História Stupid Boy - Jikook ABO - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jisoo, Jungkook, Lisa, Mark, Rap Monster, Rosé, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags 2jae, Kookmin, Markson, Namjin, Quase Vkook, Taeyoonseok
Visualizações 144
Palavras 1.311
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shounen, Slash, Suspense, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


hallllllllooooou desculpa a demora lindooooos. Espero que gostem e eu vou tentar não deixá-los muito tempos separados skdkkskd.

Boa leitura:3

Capítulo 12 - Doze



Sexta, 09:04

Confusões




Ponto de Vista: Jeon Jungkook. 


Já fazera algumas horas que eu tinha chegado na Europa. Foi uma viagem bastante longa, só vim para cá quando criança. Me joguei de barriga na cama e olhei para o teto. 


Será que ele estava na escola? Será que estava bem?


Ah, por favor Jungkook! Só faz um dia! Ele deve estar bem, não é?


Suspiro. Por que meu pai tinha que fazer isso comigo? Eu nem sei nem ao menos o nome dela! Ou a aparência...Ou se ela é legal e não toda...idiota.


- Levante, Jeon Jungkook! - ouvi uma voz meio grossa na porta da frente. -


Abri os olhos e levantei a cabeça um pouco por estar deitado e eu vi ele.


- O que diabos você está fazendo aqui?! - me levanto. 


-;-


Ponto de Vista: Park Jimin. 


Olhei pela décima segunda vez para a janela. Lá fora estava tão calmo. As árvores com suas folhas balançando serenamente pelo vento, a grama verde e o sol batendo fraco sobre ela. Mas eu ainda ouvia um zumbido do professor falando. 


Bufo e olho para Sr.Harver. Onde ele estava? Jeon estava bem? Atrasado? Bato os dedos impacientemente na carteira.


- Pelo menos disfarça, ChimChim. - ouvi uma voz leve no meu ouvido. 


Logo identifiquei que era Taehyung e ri soprado de lado, sem olhar para ele. Estou preocupado, agoniado e com raiva. Também triste certo? Sinceramente, onde ele estava?


A presença dele me deixava feliz e animado...


- Park Jimin! - grita quase rosnando e eu me encolho. - Qual a resposta da questão 3?


Acertou em cheio, bem a que eu não sei e nem quero responder.


- É..- Pigarreio e olho para o professor. - Eu..-


Taehyung levantou a mão e questionou a pergunta.


- Para o nosso ano, não acha que é uma bobagem essa questão? - Disse sorrindo em deboche. 


Balancei a cabeça em negativo. Taehyunggie é impossível. O Sr. ficou meio sem palavras e abriu a boca para falar algo, mas o sinal tocou e todos suspiraram em alívio. Finalmente eu vou embora dessa caralha.


Kim me olhou levantando e eu ri baixo, o fazendo balançar a cabeça com um "eu sou demais" e nós saímos. Mas isso não me faz esquecer. 


••


"Jungkook?"

"Cadê você?"

"Por favor, me dê um sinal de vida."

"Nem que seja para me xingar."

"Estou ficando preocupado."


- Eu





- Ele pode estar doente. - Taehyung diz e morde sua maçã. 


Reviro os olhos. E ele precisa desligar o celular para isso?


- Eu sei o que está pensando. - termina de mastigar. - Ah Jiminie! Para de pensar que você pertence a ele! Ele muito menos pertence a você mesmo. - Diz abaixando o tom de voz. 


Aquilo foi como um choque de realidade. Mesmo que eu não queira, ele está certo. Ele não pertence a mim. Mas eu sou um ômega sabe? Impossível esquecer os beijos. Mas ele é um alfa. E isso é facilmente fácil para ele. 


Suspiro e olho para baixo, brincando com os meus dedos sem graça. 


- Eu sei que você odeia estar errado. - Diz suspirando. - Mas é a realidade, meu filho. Aceita que dói menos. - Ri e pega a colher, comendo pudim. 


- Que bom melhor amigo eu tenho, mundo! - Digo o olhando incrédulo. Ele ri mais. 


- Isso é verídico! - Eu rio alto e ele quase cospe a comida. 


No refeitório, claro. Bebendo suco, comendo pudim e maçã. Maravilha.


-:-


Ponto de Vista: Jeon Jungkook. 


- Você está com saudade de Seoul, não está? - Diz e eu suspiro, brincando com a colher no prato. 


- Claro que sim, Jaebum! - Reclamo revirando os olhos e ele ri, olhando para o lado. 


- Estou com saudade de JaeJae...- Ele sorri tristonho e eu o olho. 


- Uh, YoungJae? Estão namorando? - Sorrio malicioso e ele me olha assustado. 


- Não, claro que não! Você 'tá doido? - Diz envergonhado e eu rio. - Eu, hein...


- Mas queria estar.. - Falo baixo, mas infelizmente ele é um alfa e me escuta. 


- Sim...


Sorrio de lado. Eles eram um bom casal, sempre perfeitinho. E tudo voltava para Park Jimin. Eu tenho que esquecê-lo. Mas esquecer do que? Eu nunca gostei dele, não é?


