História Stay - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Kookmin
Exibições 110
Palavras 2.627
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiiiieee.
Gente eu to mt feliz pelos 50 favoritooooos *---* sério, mt obrigada!!!
Hj n teria mas msm estando cansada eu estou feliz por causa de vcs ♥ então tenham uma ótima leitura :3

Capítulo 20 - 17- Namorando


Fanfic / Fanfiction Stay - Capítulo 20 - 17- Namorando


 No outro dia de manhã eles acordaram super feliz, um "eu te amo" não é uma coisa que se ouve todo dia de quem você deseja profundamente e já que aconteceu, estavam os dois nas nuvens.

Apareceram de mãos dadas e ficaram o café da manhã agarradinhos trocando carinhos como nunca fizeram, afinal, antes era apenas uma atração, tudo por sexo. Agora era totalmente diferente já que ouviram aquelas três palavrinhas que encheram seus interiores de amor e muito carinho.

- O que deu em vocês? Estão, tão grudados... - disse Hoseok

- Estão apaixonados não vê amor? Repara nos olhares e sorrisos bobos. - Tae falou.

- Sim, e dai? - respondeu Jimin sorrindo.

- Já era horaaaa. - TaeTae se levantou os abraçando, beijando e Hoseok o acompanhou dando os parabéns.

- Parabéns pombinhos. - disse Chin.

- Aaaaah que gracinha, amei saber dessa notícia! - Alex disse animado.

- Calma gatos. A gente não está namorando ainda. - Disse Jimin, Jungkook franziu a testa. - Você ainda não me pediu. - cruzou os braços.

Jungkook gargalhou.

- Não seja por isso. - pegou um dos anéis que nunca tirava do dedo por costume mesmo - Park  galinha tarado Jimin quer finalmente sossegar o rabo e ser só meu? - Jimin deu uma gargalhada gostosa e o beijou apaixonado. Não precisava de palavras, aquele gesto já dizia tudo.

- Idiota. - disse depois que Kook pos a aliança em seu dedo. Jeon sorriu e o abraçou de lado.

- Aaawn que orgulho dos meus bebês! Finalmente juntos! - Jin disse suspirando de felicidade. 

- O esta acontecendo de bom aqui? - perguntou Dylan ao chegar.

- Eles estão namorando oficialmente. - disse Alex.

- É? Oficialmente?  - Hannah reforçou mandando um olhar que fez o outro entender. Tinham que armar outro plano pra já.

- Que bom. Espero que sejam felizes.

- Obrigado Dy. - Jimin disse sorrindo largamente.

- Hannah você viu o Suga? - perguntou Namjoon - Preciso de uma ajudinha dele.

- Ele disse que dormiria mais um pouco. - forçou o sorriso.

- Agora com licença que eu vou sair com o meu Namorado. - enfatizou  Jungkook percebendo olhares de Dylan nada inocentes no seu ruivo. Jimin saiu rebolando se sentindo e com razão! 

Todos riram e balançaram a cabeça.

Passaram o dia andando juntos por Dubai e brincando como dois idiotas que eram, ainda mais apaixonados isso fazia tudo ficar  mais bobo ainda.

Sentaram em uma colina para ver o sol se por...

- Quem diria que um dia eu estaria vendo o por do sol com um namorado, ainda mais com você. - disse Jimin.

- É. Eu diria que estaria aqui com qualquer pessoa.. você seria a última com quem eu ia querer estar e veja só como é a vida..é justo você que está aqui agora. E eu não tenho o que reclamar.

- Jungkook eu nunca imaginei que amaria alguém, fico feliz que essa pessoa tenha sido você sabe? Você tem um jeitinho cativante e é tão especial...

- Eu sou especial? - perguntou sorrindo.

- Demais meu amor. - o sorriso de Kook se alargou.

- Amor?

- Sim! Meu amor. - sorriu de volta.

Jungkook estava encantado com tudo, ele nunca pensou que conseguiria amar outra vez..entretanto surge Park Jimin e acende uma chama ainda mais forte em seu coração.

E o mesmo que nunca amou, acabou se rendendo aos encantos de uma única pessoa, a que lhe tomou o coração, sua mente e sua alma... Jeon Jungkook.

A noite foi passando rapidamente com os dois andando pelo parque de grama verdinha e com folhas coloridas de formatos diferentes que tinha na cidade, tudo ali brilhava, iinclusive seus olhares..

