História Sterek - Just Remember Me ! - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Breaden, Chris Argent, Claudia Stilinski, Cora Hale, Derek Hale, Laura Hale, Lydia Martin, Malia Tate, Melissa McCall, Mieczyslaw “Stiles” Stilinski, Peter Hale, Scott McCall, Sheriff Noah Stilinski, Talia Hale
Tags Derekhale, Sterek, Stilesstilinski, Teenwolf
Exibições 192
Palavras 1.743
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Esse capítulo ficou um pouco maior do que os outros dois,mas não muito. Não vou me prolongar e fazer capítulos muito compridos porque eu sei que vocês tem mais o que fazer da vida xD
Bom,espero que gostem do meu singelo fluffy <3

Capítulo 3 - Ele é lindo !


Fanfic / Fanfiction Sterek - Just Remember Me ! - Capítulo 3 - Ele é lindo !

- STILES !!!!!! — gritou o Xerife entrando no quarto de hospital perdendo o fôlego. — VOCÊ ESTÁ BEM ? O QUE ACONTECEU ? COMO VOCÊ ESTÁ ?...

-Pai pai pai,calma ! Eu tô bem. Não foi nada de mais... Teria sido pior se não fosse pelo Derek.

- Derek ? Quem é Derek ?! — esbravejou o Xerife olhando pro alto e forte homem sentado ao lado de Stiles.

- Você não o conhece ? Eu pensei que...—começou Stiles.

- Você me parece familiar. — interrompeu o Xerife enquanto Stiles tentava entender o que diabos estava acontecendo.

- Xerife Stilinski. É provável que o senhor não se lembre de mim. Me chamo Derek... — Derek pensou bem sobre falar seu sobrenome. Ele sabia que não era a hora. — Young,Derek Young.— Derek apertou a mão do Xerife enquanto ele tentava se lembrar de onde que ele ouviu esse nome antes...

- Eu realmente não consigo me lembrar,mas você me é familiar. Young ?... — perguntou suspeitoso o Xerife.

- Sim,bom eu já trabalhei aqui antes de partir,eu era policial também. — Derek não sabe mentir.

- Policial e se chama Young. Você por acaso não é filho de Josh Young. Joshua ?

-... I,isso mesmo. Joshua,isso. Ele... É meu pai ! — Derek REALMENTE não sabe mentir.

-Ah,então é daí que eu te conheço. Desculpe não lembrar de você, filho. Lido com muitos nomes todos os dias há mais de 20 anos... — Mas parece que funcionou.

-Bom,Quando vai ter alta ? — perguntou o Xerife.

- Parece que talvez mais tarde ou amanhã. Eles ainda precisam fazer uns exames. — Disse Stiles.

-Não se preocupe senhor,eu tomo conta dele. — Derek parecia confiante. E fingir ser filho de um dos melhores amigos dele certamente ajudou.

-Certo,só me deixem informado ok ? Preciso voltar pro meu turno. Quer alguma coisa antes de eu ir,Sty ? — perguntou o Xerife.

-Sim, comida ! Estou morrendo de fome ! — Stiles se sentia faminto. Como se não comesse há dias.

- Bom,vou ver o que eu posso fazer... — disse o Xerife.

...

Stiles não recebeu alta e isso o está incomodando. Ele odeia a idéia de ter que passar a noite no hospital. O faz lembrar da Casa Eichen,certamente os pesadelos não o deixariam em paz naquela noite.

- Ei,parece que você não vai receber alta hoje. Os médicos querem que você fique em observação até amanhã. — disse Derek.

- Eu já esperava por isso... — Disse Stiles com um tom mais triste do que conformado.

- Não vou deixar você passar a noite aqui sozinho. Eu vou ficar com você ! — disse Derek.

- Não, tudo bem. Eu aguento uma noite num hospital. Você não precisa ficar,e além do mais,não tem onde você dormir... — protestou Stiles.

- Isso não é problema,eu ja decidi. Vou ficar com você !! — Derek colocou a mão no ombro do Stiles e se sentou ao lado dele.

