História Strawberry and Mint • Jikook/Kookmin - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Abo, Hoseok, Jihope, Jikook, Kookmin, Mpreg, Namjin, Taegi
Visualizações 729
Palavras 1.307
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Festa, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 13 - Como um amigo, claro.


Narradora

 

Jimin queria tanto… Ele queria tanto, mas muito mesmo, chamar Hoseok pra sair, porém, sua repentina timidez o fez apenas se despedir do beta com um breve aceno de cabeça, após eles dançarem livremente pela sala, sem compromisso até que o Park notasse que estava tarde e ele deveria realmente voltar para casa.

 

“Tchau Jimin! Até segunda!” Disse Hoseok simpático, logo, sorriu mais ainda ao ver aquele jeito fofo do ômega que pegou sua bolsa e correu deixando apenas aquele aceno.

 

Agora já era segunda feira e Jimin lamentava pela atitude idiota e que não lhe tinha agradado nem um pouco, ele sabia que agir daquela forma significava para si que estava gostando da pessoa, primeira coisa que ele abominava naquilo tudo. Segundo, que ele não gostava de se sentir bobo ou tímido, ele gostava mesmo era de ser direto, sem frescura ou ao menos sem parecer aquelas garotas de doramas que sempre corriam atrás do Oppa, ficando envergonhadas e parecendo tão bobas e idiotas quanto ele pareceu.

 

-Qual é Jimin? Não é difícil chamar alguém para sair! - falou Taehyung.

 

-Quem quer chamar quem pra sair? - Jungkook apareceu sentando-se ao lado de Jimin e sentia o olhar de todos na mesa sobre si, mesmo assim dando de ombros e pegando uma das coisas boas que tinha conseguido na cantina. - Você quer Jimin? - perguntou oferecendo chocolate para o menor que negou rindo baixo.

 

-Não, obrigado, aposto que me ofereceu chocolate pra ver se eu realmente faço minha bunda crescer tanto com essas tranqueiras, relaxa, não tem estrias por aqui.

 

-E por que você quer deixar claro pra ele que não tem estrias aí? - Taehyung usou o mesmo tom brincalhão.

 

-Não é pra ele especificamente! É só, que eu não faço nada disso pra bunda crescer além de exercícios. - mandou beijo para Taehyung que revirou os olhos.

 

-Metido.

 

-Eu sou metido? Falou o alfa que vive se gabando só por estar no conselho escolar.

 

-Grêmio estudantil, Jimin, e eu não fico me gabando.

 

-Já começa se gabando enquanto usa terno ao invés de roupa normal! - riu alto e Taehyung franziu o cenho.

 

-Eu uso outras roupas às vezes! O que você tem com meu terno? - resmungou algo baixinho e Yoongi sorriu apoiando a cabeça no ombro do namorado.

 

-Não liga pra ele Tae, é inveja porque você fica uma delícia nesse terno.

 

Taehyung mostrou a língua infantilmente para Jimin que não deixou de revirar os olhos.

 

-Aham, vai nessa.

 

Jeon meio perdido por ali ficou em silêncio comendo seu lanche, ele acabou se perdendo agora enquanto olhava para Jimin, o ômega que parecia mais atraente a cada dia que passava, aquele seu cheiro de morango que atraia o olhar de cada alfa quando este passava no corredor ou na rua, como se estivesse desfilando glamurosamente.

 

Jimin não era do tipo que gostava de se exibir, raramente sentia-se na necessidade de chegar chegando e chamando a atenção de todos, mas ele nem precisava se preocupar com aquilo, o baixinho já atraia as pessoas para si naturalmente apenas de estar ali naquele ambiente, ele tinha recebido cinco agrados só naquela semana, de vários alfas.

 

Mas obviamente ele dispensava todos, Park se mantinha em seu lugar e garantia que não ficaria com alfa algum. Lá no fundo ele ainda tinha medo deles, mas não deixava transparecer.

 

Jimin estava aéreo, assim como Jungkook, ambos com as cabeças cheias de vários pensamentos que foram interrompidos quando um alfa apareceu e chamou a atenção de Jeon.

 

-Cara, eu sei que você está numa nova fase mas sou alfa como você, não daria muito certo, sabe? Foi mal aí. - saiu deixando Jungkook confuso.

 

-Que?

 

Os outros na mesa riam da confusão do alfa.

 

-Jimin você recebeu as mensagens que te mandei, eu consegui o número com um garoto, ele é tipo o maior stalker daqui.

 

-Desculpa Jungkook, não recebi mensagem nenhuma sua.