☆☆☆☆☆☆☆☆☆☆☆☆☆☆

Tiveram momentos ótimos e memoráveis por todo o mês, fora incrível o que viveram ali naquela cidade magnífica. 

Nunca iriam esquecer Dubai, afinal fora ali que finalmente se acertaram e declararam o amor que sentiam no fundo de seus corações.

As férias terminaram, mas não tinham do que reclamar, curtiram muito juntos, estavam cada vez mais ligados emocionalmente, mais grudados e apaixonados. Porém no fundo Jeon estava receoso por voltar, vai que Jimin mudaria da noite pro dia... agora estava confiando mais um pouco no namorado mas ainda não totalmente. 

Jimin esperava Jungkook terminar o banho e descer com suas malas, enquanto isso ficou no hall conversando com os garotos, que logo foram ficar com seus namorados. Suga tinha ido embora depois daquele  café da manhã e alegara não gostar de lá mas ninguém se preocupou com isso já que esses comportamentos eram normais vindo dele..

No hall Jiminnie acabou ficando lá sozinho com Dylan, que o encurralou.

- Você não ia só dormir com ele e meter o pé? - o questionou. 

- Sim mas agora as coisas mudaram. Eu me sinto diferente, eu descobri que o amo e ele também me ama. Não posso e nunca mais vou magoa-lo.

- Frouxo. Ele faz o que bem entender com você e você cai nos pés dele é? 

- Espera. Não é bem assim. E agora também não importa porque estamos juntos. - Jimin começou a se irritar.

- Você deveria fazer aquilo que eu disse! Comer ele e joga-lo para escanteio como todos que passam em sua mão! Você é o Jimin não devia amar ninguém. Ou melhor, não devia amar o Jungkook!

- O que você ta tentando dizer? Que esta afim dele? Por isso quer que eu o machuque? Pra depois cura-lo é isso? Pois vai esperando. Jungkook é meu e eu nunca, ouviu? Nunca vou magoa-lo, assim como meu amor por ele nunca vai acabar e enquanto eu ama-lo, ele sera meu ou seja,  eternamente. Até que ele prove  o contrário.

- Não seja estúpido. Eu não gosto do Jungkook, eu não o quero. Eu quero você Jimin. - o segurou pelos braços. - Eu amo você. Você devia ser meu, você devia se apaixonar por mim. Agora aquele outro lá, você devia machuca-lo, ferir seus sentimentos até deixa-lo rastajando. Deixa-lo se sentir quebrado e rejeitado como todos que passam na suas mãos até te odiar e você vir pra mim! - Jimin se soltou e deu um belo soco na cara de Dylan.

- Nunca mais fale uma coisa dessas! E não ouse intrometer no meu relacionamento! Eu amo o Jungkook e é com ele que eu vou ficar pelo resto da minha vida! - saiu com raiva.

- Veremos Jimin. Veremos.

- Ei que houve? - perguntou Hannah chegando perto dele e Dylan contou. - Relaxa, ele vai ser seu. Eu já sei até o que fazer...

Robert estava por lá e acabou trombando com seu amigo...

- Jimin. O que aconteceu? Você está bem?

- Não. Mas ignora, foi só um idiota que me deixou assim.

- Ok. Fiquei sabendo que você estqa com o Jeon, muitas felicidades, formam um casal maravilhoso.

- Obrigado. - sorriu.

- Ah e cuidado com intrigas, isso surge o tempo todo. - Minnie agradeceu e subiu ajudando Jungkook descer as malas.

- Promete que nunca vai me deixar? - diz Jimin dentro do avião segurando a mão do moreno.

- Prometo. Só vou embora se você me mandar ir. - sorriu e lhe deu um selinho.

- Isso nunca vai acontecer.

- Assim espero.


♥ Em casa...♥

- Chegaram!!! - Mich disse abraçando os dois, ela estava com um rapaz. - Esse é o Liam, meu namorado.

- Prazer Liam. - Jungkook disse sorrindo.

- Prazer. - disse Jimin. - Toma cuidado muleque, qualquer coisa você vai ter que se resolver com a gente hein!

- Não liga pro meu irmão, ele é bobo assim mesmo. - Liam só sorriu.

- Espero não fazer nada errado então.

Dong e Sook vieram os abraçando com saudade também.

- Jimin querido, que anel é esse? - Sook disse e segurou sua mão.

- Bom.. É que...

- Aleluia ele desencalhou!!!! - Mich disse.

- Vai se ferrar anã. - disse. - Eu to namorando.

