História Spring Day - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais, V
Tags Crack Fic, Imagine Kim Taehyung, Imagine Tae, Imagine Taehyung, Imagine Taetae
Visualizações 33
Palavras 1.542
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente, queria deixar um avisinho
Isso tá mto viajado
Desculpa, eu fumei Toddynho e leite ninho antes de escrever isso
Mas, como eu já disse que ia postar
[[8/8 20:17] You Can Call Me Monster: Tô fazendo uma One-shot do Tae
[8/8 20:17] Filhinhea Ariane Pequena: Noza
[8/8 20:17] You Can Call Me Monster: Sem spoilers
[8/8 20:17] You Can Call Me Monster: Amanhã de noite provavelmente eu posto
[8/8 20:17] Filhinhea Ariane Pequena: Aff
[8/8 20:18] Filhinhea Ariane Pequena: ;-;
[8/8 20:18] You Can Call Me Monster: Kkkkkk
[8/8 20:18] You Can Call Me Monster: Calma miga
[8/8 20:18] Filhinhea Ariane Pequena: Ok
[8/8 20:18] You Can Call Me Monster: Não vai ser como o da Katy, vai se mais fofo
[8/8 20:18] You Can Call Me Monster: Eu não consigo pensar nisso, vc e o Tae são mto fofos!
[8/8 20:18] Filhinhea Ariane Pequena: Que bom
[8/8 20:18] You Can Call Me Monster: Kkkkkkk
[8/8 20:19] Filhinhea Ariane Pequena: Bgd eu sei
[8/8 20:19] You Can Call Me Monster: Uiiii
[8/8 20:19] You Can Call Me Monster: Naja
[8/8 20:19] Filhinhea Ariane Pequena: Kkkkkkk
[8/8 20:19] You Can Call Me Monster: 🐍
[8/8 20:19] Filhinhea Ariane Pequena: Puxei uma pessoa oi? que?]
(You Can Call Me Monster=Eu
Filhinhea Ariane Pequena=Ari{ava}
Pra quem não tá entendendo "Não vai ser como o da Katy, vai se mais fofo"
Toddy é uma fic que eu tinha feito especialmente para Katriny, minha outra noona linda do Kokoro)
Deu de conversa
Espero que gostem
Bjs e boa leitura

Capítulo 1 - Rainha Do Planeta Spring Day


Meu nome é Park S/N, eu trabalho para a NASA e atualmente estamos estudando um caso ocorrido em Seoul, na Coreia Do Sul, dizem que algo grande e parecido com um OVNI caiu lá

Alguns dos meus colegas de trabalho foram investigar, mas não acharam nada, meu chefe ficou realmente decepcionado, mas não desistiu, dessa vez, iriam eu e outros seis colegas

Acabamos de descer do avião e estamos andando até o local, todas as fotos tiradas foram deletadas e qualquer pessoa que tenho visto qualquer coisa teve uma lavagem cerebral

Observo o local, havia vários pedaços de asfalto e ferro misturados, o chão estava parcialmente quente, andei até mais perto da "nave", meus colegas não acreditavam que havia algo ali, então foram passear pela cidade

Quando ia tocar na "nave", algo pula e eu me assusto, caindo no chão, olho pra frente esperando algo gosmento e assustador, mas o que vejo é o que se parece com um garoto coreano

Ele olhava atentamente para mim

-Ei garoto! Você não pode ficar aqui!Pode ter radiação ou-Fui interrompida pelo mesmo

-Calma, TaeTae não vai se machucar-Ele sai do tal lugar e estende sua mão para mim-Pegue, Tae não vai machucar humana-Pego sua mão meio desconfiada e ele sorri, nunca havia visto um sorriso assim, meio quadrangular

-Oque faz aqui?

-Omma de Tae deixou ele pilotar a nave, mas o TaeTae não sabia, então ele acabou batendo no seu planeta, até agora TaeTae não achou a Omma, o Appa e a Dongsaeng dele-Olho em volta e vejo uma mulher parecida com ele, morta no chão, ele olha também-Ah!Omma está descansando, deve ter sido cansativo, olhe, Appa e 'saeng também descansam!-Ele diz sorrindo, por um segundo senti pena dele

-Oque você é?

-O nome do Tae é Taehyung, ele tem vinte e um milhões de anos e é do planeta Spring Day, ele foi passear com a família e acabou batendo a nave aqui

-Você é...um alienígena?

