História Storm (YoonMin) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Girls' Generation
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Junghope, Namjin, Shorelinesofsea, Taekook, Taekookseok, Vhope, Yoonmin, Yulsic
Visualizações 99
Palavras 1.597
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Ecchi, Fantasia, Ficção, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oeoeoe

<3

Preparem o coração porque tem uma intro à YoonMin AMÉM. Vou confessar que o final foi minha cena preferida até agora.

Espero que gostem :3

Capítulo 9 - IX


Point of view: Jimin


Ser um humano é engraçado; eu estava prestes a ter os olhos vazando quando Min Yoongi se aproximou de mim, mas quando vi Namjoon e Yuri poucos metros á minha frente meus lábios involuntariamente se abriram em um sorriso. Ter meus irmãos ali comigo era a melhor coisa que podia acontecer. Claro que ainda faltavam muitos, mas eu já estou imensamente grato de não ser o único nessa missão suicida.


Nossa bolha de sorrisos foi estourada quando Yoongi tossiu, chamando nossa atenção para ele.


_ Será que vocês podem nos explicar o que está acontecendo? Jimin, quem são esses? - Yoongi se aproximou com a testa enrugada 


_ Oi humano. - Yuri se aproximou de Yoongi e apertou suas bochechas - Uau, então é assim que eles são... - Eu teria rido se a situação não fosse tão delicada, mas Taehyung riu por mim


_ Eu preciso saber de qual conto de fadas vocês saíram! - Tae agora se limitava a sorrir e secar o canto dos olhos - Todos os irmãos conversam e agem como se nunca tivessem socializado?


_ Nossa criação foi um pouco diferente. - Kookie respondeu com um sorrisinho de lado - Yoongi... hyung - o pronome de tratamento soou um pouco estranho - Vamos te explicar tudo, mas antes podemos ficar a sós com nossos irmãos?


(...)


_ Então todos estão na terra? - perguntei incrédulo


_ Sim. Depois que Nam deu permissão ao Kookie de vir, eu reuni os outros e propus uma aventura. Então, estão todos por aí. - Yuri juntava um punhado de grama nas mãos, eu sabia que ela estava desfrutando aquele sentido que antes não conhecíamos: tato.


_ Chegaram hoje? - Kookie estava encostado em uma árvore


_ Sim. Nós dois viemos ver como estão e saber se descobriram algo. Pelo que sinto, os outros não estão longe. - Namjoon olhava para o céu com as mãos nos bolsos - É realmente muito diferente desse ângulo. Por que será que fomos privados de tudo isso por tanto tempo?


_ Isso que eu sempre quis saber. - respondi mais pra mim mesmo - Sabe, essas pessoas são incríveis, precisamos dar uma justificativa ou não vamos poder conviver com eles.


_ Então vamos mentir? Não achei que viveria para pecar - Yuri deu uma gargalhada divertida


Era engraçado se parasse para pensar: fomos todos criados pelo mesmo Senhor, sempre estivemos juntos e somos completamente diferentes. Yuri era o oposto de Jungkook; Namjoon era meu oposto. Yuri sempre brincalhona e sorridente, Kookie marrento e grosso; Namjoon sempre sério e racional, eu sempre sonhando além da conta.


_ Bom, vamos apenas maquiar a nossa história. - Kookie suspirou - Somos irmãos de criação, nosso "pai" sumiu e estamos todos perdidos. Alguns de nossos irmãos estão fora de controle e estamos em uma missão que para segurança deles não pode ser revelada.


_ Acha que vão acreditar? 


_ Vão achar que somos algum projeto estranho do governo, assim como já escutei Yoongi falando com os meninos - Falei enquanto refletia no plano - Mas, é nossa melhor chance. Se não acreditarem, teremos que nos afastar.


_ Então vamos. Estou doida pra saber mais do meu novo corpo! - Yuri se colocou de pé e limpou a calça


_ Lembrem-se: somos humanos! Então se comportem, ouviu Yuri? - Jungkook a encarou


_ Não é porque chegou antes que manda em mim, criança. Serei a humana mais normal que já pisou nessa terra. - ela estalou a língua no céu da boca e caminhou em direção à mansão de Jessica


_ Seja o que Deus quiser - suspirei


(...)


Point of view: Yoongi


Depois de sermos apresentados aos irmãos de Jimin e recebermos uma explicação sobre o repentino aparecimento da tal Yuri e Namjoon, nos reunimos para o desjejum. 


_ Todo mundo vai ajudar a arrumar minha casa, não quero nem saber! - Disse Sica enquanto untava uma torrada com manteiga


_ Sica, claro que vou te ajudar. Tenho o número de uma incrível equipe de limpeza - Tae sorriu com a boca cheia


Os dois continuaram naquela conversa calorosa e Jin se juntou a eles. Vou confessar que me arrependi, por um breve momento, de ter mergulhado naquele lago para salvar um estranho. Agora estou no meio da confusão de uma máfia e enfiei meus amigos no meio. Encarei Namjoon, apesar de sua feição me indicar que ele era confiável, minha mente tentava achar algum sinal de perigo. O rapaz fechava os olhos a cada mordida em algum alimento, Yuri fazia o mesmo.


Então meus olhos encontraram os de Jimin e estavam... tristes?


Busquei por sua mão por baixo da mesa quando ele virou o rosto, quando a encontrei ele olhou para mim novamente.


_ Por que está triste? - sussurrei para ele


_ Não estou.


_ Você mente mal. - Sorri e olhei para nossas mãos, senti o rosto queimando e ele quebrou o contato


(...)


