinha
-Bom dia praga-Dean me respondeu.Ele é meu irmão e é três anos mais velho do que eu e agora está se achando o máximo por que já está na faculdade,alguém avisa pra ele que ele ainda é um crianção de 19 anos?
-Bom dia estrelinha-meu pai disse dando um beijo na minha testa
-Filha,precisamos conversar-minha mãe disse me servindo um pouco de suco.Fiquei tensa ao perceber que todos ficaram sérios de repente
-O que foi mamãe?
-Eu não sei como dizer isso-eu já estava ficando aflita
-Você é adotada estrelinha-meu pai disse de repente
-Como assim?Por que vocês estão me falando isso agora,assim de repente?-perguntei atordoada
-Seus pais biológicos querem te conhecer 
-Filha,filha,você está bem?-Eu conseguia ouvir a voz da minha mãe me chamando,mas era como se eu estivesse paralisada,e a voz dela só ia se afastando cada vez mais.
De repente a sala começou a girar e a única coisa que eu consegui foi falar um fraco e baixo "que?" antes de tudo finalmente se apagar.
(Flashback off)
-Eu não quero conhecer eles.- disse de repente fazendo papai e mamãe se entrolharem-Vocês são meus pais,eles são apenas os doadores de gametas.-disse fazendo papai gragalhar
-Ah minha estrelinha,você é incrível-ele respondeu me olhando pelo espelho retrovisor
-Byron,você não consegue ser sério por um segundo?-mamãe disse olhando feio para papai-Filha,nós sempre seremos seus pais e você sempre será nossa filhinha,mas a situação não é tão simples
-Então me explique a situação porque eu realmente não estou entendendo-disse cruzando os braços.Eles se entrolharam novamente,estou ficando bem irritada com essa situação toda.
Ao chegarmos fui a primeira a descer do carro e entrei correndo em casa.Subi para meu quarto e simplesmente me joguei em minha cama
-Praga-escuto Dean me chamar
-Me deixa-fui completamente ignorada já que ele se sentou em minha cama
-Sabe,eu sempre quis ter uma irmã,e você é a melhor que eu poderia ter,pra mim,nenhum laço de sangue conseguiria ser mais forte que o amor que eu tenho por você,mesmo você sendo uma chata na maior parte do tempo-disse me fazendo rir-Sei que você está bolada com essa situação,mas,sei lá,será que não vale a pena dar uma chance?pelo menos ouvir o que eles tem à dizer?Afinal,eles que te procuraram,e no final das contas,NÓS é que vamos ser SEMPRE a sua família de verdade,eles podem ser sei lá,uma secundária.
Ele se levantou e me deu um beijo na testa.Mas como nada que é bom dura pouco ele também me deu um beliscão no braço
-Só pra não perder o costume-Ele disse saindo e fechando a porta do meu quarto logo em seguida.Ri sozinha e revirei os olhos
Fiquei deitada olhando para o teto e em algum momento acabei cochilando.Acordei com alguem batendo na porta.Nossa,não pode nem dormir em paz mais,credo
-Entra
-Filha,a Bethany e o Tyler estão lá embaixo te esperando-minha mãe disse e logo após saiu
Me levantei da cama com um pulo e fui tomar um banho rápido,afinal,tinha passado não sei quanto tempo em um hospital,vesti meu pijama e desci,já eram 18:00 da noite,provavelmente iríamos para Makapu'u amanhã.
Desci as escadas correndo e encontrei os dois,também de pijama,jogados no sofá da minha sala conversando com os meus pais e os meu irmão.Intimidade realmente é uma merda.
Antes que eles pudessem falar alguma coisa me joguei em cima deles
-Ai sua gorda,você está me matando-Bethany disse fazendo escândalo.Dei uma risada alta e sai de cima deles
-o que vocês estão fazendo aqui?-perguntei depois de me recompor
-Soubemos o que aconteceu hoje mais cedo e viemos aqui ver como você está-Beth disse me abraçando de lado
-E-Tyler começou me abraçando pelo outro lado-viemos organizar as coisas para irmos amanhã bem cedo pegar as melhores ondas das nossas vidas
-Aí sim-disse e nós três fizemos o nosso toque estranho de sempre
-Vocês vão jantar aqui crianças?-Minha mãe perguntou saindo da cozinha
-Ai tia,se você não se importar nós vamos sim,porque o cheiro está uma delicia-disse Bethany depois de fingir que estava cheirando o ar
Eu e Beth fomos pôr a mesa enquanto meu pai terminava de ajudar minha mãe com o jantar.O Tyler e o Dean como os dois folgados que eram ficaram na sala conversando sobre alguma bobagem.
-Nossa tia ta muito bom-Tyler disse de boca cheia
-Ta mesmo mãe-meu irmão completou do mesmo jeito
-Eca seus nojentos-disse rindo e jogando um guardanapo na cara do Dean
Estavamos todos rindo das palhaçadas dos meninos quando minha mãe deu um leve aperto em minha mão por cima da mesa,eu sei bem o que ela queria dizer,ela sabia que eu ainda estava um pouco chateada com essa história toda.A vida inteira eles foram a minha família,incluido a Beth e o Ty,foram eles que sempre estiveram ao meu lado nos momentos que eu precisei de apoio e nos momentos em que eu consegui as minhas conquistas,e eu era grata por tudo,eu não poderia querer família melhor.Então seja lá o que os meus "pais" quiserem falar comigo,sei que a minha família de verdade vai estar ao meu lado,nada vai mudar,eles vão vir,falar alguma coisa para aliviar a consciência deles por terem me deixado com outra família e vão embora,não é como se fosse acontecer alguma coisa drástica,certo?


Notas Finais


Então gente,desculpa se tiver ficado ruim mas eu tava muito ansiosa para postar esse capitulo logo,prometo que os outros vão ter mais coisa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...