História Stuck In The Moment - Capítulo 40


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Alison Donovan, Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Exibições 78
Palavras 1.753
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OI, AMORESSSS 💕💕

Chegamos ao nosso último capítulo. SITM foi uma explosão de criatividade e eu amo essa fic.

Quero agradecer por sempre me acompanharem e me apoiarem. Amo muito vocês, minhas Liamdas. ❤

Esse capítulo não ficou muito bom, mas é isso.

Boa leitura 📖🏳‍🌈💘

Capítulo 40 - We are a family.


Fanfic / Fanfiction Stuck In The Moment - Capítulo 40 - We are a family.

"Estou pensando em como

As pessoas se apaixonam de maneiras misteriosas

Talvez apenas o toque de uma mão

Eu, me apaixono por você a cada dia

Eu só quero te dizer que eu estou"

Thinking Out Loud- Ed Sheeran

Harry POV

15 anos depois...

-Darcy! Tyler! Venham já aqui. -chamei meus filhos enquanto Alison e eu aguardávamos na sala.

-Que foi? -perguntou Tyler.

-Eu estava pintando as unhas e vocês interromperam. Espero que seja importante. -disse Darcy.

-Sentem-se. -disse e obedeceram.

-O que significa isso? -disse Alison, mostrando a cada um, seu boletim do bimestre.

-É um boletim. -disse Darcy.

-Ela sabe que é um boletim, idiota. -disse Tyler.

-Calem a boca. -disse Alison. -Quero que me expliquem o porquê de tantas notas vermelhas no final do ano.

Ninguém se pronunciou.

-Sua mãe falou com vocês. -disse.

-Ela nos mandou calar a boca. -disse Darcy.

-Mãe, o time estava na final do futebol e nós tínhamos treinos todos os dias. Eu acabei deixando de estudar por causa disso. Me desculpe. -disse Tyler.

-E você, Darcy? Não tem nada para me falar? -disse Alison.

-Você sabe. -disse Darcy.

-Sei? -Alison ergueu a sobrancelha direita.

-Sim, você sabe. Houveram várias premiações do papai, festas, salões de beleza, concursos... Essas coisas. -disse Darcy.

-E por causa disso você não teve tempo para estudar? -perguntei.

-Basicamente isso. -Darcy sorriu, formando uma linha fina em seus lábios.

Alison sentou entre Tyler e Darcy no sofá.

-Filho, eu entendo que você tinha compromisso com o time e não tinha tempo nem para você. Seu pai acompanhou isso de perto. Mas, não é motivo para você ter deixado de estudar. Você vai fazer a recuperação nessas férias, tudo bem? -disse Alison, enquanto acariciava a coxa do nosso filho.

-Tudo bem. Eu deveria ter estudado mais. -disse Tyler.

Tyler sempre foi um menino centrado. Ele sempre nos obedeceu e nunca deu problemas na escola -apenas quando mexiam com ele, aí ele explodia e quando o Tyler explode, saiam de perto. Ele era capitão do time de futebol e tinha um compromisso com o time.

Mesmo sendo muito parecido comigo, Tyler tem o jeito de Alison.

-Filha, minha linda filha, você está de castigo por dois meses. Sem festas, concursos e muito menos premiações. -disse Alison.

-O que? Mas, eu tenho uma festa para ir hoje. Mãe, é o aniversário da Scarlet. A Vick vai, por que não posso ir? -disse Darcy.

-O Daniel e a Alice não tiveram problemas de nota com a Vick. Sem contar que a Vick sempre obedeceu à eles. -disse.

-Tá, mas é a Chloé, a Tiffany, o Freddie e o Dereck? -Darcy se levantou e cruzou os braços.

-Zayn e Marina não tiveram problemas com a Chloé, ela estudou. Liam e Mel já se resolveram com Tiffany. Julie e Louis sabem que Freddie estuda, e ele passou sem nenhuma dificuldade. Niall e Hanna também deram um castigo a Dereck. -disse Alison.

-Que droga. -murmurou Darcy.

-Como é? -Alison se levantou e parou na sua frente.

-Que droga. Foi isso que eu disse. Que droga, que droga, que droga. Todos os pais famosos são bonzinhos com seus filhos.