Quando a equipe de limpeza chegou, fomos todos para perto da piscina. 


_ Onde vocês estão hospedados? - Tae perguntou enquanto sentava perto da piscina e submergia os pés


_ Pensamos em alugar um lar temporariamente já que somos muitos. - Kim Namjoon respondeu


_ De forma alguma! - Quase joguei uma pedra na cabeça de Tae - São mais quantos irmãos? Tem meu apartamento, o de Sica, a mansão de Sica e a casa de campo da familia do Yoon. 


_ Nossa casa também tem uns quartos sobrando. - Jennie disse olhando para o irmão que concordou


_ Sugiro que as meninas fiquem com Sica e os rapazes podem se dividir nas outras casas.



Taehyung e sua mania de ser sociável. Aish.


_ Que pensamento machista! - Encarei Sica espantado, então notei como ela encolhia quando Yuri a encarava, ela se sentia intimidada pela morena


(...)


No fim das contas só Jimin voltou pra casa comigo. A princípio os 4 irmãos não queriam se separar, mas Namjoon disse algo sobre "separados cobrimos maior área" e cada um foi para um canto. Tiraram a sorte no "pedra-papel-tesoura". Jimin ficou comigo; Yuri com Tae; Jungkook com Sica; Namjoon com Jin e Jennie.


Chegamos em casa por volta das 15h e Jimin ainda não havia conversado comigo direito. Quando ele sentou na poltrona pude reparar seu pé com uma faixa.


_ O que houve? - ele me encarou sem entender e apontei o dedo indicador para seu pé


_ Ah, cortei.


_ Só vai me dizer isso? - abaixei perto do pé dele e depois de quase ser chutado comecei a desenrolar a faixa para ver a situação


_ Achei que tinha acontecido algo com Kookie e você, fui até o quarto de vocês, quando vi que estava atrapalhando saí correndo e não vi a garrafa quebrada. - Sua voz soava minimamente triste e sem energia


_ Atrapalhando? - Só então lembrei de como Jeon e eu terminamos a noite, comecei a rir


_ Não entendi o motivo da risada, Min Yoongi.


_ Não tinha nada a ser atrapalhado. Realmente levamos duas garotas ao quarto, mas foi só isso. As garotas estavam tão bêbadas que apagaram nas preliminares. - respondi casualmente


_ Preliminares? - Jimin abaixou a guarda deixando a curiosidade transparecer


_ Hm, é o que acontece antes do ato. 


_ Ato?


_ Sexo.


Jimin passou do branco ao rosa, do rosa ao vermelho. Continuei desfazendo o curativo em seu pé, não encontrei corte algum.


_ Aigo, Jin sempre exagera. Nem vejo corte algum.


_ Então, você ia fazer... sexo com aquelas garotas? - Me senti constrangido, mas concordei com a cabeça - Você as beijou? - Concordei novamente - Então você as ama?


_ Não, Jimin. - Sorri ao lembrar da nossa conversa sobre beijos - Acontece que às vezes pessoas se beijam por diversão. Igual você e o cara que 'tava te servindo bebidas antes de eu me afogar.


_ Mas eu não beijei ele.


_ E fizeram o que? Falaram sobre o clima? - eu ri segurando o nervosismo


_ Não fizemos nada. Eu não ia experimentar uma coisa que me parece tão íntima com um ser humano que nem confio.


Fui até a cozinha pegar um copo de água e Jimin me seguiu, a curiosidade dele sobre esses assuntos me divertia.


_ Então, você só vai beijar seus irmãos? - sorri debochado


_ Meus irmãos? - ele arqueou a sobrancelha


_ Sim, são os únicos em quem você confia. - Jimin encostou na pia e refletiu por um instante


_ Não é verdade. Confio no Tae, na Sica e principalmente em você hyung. 


Sorri com a resposta ingênua e por impulso aproximei meu corpo ao dele. Apoiei as mãos na pia, uma de cada lado de seu corpo e senti o hálito do pequeno no meu rosto.


_ Então você me beijaria? - falei provocante


Eu juro que era uma brincadeira boba. Jimin não disse nada, apenas me encarou. Suas orbes me hipnotizaram, quase me desafiando. Meus olhos se desviaram para seus lábios. Desde quando um garoto parecia tão bonito pra mim? Quando o vi umedecer os lábios meu coração falhou e minha brincadeira boba se transformou em uma armadilha que eu mesmo armei e caí.


Aproximei o rosto de Jimin e vi seus olhos correndo por todo meu rosto. Ele também não sabia o que estava acontecendo.


_ H-hyung... eu nunca fiz isso. - sua voz falhou e aquela informação dividiu minha vontade em duas.


Eu podia dizer que o ensinaria, assim mataria minha curiosidade sobre o sabor daqueles lábios rosados; ou mantinha a ingenuidade do garoto me afastando, permitindo que ele daria seu primeiro beijo em alguém de confiança, não em um estranho que só estava curioso.


_ E-eu posso ser muito ruim nisso... - sua voz falhou e seus olhos estavam fixados em meus lábios.


Então tomei a melhor decisão para o momento:


_ Dúvido. - Dei um beijo em sua testa e voltei para sala com meu copo d'água e com as pernas trêmulas


Notas Finais


Ahhhhh esse Yoongi voltando a ser o provocante motherfucker de antes da Jisoo arrasar o coraçãozinho dele <333

Opa, a tropa já tá QUASE toda apresentada, não deram falta de ninguém? :3

Interajam cmg no tt: @minibluesz
e a loja: @allkillstore

Beijinhos e obrigada pelos favs sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...