História Special - HAPPY PARK JIMIN DAY - Capítulo 1


Escrita por: ~

Exibições 175
Palavras 1.616
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fantasia, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Slash, Sobrenatural, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


HELLOOO, SE VOCÊ ME CONHECE (NÃO QUE EU SEJA FAMOSA PQ EU NÃO SOU, MAS SEI LÁ NÉ) TALVEZ SAIBA QUE ESSA É A 4° ONESHOT ESPECIAL DE ANIVERSÁRIO QUE ESCREVO. E SE TU NÃO ME CONHECE SEJA BEM-VINDO E BOA LEITURA.

OBS.: Eu não iria escrever pois eu estou focando em uma fanfic do GOT7 (ainda não postada) mas me bateu a loucura de passar a madrugada escrevendo e cá estou eu! Desculpem por erros (que se houver irei consertando sempre que eu encontrar) e pela capa pobre (todas minhas capas são pobres mesmo então...).

COME ON GUYS!

Capítulo 1 - Infinitos 22 anos


Encarava o outro em sua cama quente e aconchegante, observando seu peito que estava pra cima subindo e descendo por conta de sua respiração calma. Olhou para o espelho que se podia ver e era mostrado seu reflexo  na janela do quarto do outro, sentado no parapeito à luz da lua minguante.

Viu o moreno se mexer na cama e se virar pra seu lado, mas claro que sem saber de sua presença no momento. Se levantou e andou até a cama, se deitando do lado do outro e sentindo as mãos fofas do moreno enlaçar sua cintura. Suas bochechas já não tão fartas agora - devido ao garoto malhar bastante e ter perdido alguns quilos - estavam pressionadas contra seu peito, o que fez ele sorrir e passar seus dedos pelos cabelos negros como o céu sem estrelas.

Gostava da sensação de estar ali com o outro, gostava e precisava ao menos observá-lo. E hoje ainda mais queria estar ali, era o aniversário de 22 anos do moreno dos olhos pequenininhos e com certeza assim que acordasse iria pedir novamente por algo que ele pensava se era o certo a fazer.

- Jungkookie - ouviu-o falar baixinho e o apertar mais forte - Você se decidiu?

- Jimin… - disse Jeon Jungkook retribuindo o aperto - Você tem certeza de que é isso que quer?

- É claro que tenho - se levantou com carinha de sono e cabelos bagunçados, encarando o outro - Eu quero passar a eternidade com você, mas para isso você precisa me transformar…

- Jimin você fala isso hoje, mas sabe como é difícil ser imortal? - começou seu discurso rotineiro - Você conhece ótimas pessoas e as perde, uma a uma. É solitário, não queira isso.

- Isso só me faz querer ainda mais - disse e Jungkook o olhou confuso - Se você me transformar você não viverá mais tão solitariamente, nem um e nem outro irá.

- Se eu não te transformar você vai viver, de verdade Jimin. Vai fazer todas as coisas adequadas a cada idade sua e até as não adequadas. E depois de tudo vai descansar em paz e encontrar aqueles que você amou e perdeu - disse.

- Eu não quero descansar, quero viver eternamente na vagabundagem, e junto a ti. Eu não tenho ninguém além de você Jungkookie, e não quero e nem posso lhe perder. Se eu morrer quem eu irei encontrar se nunca tive ninguém que se importasse comigo? - disse sempre tendo uma resposta para tudo que o outro dizia.

- De onde você tira tantas respostas rápidas? - perguntou soltando um sorrisinho - Você quer tanto assim?

- Sim, é o que eu mais quero - disse abrindo seu enorme sorriso que fazia seus olhos pequenos sumirem e Jungkook sentir coisas no estômago. Amava aquele garoto com toda sua alma, se é que ele tinha uma.

Queria que o outro aproveitasse cada etapa de sua vida, e não que ficasse pra sempre preso a uma idade - em aparência e até mesmo disposição - o que já fora bom no passado, mas depois viu que não valia a pena, a solidão fazia tudo parecer tão sem graça. Qual era a graça em viver eternamente se viveria sozinho? E era por isso que uma parte dele queria transformar o garoto que amava em um ser da escuridão como ele, para não viver só e muito menos ser obrigado a suportar mais a dor de uma perda. Mas se ele o ama mesmo ele teria que fazer de tudo para o bem do outro, não podia ser egoísta e pensar só no lado dele. Só que Park Jimin não desistia, ele continuava com a mesma frase em sua boca todas as vezes em que se viam.

“Me transforme” - era quase tudo que Jimin sabia dizer. E quando seu aniversário estava chegando começou a pedir como presente de aniversário. Aish, esse garoto…

Jungkook estava tão imerso em seus pensamentos que só caiu de volta no que chamamos de mundo real, quando sentiu algo macio em seus lábios. Eram os lábios cheios e rosados de Jimin.

Sentiu mais que borboletas no estômago, sentiu mais que fogos de artifício explodirem dentro de si, sentiu mais do que seu coração acelerar, sentiu mais que um ferver interior, sentiu mais que tudo… Sentiu que Jimin era realmente o SEU tudo.

Seus lábios agora abandonados pelo moreno, continuavam a desejar mais. Era a primeira vez dele sentindo algo tão bom, lábios tão bons e viciantes - mesmo que só tenham acabado de dar um selinho, um primeiro selinho ainda - quanto os dele. Como ele poderia o perder ao longo de alguns anos? Como ele poderia suportar viver sem o menor perto de ti? Como poderia nunca mais ouvir aquela voz, aquela risada e olhar para aquele sorriso tão lindo quanto as mais belas obras de arte espalhadas pelo mundo? Como poderia viver sem Park Jimin? O seu Park Jimin?

