História Stages of love - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Chanbaek, Hunhan, Taoris
Exibições 78
Palavras 1.809
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eai preparados para o "ultimo" então borá lá.

Capítulo 22 - Casa comigo?


Fanfic / Fanfiction Stages of love - Capítulo 22 - Casa comigo?

chanyeol~p.o.v~
cheguei em casa, e como em toda a semana, baek não estava a me esperar, fui ate o quarto do mesmo e vi este dormindo.
-baek, baek. -chamei ele enquanto o balançava devagar.
-que? chanyeol? que horas são?
-vem comigo. -disse sorrindo e ele me olhou confuso e preocupado, então levantou e eu o puxei pela mão. peguei meu violão e então arrastei baek ate o terraço do prédio.
-oque estamos fazendo aqui? esta frio... -ele passou as mãos pelos braços descobertos e eu logo dei a minha blusa para ele.
-Eu fiz uma musica, e eu quero que a escute.
-aqui?
-aqui!
"Oh Oh Yeah
Na escuridão, eu fecho as portas e em silêncio sinto-me impotente
O nós mudou, certamente deixou uma reflexão de arrependimento
Você silenciosamente me deu muito, porém nunca mencionou isso
Eu tomei coragem e abri meus olhos mais uma vez
O tempo está lentamente se esvaindo pouco a pouco
Tudo o que faço por você não é o suficiente
Ainda assim eu me esforço para lhe manter firme
Não há como alguém ser capaz de te substituir, assim como a nossa promessa
Eu uso as minhas lágrimas como tributo
Lembrando-me de tudo o que aconteceu no passado
Eu quero dizer que sinto muito, mas eu te amo tanto
Por favor, dê-me a sua confiança mais uma vez
Mantendo-a em meu abraço, segurando-a fortemente com meus braços
Enquanto você está feliz e abençoada, eu estou disposto
Para dar tudo á você
Irei proteger os seus olhos sorridentes independente de tudo
Só por você
Se o seu coração já não pode me dar este tipo de amor
Eu ainda me lembrarei daquelas memórias
Mas estão borradas, é uma pena
Tudo vai ficar bem, tudo vai passar
Consolação já não pode mais confortar meu coração, porque eu sei que um dia você vai embora
Por favor, não me deixe, eu quero segurar a sua mão
Olhando para trás, para esta estrada, minhas lágrimas não param de cair
Esconderei tudo isso em meu coração
Pegarei meus sonhos e o amor que você me dá
Mantendo-a em seu abraço, segurando-o fortemente com meus braços
Enquanto você está feliz eu estou disposto
Para dar tudo á você
Naqueles dias bonitos
Cada pedacinho de memória dos tempos que eu passei com você...
Você disse com convicção “vamos ser um”
Usando o meu coração para sentir, eu sei que você estará ao meu lado
(Respirando fundo, usando o meu coração para sentir, eu sei que você estará ao meu lado)
Eu prometo a você, eu quero o nosso “para sempre”
(Não suspire, eu prometo a você, eu quero o nosso “para sempre”)
Eu não deixarei ninguém machucar seu coração
Este é o meu único compromisso" 

-Baek, sei que é dificil acreditar em quem já quebrou a promessa, mas, confia em mim, me da a sua mão e me deixa te fazer sorrir novamente? me deixa mostrar que eu mudei e que quero fazer vocês felizes?
Um silencio e muitas lagrimas de ambas partes.
E então, tudo que eu mais queria agora, um abraço.
-porra chanyeol... assim não da... -ele dizia entre as lagrimas. -Sinto  como se sempre fosse te dar outra chance, por favor, faça a coisa certa agora.
-sim, e o certo é eu cuidar de vocês. Mas baek, tem que entender que eu ainda tenho meu trabalho. -ele sorriu de lado e então me beijou, um beijo calmo mais necessitado de ambas as partes novamente. eu senti tanta falta desses beijos. 
~~~~~~~~~~~~~~
Acordei no dia seguinte e senti os braços de baekhyun em volta de minha cintura. 
