História Still Falling For You - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Visualizações 149
Palavras 1.058
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Comédia, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Primeiramente desculpem pela demora, eu estava atolada de trabalhos e provas, que ainda não chegaram ao fim, mas eu consegui uma pequena pausa para finalizar o capítulo, amém!
Boa Leitura!!!

Capítulo 8 - Closer


 Precisamos fazer uma comemoração, já que as gravações finalmente terminaram! – Alya sugeriu.

— Mas o que poderíamos fazer? – Nino questionou.

— Sei lá, ir em uma festa o que acham? – todos comemoraram, exceto Marinette. A azulada detestava ir em festas e coisas do tipo, ia de vez em quando com Alya, mas só a acompanhava e ficava em um canto.

Enquanto seus amigos combinavam os detalhes, a garota apenas concordava e se lamentava por ter que passar por isso, por mais que gostasse da companhia do pessoal.

***

E foi exatamente como Marinette previu. Todos estavam se divertindo, bebendo e dançando, enquanto a mesma estava sentada em um dos sofás, mexendo nas redes sociais no celular.

— Não vai curtir a festa? – sentiu alguém sentar ao seu lado e ao olhar, se deparou com Adrien.

— Não gosto muito de festas. Vim apenas para acompanhar o pessoal. – explicou.

— Entendo. Bem, eu já fui em muitas festas, mas não é algo que eu me orgulhe. – eles riram – Quero dizer, eu me divirto e tudo mais. Acontece que, eu poderia estar fazendo outras coisas mais úteis ao invés de ir em tantas.

— Deveria ir em menos então. Sabe, não precisa parar se você acha divertido.

— Sim, eu não estou mais indo em muitas.

— Então porque você não vai se divertir ao invés de ficar aqui no tédio comigo?

— Mas se eu ficar aqui, talvez você não fique mais com tédio. – riu.

— É bem provável, porém você vai estar abrindo mão da sua diversão.

— Quem disse? Você é divertida! – a azulada sorriu meio envergonhada.

— Obrigada, você também é.

Os dois continuaram conversando e Marinette chegou à conclusão que aquela tinha sido a melhor festa que ela havia ido. A atitude de Adrien, fez com que o conceito da azulada sobre ele subisse ainda mais. Além de que, a companhia do loiro era agradável, e a fazia se sentir estranhamente bem e aliviada.

Talvez não somente isso, mas ela não queria tirar conclusões precipitadas.

***

***

— Falta um mês para a estreia de Miraculous, o filme baseado nos quadrinhos de Thomas Astruc que dará vida aos super-heróis Ladybug e Chat Noir. E hoje eu estou aqui para entrevistar os atores principais, Marinette Cheng e Adrien Agreste. Primeiramente boa noite.

— Boa noite. – Marinette e Adrien responderam em uníssono.

— Como vocês se sentem sabendo que as gravações estão finalizadas e logo o filme vai estrear? 

— Nos sentimos muito aliviados. – Marinette disse e eles riram – Quero dizer, foi bem legal filmar e tudo mais, mas ao pensar que nosso trabalho está concluído, dá um alívio imenso.

— É, foi realmente um trabalho incrível, com uma equipe incrível. – Adrien reforçou.

— E como foi para vocês, a preparação? Sabemos que atuar como um super-herói pode ser bem difícil.

— Bem, quanto a preparação física, acredito que não tivemos tanta dificuldade, já que isso foi exigido em alguns dos nossos trabalhos anteriores. – o loiro assentiu concordando. – Acho que tivemos que pegar pesado na carga emocional. Digo, não era um drama, mas tínhamos que passar para o telespectador o peso das responsabilidades de ser um herói.

— Sim, entendo. E o que você achou de trabalhar com o Adrien?

— Foi bem diferente do que eu achei que seria. – Marinette respondeu com sinceridade, obviamente não diria a parte de ele ter sido um babaca no começo – No início das filmagens não éramos muito próximos, apesar de sermos os protagonistas, mas depois a nossa relação foi melhorando, assim como com os outros. Somos uma grande família agora. – sorriu.

— E você, Adrien?

— Trabalhar com a Marinette foi bem interessante. Conheci o trabalho dela e posso afirmar que é uma das melhores atrizes que já vi. E a equipe por trás do filme é a melhor, isso posso afirmar.

— E se pudessem descrever o filme em uma palavra, qual seria?

— Fantástico! – disse Marinette e as duas olharam para Adrien, que depois de alguns segundos pensando, soltou:

— Inesquecível!

***

— Marinette, qual vai ser a cor do seu vestido na estreia do filme? – Alya perguntou – O meu vai ser laranja.

— Eu queria ir de vermelho, mas a figurinista disse que iam me confundir com a decoração. – elas riram – Então eu vou ir de preto, que ainda sim lembra a Ladybug, mas não vai ser tão usado quanto o vermelho.

— Você vai ficar linda de qualquer jeito. – as duas se viraram e se depararam com Adrien parado em frente à porta do camarim onde as duas se aprontavam para ir no programa de televisão divulgar o filme, junto com Adrien e Nino.

— Obrigada Adrien. – sorriu simpática e um pouco envergonhada.

— Eu vou lá... Pegar o... Rímel. – Alya fez menção de sair.

— Ele está na sua frente. – a azulada disse, fazendo com que a amiga congelasse e encarasse o objeto.

— Eu disse rímel? Eu quis dizer... Rsjdhj. – murmurou algo inaudível e saiu rapidamente, deixando Marinette anotando mentalmente que teria que bater nela depois.

— Hã... Eu vim aqui, porque o Nino pediu pra nós ajudarmos ele caso ele fique nervoso demais. – entrou e sentou na cadeira que Alya estava antes, que ficava de frente para o espelho e ao lado de Marinette. – É o primeiro programa ao vivo dele. – os dois riram.

— Claro, sem problemas. – voltou a passar a maquiagem. Sempre que podia, a azulada preferia aplicar em si mesma.

— Você... Acha que fizemos um bom trabalho?

— Como assim?

— Com o filme. Ouvi dizer que existem muitos fãs dos quadrinhos, e sabe como eles reagem se não sai como eles querem.

— Entendo. Mas eu confio no roteiro do Damocles e acho que fizemos um bom trabalho sim. Não se preocupe com isso, os fãs vão adorar. – sorriram um para o outro.

No momento que o contato visual foi feito, nenhum dos dois sabiam como e se queriam que ele se quebrasse.

Marinette estava sentido aquelas sensações estranhas novamente, com Adrien não era diferente. Para os dois atores que não começaram da melhor forma, estavam ficando cada vez mais próximos. Só não sabiam ao certo qual o limite que essa proximidade teria. Para Adrien, essa proximidade poderia ser bem maior, por isso ele a aumentou, chegando mais perto da garota ao seu lado.

— Marinette?

— Sim? – sua voz saiu quase como um sussurro, já que o loiro estava tão próximo.

— Eu acho que... – não terminou a frase, apenas se aproximou mais.

A azulada até poderia pensar em se afastar, mas claramente não era isso que ela queria.


Notas Finais


Em breve farei um blog de dicas para escrever uma fanfic e postarei no Amino de Miraculous. Então se quiser, siga lá: ladycatt (também irei postar o link aqui caso você não tenha Amino).
Espero que tenham gostado <3 Kittykisses xx


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...