“Posso me arrepender no futuro, mas não posso viver sem você” - pensou puxando o outro para si e beijando sua boca novamente, mas não apenas pra um selinho. Ele pediu passagem com a língua e sem delonga o outro cedeu, o deixando adentrar o paraíso e vasculhar cada canto. Apertou Jimin mais contra si e o fez deitar-se sobre si na cama de casal do outro, sem descolar os lábios.

Ambos agora se beijavam um pouco mais feroz, mas era com muito amor, com muita necessidade e também felicidade. Jimin pegava nos cabelos também escuros de Jungkook e fazia uma pequena massagem em seu couro cabeludo. Jungkook passava as mãos pelos cabelos de Jimin e descia a mão por suas costas, chegando em sua cintura e a apertando. Mantiveram suas bocas e línguas juntas até o ar fazer falta  e eles precisarem se separar, mas Jungkook só parou de beijar sua boca e começou a beijar o pescoço dele, deixando mordidas fracas e chupões, que faziam Jimin soltar pequenos e baixos gemidos.

Jungkook deu-lhe mais um chupão no pescoço e afastou mais sua cabeça para o outro lado, deixando seu pescoço bem à mostra, aquele pescoço tão irresistível e que completava uma maravilhosa imagem junto de seu maxilar marcado e sexy.

Sentiu suas presas cresceram e implorarem para sentir aquela carne e sugar o sangue tão cheiroso de Jimin. E sem muita demora mas com delicadeza - se é que isso é possível - e auto controle, fincou seus dentes na carne do outro, lhe arrancando uma gemida de dor.

O sangue do moreno agora escorria de sua boca após abandonar seu tão delicioso pescoço, e ele não tardou a limpar com seus dedos e lamber, fazendo Jimin achar aquilo excitante. Depois Jungkook mordeu seu braço e o colocou sangrando na frente de Jimin, e o mesmo já sabendo como se transformava alguém em vampiro não pensou e logo abocanhou o braço o outro, sugando seu sangue e fazendo o outro gostar da sensação. Ah, essa boca Jimin…

- E agora? - perguntou limpando sua boca suja de sangue.

- Agora é só esperar e quando você acordar… - respondeu - já sabe.

- Mas eu acabei de acordar e não estou com nenhum pingo de sono, aish - bufou de maneira fofa.

Jungkook sorriu e o puxou para deitar-se em seu peito, depositando um beijo na testa de Jimin e fazendo com que ele sorrisse feliz. Afinal havia conseguido o que queria, iria poder passar a eternidade com seu amado.

Jimin começou a imaginar como seria quando acordasse, cogitou até a idéia de que quando acordasse tudo não passasse de um sonho, assim como Jungkook. Mas logo afastou isso da cabeça, não queria nem imaginar uma coisa dessas. Seus olhos começaram a pesar um pouco, e de pouco em pouco ele caiu em profundo sono.

Jungkook viu que ele havia dormido e sentiu um nervosismo, um revirar no estômago e até mesmo um pouco de arrependimento. Mas também se sentiu feliz, iria ter alguém para passar a eternidade, e esse alguém era seu grande amor, a pessoa que ele mais amou do que jamais amou outro.

Amava Jimin, amava tudo nele. E agora amava mais ainda a idéia de tê-lo pra si para sempre. Jimin agora pararia no tempo, iria ficar o resto de sua vida com seu rostinho lindo de quem tem 22 anos mas que na verdade parece ter 17. E não que Jungkook não o amaria se tivesse a aparência de um idoso, mas pensar em ver aquele rosto jovem e atraente todos os dias lhe agradava. Jimin agora seria seu, pra sempre, durante os seus infinitos 22 anos.

- Jungkookie… - Jimin havia acordado algumas horas depois.

Jungkook que estava a observar a lua ainda no céu, virou-se e se deparou com uma cena incrivelmente e assustadoramente bela.

Jimin o olhava fixo, com aqueles olhos… Aqueles olhos que antes eram pretos e agora já não eram mais. Um tom bonito e vivo de vermelho havia tomado o lugar do preto, o que o deixou ainda mais bonito, Jungkook admitiu.

- Agora você finalmente vai passar a eternidade comigo - disse enquanto o outro se levantava da cama e ia para seu lado na janela - feliz aniversário meu eterno Jimin.

- Eu te amo Jeon Jungkook - disse sorrindo e com o rosto mais vermelho que seus próprios olhos.

- Eu também te amo Park Jimin - Jungkook respondeu pegando em sua mão e sorrindo.

Jimin sorriu ainda mais abertamente e apoiou sua cabeça no ombro do outro, ambos olhando para a lua desaparecendo do céu, que estava a espera do amanhecer do dia.

O primeiro amanhecer dos infinitos 22 anos.


Notas Finais


Espero que tenham gostado! ❤

Link para minhas outras especiais:

- Special: HAPPY MARK TUAN DAY - https://spiritfanfics.com/historia/especial-happy-mark-tuan-day-6380375

- Special: HAPPY KIM NAMJOON DAY - https://spiritfanfics.com/historia/special-happy-kim-namjoon-day-6454753

- Special: HAPPY CHOI YOUNGJAE DAY - https://spiritfanfics.com/historia/special-happy-choi-youngjae-day-2jae-6487057


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...