História Stay Safe - Camren - Capítulo 48


Escrita por: ~ e ~camrenforever30

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Ally Brooke, Camila Cabello, Camila G!p, Caminah, Camren, Camren G!p, Dinah Jane, Fifth Harmony, Lauren Jauregui, Lucy Vives, Normani Kordei, Norminah, Trolly, Troy Ongletree, Vercy, Veronica Iglesias
Visualizações 780
Palavras 809
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, FemmeSlash, Festa, Luta, Policial, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Então chegamos no último capítulo da primeira temporada, e nós só temos uma palavra que define esse momento. GRATIDÃO! Muito obrigada a todos que favorotaram, comentaram e participaram da fic.



Boa Leitura, e aproveitem o último capítulo...

Capítulo 48 - Capitulo 40


 

 

Tem que diga que o tempo é bom...

Mas também tem quem diga que o tempo é injusto...

É qual deles está certo?

Nenhum dos dois,

Tempo é indecifrável,

Atípico, 

Atemporal, 

Constante,

E principalmente soberano...

Faz o que preciso,

Sem se preocupar se é bom ou justo.

Simplesmente faz.

(AL)

 

 

 

 

 

 

 

 

Lauren Jauregui P.O.V.

 

 

 

 

  - Parabéns Lauren! Você está grávida...

 

 

 

 

 

Meu mundo todo mudou completamente por conta de uma simples frase, um conjunto de palavras que conseguiu fazer com exatamente tudo em mim mudasse de figura. Eu estou gerando uma vida, eu estou gerando um ser em mim. Alguém que vai depender de mim e de Camila, não só para sobreviver mas também que tenha o seu caráter moldado.

 

 

 

Grávida!

 

 

 

Eu estou grávida! Estou sendo abençoada com o dom de gerar um novo ser, e ganhando a grande responsabilidade de fazer esse pequeno serzinho em minha barriga ser alguém. No meu ventre tem um pequeno milagre, uma extensão do meu amor e de Camila. A confirmação de que nosso amor é puro e abençoado, pois fomos presenteadas com o mais lindo presente de todos, um filho, o nosso filho!

 

 

 

 

 

 

  - Eu estou grávida! - Passei as mãos em meu ventre, sentindo algo diferente, algo bom... - Aí meu pai, Vero você vai ser titia! - Virei para minha irmã que tinha os olhos cheios d'água.

 

 

 

 

  - Eu vou! - Falou chorosa. - Laur, eu estou tão feliz por você... - Ela me puxou para um abraço.

  

 

 

 

- Bom odeio estragar o momento,as temos que falar das coisas chatas mas necessárias. Vamos as recomendações...

 

 

 

 

Kim passou meia hora me instruindo no que eu podia e não podia fazer, me passou algumas informações. E me passou alguns detalhes sobre a gravidez me deixando mais tranquila, e mais radiante ainda.

 

 

Saimos do consultório em êxtase e fomos para uma lanchonete logo ao lado, pedimos um lanche e ficamos conversando sobre minha gravidez. 

 

 

 

- Como você vai contar pra Camila? Meu Deus ela vai surtar! - Ri ao pensar na reação da minha noiva. 

 

 

 

- Nossa! Eu não sei, mas vai com certeza surtar... 

 

 

 

- Que tal irmos ao shopping comprar a primeira roupinha do meu sobrinho/afilhado?

 

 

 

- Ótima ideia... 

 

 

 

 

 

Acabamos de comer e fomos para o shopping e ficamos quase 3 horas comprando algumas coisinhas para o meu filhotinho. 

 

 

 

Depois Vero me levou pra casa. Nos despedimos, deixei as coisas que compramos com ela e eu entrei em casa e decidi contar pra Camz de noite, em um jantar especial.

 

 

 

 

 

 

- Oi amor... - Digo feliz assim que vejo minha noiva no sofá só de cueca vendo TV.

 

 

 

- Oi bebê! - Diz me fazendo lembrar da vida em minha barriga e aumentar meu sorriso.

 

 

 

 

Sento no seu colo e ela rodeia minha cintura com seus braços, se lei nossos lábios e fiquei acariciando sua nuca.

 

 

 

- Por que tão feliz? - Pergunta sorrindo por me ver feliz. Me aconchego em seus braços deitando minha cabeça em seu ombro. 

 

 

 

- Nada não, só porque estou noiva de uma pessoa maravilhosa. 

 

 

 

- Vamos ver um filme? - Pergunta e faço sim nasal confirmando. 

 

 

 

 

- Só não pode ser terror... - Digo e ela ri. 

 

 

 

- Tudo bem, comédia? - Pergunta e eu assinto. Ela pega o controle que estava ao seu lado e coloca no Netflix.

 

 

 

 

- Vou fazer a pipoca! - Me levanto e vou à cozinha fazer a pipoca, quando volto pra sala vejo a Camila com uma calça, sem camisa e deitada no sofá encostando a cabeça em um travesseiro e um cobertor na ponta do sofá. 

 

 

 

 

Sorrio e vou até ela, a dando um selinho e me deitando na sua frente, e ela rodeia minha cintura com seus braços antes de colocar play no filme.

 

 

 

- Amor você pensa em ter um filho novamente?

 

 

 

- É o que eu mais quero Lolo!

 

 

 

O filme acabou e eu resolvi contar de uma vez sobre a gravidez, então me levantei me sentando na beira do sofá vendo ela me olhar questionando.

 

 

 

 

- Amor eu...

 

 

 

Quando eu ia falar a campainha toca, e eu vou atender a porta. Quando eu abro a porta vejo um homem fardado, sinto minhas pernas fraquejar e nem esperei ele falar logo chamei Camila.

 

 

 

 

- Camila!

 

 

 

Camila vem na minha direção e olha confusa para o homem a sua frente. 

 

 

 

 

- Olá! - Diz Camila receosa. 

 

 

 

- Oi, estou aqui para te entregar está carta. - Diz o homem estendendo uma carta camuflada e Camila a pega hesitante.- Era só isso, já tenho que ir. 

 

 

 

Camila fecha porta depois do homem sair e vamos em direção ao sofá em silêncio. 

 

 

 

 

 

Camila abre a carta e lê em voz alta.

 

 

 

 

 

- Major Cabello, seu país novamente precisa de seus serviços. Apresente-se ao se QG na segunda-feira, para rever introdução de sua nova missão.

 

 

 

- Eu vou voltar para guerra!

 


Notas Finais


Então gente, chegamos ao último capítulo da primeira temporária, nós já vamos postar a sinopse da segunda temporada e vamos dar uma pausa mas jaja estamos de volta com a temporada dois. Queremos agradecer a todos os que nos acompanharam até o fim, foram vocês que nos deram a nossa motivação em postar todos os dias.

Obrigada. Até.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...