História Stranger Life - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Asking Alexandria
Personagens Denis Stoff, Personagens Originais
Exibições 5
Palavras 821
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Mutilação, Spoilers, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie!
Voltei com um novo cap, eu sei que a história poderá estar a ser um pouco seca mas eu pretendo melhorar isso, se quiserem podem deixar ideias, estão á vontade!
Bom, espero que gostem e boa leitura!
😊😜

Capítulo 8 - Briga inútil.


Fanfic / Fanfiction Stranger Life - Capítulo 8 - Briga inútil.

Eu voltei para casa muito intrigada, sinceramente aquele rapaz faz me muita confusão, mas enfim, eu estava mesmo triste não conseguia nem pensar que ele gostava de outra pessoa, e só pensar que iria estar com ele amanhã já me dava arrepios.

Entrei dentro de casa e a minha mãe estava lá fora com umas colegas dela, subi as escadas e fui para o meu quarto, liguei o radio e pus a música Another Love do Tom Odell (Não sei se está bem escrito), e deitei-me na cama e comecei a ler um livro "Viver depois de ti".

 Fui tomar um banho, quando saí do banho a minha irmã liga-me só que eu não atendi, passado uns segundos ela liga-me outra vez e eu atendo.

-Oi, o que se passa?

-Vem depressa!

-Depressa a onde?

-Ao parque, o Denis e o Chris estão a discutir e acho que vai dar em porrada!

-O-o que? Já estou em caminho.

Desliguei o telemóvel e vesti uma roupa super aleatória e fui até ao parque.

Quando cheguei vi muita gente da minha turma incluída, eu fui a correr para o meio da multidão, vi que o Chris estava muito sorridente, era uma pena se eu o destruísse.

Tentei chegar mais á frente mas não conseguia, eu só conseguia ver o Chris, saltava e empurrava para ver se tinha sinais do Denis, mas não conseguia . O meu coração pulava, quase saía pela boca fora. Eu estava desesperada. Puxei a Cami que estava a tentar travar o Chris e perguntei o que se passava ela disse que o Chris estava a discutir com o Denis e eu perguntei porquê e ela disse que não sabia. A minha  paciência diminuía com cada minuto que passava, eu tinha que fazer alguma coisa, então eu respirei fundo e passei pela multidão, consegui furar o círculo e trava-los.

-Mas que raio se passa aqui?

-Prontos, a mulher maravilha decidiu entrar na história!-Chris

-Já não era tarde para essas boquinhas foleiras!

-Se não te importas queria acabar de ajustar "contas" com o Denis, não contigo!

-Eu quero saber quais são essas contas.

-Não precisas de saber.

-Eu não perguntei nada, eu disse que quero saber quais são essas contas e mais nada!

-Não te preocupes Chris que eu conto o que se passou, eu fui ao café pedir uma água, quando eu saí de lá abri e bebi-a, mas eu fui contra ele, não, ele foi contra mim e eu sem querer virei a água em cima dele, agora diz que fiz de propósito e que quer chegar a um "acordo" mas eu disse que não quero fazer nenhum "acordo" por causa de um estúpido acidente!

Eu virei-me para o Chris.

-Sinceramente, tu és tão criancinha! Nem vale a pena estar aqui. Eu vou-me embora, eu não tomo conta de crianças!

Eu fui-me embora,sinceramente á pessoas que tiram os dias para me chatiar, ele estava a falar para mim mas eu nem liguei, só sai asneira daquela boca, eu acho que é melhor ir para casa antes que aconteça mais alguma coisa.

***********Noite**********

Eu, por algum motivo não conseguia parar de pensar no Denis, não por causa da discussão porque eu já nem me lembro de como foi, tantas perguntas flutuavam na minha cabeça e eu só que queria afoga-las de uma vez por todas, mas não conseguia, eu sabia que que sentia algo por ele, mas nós só nos conhecemos á pouco tempo, eu sinceramente não sei o que fazer. Acho  melhor dormir porque hoje foi um dia e pêras.

**********Dia seguinte**********

Acordei muito bem disposta e sentia que hoje iria ser um dia diferente. Abri o armário e fiquei a olhar a roupa e decidi que iria com umas jeans pretas rasgadas nos joelhos com um top cinzento, as minhas vans pretas e brancas e como estava fresco lá fora levei um casaco comprido manchado de preto e cinzento. Fiz um coque e uma make simples.

Desci as escadas e tomei o pequeno almoço e fui para a escola, pelo caminho encontrei um cachorro que tinha coleira, eu parei e fui ter com ele quando uma senhora aparece.

-Oh, você encontrou o meu cachorro, ele fugiu-me enquanto o passeava, a trela partiu-se,uh...Muito obrigada!

-Não tem de quê! Posso saber como ele se chama?

-Ele chama-se Speedy.

-Uh, olá Speedy, já estou a ver que gostas de assustar a tua dona!

-Ele é profissional nisso, uh... eu tenho que ir.

-Eu também, adorei conhecer-te Speedy, talvez nos encontraremos por aí!

-Nós também adoramos te conhecer, és mesmo simpática, obrigada e adeus!

-De nada. Adeus!

Continuei o meu caminho até á escola, quando cheguei os meus colegas vieram ter comigo a dizer que não havia aulas porque houve uma reunião geral e os alunos estão dispensados das aulas, aleluia, estava a ver que este dia não chegava!

Fui ter com as minhas colegas quando vejo o Denis, nope, afinal mudei de ideias e vou no sentido oposto do delas, quando olho para trás vejo que ele me está a seguir. Oh Meu Deus, porque tens sempre que vir atrás de mim quando eu menos desejo.

Continua...



Notas Finais


O que será que vai acontecer no próximo capitulo?
Quero saber os vossos palpites.
Desculpem pelos erros.
Até á próxima!
😊😘😜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...