-Eu trato você com todo amor e carinho do mundo. Eu imponho regras nessa casa porque eu não quero uma filha vagabunda e um filho relaxado. Darcy, você é uma garota muito inteligente. Tenha consciência das coisas que você faz. Você deixa de estudar por duas míseras horas para se maquiar ou fazer o cabelo para uma festa. Eu não estou te reconhecendo mais. Cadê a minha Darcy que queria estudar muito e ser uma grande veterinária? Onde está a minha Darcy que não se importava se seus pais eram famosos? Você deixou a fama invadir a sua cabeça. Isso é coisa de gente babaca. -disse Alison.

-Mesmo depois de tudo o que eu fiz para a fama de vocês, depois de todos os ibopes que eu dei, você ainda me trata como se eu fosse aquela garotinha de 10 anos que queria ser veterinária e ajudar todo mundo. Eu não sou mais assim. -os olhos de Alison e de Darcy marejavam.

 -Você só está fazendo coisa errada. Seu pai e eu não querermos ibope, nós queremos filhos que tenham um futuro digno. Você está largando tudo de lado para tentar ser uma coisa que você não é. Eu estou colocando limites porque eu te amo e quero o seu bem. Darcy, tenta entender isso, pelo amor de Deus.

-Mesmo falando que me ama, você não deixa de ser uma idiota. Você é a pior mãe do mundo. Eu odeio você. Eu odeio todos nessa porra. -Darcy virou as costas e saiu.

-Darcy Styles, não vire as costas quando a sua mãe estiver falando com você. Venha já aqui. -disse, subindo as escadas atrás de minha filha.

-Vai se foder você também. -Darcy se trancou no quarto.

-Darcy! Darcy! -bati várias vezes na porta e ela não abria.

Desci as escadas e avistei Alison e Tyler sentados nos sofá abraçados enquanto Alison chorava. Caminhei até eles e me sentei ao lado de minha mulher.

-Está tudo bem? -perguntei.

-Eu sempre fiz de tudo por ela. Eu sempre quis o melhor para ela. E agora é assim que ela me trata. Me trata como se eu fosse um nada, como se eu a odiasse. Eu não sei o que acontecendo com a minha filha, a minha menininha. Harry, Tyler, me digam o que eu fiz de errado. Eu vou tentar mudar, eu prometo. -Alison estava desamparada.

-Mãe, mãe, fica calma. Não chora. Você não fez absolutamente nada de errado. Você sempre fez o que pôde para nos ver felizes. Se alguém falava mal da gente, você era a primeira a nos defender. A Darcy não falou por mal. Ela ama você, mas estava com a cabeça muito quente. Você é a melhor mãe do mundo e é a mulher mais forte que eu conheço. Não liga para o que a Darcy disse. Você é incrível. Eu amo você. -disse Tyler e abraçou Alison.

-Você é a melhor mãe, melhor esposa, melhor amiga. Você é melhor em tudo o que você faz. Onde está aquela Alison de dezoito anos atrás que não se importava com o que os outros pensavam? Onde está aquela adolescente que me odiava, mas fazia de tudo para me ver feliz? Onde está aquela adolescente que me amava e sempre me encantou? Ela está em você. Você é ela, assim como aquela Darcy de cinco anos atrás ainda está viva. É só uma fase. Ela está muito preocupada com a imagem. Lembra da Ashley? Ela está como ela. Não a mesma pessoa, mas a mesma fase. Ela ainda é a nossa filha. Ainda é a nossa Darcy. Ela ama você e disse tudo aquilo da boca para fora. Nós amamos você. -segurei em sua mão e depositei um beijo em sua testa.

-Obrigada, meninos. Eu também amo vocês. Amo muito vocês. Meus homenzinhos. -Alison nos abraçou.

-Vai lá falar com a Darcy. -disse Tyler.

-É uma boa ideia? -perguntou Alison.

-Com certeza. -disse Tyler.

Alison POV

Mesmo que Darcy seja rebelde, ela ainda é minha filha e eu a amo. A minha menininha ainda está ali, eu sei que está.

Quanto mais ela me desrespeita, mais tenho vontade de fazê-la ser uma pessoa melhor.

