História Stupid - Capítulo 3


Escrita por: ~

Exibições 23
Palavras 1.172
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Fluffy, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


mais um ep
aaaaaa
aaaa
aa

espero q gostem ♡

Capítulo 3 - Uma má pessoa


-Whatsapp-

Eu: Quem é?

Desconhecido: Se eu fosse você me preocuparia com outra coisa e não com minha identidade.

Eu: Você realmente acha que eu vou acreditar nessa merda?

Desconhecido: Não estou pedindo para acreditar, só te enviei porque acho que você merece saber da verdade, Sam.

Eu: Ele me ama, ele não faria isso.

Desconhecido: Como tem tamanha certeza? Essa não seria a primeira vez que ele te trai.

Eu: ...

Desconhecido: Bem, era só isso mesmo, passar bem Sam.

Eu: Espera!

Desconhecido: Fale.

Eu: Obrigada.

Desconhecido: :)

Bloqueio a tela do celular e olho meu reflexo.

??: Você é bonita. -virei para o lado e vejo um menino loirinho de olhos castanhos me olhando sorrindo.

-Obrigada...

??: Por que choras? Sua mamãe te deixou aqui?

Olho meu reflexo e vejo uma lágrima.

-N-não, é que eu... eu to com saudade de um amigo. -inventei a primeira desculpa que passou em minha mente

??: Ah! Não se preocupe! Eu sou seu amigo agora!

Sorrio para ele.

Aquele pequeno menino, foi a melhor coisa que poderia aparecer naquele momento. Ficamos conversando por mais um tempo, seu nome era Stan, ele tinha aproximadamente sete anos, ele me contou histórias engraçadas e tentou me arrancar risadas, e olha... ele conseguiu.

Stan: Minha mãe está chamando! -ele olha uma doce mulher meio longe, o chamando.

-Ah... ok Stan! Até mais!

Stan: Você é linda, não importa o que os outros digam. Lembre-se disso -ele sorriu e saiu andando até o encontro de sua mãe.

Eu havia prometido à mim mesma que não iria chorar mais, mas assim que ele saiu de minha vista eu desabei no choro. As palavras dele me fizeram bem... até demais. Eu apenas abaixei a cabeça e senti lágrimas quentes descendo de meus olhos e caindo em minha calça. Eu precisava de um ponto de luz. Eu estava com milhões de pensamentos, todos bagunçados, pensamentos positivos, pensamentos negativos... olha... uma merda.
Então senti alguém passar a mão pela minha cabeça. Olhei para cima e vi Felipe.

Felps: O que aconteceu?

-N-nada.

Felps: Cala a boca e me fala.

-M-meu pai foi preso! -e então eu dou aquela famosa mentira para não tocar no assunto.

Felps: O que!? Por que!?

-Agressão.

Felps: Agressão? Como assim? Ele bateu em alguém?

-Sim.. Ele bateu em mim.

Ele me olhou surpreso.

-Felps, me da um tempo sozinha? E-eu estou um pouco sensível agora.

Ele ficou um pouco pensativo, mas depois cedeu.

Felps: C-claro!

E então ele me da um beijo na testa e sai de lá as pressas. Então eu fico pensando nas palavras do menino e depois olho meu celular. Então tenho uma grande ideia.

-Whatsapp-

Amor

Eu: amor? [09h32 AM]

--

Ele não respondeu.

Já são quase meio dia, depois daquela conversa mínima com Felps, eu resolvi voltar pra casa, e mandei mensagem para Rafael. Ele sempre acorda entre às nove e às dez!
Então sinto meu celular vibrar. Olho para a tela acesa e vejo a frase:

"Mensagem não lida: Amor"

-Whastapp-

Amor: Oi linda! [11h58 AM]
Eu: Você demorou pra acordar hoje hein >< [11h58 AM]
Amor: É que eu tava com o T3ddy [11h59 AM]
Eu: Oh... Sério? [11h59 AM]
Amor: Claro amor! [11h59 AM]

Tela bloqueada.

Engraçado disso tudo é que... O Lucas tinha me dito que estava na praia, uns minutos antes de minha conversa com o Rafa.

O Rafa mentiu pra mim.