-TaeTae acha que sim

-V-vem, preciso te levar a um lugar-Puxo o garoto até o carro e o tranco ali dentro, ligo pro meu chefe

-Quem incomoda?-A voz do outro lado da linha diz

-Park S/N senhor, observei o local e encontrei um garoto aparentemente de nacionalidade coreana que fala em terceira pessoa, diz ter vinte e um milhões de anos e ser do planeta Spring Day

-Você só pode estar de brincadeira comigo-Ele diz rindo vitorioso

-Como?

-Ele está aí?

-Sim

-Passe para ele

Abri o carro e entreguei o celular ao garoto, que olhou confuso para o aparelho

-Como usa?

-Coloca assim-Eu arrumo o celular em seu ouvido e aguardo o olhando

Ele dizia algumas coisas que eu não prestei muita atenção, aí ele se despediu e me entregou o celular

-O cara que tava no ouvido do Tae falou pra humana levar ele pra sede da náusea-Ele disse errado, me fazendo rir

-Se diz Cede da NASA-Disse

-Sede da náusea-Ele tentou e fez um biquinho, muito fofo por sinal-O Tae não consegue​!

-Tudo bem-Disse rindo e colocando o cinto, olhei pro lado e ele também tentava colocar, mas não conseguia-Assim ó-Coloquei o cinto pra ele e ele olhou com um biquinho

-O Tae já estava conseguindo!-Ele cruzou os braços de um jeito muito fofo e eu ri ligando o carro

-Aham, sei-Fui em direção ao aeroporto, tacando o foda-se para os meus colegas

Peguei minha bolsa e deixei o carro ali mesmo, fui com aquele alien pulando feito um louco até um segurança num portão, o avião estava indo pra EUA bem agora, mostrei minha carteira do trabalho e ele me deixou passar, sentei na janela e ele me olhou meio triste

-O Tae pode ir na janela?-Ele pergunta, eu vou para a outra cadeira, o deixando na janela

-Tem certeza que tem vinte e um milhões de anos?

-Tenho! Só que ainda sou uma criança-Ele diz e me mostra a língua

-Ata-Digo e dou uma risada, ele estava sorrindo e olhando pra mim igual bobo-Que foi?

-Nada, é só que... você...é bonita-Ele diz e eu coro, ele foi a primeira pessoa que me disse isso, queria oque?

-Obrigada-Digo e me viro pra frente

-Você parece um Shy-Shy-Shy-Ele diz e dá uma risadinha

-Oque é um Shy-Shy-Shy?-Pergunto

-São uns bichinhos bem fofinhos do planeta Cheer Up que são vermelhinhos nas bochechas-Ele diz e eu coro mais ainda

Deveria ter desconfiado...

Depois de um tempo olhando pra janela, ele adormece, eu o observo, realmente não parece um alien

Ele é muito fofo...

OQUE?NÃO!ELE É UM ALIEN!UM ANIMAL QUE AINDA ESTÁ EM ESTUDO! VOCÊ NÃO PODE SE APAIXONAR POR ELE!

Ok, respira, inspira, e não pira

Durante a viagem fiquei pensando nisso, até adormecer

E quando acordo, estava com a cabeça no ombro do tal Taehyung, ele me abraçava pelos ombros e fazia carinho na minha cabeça enquanto a aeromoça tentava convencer ele a descer

-Vamos!Temos que ir!-Ela dizia

-Não!Deixe ela dormir mais um pouco!-Ele dizia um tanto irritado

-Eu já acordei, Obrigada-Disse a mulher me levantando e puxando ele também

-O Tae te acordou né?Desculpa o Tae, ele não queria-Ele parecia que iria chorar

-Ei, tá tudo bem, ok?Vamos, preciso te levar a um lugar

-Ok-Ele me segue e vamos até uma loja onde alugam-se carros

Aluguei um e fui até o mesmo, levei Taehyung até a cede

Já fui recebida por aplausos, Tae se escondia atrás do meu ombro, e quando sentiu a mão do meu chefe, pulou e acabou caindo no chão

Algumas pessoas riram, outras passaram reto

-Ei, calma-Disse e estendi a mão para ele, que pegou, se levantando

-Olá alien №1-Meu chefe diz e estala os dedos, alguns seguranças chegam e vão o levando a sala de estudo

Era oque eu pensava

Eles o levaram a sala de tortura

-Oque?Tortura?-Eu disse olhando meu chefe

-Veremos até onde esse alien aguenta-Escuto ele dar um grito, depois outro, e no terceiro, ele chamou meu nome

Como?Eu não disse meu nome...