- Quem? - Dong arregalou os olhos.

- Eu. - Kook disse abraçando o por trás. 

- Eu não acreditooooo finalmente uma escolha boa! Kook eu já te considerava da família, amei a notícia! Você é o melhor genro de todos! - disse ela empurrando Jimin e abraçando o moreno que ria.

- Serio que estão juntos? Fico feliz por isso. - disse Dong mostrando um enorme sorriso.

- Aaawn eu sabia que isso um dia iria acontecer. Parabéns querido por acordar e perceber Kook é o genro dos meus sonhos.

- Não exagera mãe. - disse rindo. - Agora se nos derem licença vamos banhar pra poder descansar já que amanhã começa o batidão. - subiram.

- Seus pais gostaram da ideia.

- Eu sabia que iriam gostar. Eles amam você Kook - sorriu. - Só não mais que eu!

- É? - o puxou pela cintura.

- Éeee. - o abraçou lhe dando um beijo daqueles molhados e quentes como gostava e sabia que seu namorado também.

- Você vem? - disse rebolando até o banheiro.

- Precisa perguntar? - o agarrou por trás já descendo a mão e apertando seu pênis. Jimin gemeu e jogou a cabeça pra trás rebolando, com um sorriso descarado no rosto, para poder senti-lo mais.

- Agora sou seu quem tem que descontar o estrago que você fez. - disse Jeon rouco. Nas férias ele ficou mais por baixo do que Jimin, já que o ruivo apareceu com manhas que o fazia ceder.

- É? Então vem. - se virou tirando a roupa apressado, Jungkook também tirou a sua. - Vem me foder Jungkookie.

Jeon sentiu seu membro pulsar ao ouvir aquilo, e a imagem do ruivo todo nu e com cabelos bagunçados deixava tudo mais quente.

A banheira estava vazia ainda, Jimin fez questão de entrar nela, segurar na borda e impinar o bumbum.

- O que você esta esperando? - gemeu manhoso. Kook quase teve um orgasmo com isso.. Jimin tirou o dia pra provocar.. Está assim do avião até o caminho pra casa, nem aprece que ontem eles passaram a noite toda fazendo sexo. É uma mistura louca de hormônios, amor e desejo insaciável que sentiam um pelo outro.

- Você me deixa louco. - Jeon disse mordendo a nuca dele sentindo o ruivo se arrepiar e gemer baixo. 

Lambeu e mordeu toda extensão do pescoço, deu beijinhos na suas costas , sem tirar a mão que apertava a bunda dele firmemente, vendo a pele branca se avermelhar fazendo jus ao que Jimin sentia, fogo... ele sentia os toques e as carícias queimando seu corpo e o deixando tão duro a ponto de doer, perdeu a conta de quando foi o passivo, e agora estava ali ansiando pra ter Jungkook entro dele novamente.

Sentiu um tapa forte em um dos lados de sua nádega e gemeu jogando a cabeça pra trás, logo recebeu outro do outro lado.

- Kookieee.. Awwn..- gemia sentindo o pênis duro e gotejante do outro esfregando no meio das sua bunda.

- Jimin... - gemeu provocante ao pé de seu ouvido. 

- A-anda.. Me come logo. - Jeon fingiu não ouvir e desceu as mãos apertando cada centímetro do coepo dele até chegar nas nádegas onde apertou com força e as separou, logo passou a lambe-lo lá atrás.

Jimin gemia manhoso, rebolava querendo mais e seus dedos já estavam brancos de tanto apertar a beirada da banheira enquanto sentia aquela sensação indescritível que lhe fazia queimar por dentro de desejo. Jungkook tinha uma língua do caralho que lhe dava um prazer absurdo.

Depois de um tempo Kook entrou devagar nele, pois tinha um tempo que Minnie não fazia isso e não queria lhe machucar.. Jimin agarrou na beira da banheira ainda mais e empurrou o quadril pra trás fazendo com que Kook entrasse todo de uma vez. Estava de lixando pra dorzinha incomoda que sabia que passaria.

Jeon ainda sim se movia lentamente para o desespero de Jimin.

- Calma amor. - beijou sua nuca passando as pontas dos dedos na lateral de seu corpo. 

- C-calma o caralho. Humm.. Mais forte.. - Jungkook quase riu, quase. 

Aumentou um pouco a força deixando o outro implorar.

- R-apid-o.. Kookiii.. Vai..porfavor-aaahn - Jeon aumentou a velocidade segurando na beirada junto de Jimin, entrelaçou seus dedos na verdade, enquanto ia bem fundo fazendo o outro ver estrelas e gemer rouco.

