História Spell - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato
Tags Demi Lovato, Imagine Lovatic, Lesbian For Demi
Exibições 136
Palavras 1.002
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey, desculpem a minha demora para postar, mas eu só tenho uma coisa a dizer : Lá vem bomba e eu não me responsabilizo pelos tiros que vocês vão levar com esse capítulo.

Boa leitura :

Capítulo 13 - Who Are you?


Camila Cabello Point of view

2 dias depois da cirurgia:

Abrir meus olhos, era uma tarefa extremamente difícil pra mim naquele momento, minhas pálpebras pareciam estarem coladas umas nas outras e eu sentia uma dor terrível em meu corpo inteiro, tentei abri meus olhos novamente e dessa vez eu tive sucesso. Analisei o local em que eu me encontrava neste momento, que parecia ser um quarto de hospital e ao meu lado havia uma garota adormecida em uma cama. Anne. Ela parecia descansar em um sono profundo e tranquilo, eu não pude evitar de suspirar de alívio, ela estava sã e salva. Apertei um botão azul, que estava ao lado da cama e logo a Doutora Jessica entrou no quarto e sorriu em minha direção.

Jessica - Vejo que a nossa heroína, acordou. Como se sente?

Camila -Eu me sinto bem, mas estou sentindo algumas dores

Jessica - Isso é normal. Seu nome está desesperada lá fora.

Camila - Pode mandar ela entrar? - perguntei rouca e Jessica Assentiu saindo do quarto e Seu Nome entrou minutos depois.

Seu Nome -  Camila! - Exclamou correndo em minha direção e eu sorri para ela.

Camila - Hey, mi amor. - Disse ainda rouca e ela me abraçou. - está tudo bem.- Disse dando um beijo no topo de sua cabeça.

Seu Nome - não fique longe de mim de novo, por favor. - Eu segurei o riso e assenti

Camila -  Nossa, quanto amor, priminha - brinquei rindo e ela me deu um tapa fraco no meu braço. - Hey, vai com calma porque eu estou toda dolorida - Disse e fiz um beicinho enorme e ela riu.

Seu Nome - Perdón, mi amor. Eu cuidarei de você. - Disse dando um beijo demorado em minha testa e eu sorri para ela.

Camila - Você está bem? - perguntei preocupada

Seu Nome - Eu estou bem melhor agora que você está de volta - Disse sorrindo e eu retribui o sorriso.

Camila - Você está carente demais hoje. -- Disse baixo e ela riu.

Seu nome - Eu fiquei 48 horas sem você e sem a Anne e você está brincando com a minha cara. - Disse bufando - Não quero mais. - Eu gargalhei alto

Camila - Desculpa? - perguntei sorrindo e ela negou - Por favor, seu nome. - Disse praticamente implorando

Seu nome - Tudo bem, está desculpada, senhorita Cabello.- Eu abracei minha prima e ela não me soltou mais.

Minutos depois, Anne se mexeu na cama e logo abriu os olhos, um tanto confusa.

Anne - Mamãe? Camila? O que aconteceu? - perguntou baixo e Seu nome sorriu segurando a mão da pequena garota

Camila - Agora você está bem, pequena. -Disse sorrindo e ela assentiu.

Seu nome -Você nos deu um grande susto, meu amor. Não faça mais isso com a sua Mommy, porque ela ficou com medo de perder você. -Anne suspirou triste

Anne - Desculpa. Mas, o que a Camila tá fazendo aqui? -perguntou segurando a minha mão.

Seu nome - é uma história bastante complicada. Você quer mesmo saber? -perguntou preocupada e Anne me olhou sorrindo e eu retribui o sorriso.

Camila - Você deve chamar a doutora Jessica primeiro Seu Nome e depois contamos para Anne. -Seu nome assentiu dando um beijo demorado na bochecha de Anne e logo em seguida beijou a minha bochecha.

Seu Nome Cabello Montez Point of view.

Percorria os corredores do hospital com pressa para chegar até a sala da Doutora Jessica, não demorei muito para achar sua sala.

Seu Nome - Doutora Jessica?

Jessica - Sim, Seu Nome?

Seu nome - Anne acordou.

Jessica - Vamos lá. - Disse sorrindo, enquanto me seguia até o quarto em que Camila e Anne estavam.

Seu Nome -  Anne terá que fazer algum tipo de exame ou tratamento?

Jessica -  Exames por enquanto, não, mas terá que fazer um tratamento, sim. Mas, não um tratamento tão forte, que precise cortar o cabelo ou algo do tipo, por enquanto, serão apenas vitaminas, que poderão causar enjôo e perda de apetite.

Seu Nome - Tudo bem - Disse sorrindo

Chegamos ao quarto que Anne e Camila estavam e as duas estavam sorrindo uma pra outra, enquanto Camila acariciava os cabelos de Anne. 

Jessica - Desculpa por interromper o momento de vocês, mas, eu preciso saber como Anne está. - Disse sorrindo e Anne abraçou Camila.

Anne - Eu estou bem, Camila acabou de me contar que eu tenho Leucemia, mas eu sei que vou conseguir dar a volta por cima, então, eu estou bem. - Disse sorrindo e eu assenti abraçando-a.

Jessica - Vejo que temos uma grande guerreira por aqui, certo? Bem, eu vou buscar as vitaminas de Anne, que ficará em observação até amanhã e Camila já pode ir embora se quiser. - Disse e abriu a porta do quarto. - Antes que eu me esqueça, hoje apareceu uma garota querendo falar com vocês. Posso mandar entrar? - perguntou séria e eu rapidamente assenti.

A garota que entrou em seguida, fez o meu coração disparar, Camila apertou minha mão de forma forte, para avisar que estava ali comigo. A garota tinha cabelos negros e pele parda, os olhos dela eram negros como a noite e ela parecia ter a idade de Anne. Olhei para Camila com os olhos arregalados e ela deu de ombros.

Seu nome -  Sem querer ser indelicada, eu posso saber quem é você? - perguntei nervosa, sem tirar os olhos da pequena garota a minha frente.

Kaylara - Meu Nome é Kaylara Cristina Cabello Montez. -Disse olhando em meus olhos e eu me encontrava completamente assustada. Como aquilo era possível?  Ela estava morta! Como é possível?

Camila me olhou com os olhos arregalados e eu engoli a seco.

Kaylara Cristina Cabello Montez estava viva esse tempo todo e eu não conseguia entender como isso foi acontecer, pois ela tinha morrido em meus braços. Parece que agora eu tenho que desvendar mais um grande mistério da família Cabello.


Notas Finais


Parece que Seu Nome e Camila tiveram uma grande surpresa, não é mesmo? Agora, eu vou me recuperar dos tiros que levei escrevendo esse capítulo, porque eu estou no chão, literalmente, mas graças ao bom pastor, eu não morri ainda.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...