Era sábado e todos acordavam mais tarde aos sábados.
ouvi meu celular tocar e então para não acordar baek fui ate a varanda atender.
uns cinco minutos depois senti os mesmos braços me abraçando por trás.
-quem era? -baek perguntou assim que eu desliguei o telefone.
-Pessoal da banda.
-tem ensaio hoje?
-tem sim. -vi o mesmo fazer um bico e então o beijei.. -mas eu não vou.
-não? -ele esta surpreso.
-não, hoje eu vou passar o dia com minha familia. -vi um largo sorriso em seu rosto e então também sorri.
-farei o café da manha e pela tarde podemos ir a algum parque.
-sim concordo. -disse e o vi assentindo e seguindo ate a porta. -baek. -ele me olhou. -não esquece de ligar para o suho e dizer para ele cancelar o divorcio. 
-pode deixar meu amor. -ele disse e então desceu indo provavelmente ate a cozinha.
Eu tinha um otimo plano para esse final de semana, eu com toda certeza farei o baek e a luna os mais felizes deste mundo.
 

Baekhyun~p.o.v~
ligação on~~
-Sim senhor suho! 
-olha, qualquer coisa me liga, adorei esses momentos ceninhas.
-para você foi facil, ate porque trabalha com muitos casos assim, já eu... eu nunca pensei em deixar o chanyeol e isso tudo me doeu.
-normal, do jeito que vocês se amam.
-acha mesmo?
-com toda certeza.
-obrigado... vou desligar agora ok? ate depois.
-ate.
ligação off~~ 
-e esse cheirinho bom? -chanyeol disse entrando na cozinha.
-que cheiro doido? eu nem mesmo comecei a fazer o café. -disse rindo e ele me abraçou.
-é o seu cheiro. -falou passando a ponta do nariz pelo meu pescoço oque me fez arrepiar.
-isso é... aishii chanyeol, assim o café nunca sairá. -disse me afastando.
-eu posso comer outra coisa. -notei ele morder os lábios e neguei rindo.
-pare chanyeol, vou fazer panquecas.
-Amo!
-já me trocou. -fiz bico e ele riu vindo me beijar.
-eu gosto desse clima, nós dois, eu te amo tanto.
-eu te amo também... agora me deixa fazer o café. -me afastei e comecei a fazer as panquecas, alguns minutos depois, estes que o chanyeol fez questão de ficar me encarando. -chama a luna amor.
-com todo prazer. -ele sorriu largamente e subiu ate o quarto da luna. alguns minutos depois o amor da minha vida voltou com o segundo amor da minha vida.
-Appa. -luna me abraçou e eu sorri.
-bom dia meu amor. 
-bom dia meus amores. -chanyeol disse sorrindo.
Sentamos, tomamos café, foi uma manhã extremamente agradável.
-Appas, porque me acordaram tão cedo se não tem escola hoje??
-tão cedo luna? são onze horas. -disse rindo.
-appa! -ela olhou para chanyeol.
-vamos nos divertir hoje, em familia. -chany disse sorrindo e eu sorri junto.
-Uhuuul. onde vamos?
-sei appa quer fazer um passeio no parque. -chany disse e me olhou. -depois, tenho uma surpresa.
-surpresa? -perguntei surpreso.
-Nee, espere e verá. -ele sorriu e então eu revirei os olhos, ele sabia que eu não gostava de surpresas assim, mas não vou discutir.
-te amo. -disse e os dois me olharam surpresos. -oque foi?
-você... eu te amo também. -ele disse me beijando e luna sorriu.
Nossa familia junta de novo, finalmente.
~~~~~~~~~~~~~~
-Vamos baekhyun! 
-para onde pelo amor de deus chanyeol.
-vamos baekhyun.
-appa vamos. -luna disse e eu sorri, ela estava me ajudando.
Passamos a tarde em um parque onde fizemos, piquenique e brincamos muito com a luna.
Agora eu estava tentando levar os dois para um passeio surpresa, mas baek estava enrolando para saber.
-se não formos logo então o passeio vai babar e não vamos sair. -falei e ele me olhou chocado levantando rapidamente.
-Ok vamos! -ele me arrastou ate a porta e eu ri alto.
-venha luna, vamos.
