História •Starboy | Stargirl• - (Del Weeknd) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Cher, Lana Del Rey, Selena Gomez, Shawn Mendes, The Weeknd
Personagens Abel Tesfaye "The Weeknd", Lana Del Rey, Personagens Originais, Selena Gomez
Tags Cher, Del Weeknd, Lana Del Rey, Selena Gomez, Shawmila, The Weeknd
Visualizações 47
Palavras 691
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá Balinhas espero que gostem de verdade...

Capítulo 2 - "A vida não se define em caras babacas"


Fanfic / Fanfiction •Starboy | Stargirl• - (Del Weeknd) - Capítulo 2 - "A vida não se define em caras babacas"

Ó sol mal acaba de nascer e meu olhos se abrem naquele mesmo quarto de Motel barato, no qual trago todos os meu clientes.

Como de costume pego minhas roupas e me visto, saio antes que eles possam acordar, isso da uma vantagem para roubar a cartei deles enquanto dormem.

*Sorte minha que o "Cabaré" onde trabalho fica em frente ao motel!!*

Lá no "Cabaré" nós somos uma família, a maioria delas não teve pais ou foram abandonadas. Nós temos lá um sistema de mãe e finha, onde vc póde escolher uma garota do cabaré para tomar conta delas.

*Chego no cabaré e dou de cara com Cher, que é a dona do local*

- Você deveria cobrar horas extras aos seus clientes Lana - Cher - Olha para o relógio ao mesmo tempo falando comigo.

- Isso não irá acontecer mais - Abaixo a cabeça.

- Humm....!! Espero que não mesmo -Cher  - E levante a cabeça mulher - Sai irritada.

*Depois de todo esse drama entro na cabaré e voi direto me maquiar para o festa que terá hoje a noite*

As meninas estão dizendo que a festa será para comemorar às eleições que estão avendo por isso só irão vir políticos, e pessoa da grande sociedade.

"Enquanto me arrumo minha bonequinha vem até mim" 

lembra do sistema de mãe e filha que eu comentei?

- Mãe me ajudá a me maquiar - Camila - Ela diz dando aquele sorrisinho de lado que eu acho uma graça.

- Karla Camila cabello com dezesseis anos eu ja sábia passar rímel com os pés.

- Vai Mãezinha, pôr favor  - Camila  -implorando de joelhos.

- Tá....!! Ok bonequinha, tudo pela minha princesa.

"Parei de me maquiar para ajudar Camila. O que agente não faz pêlos filhos sendo nascido de dentro de você ou não".

Fiquei algumas horas ajudando Camila a se arrumar, quando acabamos percebi que eu ainda nem estava arrumada fora que eu estava extremamente atrasa.


- Pronto bonequinha você está linda agora e minha fez de me ajeitar - Falo com pressa.

- Quer ajuda - Camila.

- Não precisa bonequinha.

Me arrumei o mais rápido que podia, antes que Cher visse que eu não estava pronta para a comemoração de hoje.

*Quando acabei de me arrumar fui direto para o salão principal do cabaré onde estava acontecendo a ocasião*

Estava todo muito movimentado como de costume, logo vi Camila se agarrando com um homem, confesso que não fico confortável em ver minha pequena e frágil bonequinha se agarrando com esses moços pervertidos, e sei que ela não gosta também.

*Fiquei uma boa hora olhando para ela, com aquele rosto de mãe proucupada*

Em seguida sinto uma mão agarrando meus quadris. Pude perceber que era um homem alto Moreno, logo ele susura em meu ouvido.

- Que tal nois írmos para um lugar menos movimentado.

- Acho uma boa idéia - Digo me virando para ele, que pôr sinal era mais alto do que eu imaginava, minha boca mal conseguia alcançar seu pescoço -

Peguei sua mão e o levei para cima que era aonde nós levávamos os clientes do cabaré para um quarto especial.

Quando chegamos lá ele sentou num sofá que avia um pouco frente da cama e ele botou seus pés na mesa de centro qual ficava poucos centímetros de distância na mesma hora acendeu um charuto que estava em seu bolço.

Enquanto isso começei a tirar minha roupa ficando só de lingerie.

Logo após me sentei em cima dele.

*Ele começou a rir sacarticamente*

"Não entendi muito bem, ele praticamente me chamou para transar"

- Qual é a graça - Perguntei sem saber o que estava acontecendo.

- Não quero brincar com você linda dama - Ele me carrega e depois me põe na cama beijando minha mão ao mesmo tempo olhando para os meus olhos.

- Então o que viemos fazer aqui  - Olho ao redor.

- Talvez conversar ou apreciar o seu lindo rosto angelical.

Depois que ele disse issso senti minhas bochechas queimarem.

A minha vida inteira eu só tive clientes que só tinham um único objetivo comigo, que eram se aproveitar de mim.

Mais daía parece ele querendo conversar comigo? Confesso que fiquei meio confusa até porquenão estou acostumada com toda essa gentileza.

- Conversar então!!

- Certo bela moça, então vamos fazer seu querer - Ele senta ao meu lado.





                   Continua.....






Notas Finais


Beijo açucarados balinhas....❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...