Kook falava insanidades e clamava por Jimin ao pé de seu ouvido deixando o ruivo maluco de tesão. Ele estava totalmente descontrolado. Tudo por conta de carícias quentes, , dos beijos que Kook dava em sua nuca, pescoço, mordidinhas e chupadas também e principalmente das estocadas certeiras de seu namorado.

Jimin passou a rebolar e jogar o quadril fortemente pra trás, já estava tremendo de tanto prazer. Kook mordeu seu pescoço quando Minnie gemeu quase gritando ao sentir seu ponto sendo investido com brutalidade. 

Sentia suas pernas formigando, seu interior queimando de tanto prazer, e os gemidos de Jungkook só o imstigava mais ainda. 

Gemia em puro êxtase, falava coisas incoerentes pois seu cérebro havia virado gelatina, tudo por conta de Jungkook e sua forma imensamente gostosa de fazer sexo. 

Apertava os dedos ao redor doa de Kook com força enquanto gemia seu nome sem parar custando a se conter. E Jeon não queria que ele fizesse isso.

- Vem. - ordenou totalmente autoritário,  apertou o ruivo mais ainda contra si sentindo ele rebolar e tremer todo.

Jimin não esperou outra ordem, se desmanchou lambusando a banheira, jogando a cabeça pra trás e apertando as mãos de Kook, que sentindo aquelas vibrações gostosas deixou-se levar para aquele orgasmo intenso, que sempre acontecia com suas fodas com seu ruivo.

Minnie deitou na banheira e o moreno ligou a água enchendo ela, estava morna, uma delícia.

Jeon fez o ruivo deitar em cima de si e ficou beijando seu pescoço com carinho.

- Eu amo você.

- Eu também. Muito. - virou o pescoço e o beijou. - Vamos discutir o futuro?

- Mas Minnie.. O futuro nunca é como queremos.

- Mesmo assim. Quero fazer planos com você.

- Certo. Então, o que quer saber?

- Em que você vai se formar?

- Provavelmente em direito, e você? 

- Não sei... talvez vou ser um executivo como meu pai. Mas quando eu era menor sempre quis ser bombeiro.

- Hum.. Já pensou eu com um bombeiro em casa com uma mangueirona só pra apagar meu fogo? - disse safado, Jimin riu.

- Posso apagar quando você quiser, e olha, nem preciso virar mesmo bombeiro. Apesar que eu faço é te deixar mais em chamas ainda. - riram. - Vamos morar aqui em Busan?

- Sim, perto dos seus pais e amigos porque são a única família que eu quero ter.

- E quantos filhos vamos ter?

- Filhos?

- Você não quer ter filhos?

- Sim. - sorriu. - An.. Acho que um casalzinho está bom.

- Ótimo. Sinto que vamos ter uma vida perfeita. - sorriu.

- Se tudo for como planejado ... Eu sei do agora apenas... E agora eu estou pretendendo te encher de beijos. - disse manhoso virando Jimin e beijando todo sua face até chegar na boca.

- Vamos...pro chu-veiro? - Jimin perguntou entre os beijos. Jeom fez uma cara safada. - Não seja tarado! Eu só quero te beijar de baixo d'água. - fez bico. 

- Aawn.. seu pedido é uma ordem amor. - eles foram pra lá e de cara já começaram a trocar beijos cheios de paixão mas também carinho. - Eu te amo.

- Eu te amo muito mais.


Eles jantaram e contaram as aventuras por Dubai, logo subiram pra dormir afinal amanhã começava tudo de novo.

- Boa noite paixão. - disse Jimin beijando Kook e se agarrando nele depois.

- Vai ficar me colocando apelidinhos?

- Vou porque, docinho? - provocou. 

- Isso é muito gay. - sorriu.

- Muito, meu neném. - Jungkook revirou os olhos e deu um último beijo em Jimin para então se entregar ao sono.


Notas Finais


Eu tbm irei me entregar ao sono ;) bem agr haha
Mas antes quero agradecer a vcs por lerem, favoritarem e comentarem tbm (apesar d terem sumido huehue) ♥
Como eu disse antes, eu queria fzr uma tag qnd chegasse a 50 e chegou então... o quê vcs acham? Tem idéia de alguma q vcs acham legal p eu fzr? Deixem nos comentários por favor :D
Kisses <3 i love vocês hehe <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...