História Strong -Larry Stylinson - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer, Charlie Puth, Ed Sheeran, Little Mix, One Direction, Taylor Swift
Personagens Ashton Irwin, Calum Hood, Charlie Puth, Ed Sheeran, Harry Styles, Josh Devine, Liam Payne, Louis Tomlinson, Luke Hemmings, Michael Clifford, Niall Horan, Perrie Edwards, Taylor Swift, Zayn Malik
Tags Larry, Larry Stlynson, Nosh One Direction, Ziam, Ziam Mayne
Exibições 55
Palavras 1.737
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Esporte, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OIIIIIIII OLHA EU AQUI !!!

Capítulo 23 - Just do not go away


Fanfic / Fanfiction Strong -Larry Stylinson - Capítulo 23 - Just do not go away

.Harry parou seu carro em frente ao grande prédio em que morava,olhou para o lado,vendo um Louis ainda tremulo,os labios roxos pelo frio,e mesmo que o ar-condicionado estivesse ligado,não era calor o suficiente para seu pequeno corpo.Ja Harry,não sentia frio algum,pelo contrario,fervia por dentro,se sentia quente como nunca.

-vamos Lou-saiu primeiro,o menor apenas se encolheu no estofado do carro,agora sujo de lama pelo. menor ter se sentado em baixo da arvore que Harry o encontrara.

-tu-tudo be-bem-disse baixo na qual Harry abriu a porta do passageiro,ainda chovia muito,o vento não dava trégua,a rua levemente alagada encharcava os tenis de ambos.

Sem ao menos Louis perceber,o mesmo segurou fortemente no braço de Harry,sentia que poderia cair a qualquer momento,o frio de seu corpo era estremo,Harry se sentiu aquecer ainda mais,porem,não era hora para isso,estavam na chuva,Louis tremia feito vara verde,precisavam de um banho.

Entraram no saguão do prédio,que estava vazio por sinal,Harry apenas segui para o elevador.o mesmo desceu rapidamente,por todos estarem dentro de casa,e não saírem por nada por conta do temporal.

Já em frente a porta de madeira,Styles revirava o bolo de chaves,a procura da chave da mesma,logo aberta,em um instinto protetor seu,se virou ate o menor,o pegando no colo.Os braços de Louis circularam o pescoço do maior,já as mao deste se encontravam nas dobras dos joelhos do pequeno,uma perna de cada lado do longo corpo,nenhum toque que Louis não se incomodasse,para o alivio de Harry.

-de-des-descul-pe-disse batendo os dentes,o hálito quente no pescoço do maior que já estava na escada do apartamento,em direção a seu quarto.

-porquê esta pedindo desculpas Louis-perguntou já abrindo a porta de seu quarto.

-por estar aqui,quer dizer,você estava trabalhando certo,não devia ter te ligado,desculpe-já falava normalmente por conta do calor do corpo do maior,ao se sentir aquecido pelo outro,se aconchegou melhor ali.

-não precisa pedir desculpas Lou,eu não poderia te deixar nessa chuva,nesse frio,me doi pensar oque teria acontecido se não me ligasse-se sentou em sua cama,ainda com o menor em seu colo-Louis-sussurrou-Va tomar um banho,para se esquentar,pode pegar um resfriado se ficar com essas roupas molhadas -disse afastando o rosto do menor de seu pescoço,logo podendo fitar as orbes azuis.

O menor apenas assentiu voltando a abrasa-lo,para se sentir aquecido novamente,Harry era muito quente.

-você é quente-disse sem pensar,ao ouvir a risada rouca o despertar de seu transe,saiu apressado do colo do maior-desculpe,hm,desculpe,vou,onde,onde fica o banheiro-saiu tropeçando nas palavras,corando violentamente ao ter o olhar do maior sobre si.

-No fim do corredor,vou tomar banho no de la de baixo-se levantou indo ate o closet mediano no canto do grande quarto,pegando uma roupa para si,e uma para Louis.

-obrigada-murmurou pegando a toalha que Harry lhe estendeu,logo saindo do quarto,indo ate o fim do corredor,e como indicado,o banheiro.Como o resto do apartamento não era tão chamativo,era simples,paredes brancas,com detalhes em dourado,nada enjoativo,flores,lírios,desenhados com cuidado e delicadeza no teto,na opinião de Louis,era lindo.

Se despiu rapidamente,não sabia onde deixar as roupas molhadas,então as levou ao box,as torcendo o mais que podia,vendo uma boa quantidade de agua e lama sair delas,pensou por um momento no estofado do carro de Harry,devia estar muito sujo.

Tomou um banho rápido,as luzes do banheiro piscavam ameaçando apagar,oque o deixou em pânico,o fazendo se limpar mais agilmente.Logo fora do banheiro,se amaldiçoou por não ter levado a roupa para se trocar dentro do mesmo,andou devagar ate o quarto,sorrindo ao avistar as roupas escolhidas por Harry,que também pertenciam ao mesmo.