Um, dois, três gritos, não aguentei e corri até a sala, alguns homens tentaram me segurar, mas eu usei minha arma de choque para imobiliza-los

Fui até a sala de tortura e o vi cheio de marcas de chicotes e alguns roxos

-M-me...ajuda-Ele disse e desmaiou, eu acho, afastei aqueles homens com um chicote, soltei ele da cadeira e sai correndo com ele em uma cadeira de rodas, o levei até a minha casa e cuidei de alguns machucados, passando devagar o algodão com alguns produtos, e colocando gelo nos hematomas

-Ai-Escuto e ele abre os olhos-S/N!-Ele pula em cima de mim, derrubando o saco de gelo que havia em seu rosto, e me abraçando

-Como vc sabe meu nome?-Pergunto

-Eu sempre soube, você é a escolhida-Ele diz sorrindo

-Como?

-Bom, meio que o Tae é o príncipe do planeta dele, e ele sabia da existência de uma escolhida, ela se chamava S/N, era exatamente como você, ele sabe que seus pais estão mortos, sua irmã também, mas tudo bem, só quero que vc volte para o planeta do Tae com ele-Ele diz sorrindo, bom, já tô ferrada com a NASA mesmo e provavelmente eu morrerei se continuar aqui então, por que não?-Vc quer?

-Sim-Digo e ele sorri, apertando um botão em uma espécie de relógio, depois eu só vejo uma luz muito forte, e desmaio

Acordo em uma cama macia e cheia de lençóis, Taehyung estava do meu lado sentado, com um terno, vejo que havia um vestido branco lindo em um apoio olho pra ele confusa

-Bom, hoje seria o dia de vc se casar com Tae-Ele diz vermelhinho-Mas se você não quiser, eu vou entender-Ele diz e abaixa a cabeça, eu apenas me levanto, pego o vestido e vou ao banheiro

Esse tal planeta Spring Day até que não é tão diferente, tomei banho e coloquei o vestido, uma máquina surgiu do nada me assustando

-Desculpe, vossa majestade-A voz robótica diz-Permite?-Pergunta segurando um pente, faço que sim com a cabeça e a máquina faz um coque que eu nunca havia visto antes, mas lindo, colocou algumas flores brancas e uma tiara cheia de brilhantes com um véu longo, sai do banheiro e não vi Taehyung no quarto, duas mulheres bem vestidas abriram a porta sorrindo

-Bem-vinda, vossa majestade-Disseram-Nos acompanhe, por favor-As sigo até a parte de fora do "palácio" onde eu estava, vejo Taehyung sorrindo ao lado de outro homem, pessoas sentadas em cadeiras brancas perfeitamente colocadas, então, uma música lenta começa a tocar e uma mulher me entrega um buquê de cores rosas e brancas, eu andava lentamente em direção ao Tae

Depois do homem dizer todos os votos e coisas que deveríamos saber, finalmente ele pergunta

-Kim Taehyung, você aceita Park S/N como sua legítima esposa?

-Sim-Ele diz sorrindo, inquieto, provavelmente ansioso

-Park S/N, você aceita Kim Taehyung como seu legítimo esposo?-É agora ou nunca, neh?

-Sim

-Então, se tem alguém contra este casamento, fale agora, ou cale-se para sempre

Um silêncio é tido, acho que causei uma boa impressão

-Então, sem mais delongas, pode beijar a-Nem escutei o resto, apenas senti Taehyung praticamente pular em cima de mim

Quem diria que eu, uma (ex) agente da NASA iria em apenas um dia mudar de humana séria e cética para rainha do planeta Spring Day

Depois de dois anos nesse planeta, posso dizer que realmente me apaixonei por Taehyung, ele é muito fofinho!

Ah, estou grávida!Daqui três meses nossa pequena Kim Daebum nasce

Virei a melhor amiga das rainhas dos planetas Cheer Up e Boombayah

Conheci os melhores amigos dele, Jinnie, Suga, Hope, Monnie, Minnie e Kookie

A cada dia ele me surpreende mais

Realmente não mudaria nada na minha vida

Se não fosse pelo meu trabalho, minha persistência, meu chefe, sem alguma dessas coisas, eu não estaria aqui agora

Como uma pessoa um dia me disse, nossas expectativas sempre são superadas, não é?


Notas Finais


*desvia dos tomates(q?)*
Desculpa pela bosta que eu caguei aqui tá bom?
Ficou mto estranho, puta merda
Tomara que alguém goste...
Bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...