História Staff, A segurança - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 88
Palavras 1.332
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Harem, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


GENTE ME PERDOEM PELA DEMORA E NÃO ME ABANDONEM EU AMO VCS
E TENHO UMA TRISTE NOTÍCIA MINHA COLEGA QUE FAZ AS CAPAS SUMIU E NÃO TENHO OUTRA PARA FAZER MINHAS CAPAS :') Sad
BOM COMO EU ANDO MUITO OCUPADA NÃO SEI A PREVISÃO DO PRÓXIMO
BJS AMO VCS

Capítulo 12 - J Hope, a avareza


Fanfic / Fanfiction Staff, A segurança - Capítulo 12 - J Hope, a avareza

J Hope


Será que o Suga Hyung está indo bem no o seu plano com a Jennie ?


Esse pensamento ficou me vagando a noite toda, até porque vi de madrugada o suga hyung indo para o quarto da Jennie pela madrugada e não o vi sair de novo.

Será que rolou algo?

Eles transaram?

Ahhhhh

Jogo o travesseiro em direção da porta que é aberta na mesma hora pelo Suga Hyung o acertando.

YG: Calma ai, para que toda essa raiva?

JH: Desejo de ter o que eu não posso ter.

YG: E o que é que o garanhão tanto quer ?

Ele se joga na poltrona mexendo no celular.

JH: Jennie Kim.

Ele me olha e analisa meu jeito de falar.

YG: Pode ir.

JH: Para onde ?

YG: Atrás da Jennie.

JH: Mas hoje é o seu dia, se eu interferir posso ser expulso do jogo. - Falo óbvio demais. -

YG: Eu decidir não ter nada com ela além da amizade. - Dá de ombros.-

JH: Como assim? Eu vi você indo para o quarto dela de madrugada.

Suga arqueia a sobrancelha e sorri de canto de lábio.

YG: Pode até ter rolado algo mais… - Ele gesticula com a mão - quente, porém, eu decidi ser só amigo dela, de agora em diante somos irmãos portiços.

JH: Mais quente?  Do que você tá falando?  O que houve ? E que diabo de irmãos portiços?

YG: O que rolou ontem a noite não te condiz, e eu resolvi ser só amigo dela, então adotei ela como a minha irmã mais nova.

JH: Um dia você vai me dizer o que rolou. - Sorrio - Quer dizer que por hoje eu tô livre ?

YG: Sim, pode ir, se algum dos meninos reclamarem eu resolvo isso.

JH: Beleza.

Me levanto e saio do quarto indo para o quarto dela.

A porta estava aberta eu só fiz entrar mesmo.

Me sento no computador dela vendo o monitor das câmeras espalhada pela casa.

JN: O que você está fazendo no meu quarto?

Ela sai do banheiro com uma toalha na cabeça indo se sentar na cama.

JH: Vim ver se você está bem e te chamar para almoçar.

JN: Eu estou ótima, vocês que estão estranhos. - Ela olha para mim irritada - Eu já desço para almoçar, agora se me der licença faça o favor de sair do quarto?

JH: Ah claro, me desculpe.

Saio do quarto e desço para a sala.

JH: Jin Hyung, não precisa chamar a Jennie eu já chamei.

Grito da sala para a cozinha.

RM: Custava você se levantar e ir na cozinha dizer para ele?

JH: Eu quis gritar, algum problema?

RM: Nenhum, mas você já pensou que pode atrapalhar quem está tentando ler? - Ele levanta um livro que está em suas mãos. -

JH: Quer ler vai para o quarto.

RM: Taehyung invadiu junto do Jungkook dizendo que estão querendo saber meus segredos.

JH: Se fudeu.

JM: Ele tirou tudo antes de sair. - Fala sem tirar os olhos do videogame -

JH: Você não devia estar ensaiando?

JM: Taehyung deixou aquele quarto uma bagunça e disse que não vai limpar.

JH: É só eu que tenho que fazer essas coisas ? - Me levanto do sofá - Diz para Jin Hyung que eu não vou almoçar, vou limpar a bagunça de vocês.

Subo as escadas e vou para o quarto deles.

E fico chocado com a cena.

Roupas espalhadas por todo canto, cuecas jogadas para o alto, livros abertos e jogados pelo chão, toalha molhada em cima da cama(grr), papel.

JH: Aigoo, passou um furacão por aqui?

Fico olhando aquela cena de terror de boca aberta.

JH: Bom, vamos ao trabalho então.


2 horas depois…


JH: Pronto.

Admiro meu trabalho impecável que deixou aquele quarto maravilhoso, que nem parece aquela horrorisidade de antes.

Saio do quarto morto de cansado e suado.

Desço as escadas, passando pela sala onde Jennie está sozinha vendo algum filme.

Vou na cozinha e pego um copo da água bebendo o mesmo.

Volto para a sala.

JH: Jennie?

Sento ao lado dela.

