História Still Pretty - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Stranger Things
Personagens Chefe Hopper, Dustin, Eleven (Onze), Karen Wheeler, Lucas, Mike Wheeler, Nancy Wheeler, Will Byers
Tags Eleven, Mike, Mileven, Romance
Exibições 57
Palavras 407
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem.

Capítulo 10 - Capítulo 10


Fanfic / Fanfiction Still Pretty - Capítulo 10 - Capítulo 10

Ela havia sumido. Mais uma vez, na frente de seus olhos. Mais uma vez, ele não fez nada. Ele estava com medo. Tudo estava diferente. Ele se sentia diferente. O que havia acontecido agora a pouco? Ela pediu para que ele acordasse. Seria mais um de seus sonhos malucos? Não. Era mais do que um simples sonho maluco.
Ele estava no chão, sentado, com os olhos encharcados.
Sua voz não saía. Ele não se movia. Estava coberto de medo.
Estava paralisado de medo.
Uma angústia o consumiu.
Seu peito doía.
Como se estivesse coberto por uma camada de gelo.
Sentia seu coração apertar.
Ele estava com medo.
Muito medo.
Tentou novamente chamar por Eleven.
Não conseguiu.
Sua voz não saiu.
Seu corpo caiu.
Estava deitado no chão.
Com a mão sobre o peito.
Onde está as batidas do seu coração?
Seu coração parou.
Sua respiração sumiu.
Seu corpo evaporou.
Sumiu.
Desapareceu.
Como o de sua namorada.
Estava tudo escuro.
Não havia sequer um pouco de luz.
Ele estava caído.
Sobre o chão maciço.
Um lugar vazio.
Coberto de escuridão.
Ouviu vozes.
Diversas vozes.
Até que finalmente, uma luz.
Ele a seguiu.
Mas ela parecia se distanciar a cada passo que dava.
Tentou gritar.
Tentou correr.
Se aproximar.
Não conseguiu.
Caiu.
Ajoelhado, observava tudo ao seu lado.
Ouviu um barulho.

Pi... Pi... Pi...Pi... Pi... Pi... Pi...

Aquele ele o barulho de seus batimentos cardíacos sendo medidos por uma máquina?
Onde ele estava?
Ele olhou para cima.
Um teto branco.
Olhou para o lado.
Uma poltrona branca.
Olhou para o outro lado.
Uma cortina branca.
Viu uma outra cama.
Uma outra pessoa ao seu lado.
Era ela.
Eleven.
Tudo sumiu.
Estava mais uma vez, preso na escuridão.
O que fazer, nessa situação?
Fechou seus olhos com força.
Tentou dizer algo, sua voz saiu rouca.

Ele está acordando! Chamem um médico!

Sua respiração falhou.
Seu pulmão esvaziou.
O oxigênio sumiu.
Ele caiu.
Tentou respirar.
Não conseguiu.
O que estava acontecendo?

Ele está acordando!

Estava acordando?
Quando dormiu?
Quando Eleven sumiu?
Não.
Isso não era um sonho.
Ouviu passos apressados.
Ouviu falas de pessoas desesperadas.
A luz.
Ela estava se aproximando.
Agora estava respirando.
Viu uma garota.
Ela caminhava em sua direção.
Segurou sua mão.

Acorde.

Ele abriu os olhos.
Viu uma luz branca.
Um quarto branco.
Várias pessoas ao seu redor.
Sua visão estava embaçada.

Ele acordou! Finalmente, ele acordou!

Sua visão foi melhorando.
Batimentos cardíacos aumentando.
Onde ele estava?
Por que aqui estava?
Quando veio parar aqui?
Ele não estava até pouco tempo, caído no chão?
No chão de seu quarto?
Onde ele estava?
Onde?

- Onde estou? - Ele perguntara.

- No hospital. - Alguém respondeu.

- Você estava em coma, meu filho. - Alguém dissera. Provavelmente, sua mãe.

- Faz quantos tempo que estou aqui? - perguntou confuso.

- Faz... Três anos. - Alguém o respondeu.


Notas Finais


E é isso.
Kissus no kokoro de vocês.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...