 

-Aish! Eu acho que mandei o convite para sair pro Jongin. - referiu-se ao alfa que tinha acabado de aparecer, ele tinha mandado a mensagem na noite anterior.

 

Olhou a foto do contato e deu um tapa na própria testa. - Aquele nerd desgraçado! - bateu o celular contra a mesa e se acalmou, o alfa era do tipo que tinha um temperamento instável, como Jimin que se irritava fácil e não tinha o mínimo de pudor em jogar tudo o que pensava pra todos os lados.

 

-Calma Jungkook, eu saio com você, marcamos pessoalmente então. - falou Jimin olhando para as mãos em seu colo.

 

-Tudo bem então! - o alfa parecia empolgado. - Quando?

 

-Pode ser no sábado? As oito horas? - perguntou subindo seus olhos para Jungkook.

 

-Claro, busco você na sua casa?

 

-Aham. - Jimin pediu o celular de Jungkook, adicionou por si próprio seu número e devolveu. - Me chame que eu te passo o endereço.

 

Jungkook assentiu, inquieto pegou o celular e mandou uma mensagem para Jimin que riu baixo ao receber a notificação. “Quando podemos sair, Park?”

 

[...]

 

Novamente Jimin estava indo para a academia de dança, durante o trajeto tinha como companhia seus fones de ouvido e alguma música dançante e animada.

 

Ele pensava ao mesmo tempo em duas pessoas, estas distintas porém que estavam lhe causando as mesmas sensações ultimamente.

 

Hoseok, o beta doce e alegre, que tinha conseguido “conquistar” Jimin com bem pouco e ganhar sua atenção.

 

Jungkook, o alfa idiota e mesquinho que andava mudando para se aproximar do Park, este que tirou sua atenção na marra com muitas provocações.

 

Jimin não estava apaixonado, por nenhum dos dois, era óbvio. O ômega acreditava que amor verdadeiro se construía na base de tempo, confiança, convivência, e claro: amor. Ele muitas vezes duvidava quando lhe diziam que estava apaixonado mas não se passara nem uma semana, e Jimin ainda estava em seu primeiro mês naquele colégio novo, ainda acostumando-se com os horários das aulas e o jeito irritante que aquele uniforme lhe era apertado e justo, por ele ter escolhido um número e este vir no modelo para ômegas, que por acaso era pequeno.

 

Mas bem, aquilo favorecia vários alfas e betas que estavam interessados no Park ou que simplesmente queriam dar uma pequena espiada pelo canto do olho na bunda grande do aluno novo que vinha atraindo esses olhares sem fazer nada além do que andar e falar pelos corredores feito alguém normal, que mais parecia ser uma celebridade.

 

Ele apenas os tinha na cabeça, ambos lhe atormentando, ele gostava do jeitinho carinhoso de Hoseok e mesmo odiando apenas pensar naquilo, gostava da recém amizade com Jungkook e a forma como o mais novo fazia de tudo para obter a atenção do Hyung.

 

Se desligou dos próprios pensamentos ao perceber que fôra apenas ele se distrair e já estava dentro da sala de dança se aquecendo.

 

E agora nada mesmo o atrapalharia em conseguir pedir para Hoseok sair consigo, fosse sua timidez ou o horário de voltar para casa.

 

[...]

 

E foi bem daquele jeito mesmo afobado e cansado após dançar alguns estilos de dança diferentes junto de Hoseok, que ele perguntou como quem estava apenas dizendo algo casualmente e pensado naquela hora, se Hoseok queria sair com ele. Tremia levemente e suava, mas o nervosismo passou quando o Jung lhe disse que seria muito legal sair com ele e que era uma ótima ideia, pois eles poderiam se conhecer, fortalecer a nova amizade.

 

No fim do dia Park vai para sua casa procurar o papel de trouxa por achar que Hoseok poderia o ver como algo a mais que um amigo.

 

Claro, respondendo durante o caminho as mensagens que Jungkook tinha lhe deixado.

 

“Não me enche encosto.” Brincou sorrindo para o celular.

 

“Se não for pra levar patada de você eu nem te chamo.”

 

É, talvez Jimin gostasse de Jungkook.

 

COMO AMIGO, CLARO.


Notas Finais


Demorei um pouco muito*? TALVEZ. MAS FAZER O QUE SE NÓS TEMOS QUE ESTUDAR E AINDA SE BANCAR NESSA VIDA KPOPPERA (QUE ISSO)

;-;

XAU

AH E LEIAM MINHAS ONES


>> Why'd You Only Call Me When You're High?

http://socialspir.it/9936636


>> Saturday

http://socialspir.it/9786944


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...