História Star Tabby Interativa - Capítulo 4


Escrita por: ~

Exibições 66
Palavras 587
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Musical (Songfic), Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiee, mais um capitulo para vocês. Dessa vez, a personagem é da @LadyShade.
Espero que gostem da Park Kara, boa leitura!

Capítulo 4 - 0.3 K, The Sub-Leader


Fanfic / Fanfiction Star Tabby Interativa - Capítulo 4 - 0.3 K, The Sub-Leader

 

Olá! Eu me chamo Park Kara, sou metade japonesa e metade coreana, e nasci no dia um do um de mil novecentos e noventa e cinco. Nasci e cresci no Japão, sou a irmã do meio de uma família classe média. Tenho uma irmã mais velha chamada Park Keiko, uma advogada de sucesso, e um irmão mais velho chamado Park Kori.

Keiko sempre foi a filha preferida de minha mãe. Ela era perfeita, uma verdadeira dama. Eu tinha que ser exatamente como ela, e isso era horrível. Cresci ouvindo que para ter um bom casamento, eu deveria ter classe. Eu até que seguia o padrão que a minha família queria, e poderia continuar tendo a imagem de bonequinha perfeita se eu não tivesse entrado no clube de música.

Mamãe sempre dizia “para ser uma boa esposa, você deve ter alguma noção artística”, porém, quando comecei a estudar música, me apaixonei. Posso dizer que quando toquei minha primeira nota no palco do clube, o mundo parou para me ver — eu, exibida? Nem um pouco! —. Primeiro o canto, depois a dança e por fim, as coreografias. Acabei virando a estrela do clube.

Em uma de minhas apresentações, um olheiro da empresa me pediu para me tornar trainee. Foi um dos momentos mais felizes da minha vida. Mas eu acabei desanimando quando as palavras da minha mãe vieram a mante. Eles nunca, em hipótese nenhuma deixariam eu me tornar uma trainee.

Aí, literalmente o plano do século veio a minha mente.

FLASH BACK ON

— Mamis querida do meu coração! — Exclamei aos gritos pela casa, dando pequenos pulinhos. Ela cairia direitinho.

— Kara, isso é jeito de uma dama se comportar? —Perguntou minha mãe se levantando do sofá e cruzando os braços. — O que você quer?

— Nossa, não posso elogiar minha mãezinha não? — Eu balancei a cabeça negativamente, tentando fazer uma expressão de raiva.

— Filha, você não me engana. Fala logo. — Mamãe disse já sem paciência.

— Okay, vou direto ao assunto. — Eu fiz uma expressão séria, não queria rir e acabar com o plano. — Eu quero fazer faculdade na Coréia do Sul.

— Por que não faz aqui no Japão?

— Mãe, eu quero fazer lá. Por favor!

— Okay. — Mamãe disse e eu dei um sorriso. — KOU!

— Sim, querida? — Perguntou meu pai, que estava na sala de TV, obviamente, vendo TV.

— Kara quer ir fazer faculdade na Coréia do Sul.

— Oh, minha menininha finalmente vai pra faculdade! Estou tão orgulhoso! — Meu sorriu, foi até a sala e me deu um abraço.

Ah, o meu pai... é um empresário, e por conta disso não tem muito tempo pra gente, mas eu o amo tanto. Ele não é como minha mãe, quer ver os filhos bem-sucedidos e felizes, não importa a profissão.

— Vá fazer sua malas, você partirá amanhã, assim será mais fácil para você se adaptar a vida na Coreia. — Minha mãe disse eu abracei ela. Como eu estava feliz. Tudo bem, não era legal mentir para meus pais, mas foi preciso. Agora já está feito.

FLASH BACK OFF

Fiz uma audição para a Big Hit assim que cheguei na Coreia, e fiquei em primeiro lugar. Minha experiência como trainee foi ótima, eu dava suor, sangue e lágrimas pela minha carreira. Eu era muito perfeccionista nos treinos, só sossegava se a coreografia ficasse perfeita. Mas tudo tem seu lado ruim, não é? Desmaiei quatro vezes por estar exausta e fiquei rouca por três dias por uso excessivo da voz.

Finalmente, eu terei o meu tão sonhado debut. Sou K, a Sub-Líder do Star Tabby.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...