O que me resta é conversa e com ela e saber o que minha filha pensa.

Subi as escadas e parei em frente a porta do quarto de Darcy. Respirei fundo e bati na porta.

-Darcy? -chamei-a pelo seu nome.

-Sai daqui! -gritou de dentro do quarto.

-Darcy, por favor. Sou eu, a mamãe. Abre a porta.

-Não quero, vai embora.

-Abre a porta, por favor. Eu só quero conversar. -Darcy ficou em silêncio.

Pouco tempo depois, a porta do quarto se abriu.

-Entra. -disse Darcy e entrei em seu quarto.

Minha filha se jogou de bruços na cama e me sentei à poltrona que ficava de frente para ela.

-Darcy, por que você se preocupa tanto com a sua imagem? -perguntei.

-Já parou pra pensar que todas as meninas da minha idade queriam estar no meu lugar? Então, estou fazendo o que elas não podem fazer. -disse Darcy.

-Mas, não precisa ser assim. A fama está subindo à sua cabeça. Você é uma menina tão linda, inteligente, prendada. Não precisa disso. Eu sei que é um sonho, mas você tem que entender que a vida não é só festas, compras e maquiagem. A vida também é feita de escolhas. Eu escolhi fazer a minha faculdade de Artes. Sei pai escolheu seguir o seu sonho e conseguiu. Você pode ser o que você quiser.

 -Eu sei, mãe. Mas... Ah, sei lá. Não sei explicar o porquê de não conseguir ser o que quero. Eu queria ser veterinária. Queria poder cuidar dos animais. Mas...

-Mas você vai conseguir. Você pode. Você quer. Filha, você é uma Donovan e uma Styles. E...

-E nós nunca desistimos do que queremos. -falamos em uníssono.

-Eu te amo. Eu te amo mais do que tudo. Você é a minha menininha, minha princesa. A garota mais linda desse mundo.

-Claro que eu sou linda. Sou igual a você, né. -rimos.

-Essa é a minha filha. -nos abraçamos. -Desculpa por tudo, de coração. Tudo o que eu faço é para o seu bem.

-Eu tenho que pedir desculpas. Tenho sido horrível ultimamente. Eu te amo, mãe.

-Também te amo, filha.

[...]

-Ai meu Deus! Mais rápido e mais forte. -disse.

-Você quer mais rápido e mais forte, amor? -perguntou Harry.

-Sim! Está quase lá. -mordi meu lábio inferior.

-Só mais um pouquinho. -Harry empurrou com tudo e suspiramos de alívio.

-Até que enfim esse pneu encheu. -disse Tyler.

-Isso era trabalho seu. Nem sei porque fizemos isso. -disse Harry.

-Dá próxima vez, você enche. -disse.

-Estou brincando, mamãe. -Tyler me pegou no colo e beijou meu rosto.

Ele é um brutamontes, assim como Harry.

-É tão bom ver todos assim, unidos. A gente quase nunca tem tempo um para o outro. -disse Harry.

-Isso é raro. -disse Darcy.

-Jesus, vai chover! -disse Tyler.

-Haha, muito engraçado. -disse Darcy.

-Quero aproveitar que estamos juntos e dizer que eu amo vocês. É meloso? É. Mas, eu sou a mãe e esposa de vocês. Somos uma família. Dizer que eu os amo todos os dias é pouco. -disse.

-Queria viver esse momento pra sempre. -disse Harry e me deu um selinho.

-Nós também. -Tyler e Darcy disseram em uníssono.

-Eu amo vocês. -disse Harry.

-Eu amo vocês. -disse.


Notas Finais


Não vou deixar vocês na mão. Estou postando uma nova fic com a Shay Mitchell e o Justin Bieber.

Sinceramente, amo essa fic.

Vou deixar o link aqui em baixo para quem tiver interesse em ler. 👇🏼

https://spiritfanfics.com/historia/love-or-hate-6709893

POR FAVOR, comentem o que estão achando.
~ Isso é super importante.
Espero MUITO que tenham gostado desse cap. 💞

P.S.: Se quiserem falar comigo, é só me chamaram pela DM do Instagram ou do Twitter. (@emanuelesiqp)

Beijos 😌🎉👋🏼


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...