História Stop this pain tonight - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Dragon Ball
Personagens Bulma, Gohan
Tags Mirai Bulma, Mirai Gohan
Exibições 73
Palavras 504
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Dragon ball e seus personagens não me pertencem.

Essa fanfic foi feito para um projeto de fanfics há algum tempo atrás, chamado Casais impossíveis, se não me engano. Era dado uma música, um casal e você desenvolvia alguma coisa com eles, e o meu foi esse ai.

Capítulo 1 - Capitulo único


“Hello there, the angel from my nightmare

Olá,  anjo do meu pesadelo


The shadow in the background of the morgue

A sombra no fundo do necrotério


The unsuspecting victim of darkness in the valley

A vítima insuspeita da escuridão no vale


Where you can always find me

Onde você pode sempre me encontrar


And we'll have Halloween on Christmas

E teremos Halloween no Natal


And in the night we'll wish this never ends

E de noite desejaremos que isso nunca acabe"

I miss you – Blink 182

 

 

O gerador apagou a luz, a noite voltou a ficar escura, a porta foi trancada. As velas recém acesas e a roupa gasta jogada no chão revelou a pele nua.

“ - Gohan  a observadora o chamou.

Os olhos negros desviaram-se da inquietação, encontraram os de azul cristalino da dona da ordem: ambos sorriram antes que ele largasse a ansiedade de lado e andasse a passos curto em direção à cama, onde Bulma o aguardava.

E mesmo que  lá fora estivesse frio, dentro do quarto ardia em demasia: ardia tanto quanto os meios de Bulma, que já sentia o corpo estremecer  ao hálito quente do rapaz entre suas pernas; de olhos fechados com a língua curiosa,  as mãos atrevidas agarradas com jeito nas coxas brancas da dama,  enquanto ela prendia a respiração cerrando a boca. Tentava evitar  um gemido e outro, dificilmente deixando escapar algum som abafado, alguma prova alta de que estivesse se acabando em prazeres, enquanto o amante se preocupava apenas em agradá-la, ajoelhado na sua frente, como um servo devoto perante seu deus.

Ninguém poderia saber. Ninguém deveria escutar.  

O cabelo grudado no rosto, o arrepio já descendo pela espinha e aquele ritmo constante;  arranhava nas costas musculosas do jovem em frenesi, enlaçava-o  forte com as pernas  na  cintura, mordia o próprio lábio pra machucar: fazia todos os passos mudos para dar provas do seu deleite, ele precisava saber. Ele merecia sentir. Eles dividiam um quadro de cores turvas, onde a vida em guerra era a tela de traços sombrios, erguida sempre sobre a promessa de que um dia, ela acordaria e ele também já não estaria mais ali. Sobre a promessa de que um dia, ele acordaria e ela  também podia não estar mais lá; fadados a voltar ao vazio metódico, sustentados sempre pela espera de estarem sozinhos novamente, quando eles esqueciam as tormentas, se inebriavam, embebedavam, intoxicavam um no outro. Tudo tão entorpecente, enevoado; o tremeluzir das chamas das velas nas sombras, o perfume quente de suor, o atrito insulso dos fluídos...  

Ela viu que não era realmente tão forte. Toda aquela pose escorria com os líquidos, enquanto  sentia a onda de prazer despi-la de qualquer orgulho, tirá-la de qualquer controle, dar vazão a toda aquela angustia. Era tudo tão errado. Mas as línguas calaram-se uma na outra, e os corpos se encaixaram perfeitamente nas curvas; moldaram suas partes voluptuosas, saliências sensíveis, mutualismo de carícias e explosões. A dúvida eminentemente iminente sujou-os  deles mesmos.  E nos finais, Bulma sempre acolhia Gohan nos braços.


Notas Finais


Espero que tenham gostado, e comentários são bem vindos ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...