Correu ate a cama,quase caindo por seus pés estarem molhados,não sabia onde estava Harry,mas não queria ser visto somente de toalha.observou as peças de roupas,havia um suéter ,como o rosa que vestia,porem dessa vez era de um azul ciano,uma causa de moletom e uma cueca,que com toda a certeza não serviria em seu corpo.Vestiu somente o suéter,que ia ate a metade de suas coxas,e a causa de moletom,que por conta do cordão de pano na cintura,serviu.

Secou seu cabelo ,logo se sentado na cama,olhou em volta,onde Harry estava? Será que ele deveria descer,ou esperar aqui?,decidiu descer.

Abriu a porta devagar,ouvindo paços se aproximando,ele teria entrado no quarto de volta,se não tivesse paralisado em frente a porta.

-esta tudo bem-um Harry apenas de toalha se aproximando de si,parecia preocupado por Louis estar com os olhos arregalados e meio que ,'paralisado'-Louis?

-esta,esta tudo bem-disse rápido,logo abaixando a cabeça,evitando olhar para o peito desnudo do maior,nao sabia oque estava acontecendo consigo,essa atração que sentia por Harry era estranha,a poucas semanas sentia medo do toque do maior,não o queria por perto,mais ao mesmo tempo queria,sentia que devia tê-lo próximo.Mais agora era mais que isso,queria o toque,o olhar do cacheado,tudo isso sobre si,ou até mesmo algo alem disso,oque o assustava,pois nunca desejou ninguém assim.

-eu vou me trocar ok?,não vou demorar-Abriu a porta minimamente,observando Louis ,que permanecia de cabeça baixa,era estranho o menor sentir vergonha,somente por vê-lo de toalha,quando já o viu de diversas formas,quando já o tocou de diversas formas.​concentra Harry,o hora não é agora!!

​Louis se viu sozinho no corredor,não poderia entrar no quarto ,a não ser que quisesse ver Harry se trocar,considerou isso,ate reparar em seus pensamentos.Resolveu descer ate a sala,ou para onde aquelas escadas o levariam.

A sala era ampla,de cores neutras,tristes na opinião de Louis,havia uma embutida a uma estante de cor bege,na mesma havia muitas prateleiras,com fotos e esculturas,uma coisa que Louis descobriu sobre Harry ,era que o mesmo adorava arte,havia muitos quadros nas paredes,de diversos tamanhos,pregados de qualquer forma,mas mesmo assim dava uma sintonia perfeita,todos eram igualmente lindos,mas um chamou sua atenção.

Um grande quadro,solitário na parede branca onde se encostava o sofá,havia quatro desenhos diferentes,em quatro quadrados pintados na tela branca,no primeiro,havia metade de um sorriso,so segundo,um olho extremamente azul,com ruguinhas no canto,a pessoa parecia sorrir,no terceiro, no terceiro,mais um sorriso,que Louis julgou perfeitamente lindo e adorável,no quarto,um olho verde,havia ruguinhas também,mas pouco aparentes.

Era lindo,muito bem pintado,pareciam mais fotos do que tinta,Louis parou e observou os olhos verdes,eram os olhos de Harry,ao lado era o sorriso de Harry e para falar a verdade,Louis gostaria de ver esse sorriso todos os dias,ou ate mesmo ser o motivo dele .

-Louis-a voz de Harry o despertou do devaneio.

-o-oi-sorriu sem perceber,e nem ao menos saber o porque.Bom,dessa vez podia olhar para Harry sem ficar vermelho,ou era isso que ele achava,o maior estava com uma causa moletom,caindo nos queria,e uma regata deixando-infelizmente para Louis- os fortes braços a mostra,junto de suas tatuagens que Louis não havia reparado quando o viu de toalha.

-hm,velha,esta com fome?-Harry se sentia estranho por ter que agir assim com Louis,como se não o conhecesse,mais não poderia abraça-lo,mordê-lo ou beija-lo como queria,Louis se assustaria,ou até pior

-não,não estou com fome-Louis respondeu o seguindo ate a cozinha,assim como a sala,era ampla,bonita e também,branca ou de cores neutras,havia um balcão dividindo a área em que ficava a mesa,para a área que ficava realmente a cozinha.

-quer beber alguma coisa,ou sei lá,você sempre esta com fome Louis-soltou rindo enquanto abria a geladeira .

-não estou sempre com fome-resmungou rindo junto- so acho que devemos comer se sentimos fome,e eu nem como tanto assim,não quero ficar gordo-disse rindo,apoiando os cotovelos no balcão,e o rosto nas mãos.

-Pode comer o quanto você quiser-riu baixo-sua cintura ainda vai se encaixar nas minhas mãos,como se fossem feitas exatamente pra mim -disse baixo ,mais o menor pode ouvir ,e so por alguns minutos,pareciam eles de novo.