Entramos em meu carro, luna na cadeirinha atrás e baek do meu lado.
-a viagem pode ser longa, descansem.
-quer que eu descanse? eu to ansioso...
-eu sei baek, mas descansa ok?
-okay...
Uma hora depois a luna estava dormindo e baek estava a comer todas as unhas das mãos.
-amor para -disse segurando umas duas suas mãos.
-eu to ansioso chany...
-fica calmo okay. -disse fazendo carinho em sua mão e o fiz acalmar, logo o mesmo dormiu.
Continuamos a viagem, ainda tinha mais tempo ate chegarmos ao destino. 
O tempo passou mais rápido do que imaginei, em uma hora estávamos no local da surpresa.
-baekhyun, meu amor. -disse ao parar o carro e balancei de leve o mesmo.
-hã?... ta tudo bem?
-sim amor, chegamos. -Vi os olinhos dele ainda meio fechados e então ele olhou para frente vendo assim a casa em que passamos a nossa primeira noite juntos, lugar no qual também teve o nosso primeiro beijo e o pedido de namoro.
-Omo... -ele sorriu, os olhos dele brilhavam -Não acredito, a quanto tempo... alugou de novo?
-vem amor. -disse saindo do carro e pegando luna no colo, indo para dentro da casa junto com baek.
-Meu deus, não mudou nada, esta tudo lindo como aquele tempo. 
-sim, e é nossa agora.
-oque?
-é nossa casinha baek, podemos vir para cá quando quisermos.
-você é o melhor. -ele chorava e então me beijou. 
-fiz alguns ajustes, tem um quarto pra luna agora.
-que bom, ai meu amor eu estou tão feliz. 
-eu também, vem, vamos colocar a luna para dormir e depois descansar. subimos e colocamos a luna em uma cama linda. 
-esta tudo lindo. -baek disse ao entrarmos no nosso quarto.
-você principalmente -digo puxando o mesmo pela cintura e dando um beijo calmo que foi logo se tornando intenso.
-eu amo isso. -ele disse assim que o beijo terminou. -eu amo você.
-eu também amo muito você -disse ao deitar o mesmo na cama.
-não iriamos descansar?
-temos que aproveitar que luna esta dormindo. -sorri de canto e beijei seu pescoço. minhas mãos passavam pelo seu corpo como se eu tivesse tocando um violão, e esse soltava o melhor som que eu podia ouvir. tirei a blusa de baek e comecei a descer os beijos ate que cheguei em sua calça tirando a logo com sua cueca.
Essa noite, eu iria aproveitar, fazer baek feliz como eu sempre desejei, e como sempre quis. 
~~~~~~~~~~~~~~~~ 
-wow... mas você estava com muita vontade não é mesmo? -baek disse rindo e eu o abracei. 
-de você? sempre.
-como eu te amo.
-eu também te amo, baek me desculpa por tudo, eu prometo, serei um bom, ou melhor, um otimo pai e marido. -ele sorriu para mim. -Baekhyun, você aceita se casar comigo?
-se ta louco chanyeol, já somos casados. -ele riu, a risada mais linda do universo.
-eu sei, mas, vamos nos casar de novo se aceitar.
-terá um novo anel? -ele disse em tom de brincadeira e eu revirei os olhos enquanto ria e tirei da gaveta ao meu lado uma caixinha de veludo vermelha.
-sim byun baekhyun, tem um novo anel, tão lindo quando o nosso agora, você aceita se casar comigo?
-não acredito... -ele esta surpreso. -eu te amo park chanyeol, claro que caso com você -ele me abraçou forte e então eu coloquei o anel novo em seu dedo.
-te farei feliz, nessa proxima fase de nossa vida, eu te amo byun baekhyun.
-eu te amo park chanyeol.


Notas Finais


Haru, pq "ultimo"?? Pq ainda tem o cap do casamento, então o proximo seria o ultimo de fato.
hj n vou falar muito aqui pq meu pulso esta doendo de uma forma que por deus.... mas no proximo dialogamos mais.
ENTÃO COMENTEM <3 que é para mim saber se estão gostando de fato.
Love u <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...