JN: Sim?

JH: Se eu te pedir uma coisa, você faz?

JN: Sim. - Ela está tão absorvida pelo filme que nem presta atenção- Pera, o que? Depende.

JH: Já foi, você disse que sim.

JN: Aff.

JH: É muito simples o que eu quero, não vai doer em nada, eu acho.

JN: Diz logo o que é!

JH: Sabe eu tô muito cansada e tô precisando dea uma massagem bem bacana e eu soube que você é ótima.

JN: Eu sou sim, então onde quer essa massagem?

JH: Em todo lugar que dói, Pernas, braços e principalmente a costa.

JN: Você quer agora ?

JH: Se for possível, sim.

JN: Tá então por onde começo?

JH: Pelo meu quarto.

JN: Por onde?

JH: Vamos ao quarto, tenho que tomar um banho.

JN: Okay.

Me levanto e vejo ela me seguir.

Abro a porta do quarto e dou um aleluia no pensamento por Namjoon não está no quarto.

Dou espaço para ela entrar e fecho a porta a trancando bem discretamente.

JH: Pode se sentar!

Ela dá de ombros e se senta na cama.

Ótimo agora vamos ao plano.

Primeiro passo: Tiro a minha blusa e coloco no cesto de roupa suja.

Percebo que ela cora e vira o rosto, querendo ou não ela ainda é uma garota, e eu não sou tão resistível assim .

Segundo passo: Passo pela frente dela com a bermuda bem caída quase aparecendo a cueca.

Ela me acompanha com o olhar.

Terceiro passo: Pego a toalha ponho ao redor do pescoço e bagunço meu cabelo.

Olho para ela vendo que me olha fiixiamente como se estivesse encantada.

JH: Você me espera, eu não irei demorar.

JN: O-Okay. - Ela cora rapidamente e vira o rosto - Só não demora muito.

JH: Okay.

Deixo ela no quarto e rio.

Vou para o banheiro e me enfio debaixo do chuveiro tomando uma ducha rápida.

Pego a toalha e enrolo na minha cintura sem nada e mais.

Volto para o quarto parando em frente a ela.

JH: Vamos começar?

Ela olha rapidamente para baixo vizualizando bem o conteúdo.

Sorrio de lado e vejo que o que quero está chegando perto, ou seja, ela.

JN: Okay, você tem algum gel ou creme corporal?

JH: Sim, está no banheiro.

JN: Okay.

Ela se levanta rapidamente e vai para o banheiro.

Eu a sigo e vejo ela mexer no pequeno armário que tem no banheiro.

Fico na porta e visualizo ela tentar pegar o pote de gel que estava no alto.

Quarto passo: Tentar sensualizar.

JH: Deixa que eu pego.

Pego o gel e entrego para ela.

Quinto passo: Que se foda o plano,eu preciso dela agora.

Pego ela pela cintura e a coloco em cima da pia.

JH: Eu não aguento mais.

Abro as pernas dela e me encaixo entre elas.

JN: Mas que merda você tá fazendo?

JH: O que eu mais venho desejado esses dias… Seu corpo.

JN: Mas… - Beijo o pescoço dela - Ahh. - Ela arfa baixo - N-Não faz isso.

JH: Me desculpa. - Abro a blusa de botão dela - Mais eu tenho que te ter… Agora.

Vou descendo beijos do seu pescoço até o colo de seu peito.

Ela aperta meus ombros nu com a unha deixando marcas vermelhas.

Subo os beijos e começo a beijar sua boca que ao mesmo tempo ela retribuiu.

Aperto a cintura dela e puxo ela para mais perto de mim, o que fez meu pênis levemente roçar com sua intimidade fazendo o mesmo pulsar.

Continuo o beijo depois de pausar para respirar.

JN: Isso é errado.

JH: Que se dane.

Calo ela beijando a com mais ferocidade.

Subo minhas mãos pelas suas costas abrindo o sutiã dela e passando rapidamente minha mão para frente apertando seu seio com força.

Ela separa o beijo e arfa.

Começo a beijar seu colo de novo,ela agarra meu cabelo com força e arranha meu peito, no mesmo momento eu aperto o seio com mais força e deixo um chupã bem no colo dela.

JN: Para!

Ela me empurra com tanta força que acabo me chocando com a parede.

JN: Por favor, para.

Ela ajeita a roupa dela, depois de passar os dedos levemente pela marca que eu deixei.

JH: Você estava gostando.

JN: Não é assim as coisas, eu ainda não estou preparada.

JH: Entendo.

JN: Licença.

Ela sai me deixando sozinho no banheiro.

Entro na banheira e deixo a mesma encher.

JH: Onde a sua avareza te levou? Agora ela nem vai olhar na tua cara.

Falava comigo mesmo.


Notas Finais


OLHA
EU VOU ME INSPIRAR NO DO NAMJOON EU JURO.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...