História Stockholm - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtanboys, Bts, Hoseok, Jimin, Jungkook, Namjoon, Romance, Seokjin, Taehyung, Yoongi
Visualizações 82
Palavras 1.021
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 27 - Anjo


Fanfic / Fanfiction Stockholm - Capítulo 27 - Anjo

Decidi ir caminhando para a BigHit naquele dia. Demorei mais de meia hora até chegar, mas eu não tinha pressa e queria aproveitar o sol. Depois de uma noite estudando e uma manhã fazendo provas, o que eu mais queria era caminhar lentamente por aí escutando música.

Por conta das provas, não pude ver Yoongi e os meninos por alguns dias, então talvez a coisa que eu mais queria era vê-los, mas nem essa vontade me faria andar mais rápido.

O sol agradável me permitiu vestir um cropped branco que eu percebi não ser muito bem aceito entre os coreanos, mas não me importei com isso. Usava também uma calça jeans de cintura alta azul clara e uma jaqueta jeans verde musgo grande e com manchas de tinta espalhadas pelo tecido.

Já na entrada da empresa, a recepcionista me disse que os meninos estavam gravando em um dos estúdios e eu pedi a ela que não os avisasse que eu estava ali para não os atrapalhar.

No elevador, penso em ir para o estúdio do Yoongi, mas eu não sabia em qual estúdio eles estavam, então na mesma sala de dança no terceiro andar. Bati na porta e ninguém veio, então simplesmente entrei.

A sala estava vazia e escura, procurei o interruptor na parede e acendi todas as luzes. Larguei minha bolsa com os cadernos e a case da câmera no chão e fui até a caixa de som.

Conectei meu celular ali e coloquei a playlist que eu normalmente usava para dançar por saber as coreografias. Me posicionei no centro da sala pronta para dançar, o cabelo já estava preso em um coque, mas depois de alguns segundos encarando meu reflexo no espelho, desisti e sentei no chão ali mesmo.

Tirei a jaqueta e, quando uma música mais lenta começou a tocar, me deitei no chão. A pele exposta das minhas costas em contato com o chão gelado fez com que eu me arrepiasse.

Depois de bons minutos encarando o teto todo feito com barras de ferro, fechei os olhos para descansar e simplesmente dormi.

***

Acordei ouvindo risadas e com alguém me sacudindo levemente.

− Anjo, você dormiu no chão – escuto a voz do Yoongi e abro os olhos. – Está gelado aí.

Ele estava em cima de mim e me olhava com um enorme sorriso. Meu coração aqueceu com a palavra “anjo” e eu sorri de volta.

Levantei-me e Yoongi me puxou para um beijo rápido, acabei rindo.

− Você precisa dormir − ele comenta e entrelaça seus dedos nos meus.

− Preciso estudar – corrigi e ele negou com a cabeça.

− Aqui – Jimin tinha desconectado meu celular da caixa de som e me entregou ele. Estavam todos ali se preparando para ensaiar.

− Eu pretendia dançar um pouco, mas dormi sem querer – contei e ri. – Passei a noite toda estudando e a manhã fazendo prova.

− Não nos avisaram que você tinha chegado – Hoseok se aproximou de nós. Ele vestia uma bermuda jeans bege acima dos joelhos e uma camiseta comum. Completamente lindo, desculpe, Yoongi.

− Eu pedi que não avisassem, não queria incomodar – expliquei e soltei a mão do Yoongi para amarrar a jaqueta verde na minha cintura e refazer o coque que já estava se desfazendo.

O olhar de Yoongi correu sobre o meu corpo e eu sorri divertida para ele. Ele vestia uma calça jeans preta com rasgos nos joelhos e uma camiseta preta de mangas curtas. Era estranho, mas eu podia passar horas apreciando a pele perfeita dos braços finos, habilidade que só se adquire passando horas no Twitter olhando fotos de todos eles.

− O que vocês estavam gravando? – Talvez eu estivesse sendo enxerida, mas era uma dúvida que estava me matando.

− Single novo do próximo álbum – Namjoon respondeu e meu corpo gelou.

− Sério? Ai – levei a mão ao peito afetada por isso. Seria mais uma música para eu ficar viciada e passar horas dando visualização como a boa army que eu era.

− O que houve? – Jungkook perguntou com as feições confusas.

− Eu não estou preparada para isso – disse e eles riram da minha reação.

− Vamos gravar o mv amanhã – Jin comentou e o meu coração parou de novo.

− Eu realmente não estou preparada – afirmei e eles riram.

Sentei-me no canto da sala para que os meninos pudessem se organizar no centro e os observei pegando os passos das novas coreografias. Hoseok, como dançarino principal, ajudava todos que tinham problemas.

Eles tinham apenas as batidas da música prontas, a letra não estava completamente gravada, mas apenas com isso eu já podia perceber que a música era totalmente maravilhosa.

***

Desci da van preta e arrumei as bolsas no meu ombro. Estávamos próximos do meu dormitório da faculdade e mesmo já sendo tarde da noite, eu teria que subir parte da ladeira para chegar no meu prédio, já que seria muito estranho se eu chegasse em uma van preta e desconhecida.

− Tem certeza que não quer dormir lá em casa? – Yoongi perguntou de dentro da van. Estavam todos ali e Sejin parecia sem paciência na direção enquanto esperava.

− Preciso estudar – respondi mesmo que eu quisesse ir.

− Só vamos nos ver amanhã à noite então – ele reclamou parecendo desapontado. Jimin estava ao seu lado na fileira de bancos e parecia completamente desinteressado na nossa conversa.

− Eu durmo lá amanhã – falei para anima-lo. – E mandem fotos dos cabelos novos! – Eu sabia que eles trocariam as cores dos cabelos para a gravação do mv novo e eu estava muito ansiosa por isso.

Acenei para eles e pisquei para Yoongi. Ele sorriu e baixou a cabeça.

Eles fecharam a porta de correr e manobraram a van para sair da rua estreita. Comecei a subir o resto da ladeira lentamente sem pressa alguma. Já podia ver o prédio do dormitório não muito longe e queria apenas chegar lá, tomar um banho e dormir para sempre.

Infelizmente eu tinha um trabalho para fazer, fotos para editar e ainda tinha que comer alguma coisa antes de tudo isso. Eu provavelmente dormiria mais tarde do que o que eu pretendia e queria. 


Notas Finais


Admito que fiz esse capítulo só pra colocar esse apelido aushauhsu
Capítulo bem simples, mas espero que gostem também. Vamos ter alguns momentos calmos e engraçadinhos antes de ter alguma coisa mais chocante, mas eu gosto muito desses capítulos também.
Obrigada por lerem, qualquer erro me avisem e até o próximo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...