Eu fiquei com raiva. Muita raiva! Como ele tem coragem de mentir pra mim? Somos namorados, não? Mas... e se ele estiver me traindo? Aquele número desconhecido poderia estar pregrando uma peça, né?
Mas e se for verdade? Ah! Eu tenho que refrescar minha mente.

Escutei batidas na porta de meu quarto, então falei baixo, porém audível, um "entre". Logo a porta se abriu e Meg aparece.

-Algum problema, Meg? -perguntei olhando para a garota em minha porta.

Meg: Não, é que a mamãe mandou te avisar que o almoço está pronto. -deu um sorriso leve.

-Ah.. ok! Já estou descendo.

Ela sorri e fecha a porta.

Me levanto e vou ao banheiro, lavando meu rosto e logo descendo para o almoço.

. . .

Já se passou uma semana que estou aqui no Brasil, depois daquela mentira de Rafael eu não falei mais com ele, e por incrível que pareça ele também não veio falar comigo. Eu não tomei nenhum tipo de decisão precipitada, apenas resolvi focar mais aqui no Brasil do que nos Estados Unidos.
São 16:34 agora, eu vou sair com mamãe e Meg, vamos no Starbucks e depois vamos dar uma volta pelo shopping. Estava na sala esperando as duas quando meu celular acende.

"Uma mensagem não lida: Sayu :3"

Sasa? O que será que aconteceu?

-Whatsapp-

Sayu :3

Sayu: Hey feia, adivinha quem tá no Brasil?

Eu: Ah não

Sayu: HEHEHEH

Eu: STARBUCKS, VAI AGORA.

Sayu: ish filha eu disse que to em SP?

Eu: Eu sei q vc ta, agr vai la sua ridicula

Sayu: KAKAKAK to ino

. . .

Essas duas semanas passaram muito rápido, Sasa e eu ficamos bem próximas e olha... viramos praticamente melhores amigas! Nunca pensei que teria tanta coisa em comum com aquela ruivinha maluca.
Hoje eu estou indo novamente para a os Estados Unidos. Amanhã começam as aulas, que saco. Irei sentir saudades das duas... quem diria que eu chegaria aqui, prenderia meu pai e criaria novamente o laço familiar entre mim e minha querida e amada mãe.

Estou novamente no aeroporto, abraçando minha mãe e Meg, chorando.

-Se cuidem... Amo vocês.

As duas me responderam "Amamos você também". Então nos abraçamos novamente e entro pelo portão de embarque.

Assim que entrei no avião, eu sentei numa cadeira do lado da janela e coloquei meus fones, colocando no modo aleatório, caindo em Jar of Hearts da Christina Perri.

I can't take one more step towards you
Cause all that's waiting is regret
Don't you know I'm not your ghost anymore
You lost the love I loved the most

I learned to live, half alive

And now you want me one more time

And who do you think you are?
Running 'round leaving scars
Collecting your jar of hearts
And tearing love apart
You're gonna catch a cold
From the ice inside your soul
So don't come back for me
Who do you think you are?

I hear you're asking all around
If I am anywhere to be found
But I have grown too strong
To ever fall back in your arms
I've learned to live, half alive
And now you want me one more time

And who do you think you are?
Running 'round leaving scars

Collecting your jar of hearts
And tearing love apart
You're gonna catch a cold
From the ice inside your soul

So don't come back for me
Who do you think you are?

Dear, it took so long just to feel alright
Remember how to put back the light in my eyes
I wish I had missed the first time that we kissed

Cause you broke all your promises
And now you're back
You don't get to get me back

And who do you think you are?
Running around leaving scars
Collecting your jar of hearts
And tearing love apart
You're gonna catch a cold
From the ice inside your soul

So don't come back for me
Don't come back at all


And who do you think you are?
Running around leaving scars

Collecting your jar of hearts
And tearing love apart
You're gonna catch a cold
From the ice inside your soul

Don't come back for me
Don't come back at all

Who do you think you are?
Who do you think you are?
Who do you think you are?

Apenas respiro fundo enquanto presto atenção na letra.

Eu só queria saber por que tudo isso acontece comigo... Eu não sou uma má pessoa, sou?

Notas Finais


sorry qlqr erro ;-;

Não esqueça de comentar, favoritar e divulgar! Isso me ajuda demais!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...