Maltido seja, Jimin! Por que eu fui beijar ele? Por que meu pai me mandou para Seul?!


Nada de respostas. Ótimo!


••


Mordo os lábios e bato a ponta do dedo na tela do celular. Nunca fiquei tão aflito para ligar o celular. O que me espera? Apertei o botão por alguns instantes e apareceu a tela preta, carregando.


Suspiro e sento na cama impaciente, por que eu estou tão irritado? 


Me assustei ao ouvir um monte de notificação, e na barra da mesma, só estava na maioria das mensagens:


Park!


Bufei e entrei na conversa. 


"Jungkook-ah?"


"Você está bem?"


"Eu não consigo dormir por sua culpa!"


"....."


" Estou ficando com soninho."


"Vai ser isso certo?"


"Tá bom, então,  boa noite que amanhã tenho que ir para a escola."


Park



Deixei o ômega ficar acordado até...

Três da manhã!

Isso não é bom para o seu organismo! 


"Me desculpe, pequeno, durma b... Apago a mensagem. O que estou pensando?


"Me desculpe."




Suspiro e desligo o celular, o colocando na cômoda. Falando nisso, onde está meu...pai?


"Amanhã no Grew'Span, às 09:00. Sua noiva estará esperando."


Appa Idiota



Era só o que me faltava.


-:-


Ponto de Vista: Kim Taehyung. 


- Vai, só por um dia! - Se ajoelha e eu seguro o riso, com os braços cruzados. 


- É sério, Jung Hoseok? 


- Sim, muito sério! 


Rio alto. Eu não conheço esse lado dele.


- 'Tá, Tá bom! Eu aceito! - Sorrio de lado e ele parece comemorar mentalmente. 


Sorrio largo. Quem era esse Jung Hoseok? Ele parecia um bobo apaixonado... Não, espera! Ele é só meu amigo!


- Onde a gente vai? - Ando animado pelos corredores e ele anda sorrindo.


- Segredo! - Grita e sai andando para a aula. 


- Você é uma criança, Hoseok! - grito. -


Posso escutar sua risada alta e eu rio sozinho, indo para a minha aula. Desde quando essa aproximação? 

E onde está Park Jimin? 


Olho para os lados desesperadamente, é o primeiro horário!


Saio da escola e ando correndo como um louco - muito rápido - pelas calçadas, indo até a casa de Hobi. Jimin estava lá. 


Cheguei na porta ofegante e abri a mesma, e depois fechando, subindo as escadas atrás de Park. Abri a porta devagar e o mesmo estava com o rosto afundado na almofada, chorando. 


Suspiro triste e sento na cama, acariciando suas costas.


- Ele sumiu! E só p-por d-dois d-d-dias! - Soluça e levanto seu rosto.


Estava totalmente vermelho e caía lágrimas livremente.


- ChimChim.. - o abraço e ele encosta a cabeça no meu peito. 


- Por que dói tanto? Eu nunca gostei dele! - Grita e eu suspiro. - Até ele me beijar e-e..-


- Espera aí, espera aí! Volta a fita, beijar? - Pergunto assustado. 


- Duas vezes. - Seca as lágrimas e me olha. - Eu odeio Jeon Jungkook!!


Ele ia dar trabalho. Mas muito.

Mas o que os amigos não fazem pelo outro?


Mas eu mato Jeon Jungkook! Ah, se eu mato!


-;-


Ponto de Vista: Jeon Jungkook. 


- Encontro -


- Vamos se anime, irmãozinho! - Jaebum diz enquanto arrumo meu terno.


Desde quando eu era criança - quando "morávamos" na Espanha - considero I'm JaeBum como um irmão. E ele o mesmo comigo. 


- Ela deve ser legal, vamos! - Exclama animado e eu rio de lado.


Vai sonhando. 


••


Faço reverência e sento ao lado de Jaebum, na frente de meu pai. Vemos uma garota - ômega? - arrumada vindo em nossa direção.

 

- Me perdoem, pelo atraso. - Sorri envergonhada e senta ao lado de meu pai.



- Se apresentem, por favor. - Meu pai diz autoritário e eu bufo, a olhando.



- Jeon Jungkook, prazer. - Me levanto um pouco e aperto sua mão. 



- Uh, meu nome é Park JuYeon, prazer. - diz com um sorriso meio falso. 



É impressão minha ou ela parece muito com Park Jimin? E tem o mesmo primeiro nome?



É só coincidência. 

Eu acho.









Notas Finais


Bumfbvutvtvut sério, me desculpem.
VOCÊS SE TOCARAM QUE É TIPO MUITO CASAL?
JIKOOK =1 NAMJIN=2 TAEYOONSEOK = MAIS PRA 3 2JAE = 4, TA EU SEI QUE NEM É TANTO.
mas , mds, alguém me ajuda. O que eu não faço por vocês maravilhouser? KSKSKSKS eu n tô sendo falsa eu juro♡

Espero que tenham gostado, até mais e muito obrigada pelos favoritos seus liendos♥><


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...