Louis se sentiu estranho,nunca sentiu esse toque do maior,mais por algum motivo ,gostaria de sentir.Gostaria de se lembrar de Harry,se eles eram tão íntimos assim,ele gostaria de se lembrar.E por um momento,se sentiu a vontade

-não acho que vou permanecer com esse corpo ,assim,pra sempre,as pessoas mudam-disse baixo,observando Harry fazer um chá,que por acaso,era seu favorito.

-no seu caso muda para melhor ,se não acha isso,eu acho-sorriu entregando uma xicara de chá quente-sem leite,uma colher de açúcar -disse distraído preparando o seu.o menor se surpreendeu por Harry saber como ele gosta de tomar chá.

-Vamos parar de falar do meu corpo-disse rindo,se arrepiando com o riso rouco do maior,o observou por um momento,Harry era muito alto,não que não tenha reparado isso antes,quem não repararia.

-Ok-riu anasalado se sentando de frente para o menor,ambos se olharam por um momento,logo tomando o liquido quente em silêncio.

~•~•~•~•

-Você pode dormir la em cima,eu fico no sofa-disse Harry colocando somente um travesseiro no sofá.

-esse sofa é menor que você -Louis resmungou com uma pitada de indignação,e uma grande porção de sono,chá sempre o dava sono-eu durmo aqui,você dorme la em cima,vai ficar com dores nas costas-disse ajeitando o travesseiro ,subiu no sofá,sentindo mais em sua cintura,o levantar sem esforço algum,o tirando do sofá.

-não,Louis em cima,Harry em baixo-não teve como,a mente suja de Harry maliciou aquilo totalmente.

-vai dar uma de Tarzan agora é-o menor riu da expressão de Styles.

-você não vai dormir aqui,é mais confortável,e eu nem gosto da minha cama mesmo-se sentou no sofá.

-que desculpa escrota-riu alto-para de palhaçada,você vai dorm..

Antes que o mesmo pudesse terminar,o breu tomou conta de todo o apartamento,ou melhor,de toda Doncaster.A respiração de Louis se tornou audivel e desesperada.

-Louis,Louis-Harry se levantou,tateando as mãos no vazio,ate achar os ombros do menor-estou aqui não precisa ter medo.

-muito escuro,muito escuto-não sabia o porque,mais sentia uma vontade imensa de chorar.

-estou aqui,calma-tentava acalmar o menor,se arrepiou ao sentir ao pequenas mãos em seu peito,logo os curtos braços os rodeando.

-só...só não se afaste-disse baixo,sentindo o perfume natural do maior,misturado ao cheiro de morango do sabonete.

-nem se me pedisse-se lembrou de quando Louis o pediu para ir embora,passou por isso duas vezes,e agora Louis não se lembra do pouco que viveram juntos,sentia que era sua culpa,não devia tê-lo deixado ir,devia ter seguido ele,devia ter pego seu pequeno corpo,seu pequeno mundo,devia ter cuidado dele.

-Harry-o ouviu chamar-e-esta tudo bem?-perguntou,já havia o chamado e nada,se sentiu culpado por tê-lo abraçado,se afastou rapidamente-desculpe.

-não,não,eu so,estava sonhando acordado-riu baixo,estava com sono,por ter acordado sedo para ir ao trabalho,e agora que a escuridão o cercava,o sono era maior,pois dormia mais rápido no escuro.

-você esta com sono?-perguntou com medo da resposta,não queria ficar no escuro ,sozinho.

-não -bocejou logo depois,ouvindo Louis bufar-ok ,talvez sim.

~•~•~•~

Então a conclusão foi o seguinte,Harry ficaria no quarto com Louis,ate o mesmo dormir,e logo depois iria para o sofá,ambos concordaram com isso,afinal a cama de Harry era grande o suficiente para os dois,e não precisariam ficar 'grudados' certo?

Errado, porque Harry precisava tocar Louis,e Louis precisava dos toques de Harry.


Notas Finais


FIM...
Eu gostaria de agradecer a minha mente,que pode pensar em um hot muito foda,mais não consegue fazer uma conta de matemática
Gostaria de agradecer a todos os favoritos



MENTIRAAAAAA essa bagaça não ta nem na metade,vcs vão ter q me aturar muito ainda,mas enfim.
Desculpa terminar o capitulo desse jeito,estou "estigando" a curiosidade de vcs,sinto que a historia esta ficando entediante pra vcs,e não quero que desistam de Strong,tenho muito para fazer nessa fic ainda,e a presença de vcs me faria muito feliz...

61 !!! 61 FAVORITOS,E NAO VOU NEM FALAR NAS VISUALIZAÇÕES SEUS LACRADORES !!!

Enfim,até a próxima meus crush ,amo vcs..


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...