Stiles estava feliz. Apesar de ter que passar a noite naquele lugar,ele não estava sozinho. Não igual na Eichen. Derek estava com ele e Stiles sabia que ele nunca o deixaria sozinho. Era tão bom ter ele por perto. Só se conheceram agora mas parecia que eles já estavam juntos por anos.

Eles ficaram conversando a noite toda. Assitindo netflix no celular de Derek...

- É tão melhor assistir The Walking Dead com alguém pra conversar sobre os episódios... — disse Stiles.

- Eu achei que você iria gostar de assistir algo pra passar o tempo. São episódios repetidos mas acho que serve... — disse Derek.

- Tá ótimo por mim ! — Stiles foi se aconchegando no peito de Derek enquanto ele abraçava os ombros do Stiles como se nunca mais fosse deixar ele escapar. Stiles era dele outra vez,e ele nunca mais iria deixar ninguém os separar. — Ta com sono ? Eu vou deixar você dormir...

- Não, continua aqui. Eu to bem assim... — murmurou Stiles enquanto acariciava a barriga de Derek. É incrível como eles ficaram tão íntimos tão rápido.

- Tudo bem,não vou sair daqui. To aqui com você ! — disse Derek enquanto acariciava o cabelo do Stiles até que ambos caíram no sono.

...

Stiles acordou no dia seguinte e Derek não estava ao seu lado. Ele sabia que Derek não havia partido,porque ele simplesmente sabia que ele não faria isso... Sim, o Derek que ele acabara de conhecer e com o qual estava assustado por saber que estava se apaixonando por ele.

- Uhm,já acordou ?! Eu trouxe café da manhã ! — disse Derek carregando uma bandeja com café, suco, torradas e geléia. — Tenho novidades: parece que você terá alta às 11 horas. Só precisamos esperar o seu médico chegar pra assinar seu laudo.

- Obrigado Derek. Por tudo mesmo ! — Stiles estava olhando pro Derek com um olhar terno,de carinho e gratidão. Ele só queria sair dalí. Ir pra casa,tomar um banho e pensar em seu encontro com Derek.

- Sabe... — Derek passou a geléia na torrada e deu na boca de Stiles. Fazendo com que ele corasse um pouco. — eu gostei de... dormir com você essa noite. — Derek também estava corando de repente. — Você teve algum pesadelo ?

Stiles arregalou os olhos e olhou fixamente pro Derek — Como você sabe que eu tenho pesadelos ?!

- Ah bom,é que... você fala enquanto dorme. E estava gemendo um pouco,como se sentisse dor...

- Bom aquilo... — Não era pesadelo e sim sonhos molhados que Stiles estava tendo com Derek só por estar abraçando ele. — as vezes eu tenho uns pesadelos,mas não é nada de mais... Ontem eu não tive pesadelos. Não com você aqui do meu lado...

Derek não conseguiu esconder um sorrisinho então ele decidiu olhar nos olhos do Stiles... — De agora em diante,se você tiver mais pesadelos. É só me chamar,que eu venho correndo por você !

Stiles sentiu como se o corpo todo dele estivesse pegando fogo. Seu rosto totalmente vermelho em combustão. — O...obrigado ! — Stiles pegou na mão do Derek e a apertou forte. Ele adorava aquelas mãos grandes,fortes,que se encaixavam perfeitamente nas suas.

- Vou falar com o médico pra a gente ir em bora logo,ta bem ?! — disse Derek enquanto se dirigia à porta.

...

Apesar de tudo o que aconteceu,Stiles estava feliz por aquele acidente ter acontecido. Se não fosse por isso ele talvez nunca teria conhecido o Derek. E ele sabia que precisa dele,precisa mais que tudo. Muito mais do que precisar... Ele QUER o Derek.
No dia seguinte,Stiles estava tendo dificuldades pra dormir de novo. Ele começara a achar que não poderia dormir mais tranquilamente sem ter o Derek ao seu redor,o segurando, abraçando, espantando qualquer dúvida e medos que possa estar tendo. Deixando seus corpos se tocarem,como uma forma de proteção....

Stiles decidiu ligar para Derek no meio da noite. Ele lembrou o que Derek disse então não sentiu como se estivesse abusando do rapaz. Stiles o queria perto, e Derek queria que ele o quisesse também...

- Alô !...- Atendeu Derek.

- Erm,Derek ?! Sou eu, Stiles. Bom,eu estava pensando se você não está afim de vir assistir um pouco de The Walking Dead comigo... — Disse Stiles.

- Não consegue dormir, não é ?. — respondeu Derek feliz porque Stiles ligou.

- Não consigo. Preciso de você aqui !... — respondeu Stiles.

- Estarei ai em um minuto ! — respondeu derek imediatamente pegando a chave do carro pra se dirigir á casa dos Stilinski.

Derek bateu na janela do Stiles assustando o probre garoto. — Por quê você não entra pela porta ? E como conseguiu escalar até aqui em cima ? — perguntou Stiles surpreso

- Eu não queria que seu pai me visse entrando. - respondeu Derek.

- Ele está de plantão hoje. Só vem amanhã ! — Stiles estava contente com isso. Ele e Derek poderiam ter um tempo sozinhos sem levantar perguntas desnecessárias.— Tudo bem se você passar a noite aqui ?.

- Claro que sim ! Você sabe que eu não vou deixar você sozinho... — Derek tinha mais palavras pra sair de sua boca mas ele simplesmente não conseguiu,não nesse momento... "Você sabe que eu te amo !". Talvez um dia,ele consiga dizer essas palavras pro Stiles,mais uma vez...

Assim como na noite no hospital, Stiles deitou no peito de Derek. Usando ele como um enorme,forte e musculoso travesseiro. Derek não conseguiu não abraçar Stiles e o envolveu com seus braços musculosos esquentando o garoto na noite fria. Ele só queria ficar assim pra sempre. Sentir o calor do corpo dele, sentir a respiração dele, seus movimentos tentando se aconchegar, suas pernas roçando nas dele, o jeito com que Stiles afundava seu rosto no peitoral de Derek... Tudo isso o lembrava de como eles dois eram. Como eram antes. E ele queria isso de volta !

- Uhmmm, tão fofo, tão macio... — Stiles murmurava enquanto Derek fazia carinho em seus cabelos castanho-escuros recentemente aparados. Ele gostava desse estilo do Stiles.

No dia seguinte, Stiles acordou com o feixe de luz que entrara pela cortina diretamente em seu rosto. Como um despertador natural.
Ele se espreguiçou e notou o homem deitado ao lado dele de barriga para baixo abraçando o travesseiro. "Ele é lindo". Stiles sorriu ao pensar isso. Ele não sabia como, nem o porquê, mas ele é tão sortudo, por encontrar alguém como Derek, que se preocupa com ele, que zela por ele... Que ama ele.

"Já faz um bom tempo... Que eu não tenho uma boa noite de sono.
Eu me perguntava: "Quando que eu vou poder colocar a cabeça no travesseiro e apenas dormir. Não pensar em nada,apenas apagar até o dia seguinte ?

... Bom,foi um alívio finalmente poder dormir de novo. Acordar com uma pequena fresta de luz alaranjada vindo pela cortina. Parar por alguns instantes pra admirar a respiração dele. O jeito que ele abraça o travesseiro, como se nunca mais fosse soltar... "-Me faz ter um pouco de inveja desse travesseiro".
Eu só quero continuar assim,saber que ele está aqui, do meu lado... Me ajuda a dormir. Faz meus pesadelos irem embora. Acho que ele os espanta com sua cara de bravo ~risadinhas~
Acordar ao lado dele me faz voltar a ter vontade de viver, vontade de lembrar... Como era bom ter alguém pra amar !"


Notas Finais


Imagem deste capítulo não pertence a mim.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...